1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. COVID-19 Mantenham-se seguros: Pratiquem distanciamento físico de 2 metros. Lavem as mãos. Usem máscara.
    Informação sobre COVID-19. Ajuda a combater o COVID-19 com o [email protected] e com o [email protected].
    Remover anúncio

Análise Asus EAH5870 1Gb DDR5

Discussão em 'Hardware - Análises, Artigos e Guias' iniciada por JPgod, 30 de Setembro de 2009. (Respostas: 65; Visualizações: 17952)

  1. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Autores: João Godinho (JPgod)
    Produto: ASUS EAH5870 1 GB DDR5
    Data : 30-09-2009



    ZWAME Análise

    [​IMG]

    Introdução

    A ATI tira uma carta do baralho e apresenta ao mundo a primeira geração de gráficas DirectxX11 do mercado. É sob o nome "evergreen" que a ATI/AMD apresenta a sua série DirectX 11, mas como já é habitual, primeiro aparece as topo de gama. Sob o nome de código "Cypress", aparece então 3 modelos: HD 5870, com 1600 shaders, 80 TMU's, 32 ROP's, 850 mhz core e 1200 mhz nas memórias, a HD 5850, com 1440 shaders, 72 TMU's, 32 ROP's, e clocks de 725/1000 e a HD 5870 "six", que tem nada mais nada menos que 6 saídas mini displayport (idêntico da actual linha de computadores Apple), suportando 6 monitores com uma só placa. Esta é uma das novidades que a ATI apresenta, a tecnologia "Eyefinity", que nesta edição com 6 saídas mini-DP, permite uma resolução de até 7680x3200, que fará as delícias de quem trabalha com design e imagem ou mesmo os gamers mais endinheirados, especialmente os adeptos de simuladores de voo. Entretanto a tecnologia "Eyefinity" está implementado também nas 5870 e 5850 normais, podendo ser utilizado até 3 monitores em paralelo, o que já habilita a uma excelente experiência em jogos e produtividade e provavelmente mais utilizável que 6 monitores. Eram raríssimas as placas que permitiam mais que 2 monitores em simultâneo.

    Futuramente teremos o lançamento da "Hemlock", ou seja a HD 5870x2 com 2 GPU's, bem como "Juniper" ou HD 5770 e para fechar a gama, a "Redwood" e "Cedar", provavelmente HD 5600 e 5400 séries.

    Outra grande evolução é o directx11, que traz suporte para "ComputeShader" e "OpenCL", que são 2 tecnologias para computação genérica, mas ao contrário do CUDA, exclusivo da nvidia, estas são mais abertas, suportado por vários fabricantes. Tal vai abrir uma porta para o uso do enorme poderio destes GPU's (2,72 teraflops para a HD 5870) para computação genérica.

    A Zwame não podia ficar de fora deste grande lançamento. Para já vamos ter review desta ASUS e uma Powercolor e futuramente mais virão!

    Agora sobre esta edição da ASUS em particular, vem com um bundle de software, na qual a destacar a tecnologia "voltage tweak", que permite subir as voltagens da placa dentro da garantia, melhorando o overclock e aumentando a performance em até 17%, segundo a ASUS. Claro que o overclock não é uma ciência exacta, e depende não só da sorte com a placa, como condições externas (temperaturas, cooling, fonte de alimentação, drivers e sistema). Mais na frente iremos explorar os softwares da ASUS e overclockar a placa com recursos ao "voltage tweak".

    Especificações

    Links

    Site Oficial AMD 5870

    Site Oficial ASUS

    ASUS smartdoctor

    Vamos agora abordar um pouco o software de overclock e monitorização da ASUS: O SmartDoctor.

    [​IMG]
    Interface principal. É bastante simples e intuitiva e bom bom grafismo. Temos então a monitorização de temperaturas do GPU e memória (que não aparece nesta gráfica). Também a aquele símbolo de uma bateria, que está desactivado, que presumo que só deve servir para portáteis ASUS. Aqui estava com os settings de overclock, 939 mhz core e 5204 mhz (1301 reais) nas memórias. Notar a opção para controlar o vGPU, mas que aparentemente já está no máximo, que é o vcore de origem da placa. Talvez com um update do programa, porque no readme esta versão, que é a fornecida no CD, supostamente não tem suporte para a HD 5870.

