1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Eng. Electrotécnica vs. Eng. Informática

Discussão em 'Programação' iniciada por Strapa, 25 de Julho de 2007. (Respostas: 80; Visualizações: 14259)

Estado do Tópico:
Fechado a novas mensagens.
  1. Strapa

    Strapa Power Member

    A menos duma semana da fase de candidaturas vejo-me algo indeciso entre as duas engenharias.

    Por um lado, informática atrai-me mais por ser um curso mais orientado para o raciocínio lógico, mas por outro fico um bocado de pé atrás por não ter a componente de hardware.

    Além disso, como já alguém me disse, um electrotécnico consegue fazer parte do que o informático faz, mas o contrário já não é verdade.
    Talvez o que me faz ter receio em relação em informática é ser mais limitativo e específico do que electrotécnica e consequentemente poder reduzir as perspectivas de emprego.

    Por isso, venho pedir as vossas opiniões.

    Qual consideram mais interessante/motivador? Qual consideram mais seguro em termos de empregabilidade?
     
  2. legerdemain

    legerdemain Power Member

    mas porque é que estes tópicos estão na secção de programação?
     
  3. xtr3me

    xtr3me Power Member

    Isso não é assim tão linear.

    É verdade que Electro tem cadeiras com base de programação, enquanto que em Informática não há cadeiras com base de electrónica. A única coisa de hardware que damos é Sistemas Digitais e Arquitectura de Computadores.

    A única coisa que um gajo de electro consegue fazer que um informático também faz, é programar. Mesmo assim, como é óbvio, terá de aprofundar os conhecimentos que trás da faculdade (tal como o informático).

    A questão é que a Eng. Informática em portugal é vista como um curso de onde saem programadores e isso não é verdade. A programação é o ponto base de início de carreira, mas depois há a evolução natural.

    Tens de perceber o que gostas mais e o que queres ser no futuro. Acho que empresas puramente de Electro em portugal não tens muitas, por isso o mais provável é acabares por te desviar um pouco no futuro e trabalhar mais em áreas adjacentes.

    EDIT: ia perguntar o que está perguntado no post acima ... vem um pouco ao encontro do que eu disse. Informática não é só programar ;)
     
  4. Strapa

    Strapa Power Member

    Programação pareceu-me a secção menos desadequada entre todas, além de que, como disseste, estes tópicos estão na secção de programação.
     
  5. Baderous

    Baderous Banido

    Eu, em Eng. Informática, já tive Sistemas Digitais e Electrónica. Mas isso é porque ainda está em andamento o processo de Bolonha no meu curso e, portanto, essas cadeiras ainda existem. Para o ano já não existem.
     
  6. Strapa

    Strapa Power Member

    Que mais podes fazer para além de programação?

    O meu objectivo, com qualquer uma das engenharias, não é ter uma ocupação que tenha directamente a ver com elas, mas sim ter um bom curso de base que me deixe bem preparado para o que quer que venha a decidir ser ou que oportunidades me surjam.

    A minha indecisão passa muito por aí. Embora ache que Informática tenha mais a ver comigo, a sensação com que fico é que não é um curso tão abrangente e por isso mais restritivo.
     
  7. xtr3me

    xtr3me Power Member

    A programação é apenas o ponto de partida.

    Administração e gestão de sistemas, Consultor na área de Sistemas de Informação, Consultor de IT, Gestor de Projectos, etc etc.

    Tanta coisa que podes fazer e que nem sempre terá a ver com programação directamente. Claro que é inevitável passar por essa fase e dominar programação, mas não penses que um Eng. Informático passa uma vida a programar ;)
     
  8. timber

    timber Zwame Advisor

    A própria Engenharia Electrotécnica tem várias vertentes que têm diversidade suficiente para nem concorrerem entre si.

    Presumo que estando a comparar Eng Elect com Eng Inf estejas a analisar a versão de Sistemas e Electrónicos e Computadores que é (mais nome menos nome) um dos ramos típicos do cursos de Eng Elect e o mais próximo de Eng Inf, não?
     
