1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio
  3. Participem no Giveaway Natal 2018 até 21 de Dezembro!
    Remover anúncio

Browser CyberRepublik - Conheça um novo mundo

Discussão em 'Mobile / Social Games' iniciada por Various, 19 de Janeiro de 2013. (Respostas: 4; Visualizações: 300)

  1. [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]

    [/FONT]
    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif][/FONT][​IMG]
    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]A principio pensei exactamente o que muitos de vocês devem ter pensando ao ler a primeira frase: "Um jogo de navegador? Argh!", mas a diferença desse para outros jogos de navegador é que ele não se resume apenas a "clique, clique, clique", uma coisa que te prende nele é a interacção com os outros jogadores.[/FONT]

    Bom, vou falar um pouco sobre o jogo em si:

    Introdução
    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]O CyberRepublik é um jogo onde você é um cidadão de um país real (existem dezenas de países no jogo, com jogadores reais de cada país), para vocês terem uma ideia mais de 100.000 pessoas do mundo todo o jogam activamente Ele é um simulador: Político, social, econômico, militar e administrativo. Foi eleito pelo "The New York Times" como um dos melhoresr jogo de simulação compatível com o mundo real.[/FONT]

    Política
    Todos os meses há eleições para o seguinte:
    • Presidente de Partido (Dia 20 de cada mês) - São responsáveis por incentivar os membros e escolher quem irá representá-los no congresso.
    • Congresso (Dia 1 de cada mês) - São os membros que propõem leis e votam nelas.
    • Presidente do País (Dia 10 de cada mês) - Bom, ele é o presidente! É quem comanda o país e com seus ajudantes, ajudam o país a subir (ou decair .. hasuhasu).


    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]Actualmente no jogo, eu sou um membro do congresso (eleito pela terceira vez seguida) pela região de Lisboa.[/FONT]

    Jornais
    O jogo possui sua mídia própria de notícias internas. Nela você pode debater a situação real do seu cPaís ou do cMundo, falar sobre as guerras, entre outros, interagindo com os outros membros do seu país.


    Militar
    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]Além de trabalhar todos os dias, você terá que treinar para aumentar sua força no exército. Você pode inclusive se alistar a força armada Portuguesa! E ajudar o país com seu poder. Quanto maior sua Military Rank, maior o "estrago" que você faz durante uma guerra, e consequentemente maior a quantidade de danos que você acumula.[/FONT]
    Acumulando danos você sobe de Military Rank; quanto maior sua patente for, ainda seu estrago!


    As guerras rolam soltas no Cyberrepublik, dominado por várias alianças (ou não) de países diferentes, quanto maior sua patente e força, maior ajuda você trará a seu país durante uma batalha. =)!

    Administração de Empresas
    Além de trabalhar, você pode abrir sua própria empresa no jogo, como dono de uma empresa você poderá contratar funcionários, e vender os seus produtos produzidos no mercado nacional ou internacional.

    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]Existem diversos sectores, entre eles:[/FONT]
    • Recursos Naturais: Ferro, Grãos, Madeira, Petróleo e Diamantes.
    • Construções (Requerem Madeira): Casas, Hospitais e Sistemas de Defesa.
    • Manufatura (Requerem Ferro, Grãos, Petróleo e Diamantes): Armas, Comidas, Bilhetes e Presentes.

    Economia
    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]Assim como no mundo real, o jogo possui seu próprio sistema económico A sua moeda "global" é o Gold (assim como no mundo é o Dólar), sendo a referência para a base de câmbio de outras moedas.[/FONT]
    Nele também há os especuladores, que compram moedas de diferentes países quando estão desvalorizadas para vende-las quando se valorizam, e ganham muito "gold" fazendo isso.

    O Portugal no jogo.
    O Portugal é o 20º país mais populoso do jogo, com um pouco mais de 500 habitantes. Somos um dos países mais forte da Europa militarmente, e com uma economia forte e estável - mesmo em momentos de crises. [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]A alguns meses atrás estivemos em guerra com a USA e saímos a ganhar[/FONT]

    [FONT=tahoma, helvetica, arial, sans-serif]Bom, quis ser o mais directo possível, claro que o jogo não se resume apenas ao que foi dito aqui, tem muito mais. Por isso que eu estou o jogando a 6 meses [/FONT][​IMG]!

    Se você se interessou pelo jogo e quer se cadastrar: http://miburl.com/Kkwhmy

    Chat do CyberRepublikPortugal: http://miburl.com/aGGeU4

    Como podem ver pelo link, meu nick lá é Various. Se precisarem de ajuda com mais informações sobre o jogo, é só perguntar aqui nesse artigo ou me enviar uma mensagem lá pelo jogo.

    É isso ai , joguem.

    Tutorial básico: http://miburl.com/FAWOW2 / http://miburl.com/VmOIac

    Site do CyberRepublik: http://miburl.com/Kkwhmy

    Chat no próprio jogo: http://miburl.com/xuBkB3
     
  2. EsmagaSapos

    EsmagaSapos Banido

    Jogos copiados a mim não me assistem...
     
  3. Este jogo não é copiado. Experimenta que verás que tem outra vertente.
     
  4. godevskii

    godevskii Power Member

    Já não chega os telejornais, ainda temos que ter politica nos jogos?!?!?! lame

    Jogo ikariam há vários anos e estou para desistir porque com actualizações e coisas do género impostas pelo mercado dos jogos de browser que se dizem gratuitos mas depois lançam features que custam euros, em vez de apostarem em versões com melhorias de batalhas, apostam nos farms e monopólio capitalista. Por isso para mim os jogos de browser já eram...
     
  5. EsmagaSapos

    EsmagaSapos Banido

    godevskii não sei se já jogastes eRepublik mas parece que não.
    É um jogo bastante porreiro, mais jogado que Ikariam e a nível de comunidade nem comento. Tá em segundo lugar no meu ranking de comunidade num Browser-game.
    Este tem algumas diferenças mas acho que não se destancia muito do eRepublik.
     

Partilhar esta Página