1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Mudança de Distro, sugestoes procuram-se.

Discussão em 'Novidades GNU/Linux & *nix World' iniciada por esquiso, 26 de Abril de 2007. (Respostas: 43; Visualizações: 2227)

  1. esquiso

    esquiso Power Member

    Bem, hoje apeteceu-me mudar de distro.

    Depois de uma boa experiencia com o Ubuntu 6.10, já não me ajeitei tão bem com este 7.04. Não me peçam para explicar. Como não me apetece andar a retroceder, decidi mudar completamente de distro. Esta thread, para já, destina-se a sugestões para essa nova distro.

    Tenho, como é obvio, algumas ideias, sugestões e exigencias:

    - Suporte a 64 bits, o que faz com que desapareça logo uma catrefada de distros
    - A minha expriencia baseia-se essencialmente com o apt; apesar de não me importar de uma mudança mais radical, provavelmente seria mais facil a adaptação a um sistema com apt.
    - Tenho bastante tempo à disposição, paciencia às vezes nem por isso. Mas a telha passa-me rapido.

    Posto isto, as opções seriam Gentoo, Debian, OpenSuse e Fedora. Talvez outra distro mais obscura, mas não são muitas a suportar 64 bits.

    Gentoo, só quando sair a nova versão (já esta quase um mes atrasada) visto que o 2006.1 tem uma telha qualquer com o JMicron.
    Debian é o candidato mais forte.
    OpenSuse e Fedora são ilustres desconhecidos. Ouço falar bem, mas nunca testei.

    Entao, e sugestoes?
     
    Última edição: 26 de Abril de 2007
  2. QuickFire

    QuickFire What is folding?

    Eu aconselhava Gentoo ou Debian.
    Como estás à espera do Gentoo podias dar uma voltinha pelo Debian para veres o que achas :)
    Eu pessoalmente sou demasiado preguiçoso para me meter nisso (em tempos já andei por Debian) mas agora ando com o Ubuntu 7.04 a trabalhar sempre e tou satisfeito :D
     
  3. Madril

    Madril 1st Folding then Sex

    Se quizeres brincar vai para Gentoo :D
     
  4. Nomearod

    Nomearod Power Member

    Nunca gostie de Open Suse. O Yast apesar de ter bastante potencial, é um programa que dá bastantes problemes e não resolve nada...

    Recomendaria Mepis 6.5. Saiu agora a nova versão e está excelente em todos os aspectos. Não tenho processador 64 bits, mas pelo que li, esta versão funciona muito bem.

    Fedora também será uma boa hipótese, mas agora espera pela versão 7 que sai no próximo mês.

    Sabayon 3.3 também é interessante, mas se começas a mexer muito, mais cedo ou mais tarde acabas por ter que reinstalar e formatar aquilo tudo várias vezes.
     
  5. luikki

    luikki Power Member

    vê por aqui.......
     
  6. El_UnO

    El_UnO 1st Folding then Sex

    Gentoo, sem dúvida. Qual é o "stress" que não entendi bem?

    Sair ou não sair uma versão nova no gentoo é quase cagativo...o sistema tem updates regulares e de uma para á outra mudam umas coisas no profile e pronto :P
     
  7. grafo

    grafo Folding Member

    nao posso falar do mepis, do opensuse ou do fedora.
    fedora7 é equivalente ao ubuntu feisty... desconheco os motivos pelos quais saiste do ubuntu, mas se foram esses em principio esquece o fedora. o mepis deve ser bom mas nao e'um bocado linux mint para o ubuntu?
    debian é mt bom... opensuse e fedora sao um bocadinho ratinhos de laboratorio para versoes empresariais, mas tambem essas nao sao dirigidas a users caseiros, por isso nca vao ser extintas em principio.
    para desktop, eu excluiria gentoo. mt lento nos updates. e se vais usar uma versao para 64 bits nao vale a pena compilares os pacotes pq ja os tens compilados para essa arquitectura. - debian 64, etc
     
  8. El_UnO

    El_UnO 1st Folding then Sex

    Lento? Mas por acaso tu ficas a olhar para os updates enquanto eles se fazem? Eu não :D

    É verdade que debian tem uma variedade imensa de pacotes mas vais ter sempre mais se for from source...para além da facilidade em ter uma distro actualizada e na flexibilidade que há a escolher as versões, coisa que com a filosofia de debian não é tão fácil :)

    No fundo, tudo depende do controle que queiras ter...
     
  9. CR_

    CR_ Power Member

    Eu ia já recomendar mas depois tinham a sensação de Déjà vu :D

    Gostarias de compilar e não te importavas perder muito tempo a configurar? Experimenta Gentoo.

    Senão já sabes o que eu diria a seguir...
     
  10. APLinhares

    APLinhares OpenSource Moderator
    Staff Member

    Colocast um ponto importante. os 64bits.
    Se quiseres mesmo os 64bits, terás 2 hipoteses, como ja referi algumas vezes. Ou uma distro multi-arch (que tem pacotes 64bits e alguns para fazer compatibilidade 32bits), ou usando o chroot, obrigando a ter pacotes em 32bits e pacotes em 64bits (ou seja, mto espaço ocupado).
    Em tempos pensei optar por chroot, mas desisti. Tentei então a unica distro que conhecia na altura capaz de multi-arch e foi ela o OpenSuse. E ainda hoje uso. No entanto, verifiquei á pco tempo que debian actualmente tb possui multi-arch, sendo a meu ver, 1 distro mto válida ;)
    Por ex fedora já nao sei dizer...
     
