1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Intel excited with "Penryn"

Discussão em 'Novidades Hardware PC' iniciada por blastarr, 17 de Outubro de 2006. (Respostas: 60; Visualizações: 3906)

  1. blastarr

    blastarr Power Member

    Será a "arma" contra o K8L, com 6MB de cache L2 partilhada (12MB na versão quad-core), processo de fabrico a 45nm, instrucções SSE4, e velocidades iniciais acima dos 3.5 GHz.


    Aparentemente, não é tudo...:

    http://www.vr-zone.com/?i=4159

    Uma "hint" à verdadeira nova arquitectura, "Nehalem", prevista para 2008, pode indicar a existência de um controlador de memória integrado, e se assim fôr, isto significa nova tecnologia de bus aínda em 2008 (o famoso CSI, ou Common System Interface, que também será usado pela gama Itanium).
     
    Última edição: 17 de Outubro de 2006
  2. steelballzz

    steelballzz Folding Member

    e provavelmente cold bug nos intel tb......
     
  3. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    stellballzz, mas os A64 0,13 não tinham coldbug...

    A ver vamos o que sai daqui, espero que o Penryn seja retrocompativel com o LGA775 e nas boards actuais ;)

    Agora 6 MB L2, bem isso é mesmo brute force :D
     
  4. steelballzz

    steelballzz Folding Member

    pois não
    mas estamos a falar de 45nm neste penryn
    quando a amd fez o die shrink para 90 nm começou a festa
    é tudo a vender cascatas e containers e a comprar chillers....lmao
     
  5. DJ_PAPA

    DJ_PAPA Power Member

    Estes eram aquele Intel que vinham nos roadmaps como 8 cores.
    Ups parece que ja se chegaram atrás com os roadmaps e ainda nem 3 meses passaram.... promenores.....

    E nota-se claramente neste CPU uma coisa, que é ser 2x 6mb L2, estando cada bloco de 6mb associado a cada dual-core.
    Isto é, é um kentsfield (2 dual core colados) com mais do mesmo, isto é, + cache, +clocks e mais um SSE para juntar aos outros 3.

    O K8L é uma soluçao nativa com cache L3 que partilha dados e instruçoes pelos 4 cores. Uma soluçao pelo menos a nivel arquitetural bem melhor que a da Intel.
     
  6. ajax

    ajax Banido

    Há pessoas que se excitam com pouco! :D

    É o regresso da táctica habitual. Shrink and Large caches. Quem domina o fabrico como a Intel pode dar-se a estes luxos.
     
  7. Kursk_crash

    Kursk_crash Banido

    Caso pra dizer..

    "It's a bad idea until we copy it, then it's a great idea!" --> em relação ao controlador de memória

    "It's a bad idea until we copy it, then it's a great idea!" --> em relação ao CSI


    e Mais...a Intel leva o K8L e a sua aquitectura muito a sério.. Sabem que precisam de continuar a apostar forte.. pelo menos não cairam na asneira de agora com o conroe voltar a dormir à sombra da bananeira..
     
  8. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Que eu saiba os Conroe & afins já vem com SSE4, pelo menos é o que o cpu-z, sandra, everest's diz...

    Então o que isso tem haver com o controlador de memória? Se fosse do processo de fabrico os prescott já vinha com cold bug bem como tudo a frente (preslers, conroes, etc)
     
    Última edição: 17 de Outubro de 2006
  9. Trivium

    Trivium Power Member

    O yorkfield vai ser quadcore nativo tambem, 3Q de 2007 vai ser super interessante.
     
  10. blastarr

    blastarr Power Member

    Só veneno e pouco discernimento racional.

    Este "Penryn" terá 6MB de L2 partilhada pelos dois cores, pois é um dual-core para substituir as versões de 4MB de L2 dos Core 2 Duo mobile.
    O "Penryn" é apenas uma parte da família 45nm.


