1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

Nintendo adquire Monolith Soft (2nd Party)

Discussão em 'Nintendo' iniciada por I_Eat_All, 28 de Abril de 2007. (Respostas: 3; Visualizações: 1714)

  1. I_Eat_All

    I_Eat_All Plasma Beam!

    Monolith Soft ou MLSI (não confundir com Monolith Productions, conhecida por F.E.A.R. e Condemned) foi fundada em 1999 por Hirohide Sugiura e ex-funcionários da Square Co. provenientes das equipas de Chrono Cross e Xenogears.

    A companhia foi fundada com a ajuda de um investimento da Namco, que passou então a possuir 96% das acções da companhia, a companhia prosseguiu então em desenvolver títulos para a PlayStation 2, Nintendo GameCube e Nintendo DS; criando franchises como o Xenosaga, derivado do franchise da Square-Enix, o Xenogears, e Baten Kaitos, usando grande parte da equipa de pre-rendered backdrops do Chrono Cross.

    Aquando da fundação em 1999 a empresa consistia essencialmente na equipa do Xenogears, sendo que em 2001, fruto de um êxodo da Square Co. chegaram numerosos elementos da equipa Chrono Cross.

    Embora ambos os franchises tenham sido de alguma forma aclamados pelos media e especialmente pelos fãs, não atingiram sucesso comercial envisionado levando a Namco a cortar-lhes nos fundos, sendo que tudo indica que Xenosaga que era para ser dividida em 6 jogos ficou reduzida a 3 (uma triologia) e a prequela de Baten Kaitos nem teve direito a Full Motion Video CGI como o primeiro.

    Provavelmente por causa disso... A Namco anunciou agora que vendeu agora 80% dessas acções à Nintendo, sendo que a partir de 1 de Maio, quando a alteração entra em vigor a Monolith Soft passa a ser efectivamente uma Second Party Nintendo, não perdendo todas as ligações com a Namco que continuará assim a deter 16% da companhia, não tendo regalias de admistração ou decisão sobre ela, mas abrindo portas para cooperações.

    Trata-se da primeira compra de mais de 51% de um estúdio que a Nintendo faz desde que adquiriu a Retro Studios em 2002.

    Neste momento estão a fazer o Day of Crisis para a Nintendo, um jogo que de aventura que, estranhamente não é um J-RPG e estão a fazer pelo menos um RPG ainda não mostraram:

    Fonte: http://www.cubed3.com/article/5654/

    Tópico(s) relacionado(s):

    -> [Wii] Disaster: Day of Crisis
     
  2. I_Eat_All

    I_Eat_All Plasma Beam!

    Satoru Iwata (Presidente da Nintendo) fala da aquisição da Monolith Soft.

    Fonte: http://www.nintendo.co.jp/ir/en/library/events/070427qa/index.html

    Para quem ainda não sabe o que a Nintendo comprou (Monolith, o que é isso?) aqui fica:

    -> http://www.youtube.com/watch?v=IyUFPNTUevs

    Mostly in-game, on PS2 (e com baixo orçamento comparativamente a outros J-RPG's).
     
  3. Marionette

    Marionette Power Member

    Hey I_eat_all, podemos esperar uma 3 parte de Baten Kaitos??!? Que achas??

    Isso é ke era!!:)
     
  4. I_Eat_All

    I_Eat_All Plasma Beam!

    Hmmmm.... Não sei não, mas sei que (muito provavelmente) não está em desenvolvimento:

    Fonte: http://www.cubed3.com/news/5654/

    Também não sei se é o conteúdo que mais quero da Monolith, adorei ambos os Baten Kaitos mas não eram o produto mais ambicioso no que toca a magnitude épica e argumento, também não eram nada de especial tecnicamente, eram bastante bonitos artisticamente no entanto (fundos pré-renderizados feitos pelos mesmos do Chrono Cross), mas vendo o que a Monolith fez in-game na PS2, o potencial da equipa é maior que isso; além de que Baten Kaitos não vendeu por aí além.

    Mas a julgar por algumas entrevistas um Baten Kaitos 3 é uma questão de tempo, eles até já disseram que estariam interessados em criar um para a DS. (e possivelmente chegaram a começar a fazê-lo)

    Baten Kaitos interessam-me mais como side projects da empresa (que espero que continuem), mas não como a direcção central a tomar; espero mais deles e vejo potencial além disso, e creio que a Nintendo também, não acredito que estivessem dispostos a comprá-los apenas pelo Baten Kaitos. (sem querer ser desrespeitoso para com eles)

    Mas sabemos que eles estão a fazer (pelo menos) um RPG que não Baten Kaitos, para a Wii; não sou bruxo, mas eu cheira-me que deve ter sido por cheirar bem no forno (em relação a esse jogo) que levou a Nintendo a dar o passo.

    Xenosaga como franchise também podia crescer imenso numa plataforma Nintendo.
     

Partilhar esta Página