1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Papel para fotografia

Discussão em 'Fotografia e Vídeo' iniciada por Sorensen, 19 de Janeiro de 2009. (Respostas: 19; Visualizações: 1486)

  1. Sorensen

    Sorensen Banido

    Boas, passo a explicar: eu tenho alguns backups:p para pc e queria arranjar uma capa muito parecida com as dos jogos que se vendem. Já arranjei a imagem da capa e a impressora que vou utilizar é de topo mesmo, contudo não sei em que tipo de papel tenho de imprimir. Para o pessoal que percebe de fotografia aqui na ZWAME, que tipo de papel é o mais indicado para imprimir este tipo de coisas? Em termos de espessura não convém ser muito grosso. Basicamente é o mesmo tipo de papel das capas de jogos e filmes originais.

    Agradecia desde já a vossa compreenção.

    Cumpz....
     
    Última edição: 19 de Janeiro de 2009
  2. Sorensen

    Sorensen Banido

    Help.........
     
  3. orpheusmyth

    orpheusmyth Power Member

    Primeiro convém ser da mesma marca da tua impressora. Depois não esperes que o papel faça milagres, porque se tiveres uma impressora da treta, o papel não vai ajudar. De resto se queres aquele look, qualquer um para fotografia semi-glossy ou glossy. No entanto volto a dizer que é importante que seja da mesma marca da impressora.
     
  4. Sorensen

    Sorensen Banido

    Olha, quanto ao papel deve ser esse glossy ou um chamado matte?

    cumpz...
     
  5. orpheusmyth

    orpheusmyth Power Member


    Depende do que quiseres. Glossy é brilhante, depois tens o semi-glossy que como o nome indica é semi-brilhante e pessoalmente acho que é o que fica melhor. Para terminar tens o matte, que parece apenas papel mais perto da espessura da cartolina. Portanto a escolha é tua. Convem também ver se a tua impressora suporta esse tipo de papel. Algumas só suportam até uma determinada gramagem. Aconselho-te a ler o manual de instruções.
     
  6. Sorensen

    Sorensen Banido

    Olha fiz tudo como disseste e ficou muito porreiro. Mas aqui em casa só tinha um muito grosso penso que seja esse matte que falaste. A minha impressora é uma hp, se não for pedir muito podias arranjar-me um referencia desse glossy que tenha a mesma espessura das covers dos dvd´s para depois eu comprar? Já vi no site da hp mas n percebo nada.

    Abraço.
     
  7. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    Acho que vou usar este tópico porque o meu título ia ser igual.

    Em termos de impressão de fotografia (fora de casa) de +- 15x21 é mais importante a máquina/impressora ou papel? Ou os dois?
    Tenho andado a imprimir em vários sítios diferentes para ver qual gosto mais e é difícil de perceber já que nem é sempre a mesma foto. Ou pelo menos é dificil para mim escolher. A ideia final da impressão é maioritariamente para ficar comigo e simplesmente olhar para a fotografia em papel em vez de ser sempre num monitor. No entanto cada vez mais preciso de imprimir para vender/oferecer e aí interessa-me que seja um serviço bom.

    Podem ser dadas algumas dicas?
     
  8. adolfo dias

    adolfo dias Power Member

    as ultimas que imprimi foi na fnac em papel matte
    sinceramente gostei do resultado. imprime la um par de 10*15 para veres a qualidade e se gostares passas para o 15*20
     
  9. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    Na fnac é para esquecer... Eu já estava a falar de impressões mais a sério. Gosto da fnac mas é por me ficar barato para fazer provas. A fnac ao lado de dois sítios onde fui só ganha no preço. Mais algum sítio?
     
  10. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Eu conheço três bons laboratórios, mas todos em Lisboa. Em relação ao que é importante, há muita coisa a ter em conta. A máquina e papel são importantes, como é óbvio, mas a manutenção do equipamento e a pessoa que o faz são tão ou mais importantes. Podes ir a um laboratório com o melhor equipamento do mundo, que se eles não souberem calibrar o material e colocar os devidos parâmetros na hora da impressão, vai sair mau na mesma.
    Por exemplo, o laboratório de onde costumo encomendar as minhas fotos, que é o mesmo que trata das impressões do estúdio onde trabalho (coincidência), acho que até nem é o que tem o melhor equipamento, mas pelo que me dizem são pessoas que sabem muito bem o que fazem e os resultados realmente reflectem isso. Ao contrário de Fnacs, Fotosports e afins, nunca lhes tive nada a apontar. Aliás, estou a considerar redecorar o meu quarto com umas impressões realmente grandes (metros) e à partida vou encomendar a eles o trabalho, no entanto sei que um dos outros laboratórios tem uma impressora mais XPTO (e mais cara) para este tipo de coisas.
     
