1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Mandriva em resposta a Steve Balmer

Discussão em 'Novidades GNU/Linux & *nix World' iniciada por nasic, 3 de Novembro de 2007. (Respostas: 26; Visualizações: 1623)

  1. nasic

    nasic Power Member

    A guerra continua entre Microsoft e o mundo Open Source com concorrência desleal por parte da Microsoft.

    Podem ler na integra aqui
     
  2. MultiSpeed

    MultiSpeed [email protected] Member

    So what? Quem não tem unhas não toca guitarra. O mundo dos negócios ao nível de governos de países não é para missionários acabados de sair do curso de teologia.

    Além disso não vejo nada no texto que prove qualquer concorrência desleal por parte da Microsoft. Só vejo insinuações muuuuuito veladas da parte do tal de François, provas não vejo nenhumas.

    Cheira-me mais a texto de "dor de corno".
     
  3. lothar_m

    lothar_m Power Member


    uma historia triste sem duvida.
    infelizmente deve acontecer com frequencia (e não so no mundo da informatica).



    pois .... não vês nada de estranho.... deve ser perfeitamente normal comprar um equipamento com um sistema operativo incluído (que foi negociado e pago propositadamente) e logo a seguir substitui-lo por outro tb a "pagar".....

    é o mesmo que ir à shell atestar o deposito e ir logo a seguir à galp, vazar o deposito e atestar com combustível da galp (esta imagem pode não ser a mais adequada mas pareceu me uma aproximação razoável).
     
  4. MultiSpeed

    MultiSpeed [email protected] Member

    Primeiro eu nunca disse que não via nada de "estranho", disse que não via provas de concorrência desleal, o que é bem diferente e que aliás é por demais evidente no texto que o tal de François não tem prova nenhuma, senão é óbvio que a citaria no texto, pois ninguém se dá a tanto trabalho para depois não indicar provas se as tiver.

    Segundo, não formei opinião sobre a existência ou não de deslealdades negociais, pois apenas li o texto em questão, que nada mais é do que UMA das versões da história (tens consciência de que em nada neste mundo existe só uma verdade, ou será que não tens?).

    Por isso, tu é que está a dar como definitivo que:

    1 - o texto é legítimo
    2 - toda a verdade do assunto se encontra nele
    3 - o governo da Nigéria é composto por uma cambada de nabos que prestam vassalagem à Microsoft
    4 - a Microsoft é a ovelha negra da história (mesmo sem saberes o contexto de pormenores da história).

    Para mim, até prova em contrário, é apenas mais um texto "dor de corno" de alguém que se diz enganado mas não apresenta prova nenhuma, nem sequer vestígios dela. É o chamado "disse que disse".

    É moda falar mal da Microsoft, tal como ser-se anti-USA. Fica bem, é fashion. O problema é que só muito pouca gente que fala mal da Microsoft (e dos USA) é que tem realmente razões legitimas para o fazer.

    B Cool :)
     
    Última edição: 3 de Novembro de 2007
  5. CR_

    CR_ Power Member

    Se o que ele disse é verdade, e não vejo nem imagino que possíveis razões que ele tenha para dizer mentiras (já que ele é quem está a perder) o governo da Nigéria substituir um SO que pagou por outro, leva-nos a suspeitar bastante que alguém pagou essa mudança. E duvido que tenha sido o governo da Nigéria ;)

    Até parece que foi algo que nunca aconteceu no passado com essa empresa (tentativa de dominação do mercado pelo $$$)

    Já acabavam era com a "mania" típica de argumentos infantis, sempre que alguém critica algo relacionado com a MS para se "defender" ou denegrir argumentos de outrém usar a expressão "anti-MS" "anti-USA" "dizes isso porque é moda" etc etc.
     
    Última edição: 3 de Novembro de 2007
  6. Nazgulled

    Nazgulled Power Member

    Não deixa de ser verdade!

