Melhores empresas para trabalhar

YoZ

Power Member
São 2k liquidos (contar com as ajudas). Parece-me muito baixo para bruxelas.. Podes é "usar" essa empresa para lá estares e depois saltas para uma que pague "direito"
 

Mr Correia

Power Member
Não me parece nada mau tendo tudo em conta... Parece-me que acaba por poupar bem mais do que um contrato direto na Bélgica com outro empregador e a pagar impostos na Bélgica (que também leva impostos até não poder mais...) não?
 
Vocês analisam apenas o salário e nem olham para o resto.

Só o que ele recebe directamente são 2150€ líquidos. Ainda tem as deslocações pagas, o que me leva a supor que paguem o passe de autocarro/comboio/reembolsem táxis ou Ubers. E ainda tem alojamento e as despesas com alojamento pagas (presumo que a empresa te arranje um apartamento só para ti ou algo assim).

Resumindo, ele tem 2150€ líquidos todos os meses para gastar, porque tem praticamente 0€ de despesas com renda ou transportes. Isto é uma proposta bastante boa considerando o tempo de experiência e o facto de ele não ter curso. E num futuro próximo, já estando em Bruxelas, pode tentar dar o salto para uma empresa que pague muito mais. Ou até pode ir trabalhar para o Parlamento Europeu e pagar zero de impostos, tem essa vantagem.
 
Não me parece nada mau tendo tudo em conta... Parece-me que acaba por poupar bem mais do que um contrato direto na Bélgica com outro empregador e a pagar impostos na Bélgica (que também leva impostos até não poder mais...) não?

Por acaso, ele nunca disse que ia pagar os impostos na Bélgica. Pode acontecer ele continuar cá com morada fiscal mas estar a trabalhar na Bélgica, quase como acontecia com alguns consultores que iam meses ou anos para Angola através de empresas portuguesas e continuavam a receber o salário cá e a pagar cá impostos. Reparem que o alojamento é pago pela empresa, logo deve ficar em nome da empresa, por isso ele não deve ter de mudar a morada fiscal.

Mas isto são especulações, o que interessa é que são 2150€ líquidos com praticamente tudo pago. Quantas pessoas em Bruxelas têm 2150€ líquidos disponíveis depois de pagarem renda, contas e transporte?
 

Mr Correia

Power Member
Sim, e a juntar a isso o facto de apenas exigir 1 ano de experiência. Parece-me uma decisão fácil quando comparado com o que quer que seja em Portugal, excepto trabalhos remote para o estrangeiro claro.
 

Slynth

Power Member
Entretanto com os vossos comentários, fico a perceber que a proposta não será má de todo, mas surgem novas questões, que vou ter de lhes colocar. As deslocações a que me referia eram entre países, mas vou questionar acerca de deslocações internas no país e também questionar acerca dos descontos, pois não faço ideia onde serão feitos, mas presumo que serão em Portugal.
 

0NZ3

Folding Member
@Slynth Não é má tendo em conta as deslocações, casas e despesas pagas mas também não é fantástica.

Pessoalmente, tendo em conta que depois tens que emigrar tentava puxar um bocadinho os valores mas cada caso é um caso.
 

Slynth

Power Member
@Slynth Não é má tendo em conta as deslocações, casas e despesas pagas mas também não é fantástica.

Pessoalmente, tendo em conta que depois tens que emigrar tentava puxar um bocadinho os valores mas cada caso é um caso.

Mas na proposta em si, vês alguma burocracia ou algo do género que me possa estar a escapar?
Ou são mesmo só os valores que são baixos?

Eu sugeri os 1100€ líquidos porque moro na beira interior, e se estiver a trabalhar remotamente em minha casa, é um valor que não é alto, mas que chega para viver
 

MeoGo

Power Member
Eu comecei a trabalhar em Setembro, ganho cerca de 1100€ liquidos (estou em Lisboa), pago 250€/mês de propinas de mestrado e, no final do mês, ainda me sobre cerca de 200/300€. (Pago cerca de 240€/mês por um quarto sem despesas incluídas). Sei que tenho um ordenado baixo, mas chega para viver confortavelmente em Lisboa, se não tivesse a despesa do mestrado quase que poupava um ordenado minimo por mês.
 

Soplica

Banido
Sim, e a juntar a isso o facto de apenas exigir 1 ano de experiência. Parece-me uma decisão fácil quando comparado com o que quer que seja em Portugal, excepto trabalhos remote para o estrangeiro claro.
É preciso ver o alojamento. As condições e onde é.