  9. JuSt_Me_AnD_yOu

    JuSt_Me_AnD_yOu What is folding?

    Eu ate ao 12º estive no tecnologico de informatica e quando fui para a universidade optei por electro.
    Pessoalmente acho um curso um pouco mais interessante mais isso como e normal ja vai dos gostos de cada pessoa.
    A verdade é que são cursos um pouco diferentes. Em electro tens mais matematica e fisica do que em informatica. Tambem se quiseres electro podes sempre tirar o mestrado em computadores que te aproxima um pouco de informatica.
     
  10. TuxBoss

    TuxBoss Power Member

    Eu tenho o curso de Eng. Informática.
    Aconselho-te a ires para Electro. Todas as competências que adquires em Eng Informática, facilmente as adquires por ti próprio.
    Electro tens um mundo com muitas mais oportunidades. Além de que em 95% das vezes pedem nos currículos "Eng. Informática ou Electrotécnica" para posições supostamente só de "informáticos".
     
  11. xtr3me

    xtr3me Power Member

    Se todas as competências que ganhas em informática facilmente adquires por ti próprio, não sei porque é que há cursos ...

    Sinceramente não percebi essa afirmação, mas já agora, diz-me só, onde é que tiraste o curso?
     
  12. SoundSurfer

    SoundSurfer Power Member

    Isso é um bocado generalista demais...

    Como em qualquer curso na área, sais com a capacidade de aprender... mas as bases são o que depois irão distinguir os "melhores" dos "medianos".
     
  13. llclg3

    llclg3 Power Member

    Olhem eu passei para o 10º, e escolhi um curso profissional de informática mas com o objectivo de ir para a universidade, ou politécnico, acham que eu fiz bem? Terei que mudar a matrícula para um curso cientifico técnologico?

    Já agora queria seguir eng.informática..
     
  14. Strapa

    Strapa Power Member

    Em comparação estão o Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores (MIEEC) e o Mestrado Integrado em Engenharia Informática e Computação (MIEIC), ambos na FEUP.

    No MIEEC, no final do 1º ano escolhe-se uma de 3 áreas.

    Em princípio, a que se relaciona mais com Informática será Telecomunicações, e a ir por Electrotécnica, seria essa a área a escolher.


    Pois, como já disse, o meu receio passa muito por aí. Nunca se sabe o dia de amanhã e empregos qualificados são cada vez mais difíceis de se obterem.
    Daí que ter uma formação de base mais abrangente possa evitar certas complicações no futuro.

    Se o curso profissional te der equivalência ao 12º ano e fizeres os exames nacionais das específicas, não vejo razão para mudares.
     
  15. xtr3me

    xtr3me Power Member

    Nenhum dos dois cursos te vai "limitar as oportunidades".

    Escolhe o curso pela área que gostas mais ;)
     
  16. Frosticwaver2

    Frosticwaver2 Power Member

    rapaz com engenharia informatica podes trabalhar em inumeras coisas...redes..hardware..software...bases de dados...sei la..hoje em dia qual eh o trabalho que não utilize computadores...além disso lol se o computador for "ao Ar" nao tens problemas pois sabes arranjalo..logo n precisas de um electricista XD enfim que coisas estupidas lol
    em relaçao a empregamento tem boa taxa pralém de que programar engloba quase tudo à tua volta se reparares akilo automatico e bonito tem programaçao por tras....redes dá muito dinheiro nos tempos de hoje e tem grande procura pelas empresas etc..bases de dados por empresas quer todo o tipo de trabalhos que o necessitem....robotica tbm eh bacano..fazes o trabalho quase td com a ajuda de um engenheiro mecanico e pront ...n ficas tao mal assim ^^
    esta é a minha opinião até agora e sonho ser engenheiro informático...corrijam-me se falhei!
    tou no décimo ano apenas esta eh a minha visao passei agr pro decimo primeiro =P tecnologiko d informatica
    boa sorte ;)
     
