Multiplataforma PS Now Vs. Xbox Game Pass [Comparações -> Ofertas e Serviço, etc.]

soulsearcher

Power Member
Obviamente se querem vender jogos têm que os pôr em algum lado. O que acho é a exposição passa a ser menor e a própria MS também deverá começar a pagar menos para ter third parties.
Os indies vao ter sempre espaço, sao um complemento aos AAA. Eu ja joguei alguns que de outra forma nao teria conhecido.
 

night_sign

Power Member
Não faz sentido, há mercado para tudo, aliás quanto mais o Gamepass cresce em utilizadores, mais conteúdo e diversificado tem de ser.
Olhem o Netflix, carrada de conteúdo interno e externo e para mim 70% é lixo, de certeza que para os outros 200M de utilizadores ou mais há quem goste dos 70% que eu não gosto.
 

lpmacedo

Power Member
Não faz sentido, há mercado para tudo, aliás quanto mais o Gamepass cresce em utilizadores, mais conteúdo e diversificado tem de ser.
Olhem o Netflix, carrada de conteúdo interno e externo e para mim 70% é lixo, de certeza que para os outros 200M de utilizadores ou mais há quem goste dos 70% que eu não gosto.
Sim, passará por aí. Quantos mais utilizadores mais conteúdo e nem tudo tem que agradar a todos. Desde que não o preço siga uma trajectória normal podem aumentar o conteúdo à vontade.
 

wowmiguelfcp

Power Member
Ontem pela primeira vez na vida experimentei o PS Now através da PS5.

Não podia ter ficado mais desiludido com o serviço. Experimentei jogar o Ratchet And Clank Into The Nexus. Gosto muito da saga, estou ansioso com o novo que vem aí e como nunca tinha jogado este decidi experimentar pelo serviço.

Quando arranco o jogo sou logo desiludido com a qualidade gráfica. Ok o jogo é antigo mas não é por isso. Se o jogasse numa PS3 garantidamente estaria melhor. As cores do jogo pareciam todas deslavadas mais artefactos, enfim problemas conhecidos de streaming.

Mas para mim o pior de tudo e que torna a experiência extremamente desagradável é mesmo o input latency. É incrivelmente grande a latência que os controlos tem. Para que conste, eu tenho a minha PS5 ligada por cabo ethernet ao router da Vodaone e o meu serviço é de 500/100 Mbps.

Aderi ao trial de 7 dias para experimentar, mas uma coisa é certa. Enquanto o serviço tiver esta qualidade nunca na vida irei gastar o meu dinheiro nisto.
 

Xistel

Power Member
Ontem pela primeira vez na vida experimentei o PS Now através da PS5.

Não podia ter ficado mais desiludido com o serviço. Experimentei jogar o Ratchet And Clank Into The Nexus. Gosto muito da saga, estou ansioso com o novo que vem aí e como nunca tinha jogado este decidi experimentar pelo serviço.

Quando arranco o jogo sou logo desiludido com a qualidade gráfica. Ok o jogo é antigo mas não é por isso. Se o jogasse numa PS3 garantidamente estaria melhor. As cores do jogo pareciam todas deslavadas mais artefactos, enfim problemas conhecidos de streaming.

Mas para mim o pior de tudo e que torna a experiência extremamente desagradável é mesmo o input latency. É incrivelmente grande a latência que os controlos tem. Para que conste, eu tenho a minha PS5 ligada por cabo ethernet ao router da Vodaone e o meu serviço é de 500/100 Mbps.

Aderi ao trial de 7 dias para experimentar, mas uma coisa é certa. Enquanto o serviço tiver esta qualidade nunca na vida irei gastar o meu dinheiro nisto.
Tive exatamente a mesma experiência, até foi pelas mesmas razões que tinha decidido experimentar. Tenho muita pena que a playstation não tenha retrocompatibilidade com a ps3, uma geração cheia de grandes jogos
 

ricardo2007

Power Member
Espero um dia ainda poder jogar Motorstorm via PSNow.
Foi sem duvida, um dos jogos que mais me impressionou na altura, o verdadeiro "jaw-drop" grafico da altura.
Uma grande pena a franquia ter morrido..
 
Última edição pelo moderador:

wowmiguelfcp

Power Member
Espero um dia ainda poder jogar Motorstorm via PSNow.
Foi sem duvida, um dos jogos que mais me impressionou na altura, o verdadeiro "jaw-drop" grafico da altura.
Uma grande pena a franquia ter morrido..

