1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

KDE 4.1 lançado

Discussão em 'Novidades GNU/Linux & *nix World' iniciada por Nomearod, 29 de Julho de 2008. (Respostas: 30; Visualizações: 3106)

  1. Nomearod

    Nomearod Power Member


    Anuncio


    Review 1e 2.
    A segunda não é bem uma análise mas tem informação interessante. Ambas são do mesmo site.

    Ao ver o anúncio oficial, as novidades parecem ser enormes e os melhoramentos também.

    Devo instalar mais logo no Arch. Só ainda não sei se vou para os packages oficiais ou para o KDEMod.
     
  2. Inacio77

    Inacio77 Power Member

    Pode ser que ja venha na próxima release de Slackware.
     
  3. rpnetwork

    rpnetwork Power Member

    O KNetworkManager e o amaroK ainda não estão prontos para o KDE 4
    espero que estejam prontos quando o KDE 4.2 sair
     
  4. Pad

    Pad Power Member

    Só espero que a NVidia actualize os drivers.
     
  5. cgoncalves

    cgoncalves Power Member

    Aqui fica o 1-Click Install do KDE 4.1 para openSUSE 11.0:

    [​IMG]

    Também poderão descarregar o KDE Four Live (um Live CD com o KDE 4.1 a correr openSUSE 11.0) na página KDE Four Live
    Mais novidades e informações do KDE4 em KDE/KDE4.
     
  6. HaLf-LiFe

    HaLf-LiFe Power Member

    Já instalei no opensuse 11, tá melhor em termos de estabilidade e de personalização...só nao consigo fazer o mais simples, criar um atalhos/pastas no desktop como fazia no 4.0.4
     
  7. zecapistolas

    zecapistolas Power Member

    Estou a pensar em instalar Debian e queria experimentar esta nova versão do KDE.... [​IMG]

    Onde é que faço o download do Debian já com esta nova versão do KDE incorporada?! [​IMG] [​IMG]


    cumps [​IMG]
     
  8. cgoncalves

    cgoncalves Power Member

    No KDE 4.1 foi introduzido um novo conceito de ícones - ler mais
    No entanto ainda é possível ter os tradicionais ícones no ambiente de trabalho mas sem algumas funcionalidades como "Alinhar horizontalmente", "Alinhar verticalmente", "Afixar à grelha", etc. Para o fazer basta arrastar o ficheiro/pasta para o ambiente de trabalho. Para criar atalhos é a mesma coisa, usa a pasta Desktop (por exemplo) e cria lá os atalhos e depois moves para o ambiente de trabalho.
     
  9. cgoncalves

    cgoncalves Power Member

    Até agora só existe Debian Live CD do KDE 4.0. Se queres um bom KDE desktop aconselho-te openSUSE.
     
  10. Nomearod

    Nomearod Power Member

    Pelos vistos há alguns problemas de performance com as placas nVidia. Em especial com as 8800 que é o meu caso.

    Talvez espere mais um pouco antes de instalar em definitivo.
     
  11. souto

    souto To fold or to FOLD?

    Tive oportunidade de experimentar o openSUSE 11, instalar, etc. e é daquelas distribuições que recomendo vivamente.
    Adiante, instalei-a com o KDE4 e não fiquei muito satisfeito, senti muita instabilidade, não me adaptei com facilidade ao modo de funcionamento do Desktop (não dá para seleccionar multiplos ficheiros com uma área de selecção, ou não descobri como se faz, de qualquer das formas é mau), o knotify crashava constantemente...

    Acabei por reinstalar com o Gnome, e embora goste, sinto que falta ali o impacto dum DE como o KDE.

    Não sei se me aventuro a meter o KDE4.1, aliás nem sei se o posso instalar tendo o gnome instalado ao mesmo tempo.
     
  12. timber

    timber Zwame Advisor

    Devias tentar. O KDE 4.1 é suposto estar muito mais polido e pronto a usar que o KDE 4
     
  13. HaLf-LiFe

    HaLf-LiFe Power Member

    Precisamente.
    Na minha opinião pessoal o opensuse 11 nunca deveria ter saido com o KDE 4.0.4, sendo conhecida como uma distribuições com maior estabilidade e usarem uma versão do KDE que estava cheia de bugs que mais parecia uma beta, acho que foi mau para a distro
    Ao que li o KDE 4.1 nunca será oficalmente suportado no opensuse 11, só resta esperar pelo 11.1
     
  14. petersaints

    petersaints Power Member

    Usei a RC1 numa VM e estava bastante boa... pena ainda falta muitas apps ao KDE4 (amaroK sendo para a mim a mais importante).
     