Se for um quarto no meio de um bairro dos subúrbios de Bruxelas nem por 3k ia
 

bashir

Power Member
Eu comecei a trabalhar em Setembro, ganho cerca de 1100€ liquidos (estou em Lisboa), pago 250€/mês de propinas de mestrado e, no final do mês, ainda me sobre cerca de 200/300€. (Pago cerca de 240€/mês por um quarto sem despesas incluídas). Sei que tenho um ordenado baixo, mas chega para viver confortavelmente em Lisboa, se não tivesse a despesa do mestrado quase que poupava um ordenado minimo por mês.
Não conseguir pagar um arrendamento sozinho dificlmente é viver confortavel.. Mas isto sou eu.
 
Alguém aqui trabalha ou já trabalhou na Timwetech?

Boas,

Eu já trabalhei lá e sai em 2020.

Mas se queres:
  • Trabalhar mais de 8h por dia;
  • Ter colegas porreiros;
  • Ter um managment do pior que há;
  • Ter a sorte de teres um projecto fixe;
  • Ter a sorte de trabalhar com tecnologias actuais;
  • Ter um salário dentro do normal em que 25% são ajudas de custo, facturas, que tens que entregar;
  • Ter imensa burocracia para teres alguma coisa que precises;
  • etc...
Então a Timwetech é a empresa certa para ti...

Mas se quiseres saber mais informações em especifico manda PM
 
Boas,

Eu já trabalhei lá e sai em 2020.

Mas se queres:
  • Trabalhar mais de 8h por dia;
  • Ter colegas porreiros;
  • Ter um managment do pior que há;
  • Ter a sorte de teres um projecto fixe;
  • Ter a sorte de trabalhar com tecnologias actuais;
  • Ter um salário dentro do normal em que 25% são ajudas de custo, facturas, que tens que entregar;
  • Ter imensa burocracia para teres alguma coisa que precises;
  • etc...
Então a Timwetech é a empresa certa para ti...

Mas se quiseres saber mais informações em especifico manda PM

Trabalhar mais de 8h por dia já sabia, até porque o contrato seria com isenção de horário e eles disseram logo que o horário era das 9h às 19h. Ajudas de custo não foram mencionadas, pagavam tudo no bruto, por acaso.

Em relação ao resto já estou a ver que não vale a pena, porque ter colegas porreiros é excelente mas ter managers maus, muita burocracia e não trabalhar sempre com as tecnologias mais recentes é algo que dá logo cabo de tudo.

Obrigado pela resposta.
 
Trabalhar mais de 8h por dia já sabia, até porque o contrato seria com isenção de horário e eles disseram logo que o horário era das 9h às 19h. Ajudas de custo não foram mencionadas, pagavam tudo no bruto, por acaso.

Em relação ao resto já estou a ver que não vale a pena, porque ter colegas porreiros é excelente mas ter managers maus, muita burocracia e não trabalhar sempre com as tecnologias mais recentes é algo que dá logo cabo de tudo.

Obrigado pela resposta.

As 8h depende... Podes chegar às 18h30 e alguém te pedir alguma coisa urgente e teres que ficar até às 19h, 20h, 21h, etc...

As ajudas de custo não mencionam porque eles fazem 1 transferência apenas do valor total liquido. Mas as ajudas de custo dependem das facturas que entregues. E isso ou tens sorte de encontrar alguém que te arranje as facturas e entregas ou então gastas o dinheiro para te devolverem. No fundo é dinheiro que não recebes...

As tecnologias depende da àrea e do projecto. Podes por exemplo ir trabalhar com Java 6 e Jboss 5...

Depois daquilo que vi durante algum tempo não recomendo ninguém a ir para lá.
 
As 8h depende... Podes chegar às 18h30 e alguém te pedir alguma coisa urgente e teres que ficar até às 19h, 20h, 21h, etc...

As ajudas de custo não mencionam porque eles fazem 1 transferência apenas do valor total liquido. Mas as ajudas de custo dependem das facturas que entregues. E isso ou tens sorte de encontrar alguém que te arranje as facturas e entregas ou então gastas o dinheiro para te devolverem. No fundo é dinheiro que não recebes...

As tecnologias depende da àrea e do projecto. Podes por exemplo ir trabalhar com Java 6 e Jboss 5...

Depois daquilo que vi durante algum tempo não recomendo ninguém a ir para lá.

O meu instinto já me dizia para não ir para lá, apenas queria ter mais certezas. Continuarei à procura de algo que se enquadre mais com o que eu quero, é o melhor. Obrigado!
 
Topo