O primeiro Motorstorm foi muito porreiro para a altura.
Mas lá está jogar um jogo desses pela Now é uma desgraça. Tas a virar a mota para a direita e quando esta vira, já devias tar a virar para a esquerda :D
 
Última edição pelo moderador:

Outrunner

Power Member
Ontem pela primeira vez na vida experimentei o PS Now através da PS5.

Não podia ter ficado mais desiludido com o serviço. Experimentei jogar o Ratchet And Clank Into The Nexus. Gosto muito da saga, estou ansioso com o novo que vem aí e como nunca tinha jogado este decidi experimentar pelo serviço.

Quando arranco o jogo sou logo desiludido com a qualidade gráfica. Ok o jogo é antigo mas não é por isso. Se o jogasse numa PS3 garantidamente estaria melhor. As cores do jogo pareciam todas deslavadas mais artefactos, enfim problemas conhecidos de streaming.

Mas para mim o pior de tudo e que torna a experiência extremamente desagradável é mesmo o input latency. É incrivelmente grande a latência que os controlos tem. Para que conste, eu tenho a minha PS5 ligada por cabo ethernet ao router da Vodaone e o meu serviço é de 500/100 Mbps.

Aderi ao trial de 7 dias para experimentar, mas uma coisa é certa. Enquanto o serviço tiver esta qualidade nunca na vida irei gastar o meu dinheiro nisto.

A minha ligação é inferior (100 mbps) a tua e não tenho esses problemas de lag nem de stream.
 

wowmiguelfcp

Power Member
A minha ligação é inferior (100 mbps) a tua e não tenho esses problemas de lag nem de stream.

Muito estranho....
Aliás até na tv tenho modo jogo ativo e tudo. Não sinto input lag nenhum. Só mesmo no Now.
E não parece ser problema exclusivo meu pelo que já li cá.
E a diferença de largura de banda entre a tua net e a minha não é relevante para a diferença de experiência. Importa mais o ping.
 

Outrunner

Power Member
Muito estranho....
Aliás até na tv tenho modo jogo ativo e tudo. Não sinto input lag nenhum. Só mesmo no Now.
E não parece ser problema exclusivo meu pelo que já li cá.
E a diferença de largura de banda entre a tua net e a minha não é relevante para a diferença de experiência. Importa mais o ping.
Posso correr um teste amanha. Eu nao vivo em Portugal o que pode tambem influenciar

@wowmiguelfcp Experimentei agora esse mesmo jogo que ainda não tinha experimentado. Não tive problemas de lag nem de artefactos no stream, em relação às cores o jogo não é dos tempos do HDR portanto muda o HDR para off nas opções da consola e vais ver que vais ter cores mais 'vibrantes' (a PS5 mantém sempre o HDR activo se estiver em automático), fiz teste da minha ligação e tinha 94 Mbps de download. Acho que também tens de ter em conta que este jogo sempre teve problemas de performance e framerate que não vão melhorar com o streaming

Experimentei por curiosidade o Crack in Time e foi uma experiência muito mais agradável em termos de framerate.
 
Última edição:

RuiBK

Power Member
Residente Evil 8 deve ter um acordo de marketing com a Sony,daí eu aconselhae a tirar o cavalinho da chuva. Reveal num evento da Sony,demo exclusiva PS,tudo isto é sinais que a malta devia olhar noutra direção.
 

bathombre

Power Member
E não é só isto. Para um RE8 a Microsoft teria de pagar muito mesmo para um jogo destes estar dayone num gamepass. É um pouco como filmes em cinemas / streamings. Não lançar um filme comercial num cinema primeiro é sempre uma grande fatia de dinheiro que se perde. Jogos como estes, Call of Dutys, Final Fantasies, ets irão vender sempre bem e não necessitam de um gamepass para se promover nos primeiros meses.
 

RuiBK

Power Member
E não é só isto. Para um RE8 a Microsoft teria de pagar muito mesmo para um jogo destes estar dayone num gamepass. É um pouco como filmes em cinemas / streamings. Não lançar um filme comercial num cinema primeiro é sempre uma grande fatia de dinheiro que se perde. Jogos como estes, Call of Dutys, Final Fantasies, ets irão vender sempre bem e não necessitam de um gamepass para se promover nos primeiros meses.

