1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Discos de 2 terabytes em 2009

Discussão em 'Novidades Hardware PC' iniciada por issues, 22 de Setembro de 2006. (Respostas: 37; Visualizações: 2936)

  1. issues

    issues Power Member

    2 Terabytes para 2009
    A promessa é da Hitachi e da Seagate, dois dos principais fabricantes mundiais de discos rígidos. Os discos rígidos em 2009 terão entre 2 e 2,5TB de capacidade segundo a Hitachi, a qual já demonstrou uma densidade de armazenamento de 354Gb por polegada quadrada em laboratório. A companhia acredita que conseguirá oferecer drives de 2TB em modelos de 3,5”, 400GB (2,5”) e 200GB (1,8”).[​IMG]A Seagate, por seu lado, bateu os valores da Hitachi, com uma densidade de armazenamento de 421Gb por polegada quadrada. A manter estes valores, veremos drives de 40GB (1”), 275GB (1,8”), 500GB (2,5”) e perto dos 2,5TB (3,5”). Em ambos os casos foi utilizada a tecnologia perpendicular de gravação, já disponível nalgumas drives hoje em dia.
    Para colocar estes valores na perspectiva correcta, é de relembrar que as drives de 1” e 1,8” estão normalmente colocadas em dispositivos portáteis, como leitores de MP3 ou multimédia. Discos de 2,5” são também utilizados por estes dispositivos, mas vêem a grossa fatia do seu mercado nos computadores portáteis. Por último, os modelos de 3,5” estão presentes na esmagadora maioria dos PC hoje em dia.
    A Hitachi já havia anunciado os seus novos discos de 1TB para este ano, mas alterou as suas datas de lançamento para a primeira metade de 2007. Fazendo um pouco mais de futurologia, a Hitachi prevê drives de 25TB para 2016, assim como um crescimento na capacidade de armazenamento até 100Tb por polegada quadrada. Isto resultaria numa drive de 3,5” com 650 Terabytes de capacidade.

    fonte: http://exameinformatica.clix.pt/noticias/mercados/213921.html
     
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Ou seja discos mecanicos vamos ve-los ainda durante uns séculos :D (Se fala em 25 teras para 2016 e 650 teras para ?
     
  3. UNDEATH

    UNDEATH Power Member

    Ja tinha visto essa noticia. Realmente parece que discos rigidos baseados em partes mecanicas estão para durar.
     
  4. tkm_[pt]

    tkm_[pt] Power Member

    Em termos de capacidade, ainda vão continuar a ser a melhor solução ao menor custo.
    Os discos sólidos ainda têm que crescer muito e só agora é que estão a começar a dar os primeiros passos.
     
  5. Ruben_MadTech

    Ruben_MadTech What is folding?

    Isto não para!
     
  6. bluei16_

    bluei16_ Banido

  7. Zar0n

    Zar0n Power Member

    Vai haver mercado para os dois, um para quem quer robustez e performance com pouco gasto de energia, outro para quem quer espaço, muito espaço.
     
  8. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    até parece que não ha discos/sistemas de discos mecanicos de elevadissima performance.
    o problema ja começa é a estar nas 7200rpm, que é o que o comum mortal pode comprar... assim como ha uns anos as 5400rpm começaram a ser um problema. o que o mundo precisa é de 10k e 15k rpm, eventualmente mais (e ja os ha à venda, com mais de 15k).
    com o tempo vamos la, e nem é preciso nada além de discos mecanicos, apesar de serem naturalmente bem vindos.
     
  9. Zar0n

    Zar0n Power Member

    Discos mecanico de elevada performance? lol o disco rigido é o componente mais lento k tens nos PC's hj em dia e n é com mais RPM's k vai ver melhorias drásticas, (como podes ver com o caso dos Raptor)
    Se keres ver ganhos a sério tens k ir para SSD, vê o caso da iRam e como arruma de longe ***** disco mecânico mesmo com 15k RPM.
    A única vantagem k os discos mecânicos vão ter é mesmo o custo por GB mas em tudo o resto vão perder para soluções SSD.
     
  10. UNDEATH

    UNDEATH Power Member

    Zar0n com estes aumentos de desidade acredita que vão ser mais rapidos talvez mais que o que sata I consegue aguentar.
     
  11. DuX

    DuX Power Member

    Ui k isto tá a andar e bem, nau pensava ver disco terra antes de 2010, mas tou a ser surprendido, tenhu de admitir k estes gajos atao a andar a um bom ritmo, pena vai ser kase de certeza o preço k irao pedir por um disco de 2 TB =\, mas pode ser k me engane :)
     
  12. x0cHiPiLLi

    x0cHiPiLLi Power Member

    Aumentando a densidade não é preciso aumentar as RPMs para aumentar a performance, visto que por rotação tem mais dados logo mais velocidade/performance.
     
  13. gryle

    gryle Power Member

    Não é bem assim, aumenta a taxa de transferencia mas mantem-se o tempo de acesso.
    Discos com mais RPMs têm tempos de acesso mais baixos.
     
