1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. COVID-19 Mantenham-se seguros: Pratiquem distanciamento físico de 2 metros. Lavem as mãos. Fiquem em casa.
    Informação sobre COVID-19. Ajuda a combater o COVID-19 com o [email protected] e com o [email protected].
    Remover anúncio
  3. Informação: A partir da 1:00 (0:00 nos Açores) desta Segunda-feira, 6 de Julho, haverá alguns períodos de inacessibilidade ao fórum e restantes sites da ZWAME (Comparador, Jogos, Portal, etc).
    Se necessário faremos actualizações via Twitter e Facebook.
    Remover anúncio

Discussão Conversa da Treta: Fotografia & Video

Discussão em 'Fotografia e Vídeo' iniciada por RCSantos, 29 de Dezembro de 2016. (Respostas: 2251; Visualizações: 106700)

  1. kronnuz

    kronnuz Power Member

    O preço da X-T3 no gray market está de loucos! 826€! Estou quase a perder a cabeça, mesmo sem despachar a minha 1...
     
  2. Natto

    Natto Power Member

    E porque não? Se conseguires vender a tua X-T1 por 250E a camera ficaste por aproximadamente 550E e e' um salto considerável.
     
  3. kronnuz

    kronnuz Power Member

    Oh, apenas porque não me dava j€ito neste momento estar a dispender desse valor lol mas que está difícil de resistir, está
     
  4. Natto

    Natto Power Member

    Entao, de certeza quando estiveres disponível£l vai estar a um preço mais baixo :D
     
  5. Natto

    Natto Power Member

    Vi essa noticia hoje também. Pelos vistos foi vendida a um consorcio. Entao lançaram a em5-3 e agora vao out? Questiono onde e' que os clientes que compraram as cameras deles recentemente vao obter suporte.
     
  6. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    Para dar suporte basta a marca subcontratar uma empresa reparadora, que fique a cargo da assistência durante uns anos. Outsourcing, tal como fazem muitas das marcas grandes cá em Portugal, que não têm cá instalações (incluindo as outras marcas de câmaras).
    Basta-lhes fazerem isso também para os países onde estavam instalados.

    Mas a notícia é triste, sem dúvida. Não posso dizer que tenha sido aficcionado do MFT, mas houve alturas em que pensei duas vezes se seria ou não uma opção para mim. Agora com esta saída por parte dum dos grandes elementos, e com os outros a terem câmaras doutros formatos, não vejo futuro para o sistema.
     
  7. RCSantos

    RCSantos Power Member

    Lol mas as pessoas ainda ficam surpreendidas com a notícia?
    Aos anos que já se falava disto, e até recentemente alguém da Olympus, disse que não havia planos para vender a companhia,etc.
    Ultimamente tanto prometiam em certas coisas que agora é o que é. Isto faz-me lembrar a morte do Windows Phone.
    A minha prima é que fez bem em vender a sua E-M5 a um excelente preço no ano passado, a um completo fanático da Olympus...
    E a partir de hoje começa a morte lenta do m4/3
    Sinceramente tive mais pena com saída da Samsung do mercado das MILC do que da "Olympus".
    Mas nem tudo é mau, ao menos agora vai haver bons negócios no mercado dos usados.
     
  8. kronnuz

    kronnuz Power Member

    Não é questão de me admirar ou não. Da minha parte "apenas" acho que é triste ver uma das marcas a que sempre associei a fotografia, terminar.
     
  9. APedro

    APedro Power Member

    mas o que eu entendi não é exactamente que vão fechar, mas sim vender a divisão de fotografia a terceiros que investem em empresas que não dão lucro para, no futuro, as vender com lucro.

    Acredito que muita coisa mude mas talvez não acabem...
     
  10. RCSantos

    RCSantos Power Member

    Sim a marca continuará a existir.
    Mas duvido muito que voltem a reviver a divisão da fotografia, especialmente com o formato M4/3.
     
  11. LeeMan

    LeeMan Power Member

    Logo agora que ia comprar um EM-10...
    Pode ser que os preços desçam.

