Melhores empresas para trabalhar

Seeba

Power Member
xGeeks é sempre Leiria, foi uma pergunta estúpida da minha parte. Eles fazem é parte da KI Labs e essa é que tem escritórios em Lisboa.

Eu só tenho uma opinião formada do que me dizem pessoas que trabalharam na KI Labs e colaboraram de perto com pessoal da xGeeks, por isso o que vou dizer vale o que vale:
- O ambiente entre colegas é bom, toda a gente se ajuda e tenta que cresças profissionalmente e aprendas cada vez mais.
- Agora está tudo remoto, mas acho que já antes havia flexibilidade para trabalhares em casa, o que é sempre positivo.
- Podes trabalhar regularmente com pessoal que está na Alemanha, o que é fixe.
- É uma consultora, por isso podes mudar de projectos e vais trabalhar em projectos nas mais variadas áreas.
- É uma consultora, por isso vais ter fases em que trabalhas horas extra e, do que me disseram, não te as pagam. Houve um projecto em que até aos fins-de-semana trabalharam.

Isto é o que eu sei deles, mas, como eu disse, é uma opinião formulada com o que outras pessoas me dizem. Se fosse em Lisboa eu diria para tentares outra empresa e descartares esta, mas em Leiria não sei se há muitas opções melhores.

Para Lisboa é assim tão mau? Queria saber visto que tive um entrevista com eles e irei receber um desafio para realizar. E pelo que li não quero perder tempo em desafios para depois não gostar do ambiente etc.
 
Para Lisboa é assim tão mau? Queria saber visto que tive um entrevista com eles e irei receber um desafio para realizar. E pelo que li não quero perder tempo em desafios para depois não gostar do ambiente etc.

Isto são relatos de outras pessoas que eu conheço, por isso vale o que vale. Tu é que terás de pesquisar mais e analisar como foi a primeira entrevista e se se enquadra com aquilo que queres.
 

Seeba

Power Member
Interessava-me mais saber qual o grau de dificuldade nas entrevistas técnicas para malta mais junior com 3/4 anos de xp. É qual o tipo de desafio eles fazem. (é mais do tipo HackerRank ou pequenos "projetos" etc).

Obrigado
 

paulstark

Power Member
Interessava-me mais saber qual o grau de dificuldade nas entrevistas técnicas para malta mais junior com 3/4 anos de xp. É qual o tipo de desafio eles fazem. (é mais do tipo HackerRank ou pequenos "projetos" etc).

Obrigado
Eu tive uma entrevista com eles quando estava a terminar a minha tese de mestrado em Setembro de 2019, achei um pouco complicada na altura, mas também era uma das minhas primeiras entrevistas e não tinha nenhuma experiência profissional. Do que me lembro foi um pair programming com 2 devs e era uma espécie de HackerRank. O exercício em si não era dificil, o que achei foi que me tinham dado pouco tempo para o exercício que era e também que estar ali com 2 pessoas me colocou demasiada pressão. Acredito que o processo não deva mudar muito mesmo para alguém com mais experiência.

Mas lá está, isto com uma visão de alguém que nunca tinha trabalhado na altura. Acredito que hoje acharia mais fácil.
 

Seeba

Power Member
Eu tive uma entrevista com eles quando estava a terminar a minha tese de mestrado em Setembro de 2019, achei um pouco complicada na altura, mas também era uma das minhas primeiras entrevistas e não tinha nenhuma experiência profissional. Do que me lembro foi um pair programming com 2 devs e era uma espécie de HackerRank. O exercício em si não era dificil, o que achei foi que me tinham dado pouco tempo para o exercício que era e também que estar ali com 2 pessoas me colocou demasiada pressão. Acredito que o processo não deva mudar muito mesmo para alguém com mais experiência.

Mas lá está, isto com uma visão de alguém que nunca tinha trabalhado na altura. Acredito que hoje acharia mais fácil.

Obrigado pelo feedback. Pair programming com 2 deves que tu não conheces da sempre aquela pressão ainda por cima numa entrevista mais ainda.

Veremos o que vai sair :)
 
Interessava-me mais saber qual o grau de dificuldade nas entrevistas técnicas para malta mais junior com 3/4 anos de xp. É qual o tipo de desafio eles fazem. (é mais do tipo HackerRank ou pequenos "projetos" etc).

Obrigado

Nunca entrevistei com 3/4 anos de experiência, mas isso é praticar LeetCode, system design e saber bem Java e JVM.
 
Boas.
Tenho 5 anos e meio de experiencia na área de programação, full stack, ganho 1300e brutos + carro da empresa (avaliado em 250e limpos), no interior.
Como é que andam os ordenados em Lisboa para uma pessoa com a minha experiencia?
 