Final Fantasy e Resident Evil estão num nível bem diferente do COD. Muito diferente. E mesmo entre eles os dois não estão exactamente no mesmo degrau.
 

Morais

Power Member
Final Fantasy e Resident Evil estão num nível bem diferente do COD. Muito diferente. E mesmo entre eles os dois não estão exactamente no mesmo degrau.

Tens jogado os ultimos Final Fantasy que sairam? Tentaste jogar o XIII e o seu corredor de 6 horas que é o tutorial ou o XIV e o seu ultimo acto que foi colado e lançado à ultima hora com respectivos DLC abandonados? Mesmo o Resident Evil atingiu o máximo no 4 e andou meio perdido no 5, quase que desaparecia no 6 e tem-se salvo com os Revelations, só com o 7 e o Remaster do 2 é que voltou a ser um IP de qualidade, não, o Resident Evil 8 possivelmente não ira sair no Xbox Gamepass.. mas não será por ser a Segunda Vinda de Cristo ou por ter um acordo com a Sony..
 

RuiBK

Power Member
Tudo bem. Mas o quero dizer é que são jogos que não necessitam de gamepass na sua fase inicial. Lançar um título destes num gamepass sem uma grande compensação financeira por parte da Microsoft não é lucrativo. Estes jogos irão sempre vender bem nos primeiros meses.
Outriders é outro cenário, já que é um jogo desconhecido, é um GAS e estar num gamepass tem muitas vantagens para eles.
Aposto que um Diablo 4 ou um Destiny 3 mesmo sendo um Gas, tb logo a partida não irão estar no gamepass (a não ser claro que a Microsoft entre num deal muito lucrativo)

Os FF não vêm problemas em exclusividades temporárias,por isso não devem ser esses sucessos retumbantes que dizes.
Residente Evil,ainda à um jogo atrás estava no fosso. O 7 foi o que vendeu mais,mas não sei até que ponto é que a Capcom não decide também no mínimo começar a vender exclusividades temporárias mais cedo ou mais tarde. O que é uma estratégia que no papel queima mais dinheiro que um lançamento multiplataforma no Gamepass

Tens jogado os ultimos Final Fantasy que sairam? Tentaste jogar o XIII e o seu corredor de 6 horas que é o tutorial ou o XIV e o seu ultimo acto que foi colado e lançado à ultima hora com respectivos DLC abandonados? Mesmo o Resident Evil atingiu o máximo no 4 e andou meio perdido no 5, quase que desaparecia no 6 e tem-se salvo com os Revelations, só com o 7 e o Remaster do 2 é que voltou a ser um IP de qualidade, não, o Resident Evil 8 possivelmente não ira sair no Xbox Gamepass.. mas não será por ser a Segunda Vinda de Cristo ou por ter um acordo com a Sony..

O MW de 2019 vende 30 milhões de cópias.O FF15 8 milhões e trocos. O RE7 7 milhões e trocos. É esse o meu argumento. Que misturar estes 3 não encaixa, e que um nunca na vida bate no Gamepass no lançamento. Os outros,nunca digam nunca.
 
Nem sequer gosto do Jim Ryan, mas é completamente infundado dizer que se houvesse "smart delivery" isto não acontecia.
Basta o publisher bloquear esse upgrade. Afinal de contas ambas as consolas correm as versões da geração passada.

Já aconteceu bloqueio da versão next gen nas xbox series, ficando pendente do pagamento do upgrade.
O publisher quer pagamento é diferente de o jogo estar disponível mas apenas na versão da geração anterior. É simples, se jogas na ps5 jogas a versão dessa consola, que foi aquilo que a MS fez e bem.

O now parece um projecto com pouco investimento por parte da sony e nem na nova consola o fazem brilhar.
 

dodi280

Power Member
O publisher quer pagamento é diferente de o jogo estar disponível mas apenas na versão da geração anterior. É simples, se jogas na ps5 jogas a versão dessa consola, que foi aquilo que a MS fez e bem.

O now parece um projecto com pouco investimento por parte da sony e nem na nova consola o fazem brilhar.

??

Se o publisher colocar no contrato que só se pode disponibilizar a versão PS4, o que a Sony pode fazer? Como já disseram até XBox já se passou isso. Na PS5 em jogos que tem as duas versões com uograde a borla, também pode-se jogar a versão PS5, a pessoa pode escolher qual jogar.
 
Topo