Multiplataforma PS Now Vs. Xbox Game Pass [Comparações -> Ofertas e Serviço, etc.]

Pereira90

Power Member
Nunca tive Xbox e continuo “fiel” à Sony desde a primeira consola. Dito isto tendo já a PS5, tenho ponderado muito a Xbox Series X muito devido ao game pass. É imbatível o que a Microsoft está em fazer em termos de qualidade vs custo. E o Now está a anos luz. É preciso ver que a Microsoft tem o dinheiro e especialmente o know-how com uma infraestrutura massiva por trás para dar suporte a isto tudo (Azure).

Num mundo cada vez mais digital, onde o físico vai passar a ser de nicho e colecionismo (eu) o futuro é este tipo de plataformas, como foi com o áudio e com o vídeo e a Microsoft lidera a manada nesse aspecto.

Podes sempre ativar o gamepass e jogar por xcloud para testares. Eu era como tu até está geração ter trocado a ps pela Xbox, e neste momento seria impossível voltar atrás com base em tudo o que o gamepass me dá. Para a semana já vem o dungeons and dragons day 1. É bom demais para deixar passar a oferta do gamepass
 

Xistel

Power Member
O now já iria melhorar bastante se criassem uma estrutura mais clara e “agressiva” do serviço. Mesmo não colocando os exclusivos day one na consola (teria de haver uma massa crítica muito grande para poder compensar à Sony), a ps podia criar regras mais claras, por exemplo:

- versão base dos exclusivos playstation entram no serviço ao fim de 1 ano / ano e meio.

- biblioteca de Back Compat aumentada

- mais acordos third party (e mais duradouros)

isto já seria uma aposta séria da PlayStation no serviço e, apesar de não se por uma comparação 1:1 com o GamePass, já seria mais aproximado. Como está neste momento, é só absurdo comparar porque a ps não tem Sequer mostrado interesse em crescer o now
 

Freddo

Power Member
O "game pass" de facto não é para todos, e certamente não cobre todas as "necessidades".

=> Existe um fenomeno chamado o "paradoxo da escolha", em que quando há muitas escolhas sentimos ansiedade e pressão de escolher bem. Se for a um restaurante - prefiro um menu com 3-4 escolhas do que 300. Como é que decidimos a melhor escolha com tantas opções?

É aqui que o modelo tradicional de comprar os jogos é mais aliciante para muitos. Não só é um jogo recente que muita gente anda a jogar, e portanto não sentimos excluídos das últimas modas, também não é preciso escolher os jogos de uma grande lista: é simplesmente o jogo do hype-du-jour.

Eu balanço entre as duas coisas. Gosto de estar atualizado e vou comprando alguns jogos recentes que acho que me interessam, mas devo dizer com toda a sinceridade que o maior prazer que tive este ano foi descobrir pérolas passadas, a maioria disponíveis no game pass. Acho que quem aprecia bons jogos e também quer sair da sua zona de conforto, tem lá tudo o que precisa.

Nisto, o game pass podia ter um sistema de recomendações mais agressivo, e também ter uma secção regular onde os editores escolhem 3 jogos e explicam porque se deve joga-los, para ajudar o pessoal com pouco tempo a descobrir o que gosta.
 
Última edição:

Ansatsu

Suspenso
=> Existe um fenomeno chamado o "paradoxo da escolha", em que quando há muitas escolhas sentimos ansiedade e pressão de escolher bem. Se for a um restaurante - prefiro um menu com 3-4 escolhas do que 300. Como é que decidimos a melhor escolha com tantas opções?

Prefiro ir a um restaurante com 300 escolhas todos os dias e pagar uma mensalidade de 15€, do que ir a esse mesmo restaurante, ter apenas 4 pratos à escolha e pagar 20€ todos os dias pelo prato.

O paradoxo da escolha cai logo quando a nossa carteira começa a falar.

A não ser claro, quando a carteira é tão funda, que não faz a mínima diferença se pagamos muito ou pouco pelos jogos
 

TheWolfVoice

Power Member
Prefiro ir a um restaurante com 300 escolhas todos os dias e pagar uma mensalidade de 15€, do que ir a esse mesmo restaurante, ter apenas 4 pratos à escolha e pagar 20€ todos os dias pelo prato.

O paradoxo da escolha cai logo quando a nossa carteira começa a falar.

A não ser claro, quando a carteira é tão funda, que não faz a mínima diferença se pagamos muito ou pouco pelos jogos

A diferença é que podes pagar 15€ e gostares mais ou menos de uma percentagem dos pratos ou pagar 20€ e gostares dos 4 pratos e até ser difícil de escolher.
São tudo opções, a carteira que tem pouco também pode abdicar da quantidade para ter qualidade.

Eu prefiro comprar roupa três vezes ao ano e comprar com qualidade do que comprar duas vezes ao mês e comprar roupa menos boa.
 

power1991

Power Member
Na minha opinião nem sequer é comparavel 3 Anos de GPU X 1/2 jogos PS5(tendo em conta que sai o mesmo valor) por exemplo(pelos mesmo valores).. Isto são opinioes...
 

