besty

besty

Power Member
60789105_298223931115869_6654061350478790339_n.jpg
 

besty

Power Member
Tenho passado algum tempo na darkroom. E estas últimas fotografias foram o resultado. Uma passagem por NY mesmo antes da pandemia.

Photo%2002.06.20%2C%2007%2054%2039.jpg
 

besty

Power Member
Bons registos.

Gosto também da edição.

Fotógrafas em analógico?

Fazes tu todo o processo de revelação/impressão?

Bons registos.

Gosto também da edição.

Fotógrafas em analógico?

Fazes tu todo o processo de revelação/impressão?

Obrigado [mention]APedro[/mention].
Sim. Comecei há 3 anos este hobby a fotografar analógico e tenho me mantido assim.

Também o processo de revelação e impressão das fotos é todo feito por mim. A revelação só o faço porque monetariamente compensa bastante. Imprimir já é diferente. Dá-me um gozo bastante grande fazê-lo.

Deixo aqui mais 2 fotos que publiquei recentemente no Instagram.

Photo%2020.06.20%2C%2010%2051%2056.jpg



Photo%2018.06.20%2C%2008%2031%2033.jpg
 

APedro

Power Member
Podes partilhar o teu instagram?

Só agora comecei a fotografar em analógico mas gostava de evoluir neste campo e até mesmo começar a revelar em casa.

A impressão fazes tu com ampliadores e afins?

Consegues explicar o processo por alto?
 

besty

Power Member
Podes partilhar o teu instagram?

Só agora comecei a fotografar em analógico mas gostava de evoluir neste campo e até mesmo começar a revelar em casa.

A impressão fazes tu com ampliadores e afins?

Consegues explicar o processo por alto?

Sim, sem problema.
www.instagram.com/gustavq

Normalmente o meu processo é, após ter um mínimo de 8 rolos, revelar e arquivar os negativos. De seguida, e aqui há várias opções, faço contact sheets dos negativos para fazer a seleção das fotografias que quero imprimir. E por fim imprimo usando, sim, um ampliador. Eu como só uso 35mm arranjei um Focomat V35 que só pode ser usado com formato 35mm. Mas existem vários que suportam outros formatos.

Obviamente que cada passo tem as suas particularidades. No entanto a revelação é, na minha opinião, onde se deve perder mais tempo a ler e aprender. Podem-se perder negativos e não há recuperação possível.

Já agora, [mention]APedro [/mention]o que te levou a começar a fotografar analógico?
 

APedro

Power Member
@besty obrigado pelo resumo.

No meu caso, em primeiro lugar, foi o querer experimentar o look do filme e médio formato.

Em segundo, o facto de só ter fotografado em filme enquanto criança/adolescente e só com máquinas descartáveis.

Comprei uma Mamiya c220 e a ideia é usar apenas em determinadas alturas, para fotografia mais pessoal e com mais significado.

Depois da primeira experiência pensei seriamente em comprar uma máquina 35mm. Não me saiu ainda essa ideia da cabeça mas quero primeiro ver os resultados dos dois rolos que fiz com a Mamiya.

Depois há a questão do peso. Não vou deixar o formato digital e acrescentar mais o peso de um equipamento analógico à mochila não é a ideia mais atractiva.

Faço sobretudo fotografia de rua e o analógico torna-se caro.

O último rolo que comprei foi o Portra400 e, entre rolo e o preço da revelação, 12 fotografias vão-me ficar a 20€...

Quero muito continuar o progresso no formato analógico mas não me estou a ver investir mais € e tempo nestes moldes....
 

besty

Power Member
@besty obrigado pelo resumo.

No meu caso, em primeiro lugar, foi o querer experimentar o look do filme e médio formato.

Em segundo, o facto de só ter fotografado em filme enquanto criança/adolescente e só com máquinas descartáveis.

Comprei uma Mamiya c220 e a ideia é usar apenas em determinadas alturas, para fotografia mais pessoal e com mais significado.

Depois da primeira experiência pensei seriamente em comprar uma máquina 35mm. Não me saiu ainda essa ideia da cabeça mas quero primeiro ver os resultados dos dois rolos que fiz com a Mamiya.

Depois há a questão do peso. Não vou deixar o formato digital e acrescentar mais o peso de um equipamento analógico à mochila não é a ideia mais atractiva.

Faço sobretudo fotografia de rua e o analógico torna-se caro.

O último rolo que comprei foi o Portra400 e, entre rolo e o preço da revelação, 12 fotografias vão-me ficar a 20€...

Quero muito continuar o progresso no formato analógico mas não me estou a ver investir mais € e tempo nestes moldes....

É um facto, não é um hobby barato. Não há muita volta a dar a isso. Dá para reduzir custos, mas ainda assim vai ser sempre mais caro para o mesmo número de fotos tiradas em digital. Agora se há mais keepers, isso é outa história.

De qualquer forma, em relação a preto e branco, a cor é pior a nível de preço. Revelar e imprimir fotografias de cor também é um pouco mais difícil. O princípio é o mesmo, mas os químicos utilizados precisam de outras condições. Temperatura mais alta é uma delas.

No meu caso como só uso uma câmara e uma prime, não tenho que me preocupar muito com o peso e espaço. Se eu já acho difícil ter que escolher entre as várias focal lengths para quem tem muitas lentes, imagino ainda adicionar digital ou analógico.

Eu aconselho experimentar o processo todo. Fotografar, revelar e imprimir. E decidir se é mesmo analógico que se quer.
Não sei se vives perto de Lisboa. Mas podes tentar o laboratório comunitário do Núcleo de Arte e Fotografia do técnico.
 
Topo