1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Análise Gskill Falcon 64 GB

Discussão em 'Análises, Artigos e Guias' iniciada por JPgod, 16 de Julho de 2009. (Respostas: 12; Visualizações: 3650)

  1. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Autores: João Godinho (JPgod)
    Produto: Gskill Falcon 64 GB (FM-25S2S-64GBF1)
    Data : 17-07-2009



    ZWAME Análise

    [​IMG]

    Especificações

    Links

    Site Oficial
    The SSD anthology by anandtech

    Fotografias

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

    [​IMG][​IMG]

     
    Última edição: 17 de Julho de 2009
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Testes sintéticos - 1ª parte

    Info

    Começando pelos testes sintéticos, utilizando o disco como disco de armazenamento. Isso evita a influência do sistema operativo, alem porque muitos dos testes implica a destruição completa de quaisquer dados armazenados.

    Test Bed

    HDtach

    Gskill
    [​IMG]

    Mushkin
    [​IMG]

    Intel
    [​IMG]

    O gskill já chegou as minhas mãos com rodagem, por isso perdeu performance comparando com o mushkin e o intel. De notar que foi feito um trim antes de começar os testes.

    HDtune

    Gskill
    [​IMG]

    Mushkin
    [​IMG]

    Intel
    [​IMG]

    Resultado semelhante ao HDtach.

    ATTO disk benchmark

    Gskill
    [​IMG]

    Mushkin
    [​IMG]

    Intel
    [​IMG]

    No que toca a leitura, o Gskill perde para ambos os outros SSD's, mas ganha ao Mushkin em escrita, embora neste campo a tecnologia SLC da Intel é simplesmente demolidora.

    crystaldisk

    Gskill
    [​IMG]

    Mushkin
    [​IMG]

    Intel
    [​IMG]

    O resultado do atto repete.se com o crystaldiskmark, com o gskill a ganhar ao mushkin em escrita, mas perder na leitura. Provavelmente o uso de 2 controladoras no mushkin deu-lhe alguma vantágem.

    Ficheiros - resumo

    Aqui temos testes com ficheiros, efectuados directamente no windows explorer, portanto um teste mais prático para o dia-a-dia. É sempre utilizado o mesmo conjunto de ficheiros.

    Método dos testes
    Escrita: Copiar ficheiros do disco rígido para o SSD
    Leitura: Copiar ficheiros do SSD para o disco rígido
    Cópia: Duplicar ficheiros dentro do SSD
    Os números entre parênteses indica o nº de ficheiros envolvidos.
    O "rar" indica que foi feito descompressão, utilizando os mesmos samples de 1.1 gb.
    leitura: ficheiro comprimido dentro do SSD e descompressão para o disco rígido
    escrita: ficheiro comprimido dentro do disco rígido e descompressão para o SSD
    cópia: ficheiro comprimido dentro do SSD e descompressão para o próprio.

    Gskill
    [​IMG]

    Mushkin
    [​IMG]

    Intel
    [​IMG]

    Tal como o Mushkin, a performance de escrita deixa algo a desejar, devido ao famoso factor de degradação, especialmente com grandes ficheiros. Com ficheiros de média dimensão é bastante rápido, embora o superfetch do windows ajuda bastante aqui. Em algumas ocasiões, ao copiar o ficheiro de 1100 megas, demorou menos de 5 segundos, pelo o que teve-se que repeti-lo de forma a limpar o "buffer".

    Comparação com o Intel nos testes de ficheiros

    [​IMG]
    Em leitura portou-se bem, praticamente igualando os resultados do Intel. Aqui ambos estão limitados pelo disco mecânico.

    [​IMG]

    No teste de 1100 MB (1 ficheiros e 1300 ficheiros), o Gskill chega a ganhar ao Intel, mas nos outros testes, o Intel simplesmente dá um banho. A explicação é tal como foi dito, o superfetch do windows Vista, alem dos largos 64 MB de cache.

    [​IMG]

    A tecnologia SLC da Intel mais uma vez não dá hipóteses.

    Comparação com o Mushkin nos testes de ficheiros

    [​IMG]

    O Mushkin foi no global ligeiramente mais rápido, mas as diferenças são pequenas.

    [​IMG]
    Nos testes de escrita, tal como na comparação com Intel, ganha largamente nos testes de 1100 mb, empata com 8 gb/4000 ficheiros, mas perde nos outros, especialmente com RAR, que se revelou muito lento.

    [​IMG]

    O Mushkin ganha em quase todos os testes. De lembrar que o Mushkin utiliza 2 controladoras, uma para read e uma para write, que pode ter dado uma pequena vantagem aqui.
     
    Última edição: 17 de Julho de 2009
  3. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Testes sintéticos - 2ª parte

    H2benchw

    Testes com o software h2benchw. Foi comparado com o Mushkin da anterior review (portanto removi o vertex testado pelo nemesis11)

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Aqui o Falcon ganha em todos os testes ao Mushkin, mas a ordem dos testes acabou por penalizar o mushkin. Testei o h2benchw depois do teste de ficheiros, quando a ordem ideal é primeiro correr o h2benchw e só depois o teste de ficheiros. Por outro lado o Mushkin chegou-me as mãos virgem e o Gskill já veio com alguns dias de uso. Entretanto na 2ª parte foi feito um trim depois destes testes todos e imediatamente correu o h2bench, tendo assim uma comparação directa das 2 drivers neste benchmark.

