1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. COVID-19 Mantenham-se seguros: Pratiquem distanciamento físico de 2 metros. Lavem as mãos. Usem máscara.
    Informação sobre COVID-19. Ajuda a combater o COVID-19 com o [email protected] e com o [email protected].
    Remover anúncio

Linux ou Windows?

Discussão em 'Novidades GNU/Linux & *nix World' iniciada por Luigysantox, 31 de Maio de 2010. (Respostas: 467; Visualizações: 39498)

  1. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    Boas mais uma vez!

    Como o Gui Sá Couto disse são repositórios de software pessoais. Uma vez que o Ubuntu é baseado na filosofia Open-Source, ( http://pt.wikipedia.org/wiki/Open_source) cada pessoa é livre de alterar criar ou modificar software, e assim poder compartilhar... Podes ler mais sobre o assunto aqui:

    https://help.launchpad.net/Packaging/PPA

    e aqui também: (Em PT brasileiro, mas um excelente artigo)

    http://www.vivaolinux.com.br/artigo/O-incrivel-universo-das-PPAs-do-Ubuntu

    Como já tinha dito, o Linux para mim (mais concretamente o Ubuntu) é um universo sem fim, sempre aliciante a explorar novas coisas, e desse modo aprender... O facto de podermos adaptar e até criar as coisas ao estilo e à maneira de cada um nós (conceito de flexibilidade, personalização), é um dos grandes trunfos de qualquer sistema com uma distro Linux... É liberdade total de se poder escolher o que queremos, e como queremos por exemplo o nosso computador, de obtermos resultados concretos num qualquer trabalho ou mesmo em puro lazer, e sempre a custo zero (excepto claro está a "massa cinzenta" do nosso cérebro que gastamos a planear, transformar e aprender, mas sempre com imenso gosto e um sorriso nos lábios). Ao contrário do Windows, por exemplo, é INCENTIVADO cópia livre e sem restrições dos sistemas operativos (todas as distros Linux) para que possamos dar aos nossos amigos, colegas e toda a gente conhecida... Só este aspecto é um enorme contraste se tomarmos em comparação o Windows... Fazer cópias do Windows é crime, que pode acarretar sérias multas, no mundo Linux/*nix é incentivada a cópia, como partilha do conhecimento comum... Se toda a gente partilhar seus conhecimentos, suas descobertas, este mundo avançará muito mais rapidamente! (assim penso eu...)

    Espero ter podido ajudar ao esclarecimento da questão.
    Miguel Ferreira
     
  2. JJMC

    JJMC Power Member

    Resolvi fornecer mais uma tentativa ao Ubuntu. Instalei a versão 10.10 e até agora tudo 5 estrelas. O sistema é extremamente rápido, bonito, simples, elegante e tudo o resto... Mas faltam os jogos. Apenas isso. De resto acho que este será o meu ambiente de trabalho principal e o Windows para a jogatina.
     
  3. Tiago.Pereira

    Tiago.Pereira Power Member

    Obrigado Gui e Miguel :)
     
  4. FiosMan

    FiosMan Power Member

    Boas.
    Posso dizer que sou mais um convertido ao mundo Linux"Ubuntu" já fez uma semana ;) ainda agora estou a dar os meus primeiros passos, mas não estou nada arrependido, sim estou arrependido de não ter começado mais cedo , mas li só ppl a dizer que isto era o fim do mundo e eu com medo ,nem tentava testar , mas a vontade de experimentar , foi mais forte duque o medo.
    Tem sido um novo desafio a todos os niveis , para um utilizador de windows de varios anos , mudar para o linux e complicado ,porque não é só clicar e já esta .
    Mas para que quer sair da monotonia não a nada melhor , e para mais aquela sensação de sermos livres e tão boa , que nem da vontade de entrar de novo no windows , mas como ainda sou novato a coisas que só no windows .
    Estou a adorar 5 *****
     
  5. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    Fico feliz por saber que há users que partilham a mesma satisfação que eu tenho com o meu Ubuntu... Se houver quaisquer dúvidas que vos possa ajudar a esclarecer, contem comigo! ;-) Até deixo o meu endereço de MSN:
    [email protected]

    Digam que veem deste fórum, e deste tópico para vos "reconhecer"... :-)

    Ao "JoãoJMC" peço que não desista de tentar o Ubuntu, bem sei que a principio é tudo mais dificil, mas passado algum tempo com o hábito, fica tudo fácil!! :-)

    Espero ter sido útil!
    Miguel Ferreira
     
  6. McFreak

    McFreak Banido

    Quando testei o Ubuntu a primeira vez pareceu tudo excelente. O problema foi depois, com o tempo começam-se a notar as coisas menos...."limadas", e voltei a querer um SO "a sério".