  11. ruimoura

    ruimoura Power Member

    Fedora também é, à muito tempo, multi-arch ;), e recomenda-se, claro ...
     
  12. APLinhares

    APLinhares OpenSource Moderator
    Staff Member

    Ja li que sim, inda bem :)
    Agora é escolher :D
     
  13. Rui_Carlos

    Rui_Carlos 1st Folding then Sex

    Gentoo :x2:

    o Gentoo dá algum trabalho, mas acho que vale a pena...

    já usei Fedora e acho-o muito pesado, para além de trazer montes de lixo. o OpenSuse tem um excelente suporte a hardware (foi a única distro em que consegui ter tudo a funcionar) e tem o YaST (que ao contrário do que disseram, acho que é uma ferramenta excelente), mas também tem mais ou menos os problemas do Fedora.

    o Debian nunca usei, mas também deve ser uma boa opção (tem uma vantagem em relação ao Gentoo, normalmente é mais fácil encontrar drives de periféricos para Debian).
     
  14. APLinhares

    APLinhares OpenSource Moderator
    Staff Member

    Há sempre a hipotese de debian e instalaçao apt-build optimizada :p :p
     
  15. r3pek

    r3pek Power Member

    hummmm....... deixa ver......... GENTOO!!!!!! :D
     
  16. HecKel

    HecKel The WORM

    Bem..., como és um puto na idade bacana em que o nosso cérebro é um aspirador de informação..., e como não tens mesmo nada para fazer...

    Agarra-te ao Gentoo, perdes umas boas horas a configurar isso tudo, aprendes (se não fores burro :rolleyes:) e como bónus até me deixas descansado algumas horas no msn e no google talk sem me chateares, hein? :205:

    Parece-me a escolha perfeita :x2:

    Fora de brincadeiras, segue para o Gentoo, lê o handbook de antemão..., a escolha das opções é mais rápida do que consegues ler os passos e depois fazes porcaria como eu :P

    Boa sorte nisso ;)

    abraços, HecKel

    PS: Escolhe um dia em que eu esteja online, assim tenho a certeza que não me vens mesmo chatear :205:
     
  17. grafo

    grafo Folding Member

    nao tenho a certeza do que estou a dizer, mas tipo: se os pacotes do debian já estão optimizados para 64 bits, há mais alguma optimizacao possível?

    já agora, a diferença entra a velocidade dos updates é que eu posso ficar a ver os updates a fazerem-se :) demora meio minuto a maioria das vezes, nem isso se calhar!

    pelo que tenho ouvido, fedora é bem melhor q opensuse... o yum nao da tantos problemas e ainda para mais foi re-escrito nesta nova versao.
    mas se n gostas de ubuntu, como ja disse, tambem nao deves gostar do fedora 7.. nao? se assim for, debian :P
     
    Última edição: 27 de Abril de 2007
  18. esquiso

    esquiso Power Member

    Antes de mais, obrigado por todas as respostas realmente esclarecedoras.

    @ El_UnO, o meu problema com o Gentoo era o simples facto de que o JMicron + SATA + Gentoo = Nada. Apesar de eu conseguir que ele me detecte a drive optica (SATA), não há modo de ele me reconhecer o Disco (SATA, tb). Mas penso que esse problema já foi ultrapassado em kernels mais recentes. Resta saber qual é o kernel que eles estão a incluir no 2006.1 agora. Será o mesmo de sempre?

    @ HecKel, já estava a ficar admir.. preocupado que não viesses para aqui mandar vir. Anyway, se for para Gentoo, depois eu ensino-te como o instalar, já que sozinho não vais lá :D Já agora, amanhã estas por ai? :D

    Parece que isto esta mais ou menos empatado.
    Eu sempre pendi mais para o lado do Debian. Gentoo já exprimentei em LiveCD's e VM, e parece engraçado. Mas o problema de compatibilidade com o meu hardware é algo que me lixa a vida.

    Vou sacar o netinstall do Debian. Preciso apenas de umas informações relativa a isto:
    é obrigatório a ligação à internet via ethernet, ou ele detecta-me o wireless auto-magicamente?
    uso a testing ou a unstable? ouvi dizer que ambas são bastante estáveis. Quais são as principais diferenças?
     
  19. grafo

    grafo Folding Member

    pa, toda a gente deste forum vaite recomendar a testing para desktop. é muito estável. o ubuntu usa a unstable, mas de unstable para testing a diferença sao duas semanas sem bugs. isso nao é mt tempo.. em poucas distros ha tempos de teste menores - pressuponho.
    quanto ao wireless nao sei, mas eu uso ethernet e foi provavelmente a instalacao que melhor me detectou a rede... isso garantote! - pondo de parte o ubuntu que tambem foi perfeito.
     

Partilhar esta Página