G.E.R.M.A.N.

Power Member
Eu adoro a ideia do Gamepass, é claramente o futuro e o facto de termos jogos novos day one neste serviço é absolutamente fantástico.

Mas também percebo perfeitamente a posição do @TheWolfVoice . Principalmente para quem tem pouco tempo para jogar, o Gamepass pode tornar-se um bocado intimidante com tanta escolha. Não acho que seja tanto uma questão de dinheiro, mas mais de peace mind, sabe-se o que quer jogar, são aqueles 3 títulos por ano e pronto, aproveitas e exploras ao máximo o que sabes que queres.
 

Ansatsu

Suspenso
A diferença é que podes pagar 15€ e gostares mais ou menos de uma percentagem dos pratos ou pagar 20€ e gostares dos 4 pratos e até ser difícil de escolher.
São tudo opções, a carteira que tem pouco também pode abdicar da quantidade para ter qualidade.

Eu prefiro comprar roupa três vezes ao ano e comprar com qualidade do que comprar duas vezes ao mês e comprar roupa menos boa.

O que não falta é qualidade no Gamepass. Não estou a discutir os teus gostos, é possível que consigas a proeza de não gostar de um único dos 300 jogos que lá estão.

Para mim é muito simples, todos os jogos que quero jogar e que estão no Gamepass ou em outro serviço similar, jogo por lá, pois a minha carteira agradece (posso dizer que já poupei literalmente centenas de euros por usar este tipo de serviços.)
Todos os jogos que não estão lá, compro os mesmos, pois ter os serviços, não é impeditivo de continuar a comprar.

A Microsoft acabou de anunciar há poucos dias, 28 novos jogos day one no Gamepass, e só nessa remessa já tem lá 13 jogos que quero jogar. 13 jogos a Full Price que é o que se paga Day One (pois vou jogar Day One), dá 910€...

Cada um tem a sua opinião, e como é obvio respeito a tua, mas acredito que para a maioria o Gamepass é o melhor serviço de sempre no mundo gaming.
 

TheWolfVoice

Power Member
O que não falta é qualidade no Gamepass. Não estou a discutir os teus gostos, é possível que consigas a proeza de não gostar de um único dos 300 jogos que lá estão.

Para mim é muito simples, todos os jogos que quero jogar e que estão no Gamepass ou em outro serviço similar, jogo por lá, pois a minha carteira agradece (posso dizer que já poupei literalmente centenas de euros por usar este tipo de serviços.)
Todos os jogos que não estão lá, compro os mesmos, pois ter os serviços, não é impeditivo de continuar a comprar.

A Microsoft acabou de anunciar há poucos dias, 28 novos jogos day one no Gamepass, e só nessa remessa já tem lá 13 jogos que quero jogar. 13 jogos a Full Price que é o que se paga Day One (pois vou jogar Day One), dá 910€...

Cada um tem a sua opinião, e como é obvio respeito a tua, mas acredito que para a maioria o Gamepass é o melhor serviço de sempre no mundo gaming.
Claro que sim, é o gosto de cada um como é óbvio.
Um dos motivos de ter devolvido a SX também foi a conferência da MS, de todos os jogos que la passaram o único que me agradou foi horizon 5.
Eu sei perfeitamente que o gamepass é ouro a um preço muito acessível para a maior parte das pessoas, o facto de eu não gostar não invalida tudo isso. Ainda bem que temos tantas opções hoje em dia. 😁
 

Joao_serrano

Power Member
Claro que sim, é o gosto de cada um como é óbvio.
Um dos motivos de ter devolvido a SX também foi a conferência da MS, de todos os jogos que la passaram o único que me agradou foi horizon 5.
Eu sei perfeitamente que o gamepass é ouro a um preço muito acessível para a maior parte das pessoas, o facto de eu não gostar não invalida tudo isso. Ainda bem que temos tantas opções hoje em dia. 😁
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.
 

lpmacedo

Power Member
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.
A questão é que o @TheWolfVoice explicou bem porque não lhe interessa, e não está relacionado com falta de qualidade.
A forma com justificaste o não interessar é rebaixado a qualidade do que lá está. Dá forma que falas desconfio que não estás a par do que lá está e do que está para vir.
 

YoungGrumpyMan

Power Member
[O Game Pass] A mim não me diz nada
apesar de reconhecer valor no gamepass
Em que ficamos? :D

É fácil falar e discutir cordialmente com o @TheWolfVoice porque é alguém que parte de argumentos fundamentados e justificados sobre as suas preferências perfeitamente válidas, outra coisa é partir de enunciados erróneos para desvalorizar o serviço da concorrência, daí que diversos utilizadores "não tenham gostado" da tua opinião.
 

RuiBK

Power Member
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.

Tem AA e AAA multiplataformas recentes e alguns day One. Não é só jogos da 360,indies e exclusivos da MS.
 

lift off

Power Member
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.
Se experimentasses o serviço, por 15 dias que fossem, duvido muito que continuasses a dizer isso.