    Fui para o MacOS. Coitado do Ubuntu.
     
  7. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    Curiosamente o MacOS, é derivado de Linux... E para se ter um MAC, tem se pagar (e bem!!)...

    Não sei qual a distro que experimentas-te, mas posso dizer que desde o Ubuntu 9.10 "Karmic Koala" (excelente edição do Ubuntu), até à actual, vai uma grande diferença em termos de melhorias... E resolver essas coisas "menos limadas" consegue-se resolver em qualquer distro de Linux, o que em Windows tenho sérias dúvidas que se consiga...

    Por mim, prefiro ter algo a custo zero (€€€) e que funcione muito bem, do que pagar (no caso dos MAC paga-se a peso de ouro) e estar restricto ao que me é imposto... Bem sei da badalada qualidade de tudo quanto é da Apple (o caso das antenas nos últimos iPhones que não gostavam das mãos do utilizador é um "bom" exemplo disso...lol! Na brincadeira!! :-D).

    Não obstante, a escolha é de cada um e de cada gosto... Pessoalmente prefiro pagar menos €€€ por um simples portátil ou PC que me enchas as medidas, do que pagar por um produto da Apple... No fundo, um normalissimo portátil faz exactamente o mesmo que qualquer Apple faz, mas a uma fracção do preço... Será que compensa a diferença de preço?? Eu acho que não...

     
  8. McFreak

    McFreak Banido

    Como? Andas a mexer no source?

    Isto é conversa de embalar. O que te é imposto? No Windows e no Mac posso usar aplicações feitas por qualquer um, tal como no Windows e no Linux. De que forma é que estou restricto seja ao que for?

    Só que depois é de plástico em vez de alumínio, não tem horas e horas de bateria, não tem um ecrã com a qualidade do meu, não tem MacOS, etc, etc.
    Tu preferes pagar menos é uma escolha, para mim vale a diferença.
     
  9. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    Questão de gostos, é verdade... Prefiro ser mais prático e mais económico... Ao invés do aluminio, prefiro o plástico, e prefiro ter menos umas horas de bateria... Se quiseres mandar arranjar o teu MAC, só tens uma hipótese que custa na mesma medida aquando a compra do mesmo, ou seja mais €€€... Num portátil dito "normal" os encargos são bem menores... E num desktop, posso ser sempre um a montar um e a escolher o que quero... Mac?? Mais uma vez, bastante qualidade mas pouca variedade/opções de escolha... Programas para um MAC?? Tás logo limitado ao software existente para os MAC, e tens de pagar por isso...Windows? Nem tanto, claro que a pirataria é sempre uma opção, nem sempre a mais honesta e fiável... Num MAC fazes td só com dedo, é certo, em Linux fazes com um, ou dois ou mesmo pela linha de comandos (não há nada mais fiável que a linha de comandos). Pessoalmente prefiro tanto a linha de comandos em casos mais sensiveis e ambiente gráfico em coisas mais rotineiras e fáceis....

    É tudo uma questão de custo €€€ vezes qualidade... Um portátil de "plástico" faz o mesmo que um MAC, a diferença de preço (por vezes o dobro de um portátil normal) não justifica a diferença de qualidade e de funcionalidades...

    Compensa pagar o dobro por um portátil MAC que ao fim de dois anos / 3 anos está desactualizado?? Eu não duvido que esteja em excelente condição, mas tecnologia a partir de um certo ponto começa a ficar obsoleta, e mais uma vez, a meu ver não justifica tão alto investimento...

    Resumindo:

    Cada um faz o que entender ao seu dinheiro... Cada um escolhe o que entender... No entanto, considero que há escolhas inteligentes e menos inteligentes... Que há escolhas bem mais práticas e económicas, e outras menos práticas e mais onerosas, mas com mais estilo... E por vezes o estilo paga-se (bem) caro...
    Num país, numa Europa em profunda crise, as opções mais em conta são as mais tentadoras, e opções essas que obteem a mesma produtividade que certos produtos mais caros...

    Já bem diz o povo:

    "A cavalo dado, não se olha a dente..."

    Se se tem um OS GRÁTIS e FUNCIONAL, para quê pagar por um??? Se esse mesmo OS faz todas as mesmas tarefas diárias que um OS pago, porque é que hei-de pagar por algo que faz o mesmo??? Porquê?? Por causa dos jogos em Windows ou em MAC??? Porque é mais bonito?? Porque está na moda?? Mas... Um SO baseado em Linux faz-me o mesmo... Aliás, até emula programas do Windows com o "Wine"...