    Última edição: 18 de Fevereiro de 2010
  11. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    O problema é saber se o que tenho já é bom ou se está perto do limite tendo em conta o material deles (ou seja, se o trabalho deles está a ser bem feito). Dos dois sítio onde imprimi e embora tenha olhado muito pouco para as do primeiro sítio acho que gostei mais mesmo tendo outro papel (gostei mais da fujicolor archive supreme ii do que do segundo com fujicolor archive supreme hd). Mas era uma pequena diferença e quase de certeza que ou foi da foto (curiosamente a do primeiro sítio foi tirada com o flash da máquina ao contrário da segunda...) ou do trabalho da primeira loja.
    O problema é que não segunda fica-me mais barato e prático.

    Assumindo que o papel tem algum importancia ou que está relacionado com a máquina que imprime, vale a pena procurar outros sítios ou nem por isso? O preço não pode disparar pois as fotos são para clientes e estes a maior parte das vezes nem as melhores fotos escolhem... Não que não queira oferecer o melhor que possa (pareceu o contrário sim lol) mas para começar ninguém me paga esses extras.
     
  12. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Isso é algo que só te consigo responder se vir as impressões, de preferência de uma foto que conheça e que já tenha visto impressa antes. Tirando isso não é pelo papel ou pelo equipamento que vou saber se são bons o suficiente ou não. Mesmo estes com quem trabalho, sei que são bons porque já vi impressões dos vários sítios e de facto estes são dos melhores que conheço. A Fnac por exemplo, é fácil saber que não tiraram partido nenhum do equipamento porque usam material Fuji, que é bom, e as fotos sairam piores que aquilo que eu faço em casa com os olhos fechados. Aliás, quando tinha 15 anos fazia melhor que aquilo num minilab da Kodak.
     
  13. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    Num próximo encontro vou ver se me lembro de te pedir uns negativos para fazer cópias para veres e esperar por alguém de coimbra (há pelo menos dois que devem saber alguma coisa :P) a ver se chegam novidades.
    Obrigado;)
     
  14. helius

    helius Power Member

    em relação ao papel matte, foi a própria fuji que começou a enviar remessas diferentes, o actual tem menor gramagem, mas em termos de porosidade e "brilho" não se alterou muito.

    lol, não é bem assim, o lab de coimbra já viu muito melhores dias, é um frontier 340, que já leva muitos anos em cima :)

    noeljunior, em relação ao 15x20 posso dizer-te que tive de puxar pela densidade senão ia ficar mesmo muito escura..

    já agora aproveito para dizer que o software de um minilab não é o photoshop :) apenas podes alterar a Densidade e os canais Ciano, Amarelo e Magenta, em incrementos de 1 (...,-2,-1,0,1,2,...)

    cumps
     
  15. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    Se não levarem a mal a ignorância, posso perguntar o que é a densidade?

    Não era bom dizer isto aqui, talvez, mas vou ter de concordar com o Rui. Nas fotos que fizeste não me queixei (até a Marta as achou melhor). No entanto o que me acontece a maior parte das vezes (sei disto porque vocês às vezes chamam-nos para escolher qq coisa e vejo-vos a fazer) é ficar com contraste por tudo quanto é sítio. Não sei se escurecem e parece contraste, o que é certo é que continuo com os brancos como deviam e os pretos tão pretos que não gosto. Isto acaba por acontecer sempre que não és tu nem quando me esqueço de pedir para não mexerem. Ainda hoje imprimi mais duas lá e disse mesmo para nem olharem para a foto e realmente ficou como eu esperava.
    Pode ser mania (acredito que sim) mas quando pego nas outras para além do papel ser mais pesado parece-me com outro detalhe e cores mais naturais/realistas/pelo menos mais próximas do que vai na imagem e procuro.

    Enquanto não perder a cabeça para me considerar profissional numa outra loja e ficar com outros preços vou usar a fnac para provas em 15x20 pois a maior parte destes trabalhos é para passar entre uns e outros em aldeias e é mais pratico e barato.
    Enfim.. Vou vendo o que há por cá.
     