    Ou então vou para X-T200...

    Que dizem os entendidos?
     
  12. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    Eu considero que depende da intenção com a câmara. Se for para comprar e usar até ela morrer, sem importar o valor duma venda posterior como usado, ou talvez até para nem vender, não vejo problemas.

    Mas se for comprar a pensar em montar sistema, com a ideia de comprar várias objectivas...aí provavelmente surge posteriormente a necessidade dum corpo mais actualizado (quando esse já não cobrir as necessidades) e o assunto morre na praia, com a agravante que o material terá, nessa altura, um valor de venda muito baixo, como usado.
     
  13. ATI=POWER

    ATI=POWER I'm cool cuz I Fold

    O sistema não morreu. Ainda há a Panasonic que tem as lentes compatíveis e as lentes Olympus continuam a funcionar nas máquinas Panasonic.
     
  14. miguelbarroso

    miguelbarroso Power Member

    E mesmo a Olympus, provavelmente não desaparece assim...

     
  15. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    Com certeza...mas e a Panasonic vai continuar a remar contra a maré? A esta altura do campeonato parece-me questionável.

    Falando de relutâncias, teimosias, ou o que lhe quiserem chamar, uma coisa é a Fuji recusar-se a apostar em full-frame, mas apostar forte em APS-C, que é "um formato que todos usam". Há risco, mas aquilo em que estão a apostar é relativamente seguro.

    Outra coisa é a Panasonic ficar "sozinha" (entre as marcas dominantes) a aguentar um sistema para o qual (corrijam-me se eu estiver errado) já nem saem novos sensores há uns 5 anos.

    Isto é só a minha opinião, evidentemente, mas se a Panasonic for inteligente põe-se bem longe do MFT e aposta forte no full-frame, e talvez até num APS-C com L-mount. Já espremeram dali (do MFT) tudo o que podiam espremer, agora é altura de sair.
     
  16. ATI=POWER

    ATI=POWER I'm cool cuz I Fold

    Isso já é um pouco de futurologia. O que é certo agora, é que a Panasonic ainda nada disse ou fez e ainda semana passada lançaram uma nova câmera MFT.

    Isso seria como eu dizer que as vendas da Nikon estão tão más e que já há vários rumores que mais mês, menos mês, esta também é vendida e acaba por desaparecer.
     
  17. RCSantos

    RCSantos Power Member

    Daí eles terem anunciado as máquinas com sensor full frame.
    Assim já podem mandar o formato m43 para as couves, daqui a uns tempos.
     
  18. APedro

    APedro Power Member

    Não acredito que seja sensato.

    Mais vale serem líderes sem concorrência num nicho que mais um num mercado onde não vão ser líderes, de longe.

    O mercado FF mirrorless é Sony, a Nikon e Canon começam a apresentar boas soluções.

    Não acho mesmo que entrar num mercado saturado seja boa solução, prova disso é a Fuji. Empenhou-se num mercado onde os outros não apostam tanto e virou-se para outro que era quase nulo. Neste momento são n1 em APS-C e Médio Formato.
     
  19. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    É exactamente o que eu penso.
    L-mount, seja em full-frame ou em APS-C (provavelmente até nos dois tamanhos).


    Pelo contrário, a Fuji apostou no sector de mercado mais comum. É do conhecimento público que as APS-C representam o grosso de vendas de câmaras das principais marcas, o que se reflecte em várias gamas de câmaras com esses sensores em cada marca, e que são substituídas com mais frequência do que as full-frame.
    Poderás dizer é que fizeram uma abordagem diferente, refinada, mais para o premium, com equipamentos duma gama acima daquilo que habitualmente havia nesse tamanho de sensor, e que é isso que os diferencia.
    Mas decididamente não é o sector em que as outras menos apostam...bem pelo contrário.

    Se houvesse novos sensores MFT, penso que a Panasonic ainda podia tentar manter o sistema por mais algum tempo, mas não havendo...