1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Afinal, qual a verdadeira diferença entre JPG e RAW ?

Discussão em 'Fotografia e Vídeo' iniciada por magnum2000, 21 de Janeiro de 2008. (Respostas: 118; Visualizações: 15997)

  1. magnum2000

    magnum2000 Power Member

    É verdade, afinal qual é a diferença de qualidade fotográfica entre JPG e RAW?

    Este fim de semana tentei tirar conclusões sobre a diferença de qualidade entre estes dois formatos, e o que concluí (poderá ser um sacrilégio para vocês) é que não detecto qualquer diferença de qualidade entre a definição "best" em JPG e o formato RAW.

    Tirei umas quantas fotos (paisagísticas) com a K10D em formato RAW e em tamanho 3872x2592, e não consigo descortinar qualquer diferença, para a mesma foto, entre os resultados em .JPG e .PEF (RAW).

    Ora, isto para mim é muito estranho, já que enquanto as .JPG têm em média 2MB, as .PEF têm 10MB. Logo, contendo 5x mais informação isto deveria corresponder a uma substancial melhoria qualitativa das fotos, o que não consigo detectar, por mínimo que seja (pelo menos a olho nú!!!).
    Sendo assim, para quê estragar memória com o RAW !?

    Alguém me consegue explicar isto?
    Alguém me sabe dizer que estou errado, se é que estou?

    (Gostaria de aqui postar as fotos para provar aquilo que digo, mas não sei como postá-las aqui; alguém me diz como?)
     
  2. estik

    estik I folded Myself

  3. SideWalker

    SideWalker Colaborador
    Staff Member

    Bem, se há máquinas que fazem jpg's de cáca comparados com o melhor que se tira dos raw's são as pentax...
    Mas apesar disso, a maior qualidade de imagem é o menor dos seus atributos, como irás perceber se leres os links dados acima.
     
  4. mundano

    mundano Power Member

    Agora vou-te dar duas ideias.. Meta a máquina a disparar em JPEG + RAW e faz o seguinte.


    1º Ajusta o botão EV comp para -2... Vais ficar com uma foto muito escura.. Tal como as vezes pode acontecer na realidade também..

    Agora tenta clarear o JPG e faz o mesmo ao RAW usando o conversor RAW para dar +2EV de compensação..

    E agora? qual preferes?



    2º Mete o WB da camara para incandescente... Agora tira uma foto a alguma coisa com flash...

    OOPS... Ficou tudo azul... Agora, a mesma situação, ve qual é mais fácil de recuperar e com melhor controlo sobre a recuperação.




    Resumindo, mais do que diferenças na qualidade a questão dos RAW's é preservar toda a informação que o sensor captou, possibilitando dessa forma mais versatilidade para ajusta as imagens..

    Além disso, a qualidade dos JPEG's depende muito da qualidade com que o demosaicing é feito.. A K10D por exemplo é uma das máquinas com um demosaicing mais criticado no mercado.. Depois a qualidade do JPG que consegues fazer com um RAW vai depender do programa que usas. Com o Adobe Camera RAW por exemplo acredito que obtenhas fotos com mais detalhe do que os JPG's originais.. Já se usares software da Pentax é provavel que o resultado seja o mesmo..

    Por fim, convém lembrar que as tecnologias de Demosaicing estão a avançar muito. Quem há 4 anos fotografou em JPG fica para sempre com aquela qualidade. Quem fotografou em RAW, hoje pode pegar nas imagens onde está tudo o que o sensor captou e extrair um bocadinho mais.. E daqui a 4 anos, se pegar nelas outra vez poderá fazer JPG's ainda melhores...
     
  5. strikereg

    strikereg Power Member

    É mais uma questão de tratamento de imagem: se vais usar um programa para editar a imagem (balanço de brancos, exposição, etc), então RAW garante que não perdes tanta qualidade na edição.

    Se não for para editar, então não se ganha muito com RAW, desde que a câmera faça um bom trabalho, claro.
     
  6. ruimoura

    ruimoura Power Member

    Um reparo: quem tem que fazer um bom trabalho é o fotógrafo, a câmera só faz o que lhe mandam. Sem artista, não há arte. O instrumento é só um meio (com mais ou menos possibilidades que possam ser exploradas pelo "artista") para atingir um fim, neste caso, a fotografia. Há pessoas com máquinas que custaram muito dinheiro e que não percebem patavina do que andam a fazer, e que obtinham secalhar melhores resultados com uma "point and shoot". A máquina não tira as fotos sozinha :)

    Nesse campo, o RAW faz maravilhas, porque permite ao fotógrafo menos experiente (tipo ... eu) a recuperação de algumas fotos que de outro modo seriam para apagar.
     
