1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

AMD Admits It Cannot Meet the Demand

Discussão em 'Novidades Hardware PC' iniciada por greven, 28 de Dezembro de 2005. (Respostas: 21; Visualizações: 2435)

  1. greven

    greven Folding Artist


    Link: http://www.xbitlabs.com/news/cpu/display/20051226172910.html


    Acho que já está na altura de a AMD começar a aumentar a produção. Ao não ter um processador disponivel por um determinado tempo faz com que o comprador se possa virar para a concorrência. Mas pior que tudo é ver-se excluido de negócio com empresas como a Dell simplesmente (ou não...) por short supply.
     
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    É por a nova FAB-36 a todo vapor a 65 nm já:D
     
  3. Sesto_Sento

    Sesto_Sento Power Member

    LOoL ;) era bom era...
     
  4. helderxl

    helderxl Power Member

    [AMD Spokesman mode - traduzido em portuga]

    È já a seguir...é que é já a seguir :D

    [/AMD Spokesman mode - traduzido em portuga]
     
  5. Horus-Anhur

    Horus-Anhur I folded Myself

    A desculpa oficial é que a culpa é dos fornecedores:
    E no processo legal que impôs á Intel afirma que as politicas monopolistas dela limitaram a capacidade de aumentar a produção. Mas isto é outra historia. O que interessa é que a AMD tem de investir forte na capacidade de produção, até para mostrar aos grandes fabricantes de PCs que podem confiar nela para fornecer processadores em quantidades suficientes a tempo e horas.
     
  6. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    mas a AMD afirma ja ter capacidade de avançar para os 65nm...

    de qualquer modo, não era certamente isso que ia resolver os problemas da pouca produção.
    o que resolve é mais fabricas. mas a AMD não pode dar um passo maior que a perna, uma fabrica nova custa muito dinheirinho.

    mas é pena, isto faz subir o preço dos CPU's, além de todos os problemas relacionados com o tempo de espera.
     
  7. PJGS

    PJGS Power Member

    Ou mto me engano ou já não é a 1ª vez q não é capaz de dar resposta à demanda.
     
  8. kanguru

    kanguru [email protected] Member

    Vinha na exame informatica que a amd andava a vender mais que a intel nestes ultimos tempos. Será verdade?

    Seja como for, espero ke eles tenham tido olho e estejam preparados para o boom que os seus chips estão a ter. Vamos la ver se na lhes falta o stock por mt tempo.
     
  9. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    Nos EUA! esta parte é importante.
     
  10. Zarolho

    Zarolho Power Member


    Nos EUA e por 1 mês. Esse registo aconteceu pela 1ª vez no periodo de 1 mês, mais precisamente Outubro de 2005.

    Em Abril de 2004, a AMD pela 1ª vez vendeu mais que a Intel no EUA, mas pelo periodo de 1 semana apenas.

    A AMD não tem capacidade de produção e face ás 8 novas gamas de produtos que a Intel vai lançar em 2006/07, preve-se que a resposta da AMD seja ainda mais complicado. A tendência dos aumentos dos preços por parte da AMD é para continuar até que esta consiga equilibrar a relação oferta/procura.
     
  11. nothing

    nothing Power Member

    pois,

     
  12. SilveRRIng

    SilveRRIng Power Member

    Pessoal, estão a falar da capacidade de produção da AMD e eventuais problemas neste aspecto, mas a noticia esclarece bem o que aconteceu. Foi problema de fornecimento de materiais para o packaging e não o fabrico de cores em si. Logo, ter ou não a Fab36 a 65nm ou mais fábricas não tinha ajudado neste caso. :)
     
  13. Phantasia

    Phantasia [email protected] Member

    E também pelos vistos a HP refere que a culpa não é da AMD em si, apenas ninguém estava a prever que a procura subisse desta forma.
     
  14. PJGS

    PJGS Power Member

    Se a AMD quer ser fornecedor da Dell tem q evitar estes problemas.
     
  15. sotavento

    sotavento [email protected] Member

    Que problemas ??? a AMD não teve nenhum problema ... quem os teve foi a HP ... todos os AMD que meteu nas prateleiras sumiram e os Inteis ficaram ... :D

    A DELL não quer começar "ainda" a vender AMD's ... talvez ande á espera da Apple e dos mobile novos da Intel para ver o que sai á rede.
     
  16. cypress_mc

    cypress_mc [email protected] Member

    Mas com esta brincadeira o pessoal tem de ver o outro lado da questao.A amd vende todo o material que tem em stock,nao fica com nenhum excedente.Ou seja,material parado é zero,perdas é zero.
    É tudo lucro
     
  17. blastarr

    blastarr Power Member

    Já para não falar que, ao diminuir a oferta, pode aumentar os preços, e "engordar" as margens de lucro.
    Mau seria se fabricasse e não conseguisse vender tudo.
    Tinha de arcar com custos de vendas previstas que não se realizaram e aínda com o custo de armazenamento e de desvalorização do produto.
     
  18. Zarolho

    Zarolho Power Member


    Falando assim, até parece que o negócio dos chips e processadores é como a «mercearia do Silva na esquina da praça»....:berlusca:
     
  19. Zarolho

    Zarolho Power Member

    Se existe algo que empresas desta magnitude procuraram evitar a todo custo é «low-supply vs high-demand», para uma empresa que tem como objectivo conquistar cota de mercado, esta situação é de todo indesejada. Senão consegue satisfazer a procura, provoca desanimo na procura, aumenta insatisfação por parte de potenciais novos clientes e a concorrência agradece.

    Por outro lado é ridiculo pensar que AMD desta forma aumenta as margens de lucro devido á subida de preço. A economia mundial está a viver um periodo de aumento dos preços de bens e matéria-primas á escala global, logo com naturalidade que assistimos á subidas de preços também dos processadores e de outros componentes.

    A subida dos processadores da AMD é pressionada pelo aumentos dos custos no mercado assim como ao aumento da procura e fraca oferta por parte da empresa, estas subidas a partir de determinado ponto poderão ser prejudiciais á imagem que a empresa procura transparecer ao mercado, uma delas sempre foi o baixo custo.....E isso é algo que vem se perdendo algum tempo!
     
  20. blastarr

    blastarr Power Member

    Baixo custo é muito bonito, mas não é onde está o dinheiro, as margens são curtas.
    Que achas que tem mais lucro vender (vs custo de produção) ? Uma Intel 900GMA ou uma 6800GT ?

    Além disso, com a performance dos A64 e derivados contra os Intel, a AMD nada tem a recear no curto prazo em termos de performance crown, a Intel aínda vai demorar.
    Até a Intel sofre de shortages, e a ATI, Nvidia, VIA e SiS já estão a aproveitar para aumentar ligeiramente a quota de mercado nos chipsets.


    Estes problemas de fornecimento de waffers devem-se à procura elevada para usar noutros produtos que também usam SOI e SSOI (o processo usado pela AMD e pela IBM), nomeadamente nas CPU's das 3 novas consolas com PowerPC, os PPC G5 single e dual-core para Mac's, os Athlon 64/Opteron e derivados dual-core para PC's, etc.

    Quando a AMD tiver a Fab 36 a carburar a 100% (primeiro com 90nm, depois no segundo semestre de 2006 já com 65nm), e tiver o APM 3.0 também activado na Chartered Semiconductor em Singapura, para juntar à actual Fab 30, teremos produção com fartura.
     

Partilhar esta Página