    Enfim, gostos!
     
  10. McFreak

    McFreak Banido

    Porque é que estás a repetir que para ti não justifica? Estás com alguma ambição que a tua opinião seja A opinião?

    Aparentemente sim.

    Decide-te. Afinal são gostos....ou inteligência?
     
  11. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    Não é "A" opinião... É tão simplesmente a minha opinião... Tem o valor que tem...

    Concordo: Há escolhas menos inteligentes, ninguém é perfeito... Mas também há aqueles que defendem no que acreditam, porque já viram as capacidades, os prós e os contras daquilo que falam... E aqueles que contestam quando sentem opinioẽs dadas sem conhecimento de causa, ou com conhecimento incompleto... Ainda estou curioso em saber quais as falhas detectadas no Ubuntu... Eu sei, que há (é verdade), e sei que numa questão de tempo são reparadas... A última questão sobre as tais 200 linhas do Kernel, é um exemplo disso... (não foi uma falha, mas antes uma descoberta que vai aperfeiçoar o rendimento dos sistemas em Linux)

    Já estou decidido á mais de 1 ano e meio... São uma questão de gostos, inteligência, raciocinio, e bom senso... (e podia continuar por aí a fora! LOL! :-D Isto tinha pano para mangas! :-) )
     
  12. petersaints

    petersaints Power Member

    O que é certo é que o Ubuntu neste momento já é sistema bastante utilizado e com algum suporte 3rd party/comunidade e o que me faz ainda usar Windows é porque tenho licença de borla (MSDN-AA) e na escola tenho que trabalhar com bastantes tecnologias Microsoft e como tal não apetece estar sempre a fazer reboot para mudar (sim VMs também servem mas não é a mesma coisa em termos de performance). Aliás tirando as tecnologias Microsoft em termos de programação (.NET, Visual Studio, SQL Server, etc...) só mesmo o Office é que me faz falta em Linux. Mais uma vez o OpenOffice.org não chega (por causa de desfigurar os documentos que sejam feitos em Office por outra pessoa) e o Office 2007 apesar de funcionar em Wine relativamente bem mesmo assim fica longe de perfeito (com algumas pancas e instabilidade). Nisso o Mac OS X enchia-me as medidas pois tem Office 2011 que é brutal (sim já usei que tenho um amigo com Mac OS X) ;)
     
  13. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    O que o user "petersaints" diz, faz bastante sentido... Os problemas de compatibilidade "OpenOffice" - "MS Office" são por vezes aborrecidos de resolver... É a tal questão de hábitos... Toda a gente habituou-se a usar o "MS Office", e agora não quer outra coisa... Pessoalmente uso sempre que possivel o "Open-Office" e só em caso extremo uso o "MS Office"...

    Mas há um ponto que o Peter disse e quero salientar:

    - O número de utilizadores de Ubuntu tem vindo a aumentar de forma astronómica... A qualidade de cada distro tem sido cada vez maior e isto em espaços de 6 meses!! A este ritmo galopante, palpita-me que o MS Wind*s e o MAC OS vão ter séria concorrência... Aliás, já há muito boa gente com os computadores em "dual-boot"... Agora, pergunto eu: "Porque será????" ;-)

    Porque será (por exemplo) que em Portugal, cada vez mais alunos universitários e respectivos professores preferem usar uma distro Linux?? Porque será que as universidades portuguesas, disponibilizam via servidores FTP distribuições e aplicativos em Linux / Unix para o público em geral??? Digam-me! Eu queria saber porquê....

    Porque é que mais que nunca se fala tanto em "coisas" como "Ubuntu", "Linux", "Fedora", e afins?? Não estarão algumas pessoas um pouco saturadas de Wind*ws e Macs e afins??? Dos seus problemas recorrentes e falhas de segurança??

    Porque é que os servidores mais seguros são em Linux, e não em Wind*ws??? Será que o Wind*ws é assim tão bom, na mesma medida do preço da sua licença de uso??? Convenha-mos que um server em windows é mais problemático, e mais oneroso que um em Linux... Um server em Linux pouco ou nada se tem a fazer em termos de manutenção após a instalação?? Em windows, são problemas atrás de problemas... Aquilo mais parece um queijo suiço cheio de buracos em questões de segurança, sem falar em consumo de recursos de hardware e software...

    Ah! Houve alguém que disse que não era verdade que o Mac OS era baseado em Unix....

    Aqui no wikipáedia diz o seguinte e paço a transcrever:
    "O lançamento do Mac OS X foi um marco para o sistema operacional. Na sua décima versão, o sistema foi remodelado como um todo, inclusive o núcleo que passou a ser baseado no do Unix BSD."

