1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Investigadores desenvolvem fibra ótica que transfere 10TB por segundo

Discussão em 'Análises e Artigos - Internet, Redes e Segurança' iniciada por jota x300, 26 de Março de 2013. (Respostas: 6; Visualizações: 2195)

  1. jota x300

    jota x300 Power Member

    Se o tamanho dos conteúdos multimédia tem aumentado por causa da evolução na qualidade dos filmes, músicas e jogos, a Internet está a ser trabalhada para dar resposta a essas necessidades.

    Um grupo de investigadores da universidade de Southampton, no Reino Unido, desenvolveu um novo tipo de fibra ótica que permite transferir até 10TB de dados por segundo. O segredo está na construção oca dos cabos de fibra que permitem uma transferência de ficheiros quase à velocidade da luz.

    Em vez de os cabos serem compostos por filamentos de vidro ou de plástico, são compostos por ar que facilita a propagação e a transferência da luz, revela a Nature.

    Nos primeiros testes conduzidos a equipa terá conseguido atingir resultados mil vezes superiores aos das ligações que existem atualmente, muito por causa da redução de perda de sinal que foi conseguida através deste método.

    Em cabos plásticos ou de vidro, sempre que existe um canto ou uma curva que precisa de ser percorrida pelo feixe de eletricidade existem efeitos ricochete dentro do cabo que leva à perda da velocidade do sinal. A propagação feita através do ar ou da falta deste, no vácuo, torna as comunicações mais lineares e menos ruidosas.

    Este tipo de cabos e velocidades de Internet ainda estão a anos de distância de poderem ser aplicados de forma prática, e antes de chegarem aos internautas, vão ser primeiro utilizados para alimentar supercomputadores e grandes centros de dados.

    LINK!
     
  2. marcelo_ribeiro

    marcelo_ribeiro Power Member

    Voltámos aos cabos pressurizados?

    Aliás, já não serão cabos. Serão tubos xD

    Brincadeiras à parte, é uma teoria que faz bastante sentido.
     
  3. At Work

    At Work Power Member

    Se houver um grande avanço tecnológico nos próximos anos é sem duvida uma grande investigação.

    Nós por cá temos de nos aguentar com ADSL e 3G porque nem fibra a 1GBps temos ou está acessível a todos.

    Cumps
     
  4. [O_o]

    [O_o] Power Member

    ??

    A evolução da tecnologia, por mais interessante que seja, está sempre sujeita aos pequenos avanços do mercado. Se o ADSL ainda serve grande parte da população portuguesa, é óbvio que até o país todo ter fibra vai levar uns 10 anos (ou por aí)...
     
  5. At Work

    At Work Power Member

    Tenho as minhas dúvidas de que o país venha a ter fibra em todo o território. Se ainda há locais onde nem ADSL chega, de certeza que não irá haver distribuição de fibra nessas zonas.
    E caso venha haver uma grande distribuição, de certeza que irá ser por volta de 10 anos...

    A ligação por ADSL já está ultrapassada para alem de que tem as suas limitações.

    Cumps
     
  6. Worst News

    Worst News Power Member

    Opahhh....Tratem mas é eles de arranjar maneira de por tudo a fibra optica e correrem com o adsl de vez, do que andarem aí com testes da treta que só daqui a 100 anos vai ser usado...:lol:
     
  7. At Work

    At Work Power Member

    Concordo contigo quando dizes para "correrem" com ADSL e cobrirem o país com Fibra.
    Mas o testes são importantes, cada vez mais o conteúdo que descarregamos da interent são mais pesados e precisamos de um largura de banda maior.

    Cumps
     

Partilhar esta Página