  14. E pa quanto vai os preços deles??
     
  15. EJAY

    EJAY [email protected] Member

    lá isso é verdade. Os SSD são muito mais rápidos e não têm partes mecânicas, o que representa menor taxa de avarias. Além disso os SSD podem ser tão finos como dois meros PCB's juntos, ao contrário dos tijolos dos HD's convencionais.
     
  16. Kayvlim

    Kayvlim Undefined Moderator
    Staff Member

    Eu juro que pensava que 1TB chegaria em meados de 2007 e 2TB em 2008..... é só 2008/2009? :(
    Não me junto à última conversa porque não percebo nada de hardware ^^'

    Cumps [[[[[[[[[[]]]]]]]]]]
    angelofwisdom
     
  17. Hackaroxp

    Hackaroxp I quit My Job for Folding

    Eis o que eu acho, eu acho que com o 1TB já estamos a atingir o limiar da segurança, vejam bem a quantidade de dados perdida quando um disco destes falhar?


    1TB, nos nossos tempos, com o tamanho de media (isto é, filmes a 1gb, músicas a 10mb, imagens a 0.5mb) um TB pode conter uma vida, agora.. façam-na desaparecer sem qualquer aviso.. como é?



    Eu acho que é bem melhor ter 10 discos de 500GB do que 5 de 1TB.

    Pensem nisto.
     
  18. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    teoricamente, não. masna pratica precisas, porque ter discos muito grandes desfragmentados é um pincel do caraças.
    e se não tens os dados contiguos, então a densidade so te vale na leitura sequencial, que não é o factor principal de desempenho.
    e a leitura/escrita aleatoria de um disco a 7200rpm de mais de 500gb fragmentado, pode ser bem mais penosa que o que se pensa.

    na leitura/escrita aleatoria o tempo de acesso é bastante importante, e se fores a ver discos com mais densidade tendem a ter tempos de acesos piores, para a mesma velocidade de rotação.
    no que respeita a tempos de acesso a rotação é quase o factor determinante, e no dia a dia tu não usas um ficheiro, ou um programa, usas muitos programas, muitos ficheiros.

    até parece que é impossivel haver discos mecanicos de alta performance...
    vai ver o que se pode fazer com raids de discos SCSI de 22k rpm, e depois diz-me se aquilo não é performance. o disco rigido, é, e sempre será o elemento mais lento de todo o sistema de memoria. so assim faz sentido a sua existencia, e a ideia do disco rigido, é precisamente oferecer grande capacidade de armazenamento, a custos baixos.
    com o tempo, a tendencia será naturalmente oferecer mais velocidade, mas também a RAM e as caches tem aumentado a velocidade.

    depois, o i-ram... achas que o i-ram tem um custo competitivo? e não achas que deitas montes de largura de banda das memorias para o lixo?
    sistemas tipo i-ram são interessantes, mas nunca vão ser um standart. 1º porque não podem competir em quantidade armazenavel, nunca vão poder substituir realmente um disco mecanico, e depois, porque os custos são astronomicos, para ter uma capacidade de armazenamento rdemasiado baixa. com 4gb de ram ja gastas um balurdio e mal espaço tens para instalar um sistema oprativo como o windows xp.
    para usar o i-ram apenas para guardar um tipo muito especifico de programas... ainda va que não vá... mas isso não tem qualquer interesse para o publico em geral.

    e agora, será que ter 8gb de ram a 150mbps garantidos, quer em leitura sequencial quer aleatroia, e oferecem tempos de acesso bastante rapidos, compensam realmente relativamente a uma controladora scsi ultra320 com 2 discos de 15k rpm em raid? que te da performance (quase ao nivel dos 150mbps, podendo eventualmente ate oferecer mais) e bem mais que 8gb...

    ou até um mais simples sistema de 4 raptors em raid0... 2 raptors ja conseguem oferecer largura de banda da ordem dos 150mbps.

    eu não optava pelo i-ram.

    eh pa, se me disserem que o futuro esta em discos baseados em memoria flash ainda va que não va (apesar do flash não ter nenhuma performance assombrosa), agora em tecnologias tipo i-ram... não me parece, mesmo.

    ainda aceito que se possa arranjar um 4º sistema de armazenamento que fica entre o disco rigido e a RAM, uma especie de RAM L2...

    nada te pode garantir 100% de segurança. é a triste ralidade.
    mas tens sempre opções redundantes como raid1, raid10, até podes por multiplas fontes, para minimizar o risco de falhas provocadas por falhas de fonte de alimentação... e coisas desse tipo.
    mas 100% seguro, nunca.
     
    Última edição: 25 de Setembro de 2006
  19. Pretender

    Pretender Power Member

    para que ter 10 discos de 500GB se não tens a tua informação em mais que um? só se tiveres informação copiada em mais que um disco (backup).
    Mesmo que só pifasse um disco perderias sempre informação (tudo bem num caso perderias 500GB noutro 1 TB).
    Para isso mais vale seguir a evolução (o disco de 1 tera em 2008 deve estar ao preço do de 500gb de agora) e meteres RAID-1 ou 5.
    Para além que 10 discos de 500GB não gastam nada pouca energia e fazem um barulho colossal.
     

Partilhar esta Página