    [​IMG]

    Aqui a tab de rotação da ventoinha. Aqui estava a correr o BOINC, logo a puxar pela placa, daí os 2400 RPM (manuais)
    [​IMG]

    Dentre as opções esta é a mais interessante, com o controlo da ventoinha. Existem 3 modos, o manual, no caso a 40%, o que dá os 2400 RPM acima, o SmartCooling e Automático (definido pela BIOS da gráfica). Em SmartCooling é possivel evitar que a placa aqueça em demasiado, ajustando os "boundaries", mas também faz mais barulho. Mesmo em "Slow" a ventoinha faz-se ouvir bem mais que em Auto. Infelizmente não dá para configurar a % de rotação da ventoinha, estando pré-definido pelo software.

    Há outros settings, como alarme de temperatura e rotação demasiado baixa e o hyperdrive que é para overclock dinâmico, mas não foi testado, visto que overclock dinâmico é quase que pedir problemas de instabilidade.

    ASUS gamerOSD

    O outro software que acompanha esta gráfica é o gamerOSD. Tal serve para gravar vídeos e tirar screenshots dos jogos, bem como overclock em realtime sem sair do jogo. Também permite streaming de vídeo ao vivo do jogo pela web.

    [​IMG]

    Aqui temos o software. Na primeira parte o modo de captura de vídeo, ou gravação do vídeo no disco ou streaming para visualizar em rede. No topo da janela está o nosso IP (camuflado por razões óbvias). Depois as teclas de activação das funções e por fim atalhos para ver os vídeos gravados e imagens tiradas do jogo. Entretanto não se conseguiu utilizar as funções do software e testado em vários jogos. Talvez alguma incompatibilidade com a gráfica. Será feitos mais testes neste sentido, bem como eventuais actualizações. A versão instalada é a do CD que vem com a placa.

    [​IMG]

    Configurações de vídeo, como resolução, codec, frame rate. No que toca ao som, apesar de estar lá a opção, a única disponível é aquela que não captura som.

    [​IMG]

    Por fim, ao activar o modo broadcast, basta abrir um browser com o IP indicado no programa e aparece esta página. Tal como disse, há alguma incompatibilidade e mesmo durante um jogo não aparece nada.
    Este screenshot foi tirado no próprio computador, mas noutro computador ligado na minha rede interna também aparece esta página. Dado que o IP é da rede interna e não o IP atribuído pelo ISP, não deve dar para fazer broadcast pela internet, embora também as habituais questões de segurança, logo não será feito testes do género. É uma função interessante para LAN Parties, imaginando uma final de um torneio, onde se pode fazer broadcast do vídeo e todos as outras pessoas presentes na LAN podem assistir ao jogo ao vivo.

    Caso se consiga activar esta função, irei gravar uns vídeos (quer com a função interna do programa de gravar vídeos simples sem broadcast, quer utilizando uma camera fotográfica para gravar o browser em modo broadcast)

    Fotografias

    Clique nas imagems para ampliar

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

     
    Última edição: 30 de Outubro de 2009
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    1ª parte - Testes em defaut

    Nesta primeira parte, com os testes em defaut e comparação com uma ASUS 4870x2 TOP com um ligeiro overclock, 800 mhz de core e 950 mhz memória, face aos 790/915 e com a Shappire HD 4890

    Test Bed

    GPU-Z

    [​IMG]

    O GPU-z desta placa. 850/1200 mhz de origem, mas que em idle abaixa para apenas 157/300! Notar a baixa temperatura e ventoinha que apenas funciona a 1100 RPM, na qual não se consegue ouvir!
    1600 shaders, na qual a esta frequência temos 2.72 Teraflops de potencia em precisão simples! Imenso poder!

    Specview 10

    Colectânea de benchmarks baseado em conhecidos softwares profissionais de design gráfico e CAD, logo o benchmark de excelência para por a prova as capacidades das placas gráficas em utilização profissional. Embora estas gráficas não estejam voltadas para o mercado profissional, o custo de placas Nvidia QuadroFX e ATI FireGL é proibitivo, logo a alternativa são as placas gráficas consumer. Infelizmente não tenho uma QuadroFX ou FireGL para comparar e ver se existem diferenças. Correu-se os testes a 1280x1024 em modo 64 bits.