    Última edição: 21 de Janeiro de 2008
  7. BEKASpro

    BEKASpro Power Member

    eu fotografo sempre em RAW pois tenho sempre, mas sempre q editar as minhas fotos!! mesmo q tenha uma exposição correcta, às vezes é preciso dar uma temp de cor diferente à foto, ou dar mais um bocado de sharp... a nivel de qualidade de imagem, (falo por mim), noto a diferença de uma foto tirada em jpeg ou raw, pelo menos nas máquinas q uso! Especialmente nas sombras e nas cores mais carregadas...

    mas como foi dito, para quem faz foto amadora e casual, as máquinas de hj em dia reproduzem muito bem os jpeg e um "leigo" com certeza q ñ vai notar diferenças nenhumas.

    cumps
     
    Última edição: 21 de Janeiro de 2008
  8. magnum2000

    magnum2000 Power Member

    OK, estou perfeitamente elucidado. Pela experiência que fiz e com a vossa ajuda e, principalmente, pela leitura de alguns sites e foruns, dos quais destaco dois:
    http://www.kenrockwell.com/tech/raw.htm
    http://www.digitalphotographer.com.ph/forum/showthread.php?t=174
    fiquei a saber algumas coisas que, para mim, não eram claras:

    1) O JPG da PENTAX não é a "caca" que alguns querem fazer passar (aliás, o que me levou a fazer esta experiência de JPG+RAW foi um post, aqui colocado algures e há algum tempo, com fotos comparativas em JPG de várias marcas, onde todas eram excelentes e onde só a PENTAX destoava, com uma imagem tâo miserável que até surgia completamente desfocada)... -parece que alguém aqui estará interessado em destruir, não se sabe com que razão ou intenções, a marca PENTAX... feitios!

    2) Pela análise minuciosa e cuidadosa de todas as fotos que tirei em JPG+RAW (uma excelente possibilidade da K10D que permite esta comparação) dei-me conta da excelente qualidade do seu JPG, já que não as consigo distinguir das suas irmãs gémeas em RAW. E não é nada difícil comparar qualidade e precisão de pormenores entre estas fotos, se atendermos a que as observei em formato "extra-large".

    3) Não é só o formato RAW que permite o "post processing". O formato JPG permite-o igualmente (ajuste de brancos, de cor, de cores intermédias, de brilho, de contraste, de temperatura, de sombreado, de luz indirecta, de corte, de rotaçáo, etc, etc...)

    4) Sendo o RAW uma matriz global de toda a informação captada pelo sensor, eu diria que o seu grande papel assenta na reserva de informação fotográfica para memória futura.
    Porém, porque neste processo de armazenamento e guarda são consumidas enormes quantidades de memória, a menos que se seja um profissional de fotografia, quanto a mim não se justifica que se fotografe sempre e por sistema em RAW, apenas reservando esta capacidade para ocasiões e fotos de alguma maneira "especiais".

    5) Concluindo: para máquinas, como a PENTAX e outras, cujo software efectua instantaneamente uma conversão JPG de altíssima qualidade, prática e directamente utilizável em qualquer função e que não ocupa mais do que 1/5 da memória e do tempo de download e de upload do RAW, salvo situações muito particulares, a norma deve ser fotografar em JPG, deixando o RAW para as excepções.

    E assim concluindo, assim vou proceder. Obrigado a todos.
     
  9. adolfo dias

    adolfo dias Power Member

    devemos andar a usar jpegs diferentes então...
     
  10. strikereg

    strikereg Power Member

    Claro que permite, apenas não com a mesma capacidade de fazer alterações sem perda de qualidade. Mas para alterações "razoáveis", claro que permite isso tudo.
     
  11. SideWalker

    SideWalker Colaborador
    Staff Member

    Eh pah, magnum, após este teu ultimo post não posso deixar de me perguntar que raio andas tu a fazer com uma k10d. A minha compacta chegava-te perfeitamente. Não queres trocar? :P
     
  12. mundano

    mundano Power Member

    Magnum200 és capaz de por ai um JPG e um RAW da mesma fotografia, exactamente como saem da máquina sem qualquer tipo de edição.. Podes por no rapidshare, por exemplo..
     