    (http://pt.wikipedia.org/wiki/Mac_OS)

    E mais:
    Arquitetura




    iMac atual.


    O sistema operacional, originalmente chamado the System Software ou System, tornou-se oficialmente conhecido como Mac OS na versão 7.6 (apesar de, mais precisamente, a versão 7.5.1 ter sido a primeira a mostrar o logo Mac OS e ser a primeira versão do Mac OS sob este nome). Em Março de 2001, a Apple introduziu um sucessor moderno e mais seguro, baseado no sistema operacional Unix, o Mac OS X (o X é pronunciado "dez", sendo a décima versão do Sistema Operacional.).


    Fonte:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Macintosh

    É caso para se dizer que até a Apple se rendeu a um sistema Unix... Se não estou correcto, então o Wikipédia está errado...
     
  14. Cage57

    Cage57 Power Member

    Eu tenho o portátil com linux e o desktop com windows basicamente para jogos.
    Eu só não passei a usar de vez linux por causa dos jogos e também office, mas há outras condicionantes como programação já que estou a aprender ASP.net como hobbie(desempregado :sad:) e também porque maior parte das pessoas que conheço nem quer saber de linux(por uma questão de trabalho).
    É um facto que vejo mais gente a usar linux tal é a sua "facilidade" em algumas distros(UBUNTU por exemplo).
    Bem são 2 sistemas diferentes, gosto tanto de um como outro, não consigo largar o windows, já uso desde o 3.11 é difícil largá-lo carago mas graças ao dual-boot posso ter o melhor de 2 mundos ;)
     
  15. pdhborges

    pdhborges Power Member

    A percentagem de utilizadores (desktop) Linux não aumenta significativamente há muito tempo. Na verdade, se continuarem ao ritmo galopante actual nem daqui a 100 anos conseguem atingir 20% do mercado. Obviamente que isto não tira nenhum mérito ao Linux, há muitas razões, para alem das técnicas, para as pessoas continuarem a utilizar outros SOs.

    Sinceramente, os professores e alunos convertidos que vejo estão, na esmagadora maioria, ligados de alguma forma à informática. Alunos de outros cursos basicamente estão-se nas tintas para o Linux.

    Eu de facto fiz um post a dizer que não era verdade que o Mac OS era baseado em Linux (se voltares a ler o teu post vais ver que escreveste Linux e não Unix). Depois de fazer o post pensei para mim próprio "Pedro, vais mesmo perder o teu tempo no tópico dos zealots?" e apaguei o post.
     
    Última edição: 9 de Dezembro de 2010
  16. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    De facto nunca se falou em Linux como se fala hoje... E nunca o Ubuntu e outras distros foram alvo de tanta curiosidade e encaradas de forma séria como uma alternativa a outros SO's. A facilidade de uso, a meu ver, tem muito a haver com isto...

    À coisa de poucos anos atrás, via-se Linux a funcionar em portáteis de alunos de Universidades e prof's?? Certamente que não... E hoje?? O que vemos?? E nos fóruns (mais um exemplo) onde até a coisa de pouco tempo não havia um espaço para fazer posts como estes, e agora há e em bom número. Isto não dá uma pequena ideia do tal suposto crescimento??

    Se há alunos que estão-se nas tintas para o Linux, é lá com eles, mas se perguntares se sabem o que é, pelo menos já te dizem que ouviram falar... Se fizesses essa pergunta à coisa de uns poucos anos atrás, não sabiam o que era isso "do" Linux...

    Meu palpite, é que numa questão de relativamente pouco tempo (questão de poucos anos), o Ubuntu vai tornar-se um dos maiores OS's existentes a par com o Windows 7 e seus sucessores, e o MAC OS... Penso que quem vai perder a maior fatia de utilizadores será o Windows, e quem vai ganhar serão as principais distros de Linux, e em particular o Ubuntu... Se porventura as grandes companhias produtoras de jogos virem que o mercado de jogos em Linux terá potencial, e apostarem em fazerem jogos como por exemplo fazem para o MAC OS, aí o crescimento será muito mais veloz no número de utilizadores de Linux... Mas é tudo uma questão de tempo, pelo que logo veremos de as minhas expectativas de confirmam...

    Quanto a esse tal post, ainda não tive oportunidade de o ver, pois raramente vinha a este fórum...
     