    [​IMG]

    [​IMG]

    A 5870 revelou-se globalmente um pouco mais rápida que a 4890 e a 4870x2, mas diferenças quase desprezáveis. De relembrar que este benchmark não é optimizado para estas gráficas, alem dos drivers estarem demasiado verdes.

    3Dmarks

    Como habitual em testes de GPU, os testes nos 3Dmarks.

    [​IMG]

    Aqui a 5870x2 ficou entre a 4890 e 4870x2. Esperava-se mais da 5870, o que pode indicar ou drivers pouco maduros.

    [​IMG]

    O 3dmark 2006 depende muito do sistema, embora a 5870 fique a frente da 4890, não chega para bater a 4870x2.

    [​IMG]

    Já no 3Dmark Vantage, a situação é outra e a 5870 bateu as suas irmãs mais velhas.

    Tropics

    Passando para o Tropics, um tech demo de apresentação do motor gráfico "Unigime". Trata-se de um motor gráfico com suporte a DX 10.1 presente nestas ATI's, alem do 10.0 e 9.0, bem como OpenGL. Abaixo os settings utilizados, variando apenas a API gráfica e a resolução.

    [​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    Neste benchmark, a 5870 esmaga a 4890 e batendo a 4870x2 em DX 10.1, já em DX 9 ficaram empatadas.

    Half Life 2 - Episode Two

    O conhecido Half-Life 2, na sua 2º expansão, com melhorias gráficas sobre os anteriores, por isso a usar o máximo do motor source. O jogo está em stock, sem packs de texturas nem nada. Teste corrido ingame, com registo das FPS pelo software Fraps. Abaixo os settings utilizados, fazendo variar apenas a resolução:

    [​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    A 1440x900, todas as gráficas tiveram resultado semelhante, claramente limitadas pelo sistema operativo. Mas a medida que aumenta a resolução, a 4870x2 e a 5870 deixam a 4890 para tráz. Mesmo assim as diferenças são poucas, este jogo exige um bom CPU. Mesmo assim a 5870 faz frente a 4870x2, sendo globalmente um pouco mais rápida.

    Assassins Creed

    Jogo de acção da Ubisoft e com suporte DX 10.1. Abaixo os settings ingame utilizados, mudando apenas a resolução:

    [​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    No Assassins Creed, a 5870 mostrou o seu poder, batendo as outras ATI's, embora por uma margem pequena.


    Crysis Warhead

    A continuação do Crysis, usando e abusando do pesadíssimo motor gráfico cryengine2. Dado o enorme peso, foi executado testes em High e Very High, no mapa "Frost" e "ambush", com a ferramenta de benchmark framebuffer, com os presets de qualidade Very High - Enthusiast e High - Gamer em modo DX10 e AA desligado.

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    Já no Crysis Warhead, a 5870 simplesmente explode com a 4890 e bate tranquilamente a 4870x2.

    Crysis Warhead - AA

    Agora, um gráfico com benchmark com AA 2x, 4x e 8x, com o preset "Enthusiast" e a 1920x1080.

    [​IMG]

    Esse é talvez o melhor gráfico de todos os testes. A perda de performance com AA activado é baixa e com média superior a 30 fps a 2x e 4x. Com este placa já é possível jogarem Crysis com AA activado e com boa experiência. E isso com drivers beta e limitado pelo processador!

    Far Cry 2

    Jogo baseado no Dunia Engine, mais leve que o cryengine 2, mas também menos apelativo visualmente. O cryengine 2 é demasiado complexo, visto que este jogo também foi lançado para a xbox 360 e para a playstation 3, que tem bem menos poderio gráfico que estas gerações actuais. Foi utilizado o benchmark incluído com o jogo, em duas configurações: Ultra High e High, apresentadas abaixo, variando apenas a resolução.

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    Os gráficos falam por si. A 5870 não teve problemas em deixar as duas ATI's para tráz!

