1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Fotografia estúdio

Discussão em 'Fotografia e Vídeo' iniciada por tomassantos, 19 de Fevereiro de 2009. (Respostas: 32; Visualizações: 3840)

  1. tomassantos

    tomassantos To fold or to FOLD?

    .
     
    Última edição: 5 de Dezembro de 2012
  2. Ra7or

    Ra7or Mestre BOINC

    Na minha opinião, e é o que irei certamente fazer, vou optar por uma caixa de luz com lâmpadas fluorescente com boa luminosidade. Não me vale de grande coisa o flash se não tiver um bom sitio para fotografar, mas isto sou eu que preciso mesmo de uma caixa de luz.
     
  3. arkannis

    arkannis Power Member

    Não vais longe com esses candeeiros.
    É muito pouco para o efeito.
     
  4. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Não tenhas ilusões. A foto tem sombras e luzes especulares fortes, que vão continuar lá, seja com que flash for. A forma de resolver isso não passa tanto pela potência, mas sim pelo aumento do tamanho da fonte de luz. E quando digo aumento não falo dos 2cm do flash da máquina VS os 4cm de um flash de sapata, falo dos 2cm do flash da máquina VS uns 30 ou 40cm de uma softbox, ou neste caso, parede da tenda de luz.

    Portanto, se o teu objectivo é melhorar as fotos de "coisas" pequenas, então compra a caixa de luz. Ainda por cima são coisas estáticas e pequenas, por isso não tens grandes razões para precisar de potência/flash (a menos que andes a fotografar sem tripé).

    Já agora, ainda em relação a potências, mas desta vez luz contínua, se estás a fotografar coisas que não se mexem, que diferença faz usar exposições de 1/5 ou exposições de 5s? Nenhuma. Por isso desde que as luzes que usares sejam claramente mais fortes que qualquer outra luz existente (que podes sempre apagar, a menos que seja sol por uma janela), servem perfeitamente.
     
  5. Quin@

    Quin@ Power Member

    Boas,

    Tb tenho uma D40 experimentei fazer o mesmo que tu, mas utilizando um flash antigo da máquina do meu pai, o nikon sb-22!
    Utilizei exactamente a mesma técnica que tu, apenas usei 4 folhas A4. Se me permites o resultado foi este:

    [​IMG]

    Se quiseres que retire a imagem é só dizeres.
    Abraço
     
    Última edição: 20 de Fevereiro de 2009
  6. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Sim, as sombras por baixo da objectiva no papel. Estão presentes e são duras.

    Sim, umas luzes rascas servem. Só precisam ter a potência suficiente para não teres que fazer exposições de meia hora.

    Sim, há. Fazendo as coisas bem, creio que é possível eliminar quase na totalidade aquelas sombras, assim como aqueles reflexos e luzes especulares.
     
  7. Quin@

    Quin@ Power Member

    Sorry fui eu que me enganei, a que tenho é a D40!
     
  8. ruimoura

    ruimoura Power Member

    Foto tirada com o sb-600 montado na D90, voltado para trás e para o tecto (para compensar a inclinação de cerca de 45 graus em relação aos objectos), com compensação de +1EV (os objectos estão em cima de uma simples mesa branca)

    [​IMG]

    Uns retoques rápidos no Capture NX, com 3 pontos de controlo, e tenho um estúdio para fotos de objectos não muito grandes ... sem na realidade ter estúdio :)

    Quero com isto tudo dizer que o flash é um must, não há hipóteses, nem volta a dar. A caixa de luz de nada te serve sem ... luz. Uma boa caixa de luz e um flash é o ideal (com dois flashes é o paraíso).
     
  9. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Ia agora mesmo tirar uma foto para demonstrar isso. :) Essa é a terceira hipótese e sem dúvida a melhor (excepto nos reflexos, visto que o espaço envolvente não é todo liso e branco como na tenda), mas é a solução mais cara (e a melhor!!!). Para fazer isso em condições o flash tem que ter uma cabeça articulada e ser minimamente potente, portanto já não estamos a falar de um flash baratinho.
     
  10. ruimoura

    ruimoura Power Member

    Sim, exactamente, já tem que ser um flash em condições, senão não vale a pena.
     
  11. mundano

    mundano Power Member

    Isso é tudo muito bonito enquanto estão a fotografar coisas com aspecto pouco brilhante... Apesar das sombras super duras de alguns testes, os resultados até são porreiros..

    Agora, se fotografarem por exemplo joalharia, vidro, relogios, fracos de perfume, ou coisas que em geral reflectem imenso, sem uma softbox fica dificil controlar o que aparece ou não reflectido nos objectos..


    Quanto aos flashes, sinceramente, para projectos caseiros isso dispensa-se bem.. Desde que tenham um tripé, se tiverem menos luz aumentam o tempo de exposição e pronto.. Dois ou tres suportes articulados e duas ou tres lampadas "economicas" e está feito. A unica coisa que convem garantir é que as lampadas são todas da mesma marca para não terem diferenças de cor, porque há lampadas que vão desde os 3500K (tons quentes/luz amarelada) até aos 6500K (luz do dia/branco frio), e ter temperaturas de cor diferentes no setup torna a afinação do WB um pincel.. Além com meios caseiros que qualquer um tem à disposição, torna-se mais flexivel usar lampadas do que usar flash no posicionamento das fontes de luz, permitindo um maior controlo.. E pode-se sempre se for necessario meter mais uma luz aqui ou ali, nem que seja só para fazer um reflexo interessante num objecto qualquer, sem grande custo extra.. Um flash extra ainda é um investimento pesado.
     
