1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Preciso de um bom programador!

Discussão em 'Programação' iniciada por RazerBlazer, 6 de Setembro de 2018. (Respostas: 9; Visualizações: 579)

  1. Venho por este meio procurar um programador que tenha a capacidade de desenvolver um jogo num site browser e quero saber custos porque estou disposto a criar um projecto.

    Esse projecto é baseado num jogo de ténis de mesa, manager ou seja de treinador de ténis de mesa, em que envolva uma data de coisas, gostaria imenso de encontrar alguém com essa capacidade.

    Entrem em contacto comigo se achar que tem capacidade para a criação do jogo.

    Cumprimentos RazerBlazer.
     
  2. filipedaniel

    filipedaniel Power Member

    Um programador? Para desenvolver um jogo?

    Das duas umas ou procuras um sonhador, que acha que vai mudar o mundo porque aprendeu o básico de programar, ou a previsão de utilização do jogo é tão reduzida, principalmente estando a falar dum jogo web, que nunca vai render o suficiente para pagar a esse sonhador.

    Se só tens dinheiro para um programador, o meu conselho é não o gastes assim.

    Porquê?

    Porque precisas de gastar bastante dinheiro para teres servidores em condições para correr jogos, principalmente se estiveres a pensar em escalar de umas dezenas para uns milhares.

    Porque precisas de mais do que um programador, por muito bom que seja, para desenvolver um jogo com uma qualidade mínima para que alguém esteja disposto a pagar um euro que seja pelo jogo.

    Se estivesses a falar num jogo que iria correr nos servidores da google, da apple ou da ms, ou seja um jogo para mobiles, acho que um programador poderia bastar para um jogo meio "fraquito", se estiveres a falar de algo com um bocado mais de qualidade, claramente um programador é notoriamente pouco.

    Não desanimes, porque isto é apenas a minha opinião.

    Ouve mais opiniões, e se achares que o caminho é por ai vai em frente, às vezes é preciso acreditar nos nossos sonhos, mesmo quando ninguém mais acredita.

    Boa sorte!
     
  3. Kleus

    Kleus Power Member

    Eu discordo com o @filipedaniel.

    Em primeiro lugar o que queres fazer é um risco grande, e sejamos realistas, o mais provável é correr mal, e em coisas que envolvam programação quando corre mal perde-se geralmente muito dinheiro.

    Vamos começar por partes e vou começar por criar aqui um ponto de referência:

    http://astroempires.com/ - Joguei este jogo bastante tempo ha uns anos largos atras parece-me estar na mesma linha do que tu queres, text based manager.

    Claro que nesta altura trata-se de um jogo bem polido, estando no mercado já há tanto tempo, mas vamos imaginar que estava no mesmo estado que em 2010, quando eu o jogava.

    Nessa altura era um jogo francamente simples, com cerca de 10-20 mil jogadores a pagarem 2 euros por semana para terem as vantagens de um membro plus. Eu diria que um bom programador web demoraria qualquer coisa entre 6 a 12 meses a criar o MVP do jogo da altura. Tendo em conta os ordenados actuais estamos a falar qualquer coisa entre os 2000 e os 5000 por mês se contratares. Não tenho bem ideia de como anda o mercado freelance em Portugal actualmente, mas espera qualquer coisa á volta dos 50 euros por hora para um programador decente e os custos aumentam muito mais.

    Os servidores só são caros se tiveres muitos utilizadores. Se tiveres muitos utilizadores tens dinheiro para os pagar. Logo não acho que o custo de servidores valha a pena sequer ser mencionado.

    O meu conselho é sempre o mesmo para empreendedores que precisam de ajuda técnica: aprende a programar e constroi o jogo tu. Programação já não é o bicho de 7 cabeças que era no século passado, consegues aprender relativamente depressa e é muito recompensador.
     