    Abaixo os gráficos de comparação de framerate ao longo do benchmark

    HD 4870x2
    [​IMG][​IMG]

    HD 4890

    [​IMG][​IMG]

    HD 5870
    [​IMG][​IMG]

    Notar que os gráficos na 5870 estão diferentes das outras ATI. Notar que há maior oscilação e em High até teve uma grande quebra, mostrando que os drivers ainda estão algo imaturos.

    Far Cry 2 - AA

    Agora, um gráfico com benchmark com AA 2x, 4x e 8x e o resto dos settings são iguais ao utilizado nos testes de Ultra High e a 1920x1080.

    [​IMG]
    [​IMG]

    Ao contrário do Crysis Warhead, o uso de AA é mais penalizador aqui, mas mesmo assim com uma framerate mais que suficiente para jogar, mesmo o valor mínimo, acima dos 30 fps, tirando umas quebras extraordinárias, como vamos ver mais abaixo.

    Unreal Tournament III

    O mais recente Unreal Tournament, com um poderoso e moderno motor gráfico já a suportar DX10 e Physx, que em gráficas ATI é processado pelo CPU e nas nvidia pelo GPU. Foi utilizado uma ferramenta de benchmark em modo "flyby", com os settings apresentados abaixo, mudando apenas o mapa e a resolução, embora no 4870x2 correu em fullscreen, visto que em janela a performance degradava-se, coisa que com a 4890 não.

    [​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    Já no UT III, a 5870 situou-se entre a 4890 e a 4870x2.

    S.T.A.L.K.E.R. Clear Sky

    Utilizou-se a ferramenta de benchmark gratuita deste jogo. Os settings estão abaixo:

    [​IMG]

    HD 4890
    [​IMG]

    HD 5870
    [​IMG]

    Excelente resultado da 5870, deixando a 4890 a "milhas". Ainda não se testou a 4870x2 aqui.

    Adicionalmente, testou-se os presets "Extreme" e "Ultra"

    HD 5870 - Extreme
    [​IMG]

    HD 5870 - Ultra
    [​IMG]

    Mesmo com este nível de qualidade, a 5870 não cedeu e continuou a "metralhar" frames.
     
    Última edição: 13 de Outubro de 2009
  3. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    2ª Parte - Comparativo em diferentes resoluções

    Agora o comparativo directo nas 3 resoluções testadas. Os settings dos jogos são os mesmos dos testes efectuados acima. Apenas mudou-se a resolução, pelo o que não irei descrever novamente os testes.

    Tropics

    [​IMG]

    Alguma perda de performance com maiores resoluções, mas nada de extraordinário.

    Half Life 2 - Episode Two

    [​IMG]

    Diferenças muito pequenas. A placa praticamente deixa de ser limitativo.

    Assassins Creed

    [​IMG]

    Pouca diferença entre 1680x1050 e 1920x1080. Já a 1440x900 a performance foi superior (no que toca a média)

    Crysis Warhead

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    O Crysis mexe-se muito bem nesta placa. Mesmo em Very Higy, temos médias bem superiores a 30 fps

    Far Cry 2

    [​IMG]

    [​IMG]

    O Farcry 2 depente muito do sistema, daí que no mínimo fizeram aproximadamente o mesmo resultado e terem pequenas variações entre as 3 resoluções.

    Unreal Tournament III

    [​IMG]

    No UT III, as diferenças são pequenas. Também com tal taxa de frames é indiferente praticamente. Este jogo literalmente voa!

     
    Última edição: 3 de Outubro de 2009
  4. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member


    3ª parte - Overclock

    Testes com a gráfica em overclock. Utilizou-se o ASUS SmartDoctor para tal. Os testes foram efectuados a 940/1300 excepto o 3Dmark 2006 e Vantage que correram a 950/1300. Os outros demonstraram instabilidade.

    [​IMG]

    Screen shoot do SmartDoctor com os clocks utilizados na maioria dos testes

    3Dmarks

    [​IMG]

    Quase 5000 pontos de ganho no 3Dmark 2003, bastante expressivo.