  17. HiGhVoIcE

    HiGhVoIcE Power Member

    O timber tirou o curso no IST e tem razão no que diz, cá em vez desses 3 ramos opcionais temos 5 ramos principais e 6 ramos secundários, são eles:

    - computadores (está, sem dúvida, mais perto de eng. informática)
    - electrónica
    - energia
    - sistemas, decisão e controlo
    - telecomunicações

    Como ramo secundário, temos estas 5 opções mais uma recém criada "Biologia Computacional".

    Curriculo aqui.

    Como podes ver, todas as áreas são suficientemente parecidas para partilhar 1 ou 2 cadeiras entre si mas também são suficientemente diferentes umas das outras devido à grande diversidade de cadeiras leccionadas em cada área
     
  18. TuxBoss

    TuxBoss Power Member

    Eu disse "a maioria", não disse todas.

    Mas facilmente se tira isso a limpo. Basta veres o esmagador número de gajos que contribuiram para a evolução das ferramentas informáticas e vês que muitos vêm de outras áreas.

    Já quanto ás outras áreas, boa sorte em arranjares exemplos inversos.

    A verdade é que ao nível do mercado a maioria dos informáticos ou vão para programadores, para um SI ou para consultoria.

    A verdade é que com o desenvolvimento da informática a maioria das competências que eram exclusividade dos informáticos estão acessíveis há maioria das pessoas. E com o futuro a informática vai-se transformar ainda mais numa ferramenta acessível a todos.

    Eu trabalho na área de dados (de uma maneira mais simplificada redes) e sabes quantos informáticos fora eu há no meu departamento? 0...Quando andava em entrevistas nesta área contavam-se pelos dedos de uma mão os eng informáticos que lá apareciam.
    Sabes qual era a licenciatura da esmagadora maioria dos gajos que lá estavam não sabes? Yup, that's right, electro.

    A verdade é que os cursos de eng. informática de Portugal são cursos de "Ciências da Computação", a única visão que se tem das coisas é sob o ponto de vista da programação. Garanto-te que se perguntares a 1000 informáticos se sabem o que é um par de cobre ou a configuração da RJ-45, mais de 95% ficam a coçar a cabeça. E no entanto é das porras mais básicas de redes.
     
  19. JuSt_Me_AnD_yOu

    JuSt_Me_AnD_yOu What is folding?

    Se fosse a ti vi a melhor as competências de um Eng. Electrotécnico porque dos exemplos que deste maior parte podem ser feitos por um Eng. Electrotécnico.
    A brilhante teoria que muita gente tem que um Eng Electro não passa de um electricista deixa me assim um bocado 8| ...
    Em MIEEC na FCT-UC tens os seguintes ramos:
    • Automação
    • Telecomunicações
    • Computadores
    • Energia

    O que irá mais perto de Eng informática será o de computadores onde poderás desenvolver, por exemplo, sistemas embebidos.

    Podes sempre depois tentar fazer como eu ando a pensar. Tirar MIEEC e depois fazer MEI que são mais 2 anos.
     
  20. xtr3me

    xtr3me Power Member

    Não concordo muito com o teu ponto de vista até porque nem todos os ramos de electro se aproximam da informática, mas ...

    You've got a point em algumas coisas que dizes.

    No entanto, tens gajos de electro a fazer trabalho de informático se estivermos a falar de programação ou alguma coisa de redes, agora áreas como administração de sistemas, consultoria IT, sistemas de informação, etc é mais complicado.

    Também tens de perceber que informática é um curso relativamente novo, quando comparado com os restantes, por isso é que aínda é comum quando há pedidos cargos ligados a informática, aínda aparecer eng. electrotécnica ... porque até há bem pouco tempo era a única onde se falava de programação, computadores, etc.
     
Estado do Tópico:
Fechado a novas mensagens.

Partilhar esta Página