1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

"Everyone sees developing for the PlayStation 3 as a risk." - 2ª TENTATIVA

Discussão em 'PlayStation' iniciada por ToTTenTranz, 17 de Julho de 2006. (Respostas: 14; Visualizações: 1415)

  1. ToTTenTranz

    ToTTenTranz Power Member

    fonte: kotaku



     
  2. Korben_Dallas

    Korben_Dallas Zwame Advisor

    Opiniões internas nunca saberemos. Nunca virá a público uma discórdia sobre a PS3 dentro da própria empresa. Resta a cada um acreditar ou não na notícia.

    Que os custos de desenvolvimento para esta geração serão superiores toda a gente sabe e acho que não é preciso muito para ver que nesse campo a PS3 pode partir em desvantagem tendo em conta que:

    - A X360 tem como base o XNA/DirectX e "peca" apenas por ser multiprocessador e multicore apesar de ainda assim baseado em tecnologia conhecida
    - A Wii seguirá os passos da GC e o desafio será mais a adaptação dos jogos ao comando e não própriamente processamento gráfico

    No entanto como em tudo só o tempo dirá como será a aceitação de mercado, o preço dos jogos e as opiniões de developers.
     
  3. ToTTenTranz

    ToTTenTranz Power Member


    Hum.. podemos vir a saber.. não deve é ser tão cedo. Para essas coisas se saberem basta que um gajo seja despedido e fique ressabiado com isso, a ponto de dar a cara e contar o que aconteceu realmente.

    Basta ver este exemplo: http://www.techzonept.com/showthread.php?t=98726
     
  4. blastarr

    blastarr Power Member


    É, mas esse tipo deu uma entrevista... 10 anos depois de sair de lá.
    Eles normalmente assinam cláusulas de não-competição válidas mesmo num período após a saída da empresa.

    Com aquele empregado da MS, o Kai-Fu Lee, foi a mesma coisa.
    Era cientista de renome na MS, mas quando foi para o Google não podia aproveitar nada do que fizera na MS para continuar o seu trabalho.
    Trade secret.
     
    Última edição: 17 de Julho de 2006
  5. Korben_Dallas

    Korben_Dallas Zwame Advisor

    Exacto... e gajos ressabiados normalmente não têm muita credibilidade :wvsore:

    Acho que se há discórdia e piorar veremos isso através da posição do Kutaragi na empresa...
     
  6. vitorchapas

    vitorchapas Power Member

    Eu nao devia falar sobre os posts da 1º thread deste assunto mas, sem lançar guerra, ca vai...
    Esta noticia ,obviamente, nao vem falar mal da sony nem da ps3, vem sim constatar o obvio... Tecnologia nova, novo investimento. è normal que as pequenas empresas nao estejam dispostas a comprar kits de desenvolvimento a preços astronomicos(?) para terem a infelicidade de criar um jogoo que cai em desgraça. Essa historia de os bons jogos serem dinheiro em caixa esta correcta, mas nem todos os jogos sao bons por mt que os developers se esforcem.
     
  7. Crusher

    Crusher Power Member

    Mas isto dos preços astronómicos será só de início?
     
  8. blastarr

    blastarr Power Member

    Ele esteve para ser o CEO da Sony, mas o conselho de administração não atendeu às pressões e nomeou o Howard Stringer.
    Mesmo assim ele continua com bastante poder dentro da empresa.
    Acho que já era tempo de ele se reformar, de vez em quando parece que não tem noção do mercado e de como se deve ter uma posição semi-reservada no seio da empresa se se quer progredir até ao topo no complexo mundo dos negócios e mentalidade japoneses...

    O Stringer foi de certa forma colocado no poleiro como contrapartida exigida para comprar a Columbia/Tristar já há alguns anos.
    Afinal, ele é um homem dos media, ex-presidente da CBS, filial da Viacom.

    Acho que é isto, combinado com a "rédea semi-solta" do Kutaragi, que está a criar estes problemas.
    Ter uma liderança "tri-céfala" (uma em Hollywood, duas no Japão) numa empresa deste tamanho nem sempre resulta.


    A meu ver, como pequeno investidor (não na Sony, mas conheço mais ou menos o meio), o que a Sony precisa é de uma operação de rejuvenescimento "top-to-bottom", à semelhança da Samsung nos anos 90, ou da transformação da velha Goldstar na "nova" LG.
    A tecnologia está lá, as imagens de marca mais célebres estão lá, os conteúdos estão lá.
    Só falta quem pegue naquilo com vontade real de mudança.
     
  9. abc

    abc [email protected] Member

    Esta notícia só vem ao encontro daquilo que disse na thread dos yields do Cell. Novidades são sempre boas, mas revoluções raramente são vistas com bons olhos no mundo dos negócios e da tecnologia mainstream. Um processador que ninguém conhece muito bem, custos de produção altíssimos, tecnologias muito novas ou sem expressão (o Blue-Ray e o HDMI) que raramente cativam os consumidores em estados primários de implantação, etc. A somar a isto temos as outras "revoluções" (BetaMAX, Trinitron, MiniDisc, etc) que a Sony tentou implementar no passado e que são flops históricos não só na história da Sony como na história das tecnologias de consumo. Tudo isto não cria confiança nos investidores e muito menos nos developers (que acabam por ser investidores indirectos uma vez que investem largas somas (então neste caso...) em formação, tempo, empregados, equipamento, estruturas logísticas, etc para developing num sistema).

    Depois da morte do Akio Morita em 1999, esperou-se muito no mercado uma renovação ao estilo da que o Blastarr referiu, uma vez que ele era considerado o principal responsável dos míticos flops da Sony por insistir em investir milhões nesses projectos apesar de estarem condenados à priori por serem muito dispendiosos e não virem a ter procura suficiente para cobrir os custos de desenvolvimento (apesar da sua superioridade tecnológica).