  4. filipedaniel

    filipedaniel Power Member

    Olá @Kleus,

    A minha opinião continua a mesma, e até é relativamente fácil de fundamentar.
    Tudo é possível, mas quando as hipóteses são tão ínfimas costuma-se dizer que não é possível.

    Fazer um jogo, nos dias de hoje, sem um designer gráfico que faça uma boa avaliação ao nível de UI/UX, sem um bom planeamento ao nível da estrutura, que te permitam escalar a aplicação/jogo, com um programador, que tenha apenas os conhecimentos triviais de programação, para poder programar tanto o frontend como o backend, isto sem falar na base de dados, sem um bom devops, e pelo tempo que afirmas ser possível sem uma boa estrutura de testes.

    Eu sinceramente, gostava de ver.

    Mas o melhor de tudo é dizeres o que disseste de programar. Acho que muita gente ainda não entendeu o que é programar, e por isso aprendem umas estruturas condicionais, criam umas funções e fazem uns loops e acham que já sabem programar. Leva muitos anos até alguém saber programar bem. Tem de ler muito código, aprender muitas técnicas de refatoração, muita arquitetura de software, entre outras coisas importantes, e como mesmo assim ninguém é perfeito, quando estamos a trabalhar em equipa aprendemos sempre muita coisa.

    Não quero fazer disto um debate pessoal, porque aqui foi feito um pedido de ajuda, e não faz sentido estar aqui a discutir que é que terá mais ou menos razão. No fim cada um vai ficar com a sua opinião, e eu apesar de não concordar com a do @Kleus, porque acho que está desfasada no tempo, aceito e respeito.

    Eu vou te dar um conselho, embora como alguém já disse uma vez, se fossem bons ninguém os dava toda a gente os vendia, e por isso vale o que vale. Não te metas na programação a não ser que queiras fazer disso a tua vida profissional, ou a não ser que pretendas fazer uma coisa muito simples, de resto, vais perceber que são precisos muitos anos até alguém saber programar bem, e como qualquer emprego absorve demais para fazer por hobby.

    Boa sorte nos vossos projetos
     
  5. kronozord

    kronozord Power Member

    Basicamente isto, vê-se pelo post que deu origem a esta que o user nao tem nocões de informática, nem técnicas nem do negocio.
    Por isso se ele tem uma ideia e quer monetiza-la o melhor é procurar investidores ou alguem que o ajude a montar o negocio e tudo o que o suporta; não é com um programador que isto avança.
     
  6. Kleus

    Kleus Power Member

    @filipedaniel @kronozord

    Fui programador profissional durante quase 10 anos, durante este tempo fiz um pouco de tudo, ainda que maioritariamente client side, incluindo gestão de produto e mais actualmente, empresa.

    Eu avancei com um exemplo simples: um jogo text based no browser. Em termos técnicos não é nada de extraordinário e parece-me ser perfeitamente possível para um hobbyista ir do zero até algo usável em relativamente pouco tempo, foi assim mesmo que comecei há uma década e picos atrás.

    Isto é puro gatekeeping. Não é preciso saber programar bem para fazer um site. Não é preciso saber programar bem para se ter uma base de dados, e acima de tudo não é preciso saber programar sequer para te licenciares em Eng. Informática (como é frequentemente o caso) ou até ter um emprego em multinacionais de consultoria na área. E até digo ainda mais, podes passar uma vida inteira a trabalhar na área e acabar sem saber programar bem. Muito disto porque programar bem é um conceito pessoal e relativo, é uma área criativa.

    Não cortem as asas ao rapaz que ele ainda pode um dia virar e dar um bom programador, ou criar um bom produto.

    Isto é exactamente o oposto de como as coisas funcionam. Nenhum investidor mete dinheiro numa ideia. Ideias não valem nada. Investidores metem dinheiro em equipas e em protótipos. Mesmo que tenha um produto terrível, basta ter meia duzia de utilizadores que voltem uma e outra vez que vai ter um valor enorme para um investidor. E tem de começar por algum lado, se não quer abrir mão de equity terá de ser ele a construir o protótipo.
     