    E eu concordo com MultiSpeed. A Microsoft pode ter feito algo de mau, mas nós não podemos ter a certeza de nada e como tal, seria completamente errado afirmar isso só porque um gajo escreveu uma "open letter" todo indignado. Tal como tu disseste, à certas coisas que nos levam a suspeitar, mas não passa disso e tu não podes ter a certeza se aquilo é só dor de coto e por incrível que possa parecer a Microsoft fez algum contrato melhor para a Nigéria ou realmente fizeram algo de mau e jogaram sujo. Não sabemos...
     
  7. TuxBoss

    TuxBoss Power Member

    Não me vou pronunciar sobre a história porque nem a li, no entanto aquele ponto 3 não é a melhor defesa do teu argumento :-D
    Os governos desses países Africanos são conhecidos por prestarem vassalagem ao dólar como gente grande.
     
  8. madskaddie

    madskaddie Power Member

    So os africanos?? amadora conta???




    #EDIT: a ultima pergunta e um trocadilho com um sketch do gato fedorento. Agora e que me lembrei que nem toda a gente pode ter visto.
     
  9. CR_

    CR_ Power Member

    Verdade o quê? Vocês lêem mentes? São capazes de dar o beneficio da dúvida a algo que é no mínimo dos mínimos estranho (trata-se do CEO da Mandriva, não de um troll qualquer!) mas se alguém critica a Microsoft não! É logo: é anti-MS, é X, é Y. Esse tipo de atitude em vez de "argumentos" só traz "grunhos".

    Sim, só se pode ficar suspeitas. "Não ponho as mãos no fogo".

    Mas como é que a Microsoft faria um melhor contrato com a Nigéria se o contracto com a Mandriva já estava fechado?

    We actually closed the deal, we took the order, we qualified the software, we got the machine shipped. To conclude, we did our job. And, the machine are being delivered right now.

    Now, we hear a different story from the customer : “we shall pay for the Mandriva Software as agreed, but we shall replace it by Windows afterward.


    Ou seja eles (Nigéria) fazem negócio, vêem que o Mandriva "oferece", vêem que lhes serve, pagam, e depois vem no fim aparece a MS e eles simplesmente trocam de SO. Não me parece que a Nigéria navegue em $$, portanto...

    Se for mesmo verdade isso, além de indigno é ilegal (pelo menos se se passasse na UE...) portanto não concordo com atitude do MultiSpeed:

    E depois queixam-se de monopólios, que fazem o que querem etc...
     
  10. VuDu

    VuDu Power Member

    É por atitudes destas que o o mundo dos computadores pessoais está como está...
    O software anda podre, o mundo é dominado pelo closed source e consequentemente pela pirataria e virus... são este tipo de atitudes de alimentam essa podridão. Enfim, nada que já não tenha acontecido, ou que não se volte a repetir. ;)
    Enquanto as pessoas se sentirem aprisionadas, enquanto não se respirar free as in freedom, existirão virus, worms e tudo o que quem se sinta preso, possa fazer para mostrar a sua indignação.
     
  11. slack_guy

    slack_guy Power Member

    Se isto é verdade, e não me admiro nada que seja, chama-se corrupção e não 'concorrência desleal'. E a ser verdade, não verás provas tão cedo (se é que as vais ver alguma vez).
     
  12. MultiSpeed

    MultiSpeed [email protected] Member


    Isto o quê? Provas de quê? A única coisa que se depreende do texto é que o governo da nigéria, ANTES DE PAGAR, decidiu mudar de fornecedor, comprometendo-se no entanto a pagar o valor acordado à empresa anterior. E isso não se chama corrupção. Chama-se competitividade, chama-se melhor negócio, chama-se direito de escolha. Nada impede uma empresa concorrente de apresentar uma melhor proposta, depois o cliente só tem de a apreciar e aceitar ou então mandar essa empresa dar uma curva. Isso, meu caro, acontece todos os dias à frente do nosso nariz em Portugal e no resto do mundo com milhões de empresas. É a lei do mercado e a lei do mercado é para quem tem unhas. Negociar é assim em todo o lado.

    E já agora, quem falou primeiro em concorrência desleal foi o autor da thread, limitei-me a repetir a sua frase.

    Quanto ao resto, o facto é que sem provas não existe qualquer verdade neste assunto, apenas suspeitas. Suspeitas essas que valem o mesmo que zero, uma vez que ninguém é culpado sem provas. Capisce?

