Mozilla Firefox

Mas os motores de renderização obrigam os devs a maior trabalho. Se todos apenas fizessem as páginas apenas para um motor perdia-se menos tempo nessa parte que podia ser dedicado a outras coisas que poderiam ser mais importantes para o utilizador final. Tu quando usas um browser pensas no motor? Claro que não.
 

Alexrd

Moderador
Staff
O que obriga a mais trabalho é não seguir standards, e não o motor X ou Y.

Eu uso Firefox precisamente por, entre outras coisas, não gostar de Chromium. E sim, isso reflecte-se na diferença de renderização. A existência de opções é algo importante para os utilizadores finais.
 
Em mobile o Firefox não descola. Em desktop anda a perder mercado aos tempos.

Se não for a Google a meter um cheque, o que safa esta empresa? Aliás a Google só mete o cheque para que não lhe apareçam acusações de monopólio... Então financiam a concorrência para que esta continue a "concorrer" com eles.

Mas assim que o Edge ganhar mercado suficiente, que razão continua a Google para manter este financiamento à Mozilla? É que no desktop o Edge já é 2. Se no mobile conseguir um 3 lugar (bastante possível) então há concorrência, além da do Firefox (que cada vez menos é concorrência).
 

ciberg

Moderador
Staff
O mercado do Edge é dos utilizadores que pensam que a internet é o browser e usam o que vem instalados.
A Microsoft tem um histórico péssimo em browsers com os Internet Explorers que eram um pesadelo para um web developer, cada versão obrigava a ter CSS especificas para que as páginas aparecessem correctamente. IMHO Edge sendo baseado em Chromium não vejo que acrescente muito ao mundo dos browsers.

Apesar de estar melhor a MS nunca foi exemplo relativamente a seguir standards, espero que seja desta.
 
Devias experimentar o browser ou procurar sobre o mesmo antes de tirares conclusões tão redutoras. E tens de atualizar essa mentalidade. A Microsoft começou o esforço de seguir os standards desde o Internet Explorer 10 (2012) para cima. E quando não os seguiam era porque não existiam standards e havia a necessidade de a web suportar mais funcionalidade. Até à pouco tempo o Youtube usava a shadow dom v0 API que não é um standard e só funcionava no Chrome e por causa disso o Youtube era lento em todos os browsers exceto nos baseados em Chromium. Não é só a Microsoft que não segue/seguia os standards. :)

O Chromium Edge é mais que um fork do Chrome mas com todas as vantagens de ser o mesmo motor.
-Não tem nada dos serviços da Google. São todos da Microsoft. Para quem quer fugir à Google o mais possível e usa o ecossistema da Microsoft é uma mais valia.
-Tem configurações de privacidade mais agressivas.
-Usa até 23% menos RAM no Windows 10.
-Tem otimizações para usar menos bateria (que eventualmente são implementadas no Chrome).
-Suporta PlayReady DRM que permite ver Netflix a 1080p e 4k.

Sabes, isto já são ódios crónicos e de estimação de várias pessoas contra aquela que é, na minha opinião, a maior e melhor empresa da história da humanidade. A revolução que a MS proporcionou à humanidade ao proporcionar a propagação de tecnologias através da disseminação do seu sistema operativo é incomparável com qualquer feito de qualquer outra empresa que alguma vez tenha ouvido falar. Afinal, o que raio não é feito em Windows ou se foi feito em algo que não Windows, o que fabricou esse algo foi feito em Windows. Desde coisas como mosaicos, lâmpadas, etc, etc, etc, a coisas megalómanas. O IE foi parte disso e ajudou a dessiminar o uso da Internet e a dar a conhecer a mesma à humanidade. Não foi o Firefox ou o Netscape que desbravaram esse caminho. Arrisco-me a dizer que a Google foi criada numa garagem em pc's que corriam Windows. O mesmo para a Amazon. Até os Mac e iPhones são produzidos em linhas que usam... Windows!

Isto só para dizer que... Preparem-se... A MS está a voltar. Aos poucos... Mas está. O Firefox vai ser o primeiro a pagar as favas.
 

Blue Zee

Power Member
Mais uma atualização: versão 85.0.1

Version 85.0.1, first offered to Release channel users on February 5, 2021

Fixed
  • Security fix

  • Prevent access to NTFS special paths that could lead to filesystem corruption.

  • Fixed a crash when authenticating to websites using SPNEGO on macOS devices with Apple Silicon CPUs (bug 1685427).

  • Avoid printing an extra blank page at the end of some documents (bug 1689789).

  • Fixed a browser crash in case of unexpected Cache API state (bug 1684838).

