1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Intel anuncia chip WiMAX mais acessível

Discussão em 'Dúvidas e Suporte—Internet, Redes, Segurança' iniciada por RavenMaster, 19 de Abril de 2005. (Respostas: 1; Visualizações: 536)

  1. RavenMaster

    RavenMaster Power Member

    "A Intel lançou um chip para modems e gateways compatíveis com o padrão de transmissão sem fio WiMAX (802.16). O PRO/Wireless 5116 inclui controlador de rede Ethernet e interface TDM para aplicações de streaming. O WiMAX tem três vantagens em relação ao Wi-Fi (IEEE 802.11): taxa de transferência de dados de até 70 Mb/s (contra 54 Mb/s do 802.11g), alcance em um raio de quase 50 quilômetros e capacidade para atender milhares de usuários com uma única estação-base.

    O PRO/Wireless 5116 será vendido às fabricantes de equipamentos por US$ 45 (em lotes de mil) e, segundo a Intel, permitirá a oferta de produtos aos usuários finais por cerca de US$ 200, contra os atuais US$ 500. Doze empresas já acertaram a utilização do chip. A Intel também fechou acordos com operadoras de telefonia para ampliar a adoção do padrão WiMAX."

    link
     
  2. RavenMaster

    RavenMaster Power Member

    Processador WiMax da Intel chega a fabricantes e operadores móveis

    "O novo microprocessador de tecnologia WiMax da Intel já começou a ser distribuído junto das fabricantes de equipamentos e operadores de telecomunicações, segundo confirma a empresa num comunicado de imprensa. Inicialmente conhecido pelo nome de código Rosedale, o processador foi desenhado para modems wireless e gateways domésticos.

    A par do anúncio de disponibilização inicial do microprocessador WiMax, a Intel informa igualmente que a sua tecnologia já está a ser integrada em equipamentos da alemã Siemens e da chinesa Huawei Technologies. Ao mesmo tempo menciona as cerca de 18 experiências piloto que decorrerão em todo o mundo, conduzidas por diferentes operadores, como a AT&T, o grupo BT ou a Telkom.

    O WiMax - diminutivo para Worldwide Interoperability for Microwave Access - é uma tecnologia de rádio que permite o acesso à Internet em banda larga, com um raio de cobertura superior ao garantido pelo Wi-Fi e que alguns especialistas consideram potencial substituta do DSL, sobretudo para cobrir zonas remotas e de difícil acesso, onde montar uma infra-estrutura física se mostra pouco viável em termos financeiros.

    "Como uma solução de acesso à Internet de alta-velocidade, o WiMax poderá servir como plataforma para a expansão da futura geração da Internet, ligando os próximos milhares de milhão de utilizadores", refere Scott Richardson, director geral da Broadband Wireless Division da Intel, no comunicado.

    O mesmo responsável considera ainda que os equipamentos WiMax são demasiado dispendiosos para que possam ser adoptados massivamente, "mas a Intel está a trabalhar no sentido de baixar os custos dos equipamentos - actualmente entre os 300 e os 500 dólares - para os 200 dólares", garante.

    O preço dos novos processadores não foi revelado, embora algumas publicações adiantem um valor de aproximadamente 45 dólares para os mesmos. "

    fonte
     

Partilhar esta Página