1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Remover anúncio

Ainda te recordas de ...

Discussão em 'Novidades GNU/Linux & *nix World' iniciada por Minguno, 27 de Setembro de 2016. (Respostas: 23; Visualizações: 3436)

  1. Minguno

    Minguno Power Member

    Por motivos de necessidade própria hoje tive de mudar o conteúdo de um disco com 500 GB para outro, a diferença entre eles é que um tem alimentação própria o outro é pelo mesmo cabo USB, ora como agora tenho uma Raspberry ligar um com alimentação própria ou não faz toda a diferença segundo li no fórum da Raspberry.

    Ora metido neste momento ainda no processo recordei um tempo quando usava Windows e tive que fazer o mesmo com o mesmo disco e foi-me impossível também recordei que tive de comprar outro disco e no processo de copiar de um lado para outro , ou melhor de tentar mover algo para outro lado, acabei por perder muitos documentos e ficheiros que nunca mais vi e o windows os mandou não sei para onde.

    Um Tema para vocês colocarem os vossos - Ainda te recordas de... ; coisas que no windos nos fizeram chorar de raiva ou tristeza e no GNU/Linux vão como se nada fosse , é isso amigos hoje estou a mover o conteúdo de um Disco de 500 GB Buffalo para um Toshiba para poder meter outras coisas no Buffalo e poder deixar de preocupar-me com o tema alimentação quando o ligar na Raspberry.
    E sim senhor estou a mover tudo sem uma única paragem , pode ser que o Linux seja parente pobre desses afamados modais nomes da tecnologia, mas que faz coisas bem feitas lá isso faz.

    Partilhem aí os vossos Ainda te recordas de ...
     
  2. AJMD

    AJMD Power Member

    Ainda me lembro de receber os cd's do ubuntu e ofrece-los com os computadores novos vendidos na loja onde estagiei.

    Sent from mTalk
     
  3. AragTey

    AragTey Power Member

    haha todas as semanas isso me acontece.....basta o simples caso de ter de procurar um raio de um ficheiro em windows e comeco logo a espumar :D
     
  4. Minguno

    Minguno Power Member

    E quando tínhamos de formatar de meio em meio ano o pc ... isso é que eram tempos de vicio informático .
    E os torrents a meio ... quem nunca ficou com meia lista por descarregar .
    Velhos tempos.
     
  5. blaster_00

    blaster_00 Power Member

    ui, discos usb e ainda por cima em windows... qd se carregava para "disconnect safely" e dava um erro sobre um buffer que não gravou completamente (ou algo do género) e lixava ficheiros no disco.
     
  6. Minguno

    Minguno Power Member

    Ui belos tempos em que não sabias que existia o youtube-dl e andavas no windos engaliado com alguma aplicação capaz de baixar os videos do youtube que ias a ver baixava tudo menos o vídeo em formato legivel no mesmo windows ...
     
  7. bmpv666

    bmpv666 Power Member

    O pior era mesmo desligar o portátil ao fim do dia e apanhar com o "installing updates". Não foram poucas vezes que me vim embora sem o portátil.
    E na manhã seguinte, ligar o portátil e apanhar com o "configuring updates", houve ocasiões em que só quase 1h30 depois é que conseguia começar a usar o portátil.
    Não tenho saudades nenhumas disso...
     
  8. Minguno

    Minguno Power Member

    Oh sim , eu tive um tempo que fazia questão de pôr os updates ao dia , deixava de baixar torrents para meter as actualizações ao dia até que um dia lá por um forum Hacker me escreveram " pero tu eres tonto o que" - é que pelo que parece tanto faz updates como nada aquilo é coador , a partir daí passei a deixar os updates na gaveta. Isso sim ainda me recordo também dos dias de Updates e do pc a usar electricidade mais para updates que para trabalho sim porque as updates bloqueavam até o fluir do sistema, nada como um windows user empedernido para fazer face a essa grande maratona updates à la carte o lado "hard" do verdadeiro informático. Sim como recordo velhos tempos.
     
  9. naoliveira

    naoliveira Power Member

    Ainda me lembro, isto nos fins dos anos 90, de ter um cd todo riscado que em windows nem sequer lia... ir ao Linux (na altura ou Red Hat 5.2 ou Mandrake) e fazer cópia do cd... et voilá novo sem cd sem problemas ;)

    E claro as actualizações do windows são do melhor, dá o tamanho do download e depois o tempo que demora em relação ao tamanho do download parece que estamos ainda com modems 56K ;)
     
  10. Minguno

    Minguno Power Member

    E quando um jogo não funcionava no windows e ficavas a pensar que era por erro na gráfica ou algo do género e depois o usavas no mesmo computador no GNU/Linux com Wine e funcionava?! , não é coisa que aconteça muito mas acontece e no meu caso dei-me conta disso por mero acaso num daqueles dias em que começas a pegar nos jogos e a fazer uma passagem por eles e a experimentar instalar no Wine, típicos dias de uma recente formatação actualização de sistema .. , ou seja anos depois ficas a saber que a gráfica até rodava o jogo e que o computador era capaz de o usar e o problema afinal era a configuração gráfica no Windows ou erro desse sistema no estado em que tu o tinhas ou qualquer problema "mágico" que não sabes qual era.
     
