1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

Gam3r entrevista Sandra Páscoa

Discussão em 'Jogos - Discussão Geral' iniciada por ^Trigun^, 11 de Outubro de 2007. (Respostas: 4; Visualizações: 825)

  1. ^Trigun^

    ^Trigun^ Power Member

    Numa altura decisiva para o futuro da Playstation 3, o Gam3r falou com Sandra Páscoa, gestora de produto da Sony em Portugal.

    Nesta entrevista ficámos a saber que até ao momento há 30.000 PS3 vendidas em Portugal, mas que a Sony espera chegar às 100.000 unidades até ao fim do ano. São esperadas muitas vendas para a nova PS3 de 40 GB, não estando ainda planeado o lançamento de outro modelo com maior capacidade. Sandra Páscoa alinha com o discurso oficial da Sony dizendo que a PS3 de 40 GB responde às necessidades dos consumidores europeus.

    Sobre a velhinha Playstation 2, Sandra Páscoa diz que está de boa saúde e recomenda-se como entrada no mundo dos videojogos. Há muitos lançamentos ainda previstos para a PS2. A passagem para a nova geração é um desafio que não considera dificil, mas sim aliciante. A Sony acredita que está no caminho certo, e nós também, obrigado Sandra.

    Clica em "Ler mais" para ver a entrevista completa.

    Fala-nos um pouco sobre o teu percurso profissional, como é que uma mulher chega a uma posição de destaque no mundo dos videojogos, tradicionalmente dominado por homens?

    Tal como a maioria das pessoas da minha geração, fui uma verdadeira aficionada do Spectrum. Passava tardes naquilo. Depois veio a adolescência e a vontade de sair de casa com os amigos e desinteressei-me dos videojogos. Tirei a licenciatura em comunicação social com a ideia de ser jornalista. A minha experiência profissional é maioritariamente na área do jornalismo e comunicação. Depois de uma pós-graduação em marketing management, começou-me a seduzir também a área do marketing. Trabalhava num jornal quando me foi feito o desafio de candidatar-me a este cargo. Foi um muito feliz acaso. Confesso que para mim os videojogos eram um universo desconhecido. Só depois de começar a trabalhar na PlayStation comecei verdadeiramente a jogar.

    Qual é o jogo que te fez passar mais tempo agarrada à Playstation 3?

    Até agora , foi o MotorStorm, por culpa das corridas online. Comecei agora o Heavenly Sword, que só tinha jogado aos poucos na empresa.

    Depois de um lançamento de sucesso em Portugal, como correu o resto do ano e quais são as metas para as vendas da PS3 até ao Natal?

    A PlayStation3 tem até à data 30 mil unidades vendidas em Portugal. Com a descida de preco e lançamento do novo modelo de 40 GB a 399 € esperamos ter 100 mil PS3 vendidas até ao final do ano.

    A Sony apostou forte numa PS3 de 40G mais acessível a 399€ e anunciou o fim da actual versão de 60G. Os consumidores mais exigentes podem esperar em breve um novo modelo mais caro com um disco maior, mais USBs, etc... ?

    Procuramos sempre ouvir a voz dos consumidores e responder às suas necessidades e desejos. No entanto, enquanto não decidirmos introduzir modelos alternativos consideramos que o modelo de 40GB responde às necessidades dos utilizadores dos territórios da SCEE. Os consumidores mais exigentes podem ainda adquirir o Starter Pack que está no mercado, que inclui a PS3 de 60 Gb.

    Tem sido dificil gerir esta passagem para uma nova geração da Playstation?

    É um desafio que agarramos com muita determinação e certos de que este é o caminho correcto. A PlayStation3 é um passo no sentido da democratização da alta definição, da interactividade, da globalidade. Significa também a entrada definitiva no mundo online, não só a nível de jogo, mas de entretenimento, no sentido mais lato. Não é difícil de gerir, é, sobretudo, muito aliciante poder estar no seio desta transformação.

    A PS2 vai continuar a ser a maior rival da PS3 até quando? Não há planos para "matar" a geração anterior?

