1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Fim de linha para Pentium 4 de 130 nm

Discussão em 'Novidades Hardware PC' iniciada por RavenMaster, 24 de Novembro de 2004. (Respostas: 5; Visualizações: 942)

  1. RavenMaster

    RavenMaster Power Member

    o regresso dos soquetes :D

    "A Intel avisou aos seus parceiros que, a partir de 19 de março de 2005, não aceitará mais encomendas de processadores Pentium 4 de 2,8 GHz, 3 GHz, 3,2 GHz e 3,4 GHz produzidos em 130 nanômetros (soquete 478). Esses chips têm barramento externo de 800 MHz, 512 KB de cache L2 e suporte à tecnologia Hyper-Threading. As últimas unidades deverão ser entregues até junho de 2005.
    A aposentadoria dos chips é mais um movimento da Intel para acelerar a adoção dos Pentium 4 de 90 nanômetros. Em Taiwan, fabricantes de placas-mãe reclamam da escassez de chipsets i845 e i865, que ainda representam 80% das vendas, em uma suposta manobra para favorecer as novas plataformas i915 e i925, voltadas principalmente a processadores de 90 nanômetros e soquete 775."

    link
     
  2. mavatar

    mavatar Power Member

    Eu sabia que a intel também fazia alguma coisa de jeito!!! :-D
    Agora é baixar preços no soquete 478, :009:
     
  3. fish

    fish Power Member

    até acho que 19 de março é mto tempo
     
  4. fromao

    fromao Power Member

    há que andar para a frente... e deixar o passado para trás, além disso é normal que a intel queira rentabilizar ao máximo os investimentos que faz em novas tecnologias.
     
  5. Zealot

    Zealot I quit My Job for Folding

    O problema é que os Pentium 4 a 90 nm fazem throttle muito facilmente numa torre de um utilizador comum. Essa é que é essa!
     
  6. Mephisto

    Mephisto Banido

    O problema está em quem monta os respectivos computadores e não no user comum que compra o Pc montado por terceiros.
    Não está no cpu...
     

Partilhar esta Página