  11. OfficialSirWolf

    OfficialSirWolf Power Member

    Os tempos em k os torrents paravam a 86% . Eu a querer fazer downloads e isso metia-me um nojo que nem é bom
     
  12. bmpv666

    bmpv666 Power Member

    Há muitos anos, quando jogava Return to the Castle Wolfenstein (RTCW para os amigos) online, em Windows tinha uma média entre os 15 a 20 FPS no meu PC da altura que não era grande coisa.
    Quando sairam os binários desse jogo para Linux, decidi experimentar imediatamente, e fiquei abismado: 30 FPS perfeitamente estáveis em qualquer momento do jogo!
    O mesmo PC, o mesmo jogo, em Windows estava no limite do jogável, em Linux estava impecável.
     
  13. Gotham

    Gotham Power Member

    Lembro-me bem do tempo que era preciso esperar para o Windows procurar atualizações. Agora no Windows 10 as coisas estão melhores mas nada bate as atualizações do Linux que demoram poucos segundos a procurar e atualizam logo todos os programas instalados. Ah, e deixam escolher se queremos ou não instalar ao contrário do Windows 10.
     
  14. joao.miguel

    joao.miguel Power Member

    Lembro-me do tempo em que passei 3 dias para sacar 25m da demo do Diablo atraves da linha telefonica e apanhar nas trombas do meu pai porque esmifrei o tempo todo da internet e ele teve de pagar mais por isso :D
     
  15. slblxs

    slblxs Power Member

    Das actualizações mensais, que eram de tempos de espera penosos e que obrigava a reiniciar e depois mais uma longa espera. Cheguei ao cumulo de o Windows Vista ter estado uma noite inteira a instalar as actualizações e não iniciar nem a pau, formatar e instalar tudo novamente. :facepalm:
     
  16. slblxs

    slblxs Power Member

    Do tempo de inicio, até estar carregado o ambiente de trabalho, alguns minutos .... dava para ir a Lisboa e vir (Maia) :002: . Outra situação a ventoinha do portátil sempre a trabalhar para arrefecer o sistema, mínimo de 750/800 ram em idle. O kde utiliza/consome no mínimo 500/600 ram, já consegui menos que isso 380/430 de ram no Debian e Arch linux.
    A ventoinha só dispara a espaços e nalguns DE, largos minutos e com varias coisas abertas ao mesmo tempo.
     
  17. AndreGarciaLX

    AndreGarciaLX Power Member

    Ainda te lembras de:

    - Trazer o modem da Netpac da escola(28.8KBps) emprestado ao fim de semana para varrer numeros e encontrar free pops, usando uma extensão de linha que percorria toda a casa feita de cabo coaxial rg58 pois era "o que havia á mão". awwww BBS ainda roçadas
    - Entupir a linha RDSI da escola para sacar ISOs de redhat 5.2 zoot durante 1 semana (ligação partilhada num NT 4.0 e Wingate proxy)
    - Andar á caça de users/passwords ilimitados de empresas - a IP (pré novis) era um mimo ip229007 (este username rulava) e também o 671931000 hahahhaha
    - Ter o segurança da escola a entrar na sala ás 23:30 a perguntar se os nossos pais sabiam onde estavamos e se não achavamos que ja era hora de ir para casa (Ná é só mais 53m para acabar de sacar este mp3 ó xô segurança)
    - Usar aquelas cabines maravilha Coconut azuis á pala (** cod 0000 dial ahead e tinhamos chamada pelo valor da ultima que tinha sido feita)
    - Usar um glitch nas cabines telefonicas comuns (marcar o numero sem por dinheiro, quando cortava e voltava a dar sinal, marcava-se novamente o ultimo numero e seguia-se até ao final e ele abria comunicação, para abrir o microfone da cabine que ainda estava trancado bastava marcar 112) alem de free calls, á noite antes de ir para casar passar numa destas cabines, ligar para o numero Pako, usar uma chapinha daquelas de portas serie que retiravamos dos chassis e fazer um gancho para estar ali toda a noite off-hook, que creditos tive naquele pako na altura algo como 20/30 contos...

    E foi assim com estes acessos que dei os meus primeiros passos no lunix, sacar distros como slackware em 2 floppies em linhas manhosas dial-up awwwwww

    PS: Legal disclaimer - todo o supra é ficção cientifica do autor , qualquer coincidencia com a realidade é pura casualidade
    PS2: im old damn :(
     
  18. ... sacar instaladores e outras coisas dos pc's do secundário, e depois ter que partir o ficheiro em vários pedaços para caberem em várias disquetes \o/ (ainda estavam a surgir as 1as pens prai de 32mb e eram caras)

    ... pedir ao gajo que tinha adsl para te sacar alguma coisa (aquilo era quase a velocidade da luz lol)

    ... chegar à universidade e descobrir que a net dá 20MB/s

    [​IMG]
     
  19. fireburn

    fireburn Power Member

    Usar rdis para sacar jogos para a minha ti83
     
  20. timber

    timber Zwame Advisor

    Lembro-me de instalar o Windows e o Office com disquetes, eram umas 20 ou 30 já nem me lembro de quantas. Quando o Windows 95 veio num CD foi tipo, YEAH.

    Lembro-me de estar uma tarde inteira a instalar o SuSE 5.3 no meu PC. Comprei a distribuição porque trazia um manual com umas boas centenas de páginas e ainda foi bastante útil.
     

Partilhar esta Página