1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Engenharia Informática

Discussão em 'Programação' iniciada por filipeff12, 10 de Maio de 2012. (Respostas: 4798; Visualizações: 445422)

  1. NNN

    NNN Power Member

    É claro que o cliente não aceita. Ele esta a pagar e bem, à consultora se não podes ir a resposabilidade de te substituir é da consultora
     
  2. Boas, sendo engenheiro informático e trabalhando com outros engenheiros, não estou nem conheço ninguém que esteja inscrito na ordem. Ainda não vi qualquer necessidade para o trabalho do dia a dia.
     
  3. Morais

    Morais Power Member

    É quase mito urbano, também conheço vários licenciados em Engenharia que não sabem de nenhuma vantagem em estar inscrito na ordem.
     
  4. Boas, estou a pensar em estudar engenharia informática e queria dicas sobre quais são as melhores instituições para estudar esse curso?
    Estava a pensar estudar na Universidade de Coimbra porque fica perto da minha zona de residência? Acham que é bom ou compensa gastar mais €€ e ir estudar para o Porto ou Lisboa por exemplo?
     
  5. Bluestrattos

    Bluestrattos Power Member

    Disclaimer: Sou de Coimbra :)

    A Universidade de Coimbra é uma mais prestigiadas instituicoes de ensino a nível nacional e internacional, e possui boas instalacoes (principalmente o DEI). Para além de poupares em alojamento (moras na área), tens acesso a vida académica noturna em Coimbra, e todo um ambiente que nao encontras em mais lado nenhum.

    E finalmente, isto: - aliás a minha resposta devia ser ter sido só este vídeo
     
  6. Askyy

    Askyy Power Member

    Se és de Coimbra, eu aproveitava e fazia aí o curso.
     
  7. cconst

    cconst Power Member

    Bom,

    Se és de Coimbra, eu no teu caso decidir-me-ia por estudar em qualquer lado excepto Coimbra.

    Tirar um curso superior deve ser mais do que aprender matéria. Deve ser usado para aprender a ser adulto, autónomo, responsável pelos próprios actos. Estar junto dos pais faz com que a família poupe, mas retira-te a aprendizagem de seres autónomo, de saberes gerir um orçamento... de cresceres.

    Apesar de parecer uma opção economicamente viável para os teus pais, é uma visão falsa, pois após terminares o curso, irás continuar em casa dos pais durante mais uns anos... O que será bom para ti pois economizas... mas não cresces.

    Se financeiramente conseguirem, sai debaixo do tecto dos teus pais. Há mais para aprender na faculdade que a matéria leccionada pelos docentes.
     
  8. pmcs1

    pmcs1 Power Member

    Viva,

    Já escrevi neste tópico à uns meses atrás sendo que a minha situação é a seguinte:

    Agora em Agosto vou candidatar-me a Engenharia Informática através do concurso especial para titulares de um curso superior. Neste momento encontro-me com um Mestrado terminado à dois anos mas é difícil ingressar na área de trabalho. (Docência)
    Nesse sentido, decidi lançar-me para outra área que acho igualmente interessante. Todavia, estou um pouco confuso em relação a algumas questões. A ideia é candidatar-me ao ISEP e à FEUP visto ser da região do Porto, mas sinceramente estou na dúvida se devo candidatar-me às duas instituições ou apenas ao ISEP. Porquê? Devido ao facto de ter 27 anos e de no ISEP ter uma licenciatura ao fim de 3 anos o que me permitiria procurar logo um emprego. Já na FEUP teria que completar os 5 anos - Mestrado Integrado - para começar a procurar emprego, correto? Na vossa opinião o que será mais inteligente fazer?

    Sublinho que a ideia aqui não é descartar-me do curso que demora mais tempo a completar. Simplesmente, estou preocupado com a questão da idade uma vez que iria terminar o curso e iniciar a carreira já nos trinta e poucos anos. Até porque, a ideia seria mais tarde fazer mestrado na mesma... o que me tinha levado a pensar, também, em fazer licenciatura no ISEP e depois mais tarde mestrado na FEUP.
     
  9. DeepSide

    DeepSide Power Member

    Vai para a que te da mais jeito! Ou seja Casa+ barata, ou mais perto etc etc. Porque entre essas 3 nao ha mt a dizer.... E tens empregabilidade garantida quando concluíres o curso.
     
  10. DeepSide

    DeepSide Power Member

    O que era realmente inteligente, era tirares mestrado na area de IT ou numa área de BI por exemplo que nao é so IT e tinhas o assunto resolvido, ao fim de 1 ano ja tavas a ganhar dinheiro.
    Agora se queres ser um coleccionador de títulos. Tiras isso tudo.... Isso no mercado de trabalho vale 0.
     
  11. pmcs1

    pmcs1 Power Member

    A ideia não é ser um coleccionador de títulos, tal coisa nunca me passou pela cabeça. Simplesmente estou a procurar uma solução.
    A ideia de fazer logo o mestrado na área de IT parece complicada para mim visto que não venho das áreas das tecnologias, matemáticas e afins... portanto como deves perceber, ainda não me sinto muito confortável nesses campos.
     