DFCS

Power Member
Boas.
Tenho 5 anos e meio de experiencia na área de programação, full stack, ganho 1300e brutos + carro da empresa (avaliado em 250e limpos), no interior.
Como é que andam os ordenados em Lisboa para uma pessoa com a minha experiencia?
1300 euros brutos não me parece grande coisa para alguém com 5 anos de experiência. Não estou bem a par de salários em Lisboa, mas apostava nuns 1500 líquidos.
 

h1ghland3r

Power Member
Trabalho em Lisboa e tenho cerca de 5 anos de experiencia. Em 14 meses para um ordenado somente com subsídio alimentação, eu diria que 1500 a 1800 líquidos + alimentação, para ordenados que incluem outro subsídios acredito que 1200 a 1600 líquido + subsídios. É uma média que observo com amigos, mas claro que isso depende da empresa e negociação.
 
Opinião sobre ordenados brutos... isso não interessa a ninguém. Para mim até pode ser 1M bruto... se no fim for só 1k líquidos que me interessa o bruto?

Porque tu sabes os impostos que pagas, por isso faz sentido é negociar o bruto. E facilita as coisas, porque se dizes que queres X líquidos depois tens de dizer se és casado ou não e se tens dependentes ou não que é para empresa fazer o cálculo do custo que o teu salário terá. Já se disseres que queres Y brutos então a empresa já sabe quanto é o custo de um salário desses e não tens de lhes dar mais informações e sabes à mesma quanto líquido vais receber.

Até te posso dizer que negociar líquidos é "uma coisa mesmo de Portugal". De todas as entrevistas que tive para o estrangeiro ou com recrutadores estrangeiros (que estavam a recrutar para empresas em Portugal) sempre se falou em ordenados brutos e não líquido mensal. Isso para eles é algo que nem faz sentido, tanto que se disseres que queres X líquidos por mês eles ficam completamente à toa e perguntam logo quanto é isso em brutos. Por essa razão é que até para empresas em Portugal eu já digo o salário bruto e pronto.
 
Porque tu sabes os impostos que pagas, por isso faz sentido é negociar o bruto. E facilita as coisas, porque se dizes que queres X líquidos depois tens de dizer se és casado ou não e se tens dependentes ou não que é para empresa fazer o cálculo do custo que o teu salário terá. Já se disseres que queres Y brutos então a empresa já sabe quanto é o custo de um salário desses e não tens de lhes dar mais informações e sabes à mesma quanto líquido vais receber.

Até te posso dizer que negociar líquidos é "uma coisa mesmo de Portugal". De todas as entrevistas que tive para o estrangeiro ou com recrutadores estrangeiros (que estavam a recrutar para empresas em Portugal) sempre se falou em ordenados brutos e não líquido mensal. Isso para eles é algo que nem faz sentido, tanto que se disseres que queres X líquidos por mês eles ficam completamente à toa e perguntam logo quanto é isso em brutos. Por essa razão é que até para empresas em Portugal eu já digo o salário bruto e pronto.

Espera lá, agora o interesse é meu que eles calculem os impostos? Então mas quem é que está a contratar? Quem tem de fazer as contas são eles, era o que faltava. A mim interessa-me o que me cai no bolso. A eles o mesmo. Eu sinceramente nem me interessa os impostos que pago ou deixo de pagar. Não tenho poder sobre eles, portanto não me interessam. Considero, principalmente em "países" como Portugal (para mim são países só de nome pois não tem qualquer poder economico-financeiro para tomar decisões de forma independente) os impostos são dinheiro deitado ao lixo, portanto nem perco tempo a pensar nisso, para não viver deprimido a chorar o que perco por mês.
 

ultrauploader

Power Member
Espera lá, agora o interesse é meu que eles calculem os impostos? Então mas quem é que está a contratar? Quem tem de fazer as contas são eles, era o que faltava. A mim interessa-me o que me cai no bolso. A eles o mesmo. Eu sinceramente nem me interessa os impostos que pago ou deixo de pagar. Não tenho poder sobre eles, portanto não me interessam. Considero, principalmente em "países" como Portugal (para mim são países só de nome pois não tem qualquer poder economico-financeiro para tomar decisões de forma independente) os impostos são dinheiro deitado ao lixo, portanto nem perco tempo a pensar nisso, para não viver deprimido a chorar o que perco por mês.
Os talhos adoram pessoal que pensa assim. Já que não te interessa o bruto, és corrido a ordenado mínimo + ajudas de custo.
 

vrael

Power Member
Boas.
Tenho 5 anos e meio de experiencia na área de programação, full stack, ganho 1300e brutos + carro da empresa (avaliado em 250e limpos), no interior.

Como é que andam os ordenados em Lisboa para uma pessoa com a minha experiencia?

Parece-me francamente pouco. No Porto com essa experiências é razoável 2.3/2.4 brutos.
 
Topo