  16. helius

    helius Power Member

    a densidade é mais ou menos como a a régua de exposição no camera raw, mas não afecta igualmente toda a imagem.. afecta principalmente os tons médios.

    em relação ao contraste é simples, quando fores a um sitio que tenha um mini-lab, pede para desligarem a correcção automática, pois é esta que puxa exageradamente pelos contrastes, o que muitas vezes acontece é que se dá ajustes na foto já com a correcção automática e não directamente na original.

    edit/ não entendam as minhas palavras como uma defesa, não sou nenhum expert de impressão, longe disso, mas acho que consigo resultados aceitáveis tendo em conta o material com que trabalho..
    o meu concelho para quem quer boa qualidade de impressão é fazer uma série de fotos com o próprio equipamento a uma mira de cores e contraste e pedir para imprimir sem qualquer ajuste.. a partir daí já conseguem em pós-produção trabalhar de forma a obter impressões consistentes (pedindo sempre nenhuma correcção), pois a correcção de cores também é bastante subjectiva, há pessoas que gostam de tons mais quentes outras de mais frios, mais ou menos contrastadas..
     
    Última edição: 18 de Fevereiro de 2010
  17. Noeljunior

    Noeljunior I fold therefore I AM

    Obrigado e lembra-te de desligar isso :P
    Eu lá no fundo sabia que algo se passava fora do papel e máquina :P
     
  18. helius

    helius Power Member

    regra geral desligo sempre que imprimo 15x20 e 20x30

    mas experimenta pedir um impressão sem qualquer correcção, automática nem manual, e assim ficas logo com uma ideia da pós-produção que precisas de fazer para a impressão sair como queres, porque o resultado é bastante diferente daquilo que se vê num monitor de casa

    cumps
     
  19. Rui Marto

    Rui Marto Power Member

    Não te queixes, ao menos segundo sei a Fuji é minimamente competente com a manutenção e assistência. O pessoal Fotosport/Kodak não se pode gabar do mesmo. Uma vez imprimi fotos numa que para passar de 10x15 para 15x20 tinha que desencaixar uma peça e rodar (até aqui acho que é normal), mas depois aquilo não prendia no sítio e qualquer desajuste resultava logo em cores malucas, imagens desfocadas ou desalinhadas. Quando se mandava imprimir era tipo "não se encostem aqui!", embora às vezes o pessoal desistisse de tentar meter aquilo bem e depois ouvia-se "se o cliente reclamar faz-se outras".

    Quanto a software, o minilab da Kodak realmente não faz muita coisa (além do que disseste, faz crops, ajusta contraste ou brilho e tem uma cena para remover manchas), mas já vi alguns mais avançados.

    De qualquer forma aqui em Almada não conheço o equipamento da Fnac, sei é que a ideia deles deve ser um bocado na onda de "o cliente quer é contraste e saturação", porque isso foram duas coisas que não faltaram nas impressões, ao contrário da nitidez, por exemplo. Mesmo que a máquina não tenha controlos directos para este tipo de coisas, à partida deve ter funções para calibrar e focar, digo eu.

    Mas lá está, acima de tudo o importante é quem usa o equipamento. Se calhar se for amanhã à Fnac até apanho lá um que percebe da poda e saca-me umas impressões uns bons furos acima do que me entregaram da outra vez. O problema é que prefiro pagar mais e ter garantias, do que andar a tentar a sorte e ainda me habilitar a ouvir o funcionário dizer "A sério? Olhe que eu até estava na dúvida se não tinha sido pouco contraste".
     
  20. Drackey

    Drackey Power Member

    A questão é que 96% das pessoas que vai imprimir não mexeu nas fotos logo levando contraste vai dar logo outra fotografia e se levar mais um ajuste nunca se sabe... lembro-me do meu pai ir passear ao Egipto levou a maquina e tirou as fotos mas como levou num modo sem ser automático as fotos vinham todas super azuis( devia ter Balanço de brancos tungsténio) e sem contraste nenhum estavam nada interessantes. Fiz o balanço de brancos as fotos todas, adicionei-lhe contraste e dei mais uns retoques e deixou de serem fotos sem interesse para fotos com impacto. Ou seja julgo que dai a norma de acrescentar contraste a todas a não ser que o peçam para o não o fazer...lol
     

Partilhar esta Página