  7. kronozord

    kronozord Power Member

    Desculpa mas este comentário só mostra que engenharia de software não é o teu core, talvez design ou produto mas software nao me parece.

    Alguém vai jogar um jogo sem um grafismos minimamente apelativo, só isto já é trabalho para duas pessoas, um backender e um frontender ou um full-stack e um designer.

    Tudo verdade até à ultima frase, programar bem nao é um conceito pessoal, existem muitos critérios que sao geralmente aceites e que distinguem bom código de mau código e não é por eu achar que a minha função de 1500 linhas é uma maravilha que passa a ser bom código. Área criativa é o design!
    Isto só dá mais ênfase o meu primeiro comentário.


    Duvido seriamente que alguma vez chegue a ser um bom programador sem uma formação adequada, mas...


    Novamente a reforçar o meu comentário inicial
     
    Última edição: 11 de Setembro de 2018
  8. Kleus

    Kleus Power Member

    Estás enganado em tudo.

    Acho particularmente piada a esta frase.

    Abraço.

    Gostava só de fazer um edit rápido para perguntar onde estudas.
     
  9. filipedaniel

    filipedaniel Power Member

    Boas,

    @Kleus não tenho intenção nenhuma de "cortar as pernas a ninguém", apenas dou a minha opinião. Trabalho como developer à mais de 20 anos, estou longe de saber tudo, e também não gostaria que me iludissem com fantasias de que programar é fácil, porque não é, principalmente se estivermos a falar de programar bem. É preciso trabalhar muito, estudar muito, e de forma contínua, participar em projetos inovadores, sobretudo open source, não é tudo mas ajuda, enfim.

    Só uma pequena correção, o que pediram não é um site, é uma aplicação web based, que são duas coisas bem distintas, e gravar coisas numa base de dados é realmente uma coisa trivial, mas criar uma base de dados, ter a noção do que significa normalizar uma base de dados, ter a noção de até que norma devemos ir tendo em conta a aplicação, isso são outros 500.

    Quanto à tua referência ao curso, devo dizer que, podes fazer o curso e não ser um excelente programador, mas programar sabes de certeza, e se dizes isso é porque o teu curso não é engenharia informática e estás a falar só por falar, mas voltando ao assunto de ser bom programador, o curso oferece-te excelentes ferramentas como ponto de partida para seres um bom programador, bem como aprofundares qualquer outro assunto relacionado com a área de informática, e claro não temos de ser todos programadores, e o curso é engenharia informática e não engenharia de programação.

    Como eu disse no primeiro post, se é o que quer e é o sonho força, mas eu no lugar dele, e isto é a minha opinião, eu não avançava. Acho um desperdício de tempo e dinheiro, tendo em conta o contexto. E para além disso, pode ser muito difícil lidar com o fracasso após anos de trabalho e dedicação, e é tendo isso em conta que dou a minha opinião.
     
  10. kronozord

    kronozord Power Member

    Nao me parece, mas concordemos em discordar.

    Eu disse geralmente porque existe sempre alguem ou algum caso em que a "norma" nao se aplica ou não é a melhor situação mediante um contexto.
    Mas posso exemplificar, pode criar uma aplicação com um linguagem OOP com 50 000 linhas de código numa God Classe e provavelmente irá funcionar, se é uma boa prática, não não é, mas vai haver um qq caso em que essa abominação vai ter uma vantagem enormíssima em termos de performance ou segurança etc etc e que justifica a sua existência mas apenas naquela situação.
    Se alguém apresentar aquele código na comunidade open source por exemplo, e sem qualquer justificação, iria ser trocidado.

    Estudo sempre que posso em casa, mas se a tua pergunta é onde foi minha formação posso-te dizer que foi na universidade do minho à quase uma década.
     
    Última edição: 11 de Setembro de 2018

Partilhar esta Página