    Quanto ao K8L, se os actuais K8 já pouco notam a diferença de memória cache (ser 512KB ou 1MB tem pouca influência), não é uma memória L3 de muito mais latência -fica no exterior do chip- que vai ser relevante.
    Será o redesenho da unidade FP a dizer se é bom ou não, em conjunto com as velocidades de relógio (e relembre-se que o mais certo é não suportar SSE4).
    Pelos roadmaps da AMD, a Intel planeia ter chips da arquitectura Core 2 ("Wolfdale") no mercado com 4GHz (57W TDP), na altura em que o K8L mais mainstream (dual-core) chegar a 2.6 ~ 2.9GHz ("Antares")...
     
  11. Kursk_crash

    Kursk_crash Banido

    Voltamos ao netburst ?? planeiam 4Ghz com 57 w tdp ?? e para 2008 os tais 10ghz não ? isso é ser muito optimista já sobre o optimista...
     
  12. blastarr

    blastarr Power Member

    Tens ideia de quanto são 57W ?
    E isto é um chip mainstream.

    Exemplos:
    O actual FX-62 bebe até 125W, o QX6700 bebe 130W, e ambos não chegam a passar a barreira dos 3 GHz (para além de serem chips de topo, a custar mais de 1000 dólares).

    Está no roadmap da Intel...:
    http://www.vr-zone.com/?i=4140
     
  13. Zarolho

    Zarolho Power Member

    E julgas tu que a Intel anda a dar "tiros no pé" como no passado?!... Wake up!! O conroe não serviu de exemplo?!

    Não entendo o porque de ainda fazer referencia ao netburst quando se fala da Intel, netburst é oldnews, existe actualmente uma nova plataforma superior e que cilindra em termos de performance a concorrência. Ao passo que é muito curioso fazer referencia ao K8L quando se fala da AMD, uma tecnologia que não existe no mercado e ainda está a 1 ano de "nascer".
     
    Última edição pelo moderador: 18 de Outubro de 2006
  14. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    o que é que tem o netburst a ver com isto? quando se fala em frequencias elevadas, não é preciso ir sempre desenterrar o netburst. o processo de fabrico, por exemplo, também tem uma palavra importante a dizer, e a intel esta com um processo de 65nm relativamente maduro, coisa que não acontecia na altura dos cedar mill... e esses 4ghz talvez ja venham com 45nm...

    de qualquer forma, pelos roadmaps, acho que ja se viu que a intel não tenciona vender mais pelas frequencias de relogio.

    Blastarr, a cache L3 dos K8L, é basicamente para ter uma cache unificada, pode ter latencias mais elevadas que a cache L2, mas tem certamente latencias mais baixas, e velocidades/largura de banda mais elevadas que a memoria RAM.
    a cache L2 ja se tinha chegado à conclusão que 512 ou 1024kb não faziam grande diferença... mas isso era cache L2, e era por core, agora vem uma cache L3 unificada, e nos não sabemos qual poderá ser o ganho associado a uma cache unificada nestes CPUs.
    esta cache, na minha opinião, vem também com a ideia de abafar um bocado as latencias elevadas da memoria DDR2, permitindo ter uma especie de pre-RAM, para que o tempo médio de acesso à memoria melhore...
     
  15. blastarr

    blastarr Power Member

    Koncaman:

    Intel: 12 MB de L2, em duas dies, para 4 cores.
    AMD: 4 MB de cache (4 x 512 KB L2 + 2 MB L3), também para 4 cores.

    A latência que o controlador de memória da AMD consegue reduzir nas memórias DDR2 é incapaz de contrariar os actuais chipsets da Intel com controlador separado da CPU, pelo que nem vamos por aí.

    Qual é que achas que terá melhor desempenho, sobretudo tendo em conta a diferença brutal de clocks (mais de 1GHz) e o SSE4 ?


    É que, com o Netburst, a diferença de clocks era conseguida à custa de um TDP mais elevado nos Intel (e pipelines muito mais longos -logo, lentos-).
    Aqui terás um chip Intel com 4 vezes mais cache, mais 1GHz de velocidade, e TDP's iguais ou mesmo inferiores aos K8L (por causa dos 45nm).
     
