1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Dúvida em circuito

Discussão em 'Electrónica' iniciada por bustelo, 30 de Dezembro de 2007. (Respostas: 29; Visualizações: 18078)

  1. bustelo

    bustelo Power Member

    Olá amigos, mais uma vez quero dizer que não percebo nada de electronica e que vai sair mais uma pergunta disparatada.

    Aqui vai...

    O Circuito é este:

    [​IMG]

    Onde liga a terra?

    Meto uma chapa no circuito e todos vão ligar a essa chapa?

    Eu sei que é basica mas nunca tinha feito circuitos com ligação à terra...

    Cumprimentos
     
  2. g_card

    g_card Power Member

    terra = negativo

    cumps
     
  3. bustelo

    bustelo Power Member

    Obrigado pela resposta mas continuo sem saber onde ligar esses fios

    Ligo-os todos uns aos outros?

    Portanto, os negativos ligam.se todos uns aos outros?

    Já agora os diodos têm posição ou são como as resistências?

    Cumps
     
  4. Mortymore

    Mortymore Power Member



    Como ninguém nasce ensinado...

    Sim, ligas os negativos uns aos outros, ou seja, onde no esquema tens o símbolo de massa, deves interligar esses pontos. Se depois esses pontos os vais ligar ou não a um ponto de massa e como o vais fazer, é outra história... mas se os ligares apenas entre eles já vais bem encaminhado e antes ficar assim do que "inventar" alguma asneira.

    Díodos, não são como resistências, têm polaridade. No esquema a representação do díodo tem uma espécie de seta que indica o sentido do fluxo de corrente (do ânodo A ou positivo, para o cátodo K ou negativo), e na ponta um traço que terá uma correspondência com o díodo real. A função primária do díodo comum é mesmo essa, a de apenas permitir a circulação de corrente nun sentido, pois se a corrente for aplicada de forma inversa o díodo não conduz, ou seja, não vai deixar passar corrente.

    [​IMG]

    Espero que dê para perceber.

    Abraço
     
    Última edição: 30 de Dezembro de 2007
  5. AcidDagger

    AcidDagger What is folding?

    Olha lá não m,e queres ensinar umas coisinhas sobre electrónica?? tou a tentar fazer um robot... tenho aqui um led infravermelhos e mais um sensor de luminosidade que queria saber como ligar e mais umas coisitas... achas que da? LOL :)

    Cumps
     
  6. Ra7or

    Ra7or Mestre BOINC

    Ele pode até pode ensinar alguma coisa de electrónica e até podes ler umas coisas, mas se não é a tua área, ou nunca tiveste nada relacionado com electrónica vai ser muito difícil, ou então vai parecer que estás a montar um puzzle. Não te estou a desmotivar, com esforço consegues, mas é muito complicado.
    CUmps:)
     
  7. Mortymore

    Mortymore Power Member

    Exactamente.

    Existem na net tutoriais que explicam os princípios básicos da electricidade e electrónica, mas na quase totalidade são em inglês. Se te safares com o inglês podes tentar aprender umas coisas sozinho por essa via, caso contrário será bastante mais complicado pois livros em português há, mas normalmente para serem entendidos necessitam do acompanhamento de umas aulas teóricas e de uma componente prática, enquanto alguns dos tutoriais são simultaneamente mais superficiais e mais abrangentes, ou seja, dão menos teoria mas são geralmente acompanhados com conceitos ou experiências práticas. Na minha opinião esta é a melhor abordagem para o autodidata começar a entender algo, porque só com a prática não se sabe o que se faz, e só com a teoria não se percebe para que serve ou como realmente funciona.

    O mais que se pode fazer é colocar aqui links para bons tutoriais á medida que se encontrem, e pode-se dar uma ideia do material e equipamento que pode ser útil para começar a realizar as primeiras experiências práticas, embora isso esteja sempre dependente dos eventuais exercícios práticos contidos no tutorial que se pretenda seguir, há sempre equipamente base que é comum ser usado para aprendisagem e desenvolvimento de projectos em electrónica, tipo um multímetro, uma fonte de alimentação que pode começar por ser um simples transformador com selecção de tensão de saída, apesar de serem muito imprecisos, e uma breadboard ou placa de ensaios como queriam chamar-lhe. Depois um punhado de fios e de componentes, maioritariamente resistências e condensadores.

