1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

10 mandamentos de segurança para o PC

Discussão em 'Dúvidas e Suporte—Internet, Redes, Segurança' iniciada por Feiticeiro, 3 de Novembro de 2003. (Respostas: 7; Visualizações: 1316)

  1. Feiticeiro

    Feiticeiro Power Member

    1) Lembrarás sempre do seu antivírus e sempre ficará atualizado - Não é suficiente apenas ter o software instalado (se você não tem um antivírus, pare de ler esse texto agora mesmo e vá arranjar um logo); você também precisa se manter informado sobre as novas pragas virtuais. "Seu antivirus só é bom se atualizado contra os mais recentes vírus" diz Kelly Martin, diretor sênior de produtos do Norton AntiVirus, Programas como o software da Symantec e o McAfee VirusScan da Network Associates atualizam automaticamente sua base de vacinas, com um custo adicional para assinaturas anuais.

    2) Não invejarás o arquivo anexo do próximo - Você recebe uma mensagem com um arquivo anexo que você pensa que é de um amigo seu. Apenas clique, então. Você começará a enviar e-mails infectados para todos na sua lista de endereços. Foi assim que o worm Sobig.F se espalhou - e tudo aconteceu tão rápido que milhões de cópias começaram a se espalhar antes mesmo que as companhias de software pudessem atualizar seus bancos de dados. "Nunca confie no campo Endereço de um e-mail", aconselha Chris Wysopal, diretor de pesquisa para a consultoria de segurança @Stake. "E nunca abra um arquivo sem ao menos verificar se ele foi enviado por uma pessoa de confiança, e ele pretendeu lhe enviar essa mensagem".

    3) Evitarás falsos downloads de arquivos - Desconfie de qualquer site que peça que você baixe algum tipo de arquivo para visualizar a página, a não ser que o software seja familiar, como um plug-in Flash ou o Acrobat Reader. O arquivo pode conter vírus, um cavalo de tróia ou algum aplicativo que programa seu modem a fazer ligações frequentemente, aumentando sua conta de telefone. "Não instale software via Web a não ser que você esteja absolutamente certo sobre que programa é aquele ou confie demais na empresa que lhe oferece o aplicativo" avisa Wysopal.

    4) Destruirás spywares e pop-ups - Como cavalos de Tróia, spywares se instalam secretamente quando você baixa algum software que compartilha arquivos pela Web, por exemplo; o spyware segue todos seus movimentos online e lhe mostra anúncios baseados naquilo que você procura pela Web. Anúncios pop-up podem também explorar falhas de segurança no Internet Explorer, como o recente Trojan Qhost que seqüestrava o navegador dos usuários após uma simples visita a um site do Fortune City. Felizmente, existem ferramentas que podem lhe proteger: por exemplo,o Ad-aware bloqueia Spywares gratuitamente e o StopZilla cuida dos anúncios pop-up. Alguns antivírus e pacotes de segurança também impedem spywares e pop-up personalizados na sua cola.

    5) Frustrarás os spammers - E-mails comerciais não solicitados são muito mais que apenas chateações; são também uma das maiores fontes para vírus. Em fato, algumas versões de Sobig são programadas para transformar PCs infectados em máquinas zumbi que podem ser usadas para enviar spam. Um bom filtro como o Norton AntiSpam 2004 da Symantec, o McAfee SpamKiller 5, da Network Associates, ou o IHateSpam, da Subelt Software, ajudam a aprisionar essas maldições que escapam a alguns antivírus.

    6) Manterás o sistema operacional atualizado pelos pacotes de correção - Worms de e-mail e outras pragas gostam de explorar falhas de segurança em seu software -- em outras palavras, o Windows e outros programas Microsoft. Atualmente a empresa de Bill Gates divulga tantos pacotes para correção de falhas que a maioria dos usuários apenas ignora os avisos. No começo do ano, um worm explorou uma vulnerabilidade que a Microsoft já havia consertado seis meses antes. Mas milhares de computadores infectados -- inclusive alguns dentro da Microsoft -- não tinham a correção instalada. Faça uma visita ao Windows Update pelo menos uma vez por semana e quando os avisos de segurança do Windows aparecerem.