    [​IMG]

    Uma diferença muito pequena. Claramente limitado pelo sistema. Teste corrido a 950/1300

    [​IMG]

    O Vantage depende menos do sistema, logo o incremento foi maior que no 2006. Teste corrido a 950/1300

    Crysis Warhead

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    Uma boa melhoria na performance, especialmente a 1920x1080.

    Far Cry 2

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG][​IMG]

    No Far Cry 2, apenas a 1920x1080 se notou o overclock do GPU. A 1440x900 a performance foi igual ou mesmo pior e a 1680x1050 foi semelhante.

     
    Última edição: 9 de Outubro de 2009
  5. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    4ª parte - Consumos, Temperaturas e Ruído

    Para concluir, testes de consumo, aquecimento e ruído da placa.

    Consumos

    Métodos de teste.
    [​IMG]

    Consumo do sistema inteiro, utilizando um medidor de consumo digital, neste caso é o consumo que o sistema extrai da tomada. O consumo dos componentes naturalmente será menor, considerando as perdas pela fonte, embora a Corsair TX850w tenha eficiência entre 82% a 85%.

    Uma imagem vale mais que 100 palavras e o consumo do sistema com a 5870 em idle é simplesmente arrepiante. Uns meros 75w é excelente para uma gráfica deste calibre. A ATI está de parabéns, corrigindo o erro das 4800 que são autenticas gastadoras. Mesmo a reproduzir MKV, apesar da boa subida de consumo, continua inferior a 4890. E surpreendentemente no 3Dmark 2006 foi mais económica que a 4890. Em jogos acontece mais ou menos o mesmo, porque a placa é tão potente que não precisa de utilizar toda a sua potência. Pode-se sempre evitar consumo excessivo se activarem o vsync ou caso o jogo tenha um comando para limitar os fps a um valor fixo, idealmente entre 60 a 100. (como os jogos com motor Source, como o Half Life 2)

    Já no Furmark o consumo foi superior que a 4890, porque ai está a puxar ao máximo pela placa. Mas mesmo assim apenas mais 16w com praticamente o dobro da potência não e mau e alem disso as situações que puxe tanto pela placa é muito raro de acontecer, ou seja quem trocar uma 4800 por uma 5800 vai ter uma GRANDE economia de energia, especialmente uma 4870x2. Há que considerar que a placa passa a maior parte do tempo em idle, logo a poupança energética será muito expressiva. Claro que quem usa a maquina de jogos apenas para jogar ou participa em projectos de computação distribuída, como o [email protected] ou alguns dos projectos BOINC que utilizem GPU's não irão notar grande diferença.


    [​IMG]

    Consumo com overclock, variando entre 5 a 10w adicionais.

    Temperatura

    Métodos de teste
    [​IMG]

    Testes realizado com a ventoinha em modo automático. Quase 20 graus a menos que a 4890, fruto não só da excelente gestão energética, como do cooler. Mesmo no 3dmark 2006 aqueceu menos que a 4890. Já no furmark a placa foi a uns elevados 86ºc, em virtude do enorme output de calor gerado. A gestão da ventoinha de origem não é das melhores.

    [​IMG]

    Neste teste, utilizou-se o ASUS SmartDoctor utilizando a regulação "SmartCooling", neste caso trata-se das barras a azul, enquanto a castanho, a ventoinha foi deixada em automático, por defeito da BIOS da placa. Registar que as temperaturas foram muito melhores, especialmente em full 3D. Claro que há um preço a pagar, que é mais ruído, embora eu apenas considero negativo o ruído em idle. A recomendação que deixo que enquanto não jogarem deixarem a placa em auto e em jogos e benchmarks utilizarem o "SmartCooling", evitando demasiado sobreaquecimento e prolongando a vida útil da placa.

    Ruído

    Em termos de ruído, não temos como medir quantitativamente, mas posso dizer que a placa é das mais silenciosas com cooler de referência que já passaram por ca. Dado a excelente gestão energética e o grande dissipador, a ventoinha em idle apenas roda a uns meros 1100 rpm. Mesmo a jogar, a placa pouco se ouve, sendo das mais silenciosas a jogar da sua categoria! Claro que as temperaturas são um pouco elevadas, mas mesmo assim como está acima, mais baixo que a 4890 e com mais silencio!