  12. DeepSide

    DeepSide Power Member

    pmcs1 tu nao tens que ter medo. No mestrado ha cada vez ha mais gente que nao é das área de IT. Tu passas 5 anos dentro de FEUP, entras no mercado como trainee para uma empresa, por outras palavras, nao sabes nada e vais de especializar numa tecnologias, que a empresa vai te proporcionar.
    Relativamente ao conhecimento nao esperes pelo mestrado ou pela licenciatura, podes começar ja, tens N sites com tutoriais básicos que assinam-te os basicos de JAVA .NET SQL HTML etc etc.
    2º O objectivo e entrar no mercado de trabalho e depois os anos de experiência iram falar por si...
    3º e Por fim tu nao precisas de licenciaturas para trabalhar em It como ja deves ter lido em POSTs anteriores, é preciso gosto e vontade no mundo IT.
    4-Afinal ainda tem mais 1. Para te deixar mais descansado, o meu anterior chefe era licenciado em Letras.
     
  13. DropV

    DropV Power Member

    @DeepSide permite-me discordar de um ponto "Agora se queres ser um coleccionador de títulos. Tiras isso tudo.... Isso no mercado de trabalho vale 0."

    Na minha opinião (que vale o que vale) não deves generalizar isso dessa forma. Concursos públicos exigem o grau de mestre.
    Lá fora, um mestrado dá-te outra visibilidade, uma empresa em que tenha uma pessoa com 3 anos de experiência e outra pessoa com mestrado e 1 ano de experiência não sei até que ponto a de 3 anos possa ter uma vantagem de 100%.
    Além de que cada vez mais pessoas irão ter o grau de Licenciado. Uma pessoa que tenha o grau de mestre, diferencia-se.

    PS: Ainda não tenho o grau de mestre, apenas exponho a minha opinião.
     
  14. pmcs1

    pmcs1 Power Member

    Compreendo o que dizes, até porque já vi muitas pessoas - incluindo neste forum - a falarem das imensas dificuldades técnicas ao ingressar no mercado de trabalho após conclusão da licenciatura. Contudo, sendo proveniente da área das Artes, sinto necessidade de começar do zero e de ter apoio de pessoas já experientes...
    Acredito que de forma autónoma também poderia obter conhecimento e experiência mas talvez ficasse com algumas lacunas pelo meio... não sei...
     
  15. DeepSide

    DeepSide Power Member

    Eu nao tenho Grau Mestres e vou tirar no proximo ano. Nao porque precise mas por satisfação pessoal, sou eng.Ing, e vou tirar um mestrado em Gestao.
    Realmente a junção publica é importância aos canudos, é por isso que esta como esta... mas isso é outro assunto.

    Eu nao vejo diferença nenhuma, nem ca dentro nem la fora. Acho que a XP predomina sempre, este a minha leitura de mercado.
     
  16. DeepSide

    DeepSide Power Member

    Eu tenho 4 anos de XP e tenho lacunas!! Menos de quando comecei.
    pmcs1 sem medo.... Avança
     
  17. DropV

    DropV Power Member

    Da minha pouca experiencia (cerca de 3 anos) , os anos podem não querer dizer nada.. Já trabalhei com pessoas com 10 anos ou mais de XP em que não notava diferença alguma para o meu conhecimento, pelo contrário. Por outro lado, também já trabalhei com pessoas com 1 ano de XP com um conhecimento bastante bom.
     
  18. Acho que vou para Viana do Castelo, tenho boas referências de pessoas que andam ou já andaram lá. Além disso penso que no final do curso será melhor para estagiar e arranjar emprego no norte.
     
  19. Então... Alguém pode explicar-me exatamente o que é uma certificação (por exemplo, certificação CISCO), para que serve, como contribui para o currículo e como é possível obter...?
    Devo começar esse ano a licenciatura em Engenharia Informática no ISCTE. Em questão de salários, vale a pena tirar também o mestrado? As certificações ajudam a subir o salário?
    Obrigado desde já...
     
  20. Boas,
    Acabei agora o 12º e chegou o momento da candidatura ao ensino superior. Tenho já uma ideia muito sólida das minhas opções e agora que já sei exatamente as minhas notas queria tirar as minhas últimas dúvidas.
    Acabei o secundário com média de 153 (Ex matemática A - 138/Ex FQ- 122) e estava a pensar em pôr em primeira opção Eng de telecomunicações e informática no ISCTE.
    Estou a pensar neste curso pois os meus interesses estão virados tanto para Hardware como para Software e não conheço nenhum curso que envolva ambos os ramos melhor do que este . Estou certo? Alguma sugestão ?
    Outra das minhas dúvidas é a faculdade, sei que o ISCTE é reconhecido na área da economia e gestão mas quanto às engenharias não sei se tem reconhecimento ou um curso de qualidade. O que é que acham ?
    Sei que também existe o curso no técnico mas tenho um bocado de medo [​IMG]
    Cumps
     

Partilhar esta Página