  15. Nomearod

    Nomearod Power Member

    Bem... A instalação disto nunca mais terminava. Instalei o KDEmod e tive que tirar 400 e poucos MB, sendo que a instalação ficou com pouco mais de 1 GB. No entanto, instalei TUDO o que há do KDE4 para poder testar a 100%.

    Preciso agora é de instalar um "menu grouper" para separar o Gnome do KDE nos menus de ambos para não ficar a confusão que está. Mas trato disso depois.
     
  16. APLinhares

    APLinhares OpenSource Moderator
    Staff Member

    Sim, ainda existe esse "bug" grave, de um desempenho mediocre com drivers nvidia ... em especial nas series 8000 e 9000.

    De resto continua no bom caminho :D 4.1 é suposto ser o KDE4 para as massas (enquanto kde 4.0.x era o "aperfeiçoamento" e desenvolvimento contínuo).
     
  17. cgoncalves

    cgoncalves Power Member

    Estás completamente errado! Graças ao openSUSE 11.0 ter sido lançado com o KDE 4.0.4 muitas pessoas experimentaram-no e reportaram os bugs encontrados no bugzilla do openSUSE (http://bugzilla.novell.com). Os developers rapidamente corrigiram o problema e para além de o terem feito no KDE "do" openSUSE, enviaram os patches upstream (para o projecto KDE). Graças a estes utilizadores "aventureiros" e aos developers do openSUSE foi possível corrigir muitos bugs que agora já não se encontram no KDE 4.1.

    Oficialmente não, mas isso já seria de esperar independentemente da distribuição em causa pois todas assim o fazem. Entenda-se por "suporte" a disponibilização de pacotes com os bugs corrigidos no repositório oficial de actualizações.

    Porém, existem os repositórios KDE:KDE4:STABLE (KDE 4.0), KDE:KDE4:Factory (o KDE4 para a próxima versão do openSUSE - actualmente KDE 4.1) e KDE:KDE4:UNSTABLE (KDE4 trunk, de momento KDE 4.2). Estes repositórios são mantidos pela equipa openSUSE KDE, a mesma que trata dos pacotes oficiais que a distribuição trás logo são repositórios geridos por pessoas competentes. O seu uso do repositório KDE:KDE4:Factory é recomendado. Não esquecer que o KDE3 continua a ser suportado oficialmente assim como o seu repositório KDE:KDE3. De certa forma estes repositórios são oficiais...

    Como podem ver, o openSUSE no que toca a KDE está sempre na vanguarda com várias opções para os diversos utilizadores.
     
  18. Inacio77

    Inacio77 Power Member

    O KDE 4 traz muita coisa nova em relação ao 3.5.x, embora não seja user de Kubuntu. Instalei-o numa VM para me habituar ao novo KDE, para que quando slackware trouxer o KDE 4, não levar um tombo muito grande. Mesmo assim ando meio as aranhas com tudo.
     
  19. slack_guy

    slack_guy Power Member

    Porque é que não instalas o KDE 4.1 no Slackware 12.1? Tens aqui (http://kde4.rlworkman.net/) os pacotes já preparadinhos :-) Lê o README.

    A minha opinião sobre esta versão é a mesma que tinha sobre a versão anterior: bonito mas 'pesado' (o PC onde trabalho é um celeron, com 512 de RAM e uma ATI do tempo do c*g*r de cócoras).
     
  20. souto

    souto To fold or to FOLD?

    Já instalei esta versão no opensuse11 x64.

    Surpreendeu-me bastante pela positiva, tanto pelos novos paradigmas que usa, que são poderosos, como pela usabilidade aliada à estética.

    Nota-se bastante o cuidado que existiu em manter a experiência coerente ao longo do uso.
    A experiência de uso aliada a esta distribuição e a este DE é, na minha opinião, um OSX-alike.

    Usei gnome desde que me lembro de ter começado a trabalhar em Linux, mas foi desta que me converti ao KDE :P
    Os meus parabéns a quem desenvolveu isto, pois não foi fácil.


    Aconselho vivamente a quem não fez a transição do 4.0 para o 4.1 que o faça, pois sente-se bem a diferença. É como passar de uma carroça para um Mercedes.
     

Partilhar esta Página