1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

[HOW TO]Diagnosticar compressores usados

Discussão em 'Cooling' iniciada por Homem Bomba, 7 de Agosto de 2006. (Respostas: 11; Visualizações: 6687)

  1. Homem Bomba

    Homem Bomba Power Member

    [​IMG]


    Estás a iniciar-te no frio e acabaste de arranjar um motor na sucata :D . Mas a questão põe-se:

    - Estará a funcionar?

    e ainda mais importante:

    - Aguentará o suficiente para o meu sistema?

    Sendo assim, este tutorial serve para te guiar nos passos mais básicos de diagnóstico de um motor usado.




    Considerações simples

    Pessoalmente, quando vou ao Ecocentro, sucata, ou seja o que for, gosto de trazer motores que estejam razoaveis. Por razoável entende-se sem ferrugem, ou se tiver que não seja mortal (quase que fura o involucro hermético). Tenham isso em atenção.




    Que são estes tubos?! Para que servem? :???:

    [​IMG]

    O terceiro tubo (normalmente tapado) é onde depois se solda a valvula de serviço, por onde se enche o sistema e se mete óleo no motor. É de aspiração, como a "baixa". Para já isso não importa, ignorem esse tubo.

    Por "baixa"/"alta" entenda-se "baixa pressão"/"alta pressão"



    Primeiros passos


    A primeira coisa é descarnar uma ponta de fio e ligar ao motor:

    [​IMG]

    Agora, se arrancar há esperança. :D

    Senão, encosta-se e procura-se outro. Eu levo sempre a ponta do fio comigo ja pronta, quando vou à procura de motores, porque assim testa-se logo o motor 'on-site'. É muito chato carregar um motor às costas durante 3Km para ligar em casa e ver que está queimado :evil: .

    NÃO ligar/desligar um motor muitas vezes seguidas num curto espaço de tempo, isso estraga o motor.

    Existe a remota possibilidade de ser o sistema de arranque (dentro da caixinha plástica negra de cada motor) estar queimado, e não o motor. Mas como eu digo, mais vale procurar um motor diferente, porque é complicado arranjar sistemas de arranque compativeis, retirando de outros motores. Simplesmente não vale a pena o trabalho que se tem.




    OK, arrancou. E agora?

    Por vezes um motor pode ser muito traiçoeiro, porque parece estar bom e está todo estragado. Tal como um carro que não pode misturar óleo com àgua, um motor tem que manter os dois lados da pressão separados, senão não vai fazer frio. Isto acontece quando existem fugas nas valvulas do motor, o que faz com que ele trabalhe mas não crie diferença de pressão (que é o que faz um sistem fazer frio).

    Agora, podemos fazer um diagnóstico simples para ver se ele tem pernas para andar:


    Colocar um dedo na "baixa":

    [​IMG]

    O motor deve prender o dedo, como quando se mete a mão em frente do tubo de um aspirador.

    Colocar um dedo na "alta":

    O motor deve tornar impossível tapar completamente o buraco. O ar deve forçar o dedo, fazendo ar escapar.

    [​IMG]

    De seguida, tapem os 2 tubos ao mesmo tempo e alternadamente. O efeito deve ser o mesmo, embora não tão forte, obviamente. Levem o tempo que for preciso para sentirem bem estes comportamentos, é melhor do que verem que o sistema não faz frio, depois de o soldarem, apesar de o motor "estar a funcionar".




    Aparentemente está bom. Como ter a certeza absoluta?


    Para se ter a certeza absoluta só usando manómetros. O procedimento é simples, gasta-se um bocadito de solda e gases do maçarico, mas vale pelo descanso que dá.