    7) Farás um disco de recuperação e o manterás sempre em mãos - Quando a coisa fica feia, um reboot ou um disco de recuperação são parte do primeiro passo para a recuperação. No mínimo, você colocará os requerimentos básicos de seu sistema operacional em um disquete ou em um ZIP, para que você consiga evitar o disco rígido na inicialização. Uma idéia melhor: use seu antivírus para criar um disco de recuperação que você consiga usar quando o sistema estiver infectado. Cole uma etiqueta nele com a data em que foi feito e guarde-o perto de seu PC.

    8) Não cairás em falsos alarmes - Existem mais impostores que hackers na Internet e mais e-mails de alerta sobre vírus falsos do que vírus de verdade. Até mesmo vírus reais são citados em excesso pela mídia. Um alerta falso pode fazer você deletar arquivos que não oferecem risco algum e passar a mensagem para todos seu endereços, entupindo servidores de mensagens e causando danos parecidos a vírus no processo. Quando você recebe um desses e-mails (ou encontra alguma nova notícia bombástica), investigue primeiro. Escreva o nome do suposto vírus em um algum sistema de busca para ver se alguma das maiores empresas de segurança online já tem algum antídoto ou alertas e visite páginas que listam pragas virtuais, como o F-Secure e o Hoaxbusters.

    9) Honrarás seu firewall - Um firewall é como um guarda para seu computador - ele checa cada RG em suas portas e não deixa ninguém entrar ou sair se não aprovar. Com ele, um hacker não consegue acessar informações pessoais em seu HD e o logger de teclas (programa espião que monitora todas as teclas digitadas no seu PC) de um cavalo de tróia não conseguirá roubar suas senhas e transmiti-las pela Internet. Tanto a Symantec como a Network Associates oferecem pacotes de firewall pessoais, enquanto o Zone Labs oferece uma versão gratuita de seu ZoneAlarm. Mas a melhor solução é um pacote de segurança online que combina antivirus, firewall, bloqueadores de anúncios e spam e outras aplicações extremamente úteis.

    10) Farás backups constantemente e irás considerá-los sagrados - Simples: faça um backup de seus dados ao menos uma vez por semana (diariamente, se você estiver mexendo com negócios). Mesmo se você for vítima de um vírus ou um ataque de hacker, seus danos serão bem menores. Não faça esse backup constantemente e você irá direto pro inferno - pelo menos, foi assim que me senti na última vez que isso me aconteceu.

    Fonte original: PC World.com
    Tradução: Pc World Brasil
     
  2. kazuza

    kazuza Power Member

    11 - Não retirarás permissões de sistema aos utilizadores...

    Sorry! Não resisti... :D
     
  3. Triston

    Triston Aku Soku Zan SM

    So podes estar a brincar kazuza :die:

    O 11º Mandamento devia ser:

    "Trataras os teus interfaces entre a cadeira e o monitor como os tansumanos que sao e minimizaras tanto as permissoes deles ao ponto de que se eles quizerem largar gases a frente do monitor lhes apareça uma mensagem de "You don't have permissions to fart in front of the computer, plz contact your local friendly sysadmin or look for the nearest bathroom"

    Amen
     
  4. Finkel

    Finkel Power Member

    12- Nao utilizes nada microsoft :rolleyes:
     
  5. Feiticeiro

    Feiticeiro Power Member

    Bitch :P

    É a fazer merdum que se aprende.
     
  6. kazuza

    kazuza Power Member

    Ui, a gente logo "conversa" :D :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die:
     
  7. tmafcerqueira

    tmafcerqueira Power Member

    Entao porque usas windows?:rolleyes:
    PS: Agora foi a minha vez de nao resistir
     
  8. JKL22

    JKL22 Power Member

    :lol: :lol:
     

Partilhar esta Página