    Não é propriamente um tutorial, mas é um tipo de referência para conceitos sobre electrónica básica em português:
    http://www.electronica-pt.com/index.php/content/category/3/7/37/

    Um exemplo de tutorial em inglês:
    http://www.electronicsteacher.com/tutorial/

    Abraço

    PS: Acima de tudo o que é realmente necessário é vontade de aprender pois sem isso...

    PS2: http://www.allaboutcircuits.com/vol_1/index.html

    PS3: Mais tutoriais, desta vez brasileiro
    link para a 1ª de 4 partes ---> http://www.laercio.com.br/artigos/hardware/hard-052/hard-052.htm
    link para a página 2 de índice de 19 ---> http://www.novaeletronica.net/q/n1/5_projetos/pag.2.html
     
    Última edição: 3 de Janeiro de 2008
  8. bustelo

    bustelo Power Member

    Olá amigos, antes de mais obrigado pelas dicas...

    Já fiz o circuito, claro que não faço tão bem como voçês, expertes nisto tudo, mas é certo que está a funcionar. Demorei uma hora e meia, mais ou menos, claro que um de vocês demoraria 10min...

    Mas funciona é o que interessa :)

    Cumprimentos
     
  9. Mortymore

    Mortymore Power Member

    Espero que não tenhas passado a passagem de ano a soldar componentes. :lol:

    Parabéns por teres conseguido meter isso isso a funcionar.

    Abraço
     
  10. bustelo

    bustelo Power Member

    :lol: Neps...
    Montei ontem ao fim da tarde mas depois fui sair e não testei. Só testei quando cheguei a casa e postei.

    A minha placa de circuito que usei é toda perfurada mas não tem aquelas ligações por trás para facilitar a montagem. Não sei se me estou a fazer compreender. Eu tenho uma placa dessas mas não sei como cortar essas ligações. Usam algum objecto especial? Já vi numa página um circuito onde estavam cortadas, claro para não fazer contacto uns componentes com os outros.

    Cumprimentos
     
  11. Mortymore

    Mortymore Power Member

    A placa que usaste foi destas:

    [​IMG]

    A que querias ter usado era destas:

    [​IMG]

    Eu uso um berbequim dos pequenos, normalmente com uma broca fina, tipo 1,5mm para fazer os cortes, mas há outros acessórios para esses berbequins que também podem ser usados, tipo fresas e serras.

    [​IMG]

    [​IMG]

    Há falta de melhor e com jeito e paciência até com um x-acto podes fazer os cortes nas pistas. Sempre que possível faz a interrupção de uma pista junto de um furo pois só tens que lhe sacar um bocadito de cobre de um lado e outro do furo em fez de fazeres um corte completo numa pista, entre furos. Agora sou eu que não se me estou a fazer entender. :007:

    Abraço
     
  12. g_card

    g_card Power Member

    a placa que usas-te é ideal pois a outra para trabalhares com ela é preciso passar para la o esquema com uma caneta própria e depois mergulha-la num acido e depois então é que já tens o circuito pronto para soldar os componentes...

    cumps
     
  13. bustelo

    bustelo Power Member

    Obrigado pelas dicas, por acaso não tenho desses berbequins mas andava a procura de um bom e barato para comprar pk dão jeito.

    Pensava que era mais fácil fazer o circuito com essas placas que já têm essas pistas em cobre. Mas não dá para soldar os componentes sem passar o ácido? A que usei deve dar mais trabalho pk tenho de andar com fios de cobre a fazer ligações, digo eu. Foi o meu primeiro circuito, portanto deve estar tudo mal montado. Funciona, mas acredito que poderia ter muito menos trabalho, vou postar umas fotos logo para vos mostrar e assim já me podem dar algumas dicas.

    Mas não gozem :lol:

    Cumprimentos.
     