  13. Neojag

    Neojag Power Member

    1) e 2) Eu próprio fotografo com uma dSLR Pentax (*ist DL) e dou-me conta da diferença abismal dos RAWs para os jpeg. Acredito que a tua análise tenha sido minuciosa e cuidada, parece-me é que tens um olho muito pouco treinado.

    3) Mas tu leste alguma coisa do que te foi explicado? É óbvio que permite, qualquer porra de qualquer formato permite, a diferença está na quantidade base de informação que tens para trabalhar. Num jpeg tens o que lá está e o que vês, acabou. Num RAW, tens toda a informação que a máquina descartou quando criou o jpeg, e consegues fazer ajustes de qualidade e alcance imensamente superior.

    4) Hoje em dia os cartões são baratos, os discos rígidos são baratos, os suportes graváveis são baratos. Se levas a fotografia a sério, que interessa que tenhas ficheiros de 10Mb por fotografia?

    5) Basicamente pegaste em tudo o que leste e te foi dito (por utilizadores do fórum e de fontes que estão mais dentro do assunto que qualquer um que aqui está) e concluíste precisamente o contrário baseado na tua "observação minuciosa".

    Edit:
    Sim, estes também querem destruir a reputação da Pentax:
    http://www.dpreview.com/reviews/PentaxK10D/page21.asp
     
    Última edição: 21 de Janeiro de 2008
  14. estik

    estik I folded Myself

    A principal diferença entre o RAW e o JPEG não em termos de qualidade "out of the camera" mas sim a qualidade com que ficamos depois de fazer o pós processamento, em particular o sharpening e o ajuste de brancos, mas não só.

    Foi com a ideia que fiquei e acho que faz todo o sentido.
     
  15. strikereg

    strikereg Power Member

    Um RAW sem edição não existe, não é uma foto, é um conjunto de dados. Para ser foto tem que ser editado.
     
  16. adolfo dias

    adolfo dias Power Member

    um raw é um jpeg virgem por assim dizer
    permite alterações que um jpeg n permite como a alteração do balanço de brancos, temperatura de cor, atenuação de ruido como se fosse feito na máquina.
    um jpeg n permite isso, permite sim a edição de imagem
     
  17. BEKASpro

    BEKASpro Power Member

    Num Raw, temos uma margem de 2 a 3 STOP's... o que é q que isto quer dizer?! Bem, imagina q tiraste uma foto q ficou sub-exposta (escura demais) e para teu azar foi em jpeg... vais então ao Photoshop e abres o levals ou curves para tentares meter a foto c\ a melhor luz possivel, mas azar dos diabos!! ao mexeres nessas duas opções perdes informação nas altas luzes e nas sombras, informação essa q é muito limitada no ficheiro jpeg!! resultado!! ficas c\ uma foto q parece queimada em muitos pontos e claro noutros sem nenhum equilibrio!!

    E agora imagina q tiraste em RAW!! então o q tens a fazer é pegar no "revelador" do raw aclaras um bocado a imagem meio STOP ou um completo, mas c\ o beneficio de ainda teres informação nas sombras e nas altas luzes!!

    Isto é só um exemplo, tb se pode remover aberrações cromaticas criadas pelas objectivas entre outras coisas...

    Ñ sei se me fiz explicar, ñ sou lá muito bom professor... lol

    cumps.
     
  18. magnum2000

    magnum2000 Power Member

    Então aqui vai apenas um par JPG/RAW, apenas um dentre as duas dezenas que tirei. E não posto mais porque, digo-vos eu... leva um tempão dos diabos a fazer o upload de tantos megabytes.
    Só espero é que consigam fazer o download, já que nunca experimentei este servidor e nem sequer sei até quando vai estar disponível nem quantos downloads permite.

    http://rapidshare.com/files/85552664/IMGP6293.JPG.html (JPG) 4.78MB

    http://rapidshare.com/files/85560827/IMGP6293.PEF.html (RAW) 13.3MB

    Esclareço que estão rigorosamente como saíram ontem da máquina, sem qualquer intervenção de composição, como aliás se nota perfeitamente.
     
  19. Neojag

    Neojag Power Member

    A foto já de si é pouco nítida (eu também tenho essa lente e sei como é a 18mm :P), mas as diferenças são óbvias numa série de pontos. A título de exemplo (e isto com o RAW sem qualquer processamento cuidado, apenas as definições default do plugin de RAW do Photoshop CS2 - nomeadamente, sharpness a 25):

    jpegs à esquerda | RAW à direita

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]


    Experimenta uma comparação do género numa fotografia nítida por todo e vais notar uma diferença ainda maior.
     

Partilhar esta Página