1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

I. Móvel Estudo europeu coloca Portugal em destaque na cobertura de banda larga

Discussão em 'ISPs' iniciada por jota x300, 22 de Fevereiro de 2013. (Respostas: 0; Visualizações: 751)

  1. jota x300

    jota x300 Power Member

    Um estudo divulgado pela Comissão Europeia esta semana revela que as ligações de banda larga cobrem 95,7% dos lares europeus. Sem acesso à tecnologia estavam no final de 2011, altura a que reportam os dados, 9,1 milhões de europeus.

    Entre os lares que ainda não estão cobertos por infraestruturas de banda larga 90% estão em zonas rurais. Nestas regiões, ainda assim 78,4% das casas estão cobertas pelo menos por uma ligação de banda larga. Também aqui o domínio é do DSL que cobre 72,4% da população em zonas rurais. As redes de nova geração já cobrem 12% das casas em zonas rurais.

    Em termos globais as redes de nova geração estão disponíveis para 50,1% dos lares europeus. Portugal posiciona-se muito acima desta média com uma cobertura superior a 70% da população com acesso a redes de nova geração, número que desce para perto dos 40% nas zonas rurais, mas que se mantém à frente da média europeia.

    Ainda em relação à fibra, os dados europeus mostram que os países com maior cobertura da tecnologia eram no final de 2011 a Holanda, Malta e Bélgica. Portugal estava muito perto deste top 3, agarrando a 5ª posição da tabela. Na cauda estavam Chipre, Itália e Grécia.

    Portugal está igualmente entre os países com maior cobertura da Europa no que se refere a outras tecnologias de banda larga. Integra a lista de oito países onde a banda larga está disponível em 100% do território.

    Os mesmos dados também mostram que o DSL continua a ser a tecnologia mais usada na Europa, garantindo uma cobertura de 92,3% dos lares europeus. O cabo é a segunda tecnologia, com infraestrutura acessível a 42% dos lares. No móvel destaca-se o HSPA que já está disponível em 94,9% do território.

    Os números são baixos nas tecnologias com maior capacidade de débito. Nas ligações com capacidade para oferecer mais de 30 Mbps o domínio é da tecnologia Docsis 3.0, usada sobre as redes de cabo. Esta tecnologia já cobre 36,6% da população.

    Todos os dados compilados no estudo europeu referem-se ao final de 2011. Note-se que a cobertura de banda larga referida indica o número de casas passadas (nas tecnologias de acesso fixo) ou zonas cobertas (no caso das tecnologias sem fios). Os números de utilizadores efetivos de cada uma das tecnologias são diferentes.

    LINK!
     

Partilhar esta Página