    A ventoinha é bastante potente mesmo assim, tendo assim bastante capacidade de arrefecimento para situações extremas e excelente para overclock!

     
    Última edição: 9 de Outubro de 2009
  6. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Conclusões

    Destaco pela Positiva:

    Destaco pela Negativa:

    Conclusão

    A ATI surpreendeu tudo e a todos com a sua geração Evergreen. Esta HD 5870 simplesmente arrebenta com tudo que há no mercado e ainda oferece baixo consumo, baixo aquecimento, um cooler muito bom, muito acima de outras ATI de outrora, suporte a modernas tecnologias, como o DX 11, OpenCL e Computeshader fazem desta a melhor placa do momento.

    A única coisa a apontar mais negativamente é mesmo o péssimo suporte dos drivers. Há alguns bugs em jogos e a performance ficou aquém do esperado. Mas é de esperar que com os próximos updates resolva esse problema.
    O outro detalhe e ausencia de adaptador displayport para DVI para tirar partido do "eyefinity", mas também serão muitos poucos que realmente irão tirar partido desta tecnologia e facilmente arranjam este adaptador numa loja e a sua inclusão iria aumentar os custos, porque não são adaptadores simples, mas com alguma complexidade electrónica.

    Pela sua performance única e inovação é atribuída recomendação máxima da ZWAME!

    Classificação

    [​IMG]

    Melhor topo de gama/inovação

    Agradecimentos

    A ZWAME agradece à ASUS pela disponibilidade do material para teste.

    Copyright © Zwame, Lda 2009. Reprodução proibida sem autorização prévia.

     
    Última edição: 9 de Outubro de 2009
  7. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Nota que as 2 reviews serão muito parecidas, visto que não irei testar as 2, apenas uma delas para os testes principais. Mas é necessários separar as reviews. No caso da ASUS irei focar no software utilizado e o overclock que o voltage tweak pode permitir embora a powercolor será analizada independentemente no que toca ao overclock.

    Resultados em crossfire que ainda tenho que ver como irei por, por questão comerciais.
     
  8. RSC

    RSC Suspenso

    A Asus é de longe a mais bonita das 5870 reference.
     
  9. ancinic

    ancinic Banido

    Então as minhas Club3D? São ainda mais bonitas :D

    [​IMG]

    Não arranjei imagem da 5870, mas esta no site da Club3D.
     
  10. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Se quiserem placas totalmente reference, é só tirar os adesivos :D A da powercolor consegue-se ver o adesivo original por baixo.

    :D
     
  11. esses "escapes" na traseira da placa serve para quando se juntam duas em crossfire e elas ficam totalmente encostadas, o ar entrar por esses "escapes", não fica propriamente bonito mas foi muito bem pensado


    [​IMG]
     
    Última edição: 2 de Outubro de 2009
  12. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Sim, como eu previa que tinha haver com ventilação, o design que é algo duvidoso.
     
  13. icosta89

    icosta89 Power Member

    estão a falar das duas entradas vermelhas?
    eu acho que isso influencia pouco a refrigeração da gráfica (eu diria que não tem qualquer efeito...)

    Dá para ver aqui que o ar não passa por estes sítios.
    [​IMG]

    Em crossfire a placa que fica por cima sofre muito de facto =X
     
  14. a fan é que "puxa" o ar do exterior
     
  15. icosta89

    icosta89 Power Member

    sim eu sei, mas se as entradas estão bloqueadas...
     
  16. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    ora ai está a primeira parte :D :D
     
  17. ancinic

    ancinic Banido

    Ui, vem para cá mais uma... :004:
     
  18. PT_kamikaze

    PT_kamikaze Power Member

    bastante limitada pelo cpu um core i5/7 e que daria para ver melhor o verdadeiro poder destas maquinas
     
  19. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Mesmo um core i7 vai ter que ser puxado e bem.

    Mais tarde, vou puxar o cpu a 3800 mhz. Eu faço testes com cpu em defaut ou um ligueiro OC.
     
  20. rodrigocampos

    rodrigocampos What is folding?

    ca besta, mas o preço:mad: