[HDTV] Cuidados a ter com TVs Oled para evitar burn-in

Alguma vez teve burn-in numa TV Oled?


  • Total voters
    136

mendesom

Power Member
Independentemente do burn-in, o seguro ou extensão de garantia, do meu ponto de vista faz sempre sentido, pois a durabilidade de qualquer aparelho electrónico è reduzida em comparação a outras épocas. Nos últimos 6 anos acionei o seguro para 2 LCD e 2 Oled e se não tivesse seguro o prejuízo seria brutal. Não se esqueçam que após os dois anos pode haver outro tipo de avarias que estão cobertas e podem ser usadas.
 

Silver-Eye

Power Member
Independentemente do burn-in, o seguro ou extensão de garantia, do meu ponto de vista faz sempre sentido, pois a durabilidade de qualquer aparelho electrónico è reduzida em comparação a outras épocas. Nos últimos 6 anos acionei o seguro para 2 LCD e 2 Oled e se não tivesse seguro o prejuízo seria brutal. Não se esqueçam que após os dois anos pode haver outro tipo de avarias que estão cobertas e podem ser usadas.
Qual o seguro que tens?
 

McKricas

Power Member
Obrigado a ambos, não sabia disso que o sistema de poupança de energia deve estar desligado. Quando chegar a caso desligo.
Também para ver tv regular, através da Meo Box, coloquei a luz OLED a 70. Acham que está bom assim, ou devo descer mais?

Num lugar com iluminação normal (artificial e/ou alguma luz natural) em SDR deves ter OLED Light no intervalo 30-40 max. (cerca de 140/155 nits).
Num lugar escuro (à noite sem luz artificial/natural, etc) este valor deve andar nos 20-30 (cerca de 120/130 nits)

O Brigthness deve andar nos 50-54 e o Contrast nos 80 (pode variar de painel para painel)…

Sugiro que uses uns patches para ajustar o Brightness e o Contrast
Usa o AVS HD 709 que é free.
Vê aqui: https://www.avsforum.com/threads/avs-hd-709-blu-ray-mp4-calibration.948496/

Faz estes ajustes num local sem iluminação (à noite, sem ou com pouca luz) e após a TV estar ligada à pelo menos 1hora. Dá tempo também aos teus olhos para se ajustarem à pouca luz.

Mais do que os valores que referi e estás a contribuir para um maior desgaste do painel, maior risco de burn-in e a piorar a qualidade de imagem (mesmo que não te pareça).

Maior brilho não é sinónimo de melhor qualidade de imagem…
 

FASBM

Power Member
Muito obrigado por estas dicas. Já agora, esta configuração deve aplicada a que Modo de Imagem? Neste momento para tv generalista, com box 4K da MEO, estou a usar o modo Padrão.
 

Blue Zee

Power Member
Os modos considerados mais aproximados dos valores corretos são Filmmaker e ISF escuro.
O ISF claro também é sugerido para ambientes mais iluminados.
 

McKricas

Power Member
Os modos de imagem “melhores” são os “technicolor“, “filmmaker” e os “ISF”…
Devem usar também um dos “Warm” (1, 2 ou 3)…pelo menos
Mas sem calibrar a imagem (White balancing e CMS), todos eles possuem erros (dE 2000) superiores a 3 …que é considerado o valor que olho humano consegue distinguir diferenças cromáticas..

Pela minha experiência uma OLED OOTB no modo “technicolor” em Warm2 a média dE2000 na grayscale é de cerca de 6-8 dE…
O que significa que possui aberrações cromáticas significativas…
Nas cores (primárias e secundárias) o erro pode até ser bastante maior (perto dos 20 dE)…depende da idade do painel, desgaste, etc..

Ou seja, sem se calibrar estes modos, embora estejam muito mais perto da referência que os outros, mesmo assim ainda estão “longe” do que é considerado uma imagem de referencia…

Por isso é necessário ter isso em conta quando se usa estes modos.

De qualquer forma, o ajuste do luz, do brightness e do contrast é relativamente fácil de ajustar e já permite pelo menos ter pretos e brancos bem configurados (sem black crush ou clipping).

Settings em HDR e DoVi convém ter tudo em “default” (mas num dos modos que referi e usando um dos Warms). Senão o tone mapping vai todo à vida…
 

SMOL25

Power Member
Os modos de imagem “melhores” são os “technicolor“, “filmmaker” e os “ISF”…
Devem usar também um dos “Warm” (1, 2 ou 3)…pelo menos
Mas sem calibrar a imagem (White balancing e CMS), todos eles possuem erros (dE 2000) superiores a 3 …que é considerado o valor que olho humano consegue distinguir diferenças cromáticas..

Pela minha experiência uma OLED OOTB no modo “technicolor” em Warm2 a média dE2000 na grayscale é de cerca de 6-8 dE…
O que significa que possui aberrações cromáticas significativas…
Nas cores (primárias e secundárias) o erro pode até ser bastante maior (perto dos 20 dE)…depende da idade do painel, desgaste, etc..

Ou seja, sem se calibrar estes modos, embora estejam muito mais perto da referência que os outros, mesmo assim ainda estão “longe” do que é considerado uma imagem de referencia…

Por isso é necessário ter isso em conta quando se usa estes modos.

De qualquer forma, o ajuste do luz, do brightness e do contrast é relativamente fácil de ajustar e já permite pelo menos ter pretos e brancos bem configurados (sem black crush ou clipping).

Settings em HDR e DoVi convém ter tudo em “default” (mas num dos modos que referi e usando um dos Warms). Senão o tone mapping vai todo à vida…
Mas em HDR não estão disponíveis os modos isf. Modos cinema não são opção?

Uso ISF em SDR.
 

McKricas

Power Member
Em HDR10 e Dolby Vision, opta pelo Filmmaker ou Cinema.

Se preferires um pouco mais de brilho testa Cinema Home.
Isso.

O Cinema Home tem mais brilho mas corta os detalhes escuros e é um pouco menos fiel à referência da Dolby.
Deve ser usado mais em ambiente diurno ou com alguma luz.
Nos restantes ambientes é preferível o modo Filmmaker ou Cinema.

O caso dos “Warms” desagradarem é exactamente porque o White Balancing esta mal calibrado.
A luz natural que temos do Sol, e que consideramos “natural”, é uma luz “amarela” com uma temperatura próxima dos 6500K.
O ponto Branco que se tenta que as TVs reproduzam é o D65, que possui uma temperatura de 6504K…
É por isso que quando a Tv está calibrada, a imagem é “natural”.

O problema é que na maioria das situacoes o WB de fábrica está ou demasiado “quente“ ou demasiado “frio”…e por isso sente-se que as cores não são “naturais” e estranha-se.
Como o olho humano tem menos percepcao das anormalidades em cores mais frias, normalmente estes modos são os escolhidos…embora sejam tudo menos “naturais”…
 

rjmpires

Power Member
Já agora colocouma questão.. para ver Netflix numa sala completamente escura qual o melhor modo?
Por vezes parece que em cenas escuras a "definição" nos pretos e menos pretos perde-se, parecendo mais um arrasto que propriamente uma variação de cor.
 

McKricas

Power Member
Já agora colocouma questão.. para ver Netflix numa sala completamente escura qual o melhor modo?
Por vezes parece que em cenas escuras a "definição" nos pretos e menos pretos perde-se, parecendo mais um arrasto que propriamente uma variação de cor.
Os que referi atrás…dependendo se é SDR ou HDR/DoVi.
Mas numa sala completamente escura, não coloques o OLED Light acima dos 20/25

A situação que referes pode ser black crush e por isso podes não ter o Brightness correto.
Executa o ajuste que propus no post acima e garante que vês o nível 17 do Black pattern com muita dificuldade.
Se tiveres dificuldade neste procedimento, outra forma é colocar um patch Full Width 0% White (completamente preto) que também esta no pacote do AVS HD 709 e com a televisão num ambiente o mais escuro possível, ver se notas algum nível de luz a sair do painel.
Se conseguires ver, reduz o brightness até deixares de ver qualquer luz do painel.
Se não conseguires ver qualquer luz, aumenta o brightness até veres um indicio da luz e assim que vires, reduz um nível.

Este processo garante-te que estás pelo menos a ver todos os níveis de preto…
Depois a forma como o painel sai do preto é outra conversa, e já precisas de equipamento para medir e corrigir essa saída.
 

rjmpires

Power Member
Não sou muito entendido no assunto, mas vou tentar mexer nas definições.
O problema é que durante o dia a minha sala tem imensa luz e vou ter que mudar novamente
 

FASBM

Power Member
Obrigado pelos vossos conselhos, tenho a 55CX em casa desde quinta-feira, e para já só experimentei o Modo Padrão e o Eco, sendo que o Eco para ser um pouco mais brilhante.

De qualquer maneira vou testar o ISF Sala Iluminada para ver o efeito.
 
Topo