  • Fixed external URL scheme handlers when using the Firefox flatpak (bug 1688966)
 

ciberg

Moderador
Staff
Sabes, isto já são ódios crónicos e de estimação de várias pessoas contra aquela que é, na minha opinião, a maior e melhor empresa da história da humanidade. A revolução que a MS proporcionou à humanidade ao proporcionar a propagação de tecnologias através da disseminação do seu sistema operativo é incomparável com qualquer feito de qualquer outra empresa que alguma vez tenha ouvido falar. Afinal, o que raio não é feito em Windows ou se foi feito em algo que não Windows, o que fabricou esse algo foi feito em Windows. Desde coisas como mosaicos, lâmpadas, etc, etc, etc, a coisas megalómanas. O IE foi parte disso e ajudou a dessiminar o uso da Internet e a dar a conhecer a mesma à humanidade. Não foi o Firefox ou o Netscape que desbravaram esse caminho. Arrisco-me a dizer que a Google foi criada numa garagem em pc's que corriam Windows. O mesmo para a Amazon. Até os Mac e iPhones são produzidos em linhas que usam... Windows!

Isto só para dizer que... Preparem-se... A MS está a voltar. Aos poucos... Mas está. O Firefox vai ser o primeiro a pagar as favas.

Ainda falam do Apple Distortion Field...
Com exageros desta magnitude que mostram uma gigante falta de conhecimento e de noção vejo que o melhor é nem dizer nada...
 
Ainda falam do Apple Distortion Field...
Com exageros desta magnitude que mostram uma gigante falta de conhecimento e de noção vejo que o melhor é nem dizer nada...

O Firefox está quase a baixar a 4 classificado a nível mundial... Atrás do Edge! São umas meras décimas e já nada consegue impedir o Edge de chegar a 3 tendo em conta a queda continuada do Firefox ao longo dos anos... A Mozilla vai ter de encontrar outro negócio. Este foi chão que já deu uvas!

Microsoft returns...
 
Última edição:

ciberg

Moderador
Staff
Os rankings de utilização não dizem muito porque obviamente o Edge vindo como default no Windows vai ter muito mais utilizadores que nem sabem meter outro browser.

Agora concordo contigo que o Firefox está a morrer, actualmente não há diferenças assim tão grandes entre os browsers que justifiquem mudar daquele a que estamos habituados e desde que a Mozilla limitou as extensões que perdeu a vantagem que tinha.

Eu era um grande user de Firefox e agora só o tenho aqui por razões profissionais (para testar), uso o Safari para uso diário e algum site mais mal feito onde o Safari não corra bem uso o Chrome.

Prefiro o Safari por estar mais integrado com o sistema operativo, tendo melhor gestão de memória e poupança de energia.
 
Os rankings de utilização não dizem muito porque obviamente o Edge vindo como default no Windows vai ter muito mais utilizadores que nem sabem meter outro browser.

Agora concordo contigo que o Firefox está a morrer, actualmente não há diferenças assim tão grandes entre os browsers que justifiquem mudar daquele a que estamos habituados e desde que a Mozilla limitou as extensões que perdeu a vantagem que tinha.

Eu era um grande user de Firefox e agora só o tenho aqui por razões profissionais (para testar), uso o Safari para uso diário e algum site mais mal feito onde o Safari não corra bem uso o Chrome.

Prefiro o Safari por estar mais integrado com o sistema operativo, tendo melhor gestão de memória e poupança de energia.

O IE era default e também não foi por aí que o Chrome não o destronou. A MS só tem de continuar o bom trabalho. O que se nota é que agora a equipa do Edge está livre da equipa do Windows e desenvolve a um ritmo mais elevado que alguma vez conseguiram. Além disso ainda têm a vantagem de não ter de perder demasiado tempo com o motor de renderização pois é open source e leva contribuições de muito gente além deles o que lhes abre tempo para se dedicarem a UI/UX e funcionalidades. Claro depois ao terem o browser integrado no SO têm a vantagem de poder fazer optimizações que mais ninguém consegue pois o código fonte do SO é deles.

Que faz mais a Mozilla que lhes possa garantir retorno financeiro? Sinceramente não estou a ver uma saída para eles...
 

ciberg

Moderador
Staff
Isso deixou de ser verdade desde que o Chrome passou a favorito. Basta ver o share que o Edge antigo atingiu (muito baixo para um browser pre-instalado).

Eheheh... Site mal feito... É possível... Mas sempre que tinha problemas de css era com o Safari. Fazia algo com css, testava no Edge antigo e aparecia igualmente bem no Chrome. Já no Safari é outra história. Problemas de css que não lembra a ninguém.

Sim, o Edge antigo teve muito pouca adoção e a Google tem feito um bom trabalho a afirmar o Chrome.

Quanto aos sites mal feitos, continuo a achar que sim, uso centenas de sites por semana sem problemas com o Safari, se um ou outro não funcionam bem é porque quem o desenvolveu não teve o cuidado de o testar em Safari.
 

CorleonePT

Power Member
Boas pessoal,

Alguém sabe como remover estas sugestões do Firefox?

firefox.png
 
Topo