    Última edição: 17 de Outubro de 2006
  16. Koncaman

    Koncaman Utilizador Saloio

    Mas, blastarr, eu nem estava com a ideia de fazer comparções, so estava mesmo a tentar explicar o motivo da cache L3, e as vantagens que ela pode trazer ao K8L...

    esses 12mb da versão quad core deste animal, são de facto um argumento de peso... apesar de isso ter custos bastante elevados, muito provavelmente piorar a capacidade de overclock, os yelds cheira-me que não devem ser grande coisa (qual será a percentagem de area que 12mb de cache ocupam num chip destes?)... enfim... venham de la mas é os ES :P
     
  17. Kursk_crash

    Kursk_crash Banido

    A diferença blastarr é esta!!!

    Tu todo excitado com um novo cpu e com as suas capacidades que nem saiu e que tá a um ano ou mais de sair...

    e depois

    com o k8L vens dizer que ainda nem saiu e tal e não v~es o porque de dar muita importância..

    portanto pra umas coisas o rodmap é melhor que a "bíblia", pra outros são coisas do futuro e atrasadas.. Provavelmente a Intel quer antecipar os 45nm pois sabe que estando a intel nos 65nm e a amd nos 65nm com quad-core nativos pode já não ter a vantagem.. e portanto quer chegar aos 45nm antes dos 65nm do k8l para esticar o clock, meter mais cache (ou seja netburst) e ganhar mais um "leap"...
     
  18. blastarr

    blastarr Power Member

    Que salganhada.
    Estás a meter os Netburst e o "Penryn"/"Wolfdale" no mesmo saco, só por causa do nº mágico dos 4GHz ser semelhante.
    A Intel sempre teve um ano de vantagem nos processos de fabrico.
    Não é novidade nenhuma, já desde os NetBurst iniciais que isso acontece.
    Assim, os 45nm da Intel não estão "antecipados", como tu dizes. Os 65nm da AMD é que estão atrasados em relação ao previsto inicialmente pela empresa.

    Eu baseio a performance do "Wolfdale" no facto da actual arquitectura Core 2 (a mesma dos primeiros processadores 45nm) ser escalável a esse ponto em termos de clocks, cache L2 e TDP, e de já ter dado provas mais do que suficientes da sua superioridade...
    Neste momento a arquitectura do K8L aínda não está no mercado, ou está ?


    BTW, que eu saiba o K8L também está a "um ano ou mais de sair"...
     
    Última edição: 17 de Outubro de 2006
  19. Kursk_crash

    Kursk_crash Banido

    precisamente... o meu ponto..

    o K8L ainda está "a um ano ou mais de sair" tal como o "Penryn" portanto pra um dás imenso valor, pra outro não vez grandes improvments. Dá a ideia que o roadmaps da AMD pra ti são num futuro longínquo e os da Intel "é já ao virar da esquina"..
     
  20. blastarr

    blastarr Power Member

    Os roadmaps da intel têm sido consistentes desde há muitos anos.
    Os da AMD alternam entre sair a cada 3 meses com previsões para daí a 12, e sair daí a 12 com previsões para daí a 3 meses.
    Neste momento, quem está na mó de cima da performance é a Intel, quer se queira, quer não.


    A AMD tinha um projecto bem mais ambicioso para o cancelado "K9", e decidiu deixar tudo de lado para fazer apenas ligeiros "boosts" ao K8.
    Ou seja, em vez de verdadeira inovação, que lhes dera a vantagem tecnológica pela primeira vez, decidiram seguir o caminho anterior, de fazer "K6's", "K6 II's", "K6 III's", etc, e não de cortar com o passado e criar um "K7" totalmente novo.


    Como consequência disso, a equipa que desenvolveu os Athlon, Athlon XP e Athlon 64, liderada pelo Fred Weber -que antes havia criado os DEC Alpha-, foi-se embora.
    Alguns foram para a Intel, outros para a IBM, e alguns até chegaram à Nvidia, onde já submetem patentes relacionadas com a G80.
    Quem está lá agora é o Phil Hester, "imposto" pela IBM, por causa dos descontos que a primeira dá à AMD para usar o processo SOI.
     
    Última edição: 17 de Outubro de 2006

Partilhar esta Página