    Quanto a condenar alguém ou levantar suspeições, quem o fez foi o autor da thread, no comentário altamente parcial e condenatório com que abriu esta discussão, sem dar qualquer benefício da dúvida à Microsoft (que para ser correcto e uma vez que ele não sabe a totalidade da verdade, deve ser atribuído de igual forma a ambas as partes).

    E volto a referir: só não percebe isto quem é anti-microsoft, o que, contráriamente ao que acima disseram, não é um argumento infantil mas sim um facto bem recorrente e conhecido do universo informático.

    Universo esse que, por sinal, gostem ou não, é o que é hoje graças a muito trabalho, inovação e investimento da Microsoft que foi a empresa que mais investiu e promoveu a informatização mundial ao nível pessoal, empresarial e familiar.

    Por isso, eu não vou julgar sumáriamente em praça pública uma empresa que tanto contribuiu para o mundo tecnológico, seja ela qual for, só porque aparece uma carta na internet a levantar suspeitas de um assunto do qual desconheço o contexto e que não apresenta prova factual nenhuma.

    Mas isso sou eu e ainda bem que assim sou.
    :)
     
    Última edição: 4 de Novembro de 2007
  13. Nazgulled

    Nazgulled Power Member

    @CR_
    Se eu já não te conhecesse de outros lados continuava esta discussão escrevendo um post mais extenso, mas tenho mais que fazer à vida. Só digo mais isto, tu próprio não afirmas com toda a certeza a veracidade da noticia (nem podias), tens dúvidas se realmente é verdade ou não, acreditas que seja, mas tens dúvidas. Logo, pára de ser assim porque tu só conheces uma face da moeda. Já viste a outra? Não, e é provável quem nem vás ver. Queres especular? Tás à vontade. Pára é de fazer afirmações ridículas, tanto quanto sabemos, o que está na open-letter pode ser tudo mentira. Seria de estranhar alguém escrever algo assim publicamente, mas nada me garante que seja totalmente verdade e que tenha acontecido tal e como foi descrito. Acredita no que quiseres, queres achar que a Microsoft é isto e aquilo força, eu quero lá saber. No que diz respeito a este assunto, não estou a favor nem contra um nem outro não vou simplesmente acreditar nas palavras de um gajo indignado, até pode ser verdade, mas eu não sei, e provavelmente nem vou saber. Já me adiantei de mais. Peace.
     
  14. slack_guy

    slack_guy Power Member

    A tua empresa (não sei tens alguma empresa, mas vamos supor que sim) ganhava a empreitada para a construção de uma estrada. A empreitada era adjudicada e metias os homens e as máquinas a trabalhar. Pouco depois o adjudicador - o Estado - comunica-te que vai pagar-te o que foi assumido contigo mas que quem vai fazer a obra é uma empresa que era concorrente e não tinha sido seleccionada.

    Se isto fosse em Portugal, e este caso viesse a público, era o fim da macacada. Indicia não só corrupção como péssima gestão de dinheiros públicos. Alguém iria a tribunal responder por isto; mas o mais certo é que ninguém fosse preso por insuficiência de provas.

    Por seres complacente com situações destas - que ocorrem - não podes esperar que outros partilhem da tua opinião. Isto são não só desvios às leis do mercado como, em certos locais, preconfiguram crime (os tais crimes de 'colarinho branco' tão complexos e difíceis de desmontar).
     
  15. Sirikazy

    Sirikazy Power Member

    Tinha muita curiosidade em ver a desemvolver a parte da inovação. Estas a referir a inovação na criação de esquemas que a levaram a ser julgada e levou a criação de leis anti-monopolio?
     
  16. MultiSpeed

    MultiSpeed [email protected] Member


    Vai lá ler a carta do Francois outra vez, a tua analogia não se aplica, está completamente fora do contexto da situação que nela é referida.

    É que neste caso a "estrada" foi MESMO construída por quem ganhou a empreitada, pois o hardware foi entregue com o devido software pela empresa vencedora. A única coisa que o Governo nigeriano disse, foi que futuramente ia substituir O SOFTWARE de Linux por Windows.