  12. ruimoura

    ruimoura Power Member

    É um ponto de vista :)

    Por outro lado, um caixa de luz custa dinheiro (sempre se pode fazer uma), as luzes custam dinheiro e o tripé também custa dinheiro. Não custará metade de um SB-600, tudo junto, mas não anda longe (apontando para um tripé minimamente decente).

    E depois a parte em que isso tudo "vai dar uma granda volta", enquanto que com o flash meto o artigo em cima da mesa (ou uma cartolina branca), aponto o flash para o tecto e siga a festa. E quem o puder usar fora da máquina ainda tem um pouco mais de flexibilidade. Para não falar que serve para muitas outras coisas, enquanto que a caixa de luz serve somente para o que serve :)

    Mas sim, claro que o investimento num (bom) flash é alto, a questão é que já não tenho dúvidas que é dinheiro bem melhor gasto do que noutra coisa qualquer :) (antes de o ter também andava com aquela coisa de "ah e tal tanto dinheiro e depois não o sei usar").
     
  13. strobe

    strobe Moderador
    Staff Member

    Também concordo que para coisas paradas é capaz de ser melhor usar vários pontos de luz (mesmo que sejam candeeiros) e um tripé do que usar um só flash. Os candeeiros dão luz continua, pelo que é mais fácil ajustar as sombras e os reflexos.

    O mundano também apontou num problema importante: a temperatura da luz pode não ser homogénea quando se usam lâmpadas. Como há variações grandes, diria que se deveriam usar lâmpadas do mesmo modelo, da mesma marca e se possível do mesmo lote.

    Se é mesmo _só_ para fotografar objectos para catálogo, a caixa de luz é a solução mais simples e barata. Mas evidentemente que um flash é muito mais versátil (embora para esta aplicação pode exigir um pouco mais de trabalho).

    Quanto ao preço das caixas de luz, no ebay há delas tão baratas que praticamente não compensa fazer uma, para já não falar que as DIY são muito menos convenientes e frágeis.
     
  14. Warlord

    Warlord [email protected] Member

    axo k um bom flash nao substitui uma caixa de luz para fotografia de catalogo. (se tiveres alguns acessorios para o flash ai as coisas mudam de figura, mas sao mais custos associados)

    creio k com uma caixa de luz e umas lampadas consigas obter melhores resultados por uma fraccao do preco. mas sem duvida alguma um flash e mais versatil, a kestao aki e se o OP so ker mesmo fotografar objectos de catalogo ou tenciona fazer outras coisas.
     
  15. Ra7or

    Ra7or Mestre BOINC

    Eu também sou a favor do flash(shesss), mas o preço ultrapassa em muito o de uma barraquinha e boa iluminação fluorescente, além de que fotografar uma Full Tower com um flash não é a mesma coisa que tirar fotos a uma lente numa folha de papel. Acho que depende muito do que vamos fotografar, mas barraca e flash com mais uns artificios era um luxo:002:
     
  16. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Tendo em conta que o meu quarto e garagem têm todas as paredes brancas, fotografar uma full tower é canja, só preciso do flash e uma base branca com tamanho suficiente. :p
     
  17. Ra7or

    Ra7or Mestre BOINC

    Pois consegues, a questão é que é preciso um orçamento muito superior, além de que seria essencial alguns reflectores para poder reduzir as sombras em caixas que tenham certos pormenores no exterior.
     
  18. Warlord

    Warlord [email protected] Member

    o ideal (como ja foi dito) seria a caixa de luz e flash (fora da makina)
     
  19. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Em teoria só precisas de potência. Lembra-te que acaba por ser o mesmo que uma caixa de luz, mas em vez de ter 80cm tem 5m. ;) E outra coisa, quanto maior a distância da fonte de luz (parede), menos contraste tens entre highlights e sombras.
     
  20. mundano

    mundano Power Member

    Eu acho que estão a centrar a questão na potência da luz e não no essencial, que é a qualidade da luz.

    Eu acho que um bom flash ttl como o sb600 é um investimento excelente.. E quem pensa tirar fotografias em interiores devia obrigatoriamente ter um.

    Agora, o problema é que para fotografia de catálogo uma fonte de luz, mesmo que disparada contra o tecto para ser tão difusã quanto possível, é insuficiente. Duas fontes de luz parece-me o mínimo dos mínimos e 3 será o ideal em muitas situações.

    E é certo que 3 flashes manuais com 3 disparadores por simpatia, mais 3 tripés para os flashes não leva ninguém à falência. Mas para pequenos objectos podemos fazer a festa com 50 euros. Basta comprar uma softbox por 15 ou 20 euros. No supermercado com 15 ou 20 compram 3 lâmpadas e nos chineses arranjam daqueles candeeiros de escritório com braço articulado por outro tanto. Se não tiverem tripé um banco e um saco de feijões faz o truque.. E ficam com todo o controlo sobre o tipo de iluminação que querem fazer, ao contrário em que podem fazer só com um flash, e sem terem que vender um rim para comprar equipamento..

    Isto tudo assumindo que a idéia é fotografar umas brincadeiras e como tal não vale a pena fazer investimentos de profissional..
     

Partilhar esta Página