  17. Cage57

    Cage57 Power Member

    Eu na minha opinião também acho que linux está a evoluir a bons olhos, já vem muita coisa no sistema e quase não nos preocupamos com mais nada.
    Mas mesmo assim apesar de se tornar mais fácil há ainda algumas coisas que devemos configurar o que para alguns ainda se torna em algo chato, no windows é só correr um installer e lá temos um programa ou seja o que for quase. Em linux algumas coisas ainda não são assim tão simples, o ubuntu já traz um programa que instala programas de maneira mais fácil é um facto mas há outros que é preciso saber o que se faz ou ainda podemos ter problemas.
    Eu neste momento até uso opensuse e estou a adorar, o yast é poderosíssimo a meu ver, torna a configuração do sistema até simples e uma das coisas que adorei foi o não necessitar de instalar os drivers ATI para correr o compiz coisa que no ubuntu tive logo problemas mesmo seguindo tudo à risca.
    Acho que isto é tudo uma questão de qual distro utilizar mas para quem quer começar sem dúvida o ubuntu é excelente, já eu prefiro outras distros neste momento tal como fedora, opensuse e até debian mas também eu comecei pelo ubuntu.
     
  18. pdhborges

    pdhborges Power Member

    Aí está ela.


    O teu palpite é apenas uma repetição do "year of the desktop linux". Todos os anos alguém faz essa previsão. Todos os anos ela não se confirma e o Linux continua nos ~1% de market de Desktop. Todos os anos não há nenhuma evidência que justifique um crescimento no número de utilizadores superior ao das outras plataformas.
     
  19. Crazymike0484

    Crazymike0484 Power Member

    É natural que assim seja... As pessoas depois de tantos anos a lidar com Windows, são resistentes à mudança... Mas quem consegue mudar, e entender os conceitos de distros Linux, que vê as reais vantagens de um sistema assim, que gosta de fazer as coisas à maneira, fica fã!

    Meu Caso:

    1º computador:
    Spectrum Zx48K - Funcionava em "Basic"
    2º computador:
    386DX a 33Mhz, com placa gráfica SVGA e sound blaster de 16 Bits - M.S. Dos 6.0 - Windows 3.1
    3º Computador:
    486 (não me lembro dos detalhes, sei que era um city desk) - M.S. Dos + windows 3.11 for workgroups

    Resumindo... Sempre usei o MS Windows, conheço todas as suas versões desde o 3.1, isto até ao ano 2009... Deram-me conhecimento do mundo Linux (nem sabia o que isso era ou que existia), e a principio tive aquela tal "resistência" a assimilar os so's em Linux... Porque era muito dificil, porque não era prático, e por aí a fora... Tinha que montar as partições por linha de comandos, o som desconfigurava-se constantemente, e montes de outras tropelias... Acabei por me fixar no Ubuntu, que na edição 9.04 deu um salto enorme em termos de facilidade de uso e compatibilidade com o hardware, quando saiu a versão 9.10 Karmic Koala, passei então a ter sempre instalado em todos os pc's cá de casa em Dual Boot com o W7... As coisas entretanto evoluiram, e hoje "fixei-me" no Ubuntu 10.04 LTS, ( a versão seguinte não apresentou mudanças suficientes que no meu ver justificassem um upgrade), tendo mantido o W7 no desktop cá de casa, e sendo o Ubuntu o único SO no meu portátil...

    Se comparar-mos as mudanças feitas por exemplo no Windows e paralelamente no Ubuntu, vê-se que no Ubuntu a evolução tem sido muito mais rápida do que no Windows, o que seguindo um pensamento puramente lógico, o Ubuntu mais tarde ou mais cedo será um concorrente sério ao Windows... Se não for o Ubuntu, poderá ser por exemplo o Linux Mint ou mesmo algo semelhante... Nunca como antes se viu uma mudança, uma alternativa séria ao Windows e mesmo ao MAC OS... Ou seja, esta questão ainda vai no principio... A "profecia" do "year of the desktop linux", é isso mesmo, uma "profecia" e é como eu digo, "uma questão de tempo", uma "bola de neve" que não pára de crescer... Por agora a maioria dos utilizadores de um computador usa o windows, e vejo que assim vá continuar durante algum tempo, mas é inegável que há algo novo, e entusiasmante no horizonte, e que ainda tem muito para crescer...

    No meu ver, e atendendo ás minhas "necessidades" informáticas diárias, o Ubuntu enche-me as medidas... Tem todos os programas equivalentes que usava em Windows, e é muito mais agradável de usar...
     
  20. McFreak

    McFreak Banido

    Então não digas isto.
    Se não tens respeito pelas opiniões dos outros, e achas que a tua é que demonstra inteligência e bom senso, fica com o teu suposto bom senso, e a tua suposta inteligência.