    Para limpar eventuais tubos obstruidos ou amassados, pode-se cortar um pouco da ponta de cada tubo:

    [​IMG]



    Solda-se uma vávula na "baixa", e liga-se o manómetro azul:

    [​IMG]

    Liga-se o motor e ele deve conseguir fazer vácuo (quanto mais depressa descer a agulha melhor. Neste motor demorou 4-5 segundos, aprox):

    [​IMG]

    Depois solda-se uma vávula na "alta", e liga-se o manómetro vermelho. Eu dessoldei a valvula da já usada antes, e soldei-a na alta:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]


    O manómetro deve, em 3 segundos no máximo, subir perto do máximo:

    [​IMG]

    IMPORTANTE: Ao soldar valvulas, é preciso retirar-lhes o pipo. Isso faz-se com a propria tampa da valvula, ela entra na valvula, e desenrosca o pipo:

    [​IMG]


    Espero que este guia ajude muita gente, e que responda a algumas perguntas de sempre :wink: :wink:
     
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Excelente guia...

    Tenho ca um frigorifico avariado que não é nosso, mas já estive de olho naquilo :D

    Liguei o bicho e aparentemente o compressor trabalha na boa, mas não faz nem 1 pinga de frio!! Isso quer dizer que o gaz "fugiu", certo?

    Se não fosse R12 até cortava os tubos e fazia isso por exemplo...
     
  3. @deye

    @deye 1st Folding then Sex

    Excelente post!!
    Do melhor para o pessoal que se quer iniciar nestas andanças!
     
  4. Homem Bomba

    Homem Bomba Power Member

    Isso pode ser um dos casos que listei em cima, em que o motor faz barulho de estar a trabalhar mas deu o pifo na mesma.

    O gás do forigorifico pode lá estar na mesma.So sabes se cortares os tubos.

    Quanto ao R12, eu ja houve uma altura em que procurei o tal kit para recolher o gás. Não encontrei nada disso... É verdade que já cortei tubos a alguns motores de R12, mas a maioria já nem tinha gás...Eu preocupo-me com o ambiente, mas se não há outra forma... Não vou meter o R12 num balão ou numa botija e depois deitar a botija ao lixo.

    Se enviares a tua arca para os ecocentros eles mandam tudo para enfardar (fazer cubos de metal). Não acredito que reciclem aquilo, pelo que vi até agora. O gás obviamente que é libertado durante o processo.
     
    Última edição: 7 de Agosto de 2006
  5. Prodigy

    Prodigy Suspenso

    Exelente post, vai ajudar muita gente novata nestas andanças.
     
  6. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Duvido, mas duvido MESMO que um ecocentro ou algo assim trate um frigorifico como um residuo 'normal'... Com tanta preocupação a volta do R12 e afins:wow:
     
  7. Homem Bomba

    Homem Bomba Power Member

    Se visses algumas das coisas que já vi mudavas de ideias. Antes do Socrates aparecer, chegavam camionetas carregadas de frigos velhos e arcas a um sitio que conheço, e eles enfardavam tudo logo para evitar k a malta fosse lá gamar os motores durante a noite.

    Acredita, no papel é uma coisa, na realidade é outra. Agora com o Socrates la, parece que a fiscalização apertou e já não pode haver frigos sem motor em alguns locais.
     
  8. Daniel Maia

    Daniel Maia Colaborador
    Staff Member

    Mas q coisa porreira! Dpois tens de vir a minha casa com o SrJabardo...tenho aqui 1 q nos tiramos-lhe o oleo e agr temos q por o oleo mineral...bou ver se compro as valvulas e manómetros..

    cumps
     
  9. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Claro que tem que haver fiscalização... Senão Portugal arriscava a uma BELA MULTA da união europeia alem do proprio sitio!
     
  10. sl4ck

    sl4ck Power Member

    Sim, ate parece que não estas num pais quase do 3º mundo 8o , a palavra "multas" só existe para o zé povinho.
     
  11. oc_nightmare

    oc_nightmare Power Member

    n aconselhava testares assim o high stage.... corres o risco de partir o compressor se xegares a pressoes altas.
    basicamente se conseguir fazer -1bar e quando desligares ele aguentar la, tá bom.
     
  12. Homem Bomba

    Homem Bomba Power Member

    OK, não é para manter o motor nessa pressão, mas apenas para ver se a pressão sobe até esse valor. Isso ocorre muito rapidamente, desliga-se o motor antes que a agulha do manómetro "encoste".
     

Partilhar esta Página