  14. Mortymore

    Mortymore Power Member

    As placas de que falo no meu post anterior são pré-perfuradas e por isso não "levam ácido" (percloreto de ferro) nenhum.

    Simplesmente uma apenas tem as ilhas para soldar os terminais dos componentes, e a outra tem linhas de pistas feitas, que se for necessário terão que ser interrompidas (cortadas).
    Estas placas usam-se precisamente quando não se quer ou não se pode andar a fazer as placas "todas bonitinhas", ou quando se pretende construir um protótipo antes de fazer uma PCB com traçado definitivo.

    Abraço
     
  15. bustelo

    bustelo Power Member

    Ah já percebi. Estive a ver a minha placa com essas pistas e acho um bocado complicado cortar apenas uma com o berbequim pois estão todas juntinhas umas às outras.

    Como prometi vou meter aqui as fotos do meu circuito, mas não gozem...! Foi o meu primeiro circuito, soldado com um soldador de 2€. :lol:

    Se quiserem ver as fotos maiores:
    http://allyoucanupload.webshots.com/v/2000256331016703591

    Parte de Trás
    [​IMG]


    Ficha RS-232
    [​IMG]

    Parte da Frente
    [​IMG]

    Aspecto Geral
    [​IMG]

    Já agora, podem-me dizer os vossos truques caseiros para afiar pontas de soldadores?
    Afiei o meu com uma rebarbadora, embora tivesse ficado com o aspecto original, não segurava bem a solda. Eu sei que existem pedras próprias para o efeito mas são caras, digam-me os vossos truques.

    O próximo projecto que gostaria de fazer era um cabo null modem com uma ponta DB-9 (RS-232) e outra ponta USB. Alguém me consegue arranjar esse circuito? Andei à procura mas não encontrei nada. Se me conseguirem ajudar agradeço.

    Obrigado
    Abraços
     
    Última edição: 2 de Janeiro de 2008
  16. Mortymore

    Mortymore Power Member

    As pontas dos ferros de soldar não são para andar a rebarbar ou desbastar, embora num de €2 se calhar até pode ficar melhor, desde que consigas manter a ponta do ferro estanhada com solda.

    As pontas dos ferros de soldar têm que ser adequadas ao serviço que se quer fazer. Para soldar ou dessoldar componentes com grandes pinos, devem ser usados ferros com maior potência (tipo 40w ou mais) e ponteiras maiores. Para componentes tradicionais, potências médias (tipo 25w) e ponteiras intermédias (tipo 1mm). Naturalmente que para soldar SMDs devem ser usados ferros de baixa potência (tipo 8w) e ponteiras finas (algo como 0,4mm).

    Os ferros de soldar, pelo menos os decentes, devem ter ponteiras que usam diferentes camadas de metal (pode nem sempre ser assim), sendo que a camada superficial da ponteira se destina a facilitar a aderência da solda. Se lixares a ponta do ferro, estás a "lixar" o ferro. LOL

    [​IMG]

    Se usares ferros de €2 e depois usares um ferro decente tipo JBC, Ersa, Weller, Antex... vais ver a diferênça na qualidade das soldaduras. Mesmo sem grande experiência as diferênças devem fazer-se notar imediatamente. É evidente que quem não tem expriência não fará grande trabalho imediatamente, mas mesmo quem tem expriência pode não fazer mais que um serviço miserável com esses ferros baratuchos. Sem um ferro decente, a qualidade do teu trabalho nunca será grande coisa, um ferro decente também não custa nenhuma fortuna pois com €25...€40 compras um bom ferro.

    Para limpar as pontas dos ferros há quem use um esponja própria para o efeito, embebida em água, mas eu prefiro usar palha de aço fininha, que só serve mesmo para limpar o excesso de solda ou repor o brilho natural da solda na ponta do ferro quando fica escuro por falta de uso temporário, e não é para andar a desbastar a ponta do ferro. O uso de pastas ou fluxo, também facilita o trabalho de soldadura.