    A PlayStation2 está de boa saúde, a vender bem, e continua a ser uma óptima opção de entrada para o mundo dos videojogos, para quem não tem possibilidade de aceder já à nova geração. Além de um line up de jogos gigantesco, estão previstos ainda muitos lançamentos para a PlayStation2, incluindo ao nível do social gaming.

    A Playstation Store europeia e a portuguesa em particular recebe muito menos conteúdo que a PS Store americana, porque é que isto acontece e quando irá mudar?

    Como é público, a Sony Computer Entertainment tem adoptado uma estratégia que passa pela crescente localização de conteúdos em português. O XMB da PS3 está todo em português de Portugal, tal como fizemos questão de lançar a PlayStation Store em português. Esta localização obriga a que seja necessário um trabalho de adaptação e tradução que acaba por resultar num atraso na disponibilização de conteúdos, relativamente a outras lojas europeias. Já o facto de a loja americana apresentar conteúdos diferentes da loja europeia, deve-se a line ups de lançamentos diferentes, também com diferentes timmings.

    A Sony aposta cada vez mais no software, é possível que siga os passos da SEGA e não crie mais nenhuma consola?

    Não há qualquer plano nesse sentido.

    Os jogos iniciais da Sony para a PS3 eram mais baratos que os das outras editoras, essa politica acabou a partir de Heavenly Sword?

    Os jogos são fixados a nível europeu e definidos título a título.

    O portugueses estão a aderir às compras online via PS Store?

    Sim. Temos tido números interessantes.

    A guerra dos formatos de alta definição já tem algum fim à vista?

    Além de reunir maior número de apoiantes na indústria que o formato concorrente, o Blu-ray começa a definir-se como o formato de alta definição também para os retalhistas. No início do verão a Blockbuster tomou a decisão estratégica de apoiar o Blu-ray como formato de alta definição do futuro. Mais recentemente, a maior cadeia de retalho na Holanda assumiu a mesma posição, cedendo ao Blu-ray o título de sucessor directo do DVD e privilegiando a sua exposição nas lojas.

    E a PS3 necessita duma vitória do Blu-Ray para atrair mais gente?

    A PS3 é, isso sim, a grande impulsionadora do Blu-ray.



    E agora umas perguntas de resposta rápida:

    Lisboa ou Porto? Lisboa

    Verão ou Inverno? Verão

    Scolari ou Mourinho? Scolari

    Singstar ou Buzz ? Singstar

    Benfica ou Sporting? Benfica!

    Lara Croft ou Nariko? Nariko

    Vodka ou Whisky? Vodka



    E terminou assim a nossa entrevista onde ficámos a saber alguns dados interessantes sobre a situação da Playstation 3 em Portugal, e descobrimos que a Sandra partilha o nosso amor pelo Spectrum e faz escolhas futebolistiscas muito duvidosas.
    Muito obrigado Sandra, e até uma próxima conversa.


    Link da notícia: http://www.gam3r.net/noticias/playstation/entrevista-com-sandra-pascoa.html
     
  2. timber

    timber Zwame Advisor

    Que perguntas da treta
     
  3. ]cool[

    ]cool[ [email protected] Member

    Depois desta pergunta e respectiva resposta era mais que certo que tipo de entrevista ia ser.

    Fikem bem!
     
  4. JDaman

    JDaman Power Member

    Social Gaming??? Não se costuma dizer Casual Gaming? Tragam antes a Ana Gonçalves da Concentra que a nível de jogos sabe bem mais do que esta senhora formada em Comunicação Social. Quanto a isso tens razão timber fizeram-lhe umas pereguntaas que até o meu primo de 8 anos respondia facilmente (e estúpidas também).

    Off-Topic: Isto de mulheres na chefia das distribuidoras de jogos em Portugal, está a começar a ser moda. Algumas até têm bom corpinho mas há outra como a da EA que são pé de chumbo autêntico. Ups. Isto devia-se falar na Secção Babes.

    Fiquem Bem.
     
  5. azeiteiro

    azeiteiro Power Member

    por acaso... ela é boa?
     

Partilhar esta Página