    Não me digas que, usando a tua analogia, depois da estrada construída por quem ganhou a empreitada, o governo não pode decidir mudar a forma de a explorar. Isso é que era bom. Eles pagaram os computadores, logo fazem com eles o que quiserem, usam o software que entenderem e se agora acham que o windows é melhor para eles, ok, mudaram de opinião e além do mais foram gajos honestos. Disseram a razão verdadeira e pagaram o software que já haviam encomendado.


    :joker:
     
    Última edição: 4 de Novembro de 2007
  17. slack_guy

    slack_guy Power Member

    Eu não sei o que o governo nigeriano disse ou deixou de dizer. Nem tão pouco referi a Nigéria, nem a Microsoft, nem o Windows, nem o Linux, nem a Mandriva. Desconheço em absoluto este episódio. Se tens dados que confirmem ou desmintam este caso, coloca-os aqui, sff.

    Claro que sim, mesmo que o contrato previsse que a manutenção da estrada ficava a cargo do construtor. Os contratos podem sempre ser alterados, normalmente com prejuízo para uma das partes. Se isto acontecesse com a tua empresa e com o Estado português, quem ficava a perder era o contribuinte.

    'Mudar de opinião' quando se compra uma camisa é uma coisa, quando se trata de dinheiro do erário público é outra radicalmente diferente.
     
  18. madskaddie

    madskaddie Power Member


    Não foi não senhor... a estrada da mandriva é o software e suporte! Não é o classmate! Enfim... eu saio desta discussao porque no momento em que se põe a MS como responsável do desenvolvimento da industria (que foi) na onda de que sem a MS isso nao teria acontecido ( e ainda falam em especulação); falam da inovação da MS, mas quando a MS poe entraves à inovacao dos outros é concorrencia LEAL... nao vale a pena.
     
  19. heeven

    heeven Power Member

    enfim. a m$ tanto inovou no mundo da informática como agora também o trava. Anda tudo à velocidade que eles querem.
     
  20. MultiSpeed

    MultiSpeed [email protected] Member

    Em absoluto não desconheces, pois quer-me parecer que se vieste a esta thread e fizeste um comentário, esse comentário foi em função do assunto que se discute nela, ou será que tens por hábito comentar assuntos de threads que desconheces em absoluto?

    E o que se discute nesta thread diz respeito a uma carta que, segundo alguns iluminados, é a prova indiscutível (???) de um acto de corrupção por parte da Microsoft. Carta essa que foi escrita, segundo dizem, pelo CEO da Mandriva e onde esse mesmo CEO refere que o governo nigeriano afirmou que futuramente iria mudar de sistema operativo. Podes ir ler a carta novamente.


    Desculpa lá mas isso não é assim. Ainda há uns anos atrás o governo da altura resolveu abolir o pagamento numas quantas portagens de concessionárias das nossas auto-estradas. Achas que entre as partes interessadas alguém ficou a perder? Se achas estás enganado. As concessionárias foram indemnizadas e bem, o estado angariou simpatia e populismo junto da população, população essa que ficou toda satisfeita por deixar de pagar portagens.


    Quem te garante que a Microsoft não assumiu o custo? Pois bem deves saber que existem milhentas empresas que o fazem só para manterem os seus produtos no topo das hierarquias comerciais. Podia-te referir vários casos idênticos conhecidos mas são tão conhecidos que tu chegas lá sózinho.

    Bem, mas este assunto sinceramente já chateia e a culpa até é em certa parte minha.

    Já deveria saber que uma thread iniciada com a frase parcial e inflamatória do estilo "A guerra continua entre Microsoft e o mundo Open Source com concorrência desleal por parte da Microsoft." nunca seria um bom ponto de início de discussão, muito menos no fórum Open Source.

    Posição demasiado biased pelo autor da thread, que acusa sem conhecimento e toma partido parcialmente. Como já disse acima, está na moda ser anti-Microsoft e anti-USA.

    Agora sim, assunto encerrado para mim, saio da discussão
    Peace :)
     
    Última edição: 4 de Novembro de 2007

Partilhar esta Página