    EDIT:

    Já agora ponho aqui:

    BetaMAX vs VHS - Vencedor: VHS (apesar de bastante inferior tecnologicamente mas muito mais barato)

    Trinitron vs CRT Concencional - Vencedor: CRT Convencional (apesar da superioridade do Trinitron, os custos elevadíssimos de produção devidos aos processos complexos necessários para produção dos sistemas sofisticados de correcção de curvatura bem como a morosidade do desenvolvimento, fez que os LCDs estivessem a ver a luz do dia quando o Trinitron atingiu a maturidade completa (WEGA) sem falar nos CRT pseudo flat da LG e Samsung que na práctica são iguais mas mais leves, mais baratos)

    MiniDisc vs CD - Vencedor: CD (apesar do MiniDisc ser mais pequeno, muito mais versátil que os CDs, o preço exorbitante dos mesmos a somar à necessidade de um stereo Sony com MiniDisc mais o surgimento do mp3 levaram o MiniDisc a ser apenas mais uma coisa cara e relativamente inútil)

    Quando a Play Station original por incrível que pareça, foi considerada um refresh na atitude habitual da Sony nos mercados e pensava-se que a postura inteligente, arrojada mas sem cair em megalomanias que tiveram com esses produtos fosse um espelho do futuro até porque o peso do Morita na empresa estava diminuido pelos flops repetidos e por problemas de saúde.

    Curiosamente o Kutaragi lembra a todos o Morita, e apesar do mega sucesso PS2 (que os analistas justificam ter sido possível por causa do grande impulso da PS e por demérito da concorrência e não por mérito da PS2 em si) não é preciso ter boa memória para lembrar os fracassos catastróficos da Sony nas tecnologias de consumo e a PS3 parece reunir muitos dos factores que no passado foram responsáveis por estes fracassos. A PS2 entrou num mercado bem mais espaçoso que o actual e neste momento a Nintendo e Microsoft estão aguerridas em ter a sua parte no bolo. A PS3 vai entrar tardiamente num mercado onde já existe X-BOX 360 há imenso tempo a um preço bem mais simpático, e vai ser lançada mais ou menos a par com a consola da Nintendo que custará sensivelmente metade e há que sublinhar que o preço da PS3 é exorbitante (em termos absolutos).

    Por tudo isto e muito mais que desconheço, é natural que haja receio de investir seja o que for nesta consola de que em concreto pouco se sabe mas apenas se fala e especula. Os investidores devem ser ousados, mas ninguém gosta de dar passos na completa escuridão. Quando a consola vir a luz do dia e se tiver o lançamento bem sucedido que a Sony espera que tenha, aí sim acho que não vão faltar investidores, developers, etc. Caso Contrário diria que a Sony está em maus lençóis.
     
    Última edição: 18 de Julho de 2006
  10. Kursk_crash

    Kursk_crash Banido

    Agora gostei de ler o teu post... sim senhor...

    :cool: :cool:
     
  11. alph

    alph Power Member

    Convenceu-me. :) Tenho um Minidisc. :(

    Bom post!
     
  12. Blue_Ray

    Blue_Ray Power Member

    O problema aqui é o que toda agente já sabe: a PS3 é mais potente em termos de hardware que a Xbox360 e a Wii, a resposta é sem duvida, mas o harware que a compoe é novo, revolucionario e tambem mais complicado, dai que as alternativas pareçam mais faceis de programar e obter resultados semelhantes ou proximos com menos esforço.

    o que a sony deve fazer é tentar apoiar, formar os Devs e fornece-lhes as ferramentas certas, isto constantemente e nao atirar-lhes devkits para as maos com pilhas de manuais e agora desenrrasquem-se.

    a xbox passou/esta a passar pelo mesmo processo, assim como a nintendo wii tambem vai passar, o que é preciso é habituarem-se.



    Ainda me lembro de a uns anos atras ler uma entrevista a um dev( o criador do shenmue, nao sei o nome) queixar-se que a geraçao actual de hardware nao dava para o que ele queria, entao cria-se hardware novo e mais potente e é so queixas. nao se pode ter tudo!
     
  13. Ridley

    Ridley Power Member

    Em relação a Wii nem tanto já que o desenvolvimento é semelhante à GC, até agora não vi ninguém a queixar-se.
     
  14. nothing

    nothing Power Member

    Se existem departamentos dentro da Sony que vejam a PS3 apenas como uma máquina de jogos, então precisam de abrir os olhos.

    Além disso, não cabe ao departamento x ou y ter reservas sobre o modo de como os consumidores possam ver o produto. Os gajos de marketing estão lá para isso.

    Em relação à 2ª parte do artigo, é mau e irá atingir pequenas e médias game houses. De qualquer modo, estamos a 4 meses da suposta saída da consola e está tudo muito nublado. Penso que nesta altura já deveriam estar mais clarificadas muitas coisas sobre a PS3. Ou isto é tudo uma dose enorme de FUD, ou a Sony conseguiu realmente blindar a consola ou então qualquer coisa vai mal.
     
    Última edição: 18 de Julho de 2006
  15. ToTTenTranz

    ToTTenTranz Power Member

    Uma maneira de evitar este problema dos developers era alugar a um preço barato os dev-kits aos pequenos/médios developers.

    Se o jogo vingasse, então o developer teria dinheiro suficiente para completar a compra dos dev-kits. Se não vingasse, devolvia os dev-kits e tentava a sua sorte no futuro (ou noutra plataforma).
     

Partilhar esta Página