    A tradiconal esponja humedecida

    [​IMG]

    Palha de aço grande (não gosto disto porque pode fazer saltar solda da ponta do ferro e pode ser perigoso)

    [​IMG]

    Pasta ou fluxo

    [​IMG]

    Palha ou lã d'aço fina

    [​IMG] [​IMG]

    Abraço

    PS: Já me esquecia de comentar isto:

    Assim de repente, não tenho aqui esquema, mas desde já fica o alerta que vai ser complicado montar isso se não tens experiência pois tudo o que seja USB requer á partida integrados próprios e não conheço outros que não tenham capsulados SMDs. Têm muitos pinos pequeninos e muito juntinhos. Ou tens experiência e quipamento próprio, ou o mais certo é acabares por danificar o integrado. Uma coisa te garanto, não é com ferros de soldar de €2 que fazes esse serviço.

    Só para teres uma ideia do que te espera:

    [​IMG]

    PS2: Vê se isto te serve

    http://einterfaces.info/SerialPortsCables/usb_serial_adapter.shtml
    http://www.iearobotics.com/proyectos/usb-rs232/usb-rs232.htm
     
    Última edição: 2 de Janeiro de 2008
  17. AcidDagger

    AcidDagger What is folding?

    MOrtymore de inglês safo-me na boa

    e eu tenho alguns conceitos sobre electónica

    ja tive a dar uma vista de olhos nisso e vou-me empenhar

    cumps
     
  18. bustelo

    bustelo Power Member

    Olá viva.

    Ontem depois do post andei à procura e encontrei esses circuitos. Na realidade, reparei que têm esses CI com pontas muito juntinhas, e claro agora falta a experência, mas não hã truques para soldar isso? Que tal uma corda de aço de viola (que repele a solda) entre os vários pinos?

    Eu sei que com o meu soldador não vou lá, mas com paciência até gostava de tentar fazer isso.
    O meu soldador ligado uma hora a trabalhar, fica com a ponta quadrada. Não há solução então?

    Qual o soldador que recomendam? e para soldar esses integrados o que se utiliza? O mesmo soldador?

    Abraço
     
  19. Mortymore

    Mortymore Power Member

    Quanto a ferros de soldar, eu tenho um Ersa MultiPro (20w) ligado a uma estação de soldar feita por mim há muitos anos.
    Com ele, e com paciência, tenho conseguido soldar os SMDs que me têm sido necessários e que não tenho conseguido evitar usar, pois sempre que posso "fujo" deles. O problema é que até agora ainda não comprei uma ponta mais fina que me facilitaria o trabalho, e por outro lado este não é propriamente o ferro indicado para soldar SMDs (como tenho possibilidade de regular a potência do ferro atravéz da estação de soldar, isso na verdade não é um problema pois posso diminuir-lhe a temperatura para soldar SMDs). Bom, se se usar fluxo, que facilita a aderência da solda aos pontos de soldadadura, e depois malha de dessoldar para remover o excesso, é possível ficar-mo-nos pelos tradicionais ferros de soldar, mas uma estação de ar quente talvez seja a melhor forma de soldar SMDs, embora eu não tenha um "bicharoco" desses e por isso aí não posso falar com conhecimento de causa.

    Recomendo quanto a ferros de soldar, pela qualidade e eventual facilidade de os encontrares no mercado nacional, que procures um Ersa ou um JBC. Claro que há outras boas marcas, mas estas devem ser as mais fáceis de encontrar, e depois para as quais também poderás adquirir com igual facilidade outras ponteiras se quizeres.

    Deixo uma imagem de um ferro igual ao meu, que encontrei na net, e onde podes ver uma ponteira mais fina ao lado do ferro (é uma dessas que me está a fazer falta. LOL)

    [​IMG]

    Abraço
     
    Última edição: 2 de Janeiro de 2008
  20. AcidDagger

    AcidDagger What is folding?

    com um fio de cobre em volta do ferro de soldar fazes isso na boa

    eu ja experimentei no meu

    te é que ser >1mm

    ah agora podias era mostrar a tua estação de soldar e tb o esquema pode ser que faça uma se nao for muito dificil para me inicializar

    OFF Topic
    Para me iniciar que tipo de circuitos devo elaborar que tipo de cenas e que e melhor fazer? :)

    cumps
     

Partilhar esta Página