Não te esqueças também que os bons jogos da Sony estão perfeitamente identificados e toda a gente os conhece e sabe o que esperar.
Não só isso, como a maioria dos defensores do Game Pass também jogam os bons jogos da Sony (mais cedo ou mais tarde).

Já o contrário, está longe de ser verdade. E acho que o teu comentário demonstra bem isso.
 

Jack-O-Lantern

Moderador
Staff
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.

Não vou entrar na tua avaliação (errada) de que o Gamepass apenas tem indies, retros e exclusivos da Xbox, mas apenas clarificar-te de que o serviço em causa (tal como o Now) não impede que os jogos sejam comprados. A subscrição destes serviços não invalidam a aquisição dos jogos neles existentes (sendo que, o jogo que se pretenda comprar, estando no serviço Gamepass, até tem um desconto adicional aquando da compra).

É uma lógica falaciosa se formos olhar de modo objetivo para esse argumento que utilizas.

Que prefiras outro ecossistema e os seus exclusivos, nada contra. Mal fosse. Contudo, creio que será importante argumentar de modo objetivo e factual.
 

YoungGrumpyMan

Power Member
Nunca vou perceber alguma da desvalorização que por vezes se observa em certa parte da comunidade gaming em relação aos indies, como se apenas a típica experiência AAA blockbuster fosse o "be all, end all" do gaming. Os indies representam dos developers mais importantes do mercado, inovam constantemente, carregam às costas géneros mais nicho que são completamente ignorados pelas grandes produtoras há décadas (metroidvanias, rogue-likes, jogos de estratégia), e frequentemente são jogos da melhor qualidade que só não competem mais pelo GOTY de cada ano muitas das vezes por falta de destaque.

Posto isto, os indies são jogos incrivelmente importantes para preencher catálogos como os do Game Pass e PS Now, porque é muito mais barato ao detentor do serviço "comprar a sua estadia" no mesmo durante um bom período de tempo, e até mesmo lançar o jogo day one no serviço. Ao mesmo tempo, algo importante acontece nos bastidores, que é dar segurança financeira a estas equipas. Apesar de serem jogos importantes para a indústria, muitas das vezes as equipas por detrás do mesmo vivem de "paycheck to paycheck", têm de ter sucesso no próximo jogo ou então vão abaixo. Atualmente observo o Game Pass como uma mina de indies de boa a muito boa qualidade, ainda no próximo mês vamos ter Hades, um dos jogos mais aclamados do ano passado, day one no Game Pass. Não só permitirá a inúmeras pessoas dar oportunidade a este título aclamado, como providenciará segurança financeira à equipa por detrás do mesmo. Se isto não é incrivelmente positivo para a indústria, então não sei o que é.

Mas não poderia deixar de indicar que claro que quanto um utilizador individual gosta de indies vai obviamente depender das preferências de cada um, pessoalmente já gostei e adorei imensos indies, mas percebo que possam não encher as medidas a outrem.
 
Última edição:

tert99

Power Member
Já tinha dado aqui a minha opinião e houve gente que não gostou, mas são opiniões e cada um faz o que quer, mas para mim, apesar de reconhecer valor no gamepass, não serve para o tempo que tenho para jogar diariamente. Além disso, não me interessa andar a jogar jogos retro, indies e mesmo exclusivos da MS que também me dizem pouco.
Para mim, não compensa esse tipo de serviços, prefiro comprar o que quero jogar! E não tem que ser a full price, aliás nunca comprei, existe muitas formas de comprar barato no lançamento.
comprar barato no lançamento para mim é 20 euros... se existir essa forma diz-me que passo a comprar tudo no lançamento.
nenhum jogo me diz nada até o efetivamente jogar ;)
 

TheWolfVoice

Power Member
nenhum jogo me diz nada até o efetivamente jogar ;)

Para mim isso não acontece, quando compro um jogo já sei 90% ao que vou. Claro que podem haver surpresas tanto negativas como positivas, mas tento recolher o máximo de informação antes de comprar um jogo. Apesar de ter alguma liberdade financeira, procuro sempre comprar só aquilo que sei que vou gostar muito e que vai acrescentar algo de muito positivo ao meu tempo livre que não é assim muito.

Mas compreendo que hajam pessoas que não tenham a paciência para pesquisar exaustivamente antes de comprar um jogo. E aí o gamepass é mais um trunfo, permite experimentar sem compromisso.
 

Freddo

Power Member
Para mim isso não acontece, quando compro um jogo já sei 90% ao que vou. Claro que podem haver surpresas tanto negativas como positivas, mas tento recolher o máximo de informação antes de comprar um jogo. Apesar de ter alguma liberdade financeira, procuro sempre comprar só aquilo que sei que vou gostar muito e que vai acrescentar algo de muito positivo ao meu tempo livre que não é assim muito.

Entendo-te perfeitamente. Na realidade, não queres perder o controle: de escolheres o jogo que queres jogar, e de o poderes jogar quando o quiseres jogar.

Por curiosidade, que tipos de jogos gostas?
 
Última edição:
Topo