    IOmeter

    Passamos então ao IOmeter, com 4 perfis. Como comparação, entra novamente os dados da review do Mushkin.

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Pequena vantagem para o Falcon, devido ao teste de transferência de dados

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Aqui ganha o Mushkin

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Já aqui o Gskill ganha ao Mushkin

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Mesmo resultado do perfil de base de dados.

     
    Última edição: 19 de Julho de 2009
  4. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    2ª parte - Trim

    Tendo este SSD suporte ao TRIM, vamos ver o impacto do uso do mesmo. O TRIM consistem em simplesmente reiniciar todos as células marcadas para apagar, deixando o SSD supostamente virgem, mas relembrar que o software "wiper" ainda é beta e não é totalmente eficaz.

    HDtune antes do Trim

    [​IMG]
    [​IMG]

    HDtune depois do Trim

    [​IMG]
    [​IMG]

    Estes gráficos são interessantes. A performance de read teve uma pequena melhoria, mas na escrita a velocidade subiu brutalmente. De notar a latência que passou de 1,5 ms para 0,4. Destaco a latência que reflecte na íntegra o grande "calcanhar de aquiles" que a tecnologia dos SSD's actualmente. Quando as células são virgens e tem algo para escrever, é simples, mas quando se apaga, na verdade está a marcar a célula como "por apagar". Só quando escreve novos dados que aquelas células são reiniciadas e aí escreve novamente. Obviamente isso afecta a performance e este benchmark é a prova de tal.

    HDtach antes do Trim

    [​IMG]

    HDtach depois do Trim

    [​IMG]

    Antes do trim, a performance da escrita foi simplesmente desastrosa. Uma média de 25 mb/s não é bom de se ver num SSD. Depois do trim passou para perto de 120 mb/s, uma melhoria próximo dos 500%!

    Felizmente, esse problema tem os dias contados, quer pelo o Windows 7 que vai suportar trim nativamente, bem como a evolução dos SSD's, na qual já se fala em "auto trim" em futuros lançamentos.

    Entretanto, um SSD mesmo com estes problemas derrota largamente qualquer disco mecânico. A recomendação que se deixa por enquanto e sempre que formatarem, correrem o wiper 2x seguidas. Não recomenda-se usarem isso muito por agora sob o risco de corrupção de dados


    h2benchw

    Teste com o HWbench2 ao fim de vários runs e pós trim.

    [​IMG]

    Aqui temos uma situação estranha e que vai contra o que se esperava. Mesmo com 5 execuções, não se notou degradação da performance, pelo contrário a melhorar ligeiramente até o 4º run, depois a cair.

    Depois do Trim, a performance melhorou muito pouco ao contrário do Mushkin da anterior review e o 2º trim não trouxe melhorias, pelo contrário, houve uma pequena queda.

    [​IMG]

    Aqui temos o h2benchw completo, no caso o 1º run antes do Trim e o run depois do 2º Trim e comparação com o SSD (1º run antes do trim)​
     
    Última edição: 19 de Julho de 2009
  5. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Conclusões

    Destaco pela Positiva:

    Destaco pela Negativa:

    Conclusão

    Apesar da velocidade não ter sido a prometida, especialmente o write, esse SSD não desilude. As suas velocidades, combinado com o baixo tempo de acesso são simplesmente demolidores e qualquer sistema vai ganhar nova vida com este SSD.
    Infelizmente depois de testar 2 SSD's baseados na controladora Indilinx, parece que não gostam lá muito de sistemas AMD, mas mesmo assim, qualquer disco mecânico é simplesmente destruido! Fica assim a recomendação máxima da zwame!

    Classificação

    [​IMG]

    Agradecimentos

    A ZWAME agradece ao utilizador V3ctor pela disponibilidade do material para teste.

    Copyright © Zwame, Lda 2009. Reprodução proibida sem autorização prévia.

     
    Última edição: 19 de Julho de 2009
  6. ancinic

    ancinic Banido

    Não me parece tão bom como dizem... Mas vou esperar para ver o fim. O Intel come todos :D
     
  7. horus19

    horus19 Power Member

    Sem duvida.
     
  8. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    A minha opinião é única. Limitados pelo chipset ou não, qualquer SSD deste genero EXPLODE com discos mecanicos, qualquer que seja.

    O intel é um mundo a parte. Com o preço do X25-e 32 GB, compras um falcon de 128 GB ou 2 de 64, raid0 com eles e performance equivalente ou melhor.

    O que espero que o SB800 esteja melhor preparado para SSD's ou então firmware update dos indinix
     
    Última edição: 17 de Julho de 2009
  9. RSC

    RSC Suspenso

    Têm de fazer uma review a um OCZ Summit de 120GB. Para mim é a melhor opção no que toca a SSD actualmente, visto que tem "auto Trim" sem precisar de ser formatado e tem 128MB de cache.
     
  10. w@rrior

    [email protected] Power Member

    concordo contigo a 100%, os Intel estão num mundo à parte em tudo até no preço, foi por isso que comprei dois falcon para raid0:)
     
  11. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    review concluida :)

    qualquer bug/errata é só apitar.

    entretanto o v3ctor correu o atto

    [​IMG]

    comparando com

    [​IMG]

    dá para ver o quão limitado estes SSD's estão em sistemas AMD. A excepção do Intel que parece que não tem problemas.
     
  12. Jv.Batista

    Jv.Batista I fold therefore I AM

    arranjando uma controladora sata, essas limitações podem ser ultrapassadas?
     
  13. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    penso que sim