1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Qual o consumo (amperagem) de um disco rígido externo?

Discussão em 'Dúvidas e Suporte Técnico PC' iniciada por Paulo Trindade, 2 de Agosto de 2008. (Respostas: 11; Visualizações: 4186)

  1. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    Saudações

    Comprei uma caixa externa para um disco Sata 2.5" e pretendia ligá-lo a uma fonte de alimentação externa. Dei uma volta por umas lojas, e achei um transformador de 5v com entrada USB, 1000 mA.

    Acham que 1000 mA são suficientes? Qual o máximo de amperes que um disco pode exigir?



    Desde já obrigado
     
  2. JuSt_Me_AnD_yOu

    JuSt_Me_AnD_yOu What is folding?

    Pode-se saber para que queres fazer isso?
    É que se não me engano isso é auto-alimentado
     
  3. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    Estava a tentar abreviar a informação, mas lá vai a história toda:

    O meu propósito é colocar o disco da minha PS3 exterior. Tenho uma de 60Gb, que apesar de não ter muito uso (principalmente porque ainda estou a decidir que TV comprar), anda a aquecer consideravelmente. Sei que é normal, mas o plástico por baixo do leitor fica mesmo quente, e como a garantia ainda não acabou não me vou meter em moddings :P. Portanto, estou neste momento a arrefecê-la na medida do possível, e uma das formas é colocar o disco como externo.
    Para isso comprei a caixa externa 2.5", mas quero alimentá-la exteriormente, para não estar a exigir à fonte da PS3 mais consumo.
     
  4. rav3n

    rav3n Power Member

    um disco 2.5'' deve consumir uns ~5W, nao força grande coisa
     
  5. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    rav3n - ~5W? Isso dá quantos miliamperes (mA)?


    Edit:

    Googled it: amp = watt / volt então amp = 5 : 5 <=> 1 amp = 1000mA

    Não são boas notícias... a power supply USB que eu encontrei à venda é à justa...
    rav3n: 5W no máximo, ou 5W mais ou menos (para mais)?
     
    Última edição: 2 de Agosto de 2008
  6. JuSt_Me_AnD_yOu

    JuSt_Me_AnD_yOu What is folding?

    Partir do momento que ligas lá o dispositivo USB e enviada energia. Por isso é quase irrelevante se alimentas o disco por fora ou não
     
  7. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    JuSt_Me_AnD_yOu: A intenção não é ligar a caixa por USB. A caixa tem saída eSata, que eu vou ligar à entrada interna da PS3. Não vou ligá-la por USB, quero ligá-la por fonte de alimentação exterior à PS3.

    Edit: Achei num post que uma porta USB fornece 5V @ 500mA. Sendo assim, uma fonte de alimentação de 1000mA devia ser mais que suficiente, não?*


    *Eu sei que parece uma pergunta parva, dado que eu dei a resposta umas letras antes, mas prefiro uma confirmação de alguém conhecedor do assunto, não vão os discos rígidos actuais pedir mais voltagem que a disponível.
     
    Última edição: 2 de Agosto de 2008
  8. Crusher

    Crusher Power Member

    A porta eSATA actualmente não consegue fornecer energia... sendo assim tens que ligar um transformador.

    Não estou a par dos amperes de um disco de 2,5 polegadas, mas como são os mesmos discos dos portáteis, é uma questão de olhar para a especificação de algum que certamente têm essa informação.
     
  9. rav3n

    rav3n Power Member

    eu disse um valor que me parece aceitável, nao tenho a certeza, portanto nao te fies
    o que queria dizer é que o consumo do disco nao representa muito esforço para a consola

    eu tenho um Seagate 120GB IDE 3.5'' na minha PS2, e sim esse aquece bem
     
  10. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    O Sata Seagate Momentus de 60Gb da PS3 gasta 0,48A (lá me convenci a tirá-lo para fora). Sendo assim, uma fonte de 1A chega perfeitamente. Vou apenas pesquisar as amperagens dos modelos mais recentes de 7200 rpms para verificar se 1A é suficiente (dado que proximamente será inevitável um disco maior).

    Obrigado novamente a todos os que me deram informações.
     
  11. Paulo Trindade

    Paulo Trindade Suspenso

    Update:

    Um Seagate Momentus Sata 7200 tem por exemplo um consumo máximo no startup de 1.28A, enquanto um 7200.3 anuncia 1A, o mesmo consumo de por exemplo um Samsung semelhante.
    A Western Digital consegue num modelo Scorpio com as mesmas característica um consumo máximo de 0.5A.

    Pensei então que, em teoria, seria então possível utilizar uma fonte de alimentação/transformador de um HUB auto-alimentado, ou ligar o disco ao próprio HUB. O mais frequente foram transformadores de 2A, em HUBs de 4 portas (o que faz sentido, com 500mah por cada porta).

    Achei ainda alguns "fenómenos" em HUBs de 7 portas com os mesmos 2A, apesar de é claro, anunciarem os mesmos 500mah por cada porta (deve ser algum "milagre da multiplicação dos amperes"). Peculiarmente, descobri ainda que o HUB de 7 portas da D-Link anuncia uma fonte de alimentação de 3A, mas de 2.5A para Portugal (ou fomos discriminados, ou a D-Link crê que os nossos aparelhos USB gastam menos amperes :P).


    Na prática porém, ao retirar o disco da PS3 e ligá-lo numa caixa externa, não consegui que este fosse detectado nem em Windows nem pelo Linux. A explicação para isto é que, como a Sony formata os discos com um sistema proprietário, estes não são reconhecidos noutros aparelhos. Assim, a minha caixinha externa muito se esforçou, mas nada feito.

    A única forma então de fazer algo semelhante, será então ligar o disco por cabo Sata directamente à PS3, e alimentá-lo com uma fonte de alimentação como as dos adaptadores IDE/SATA -> USB (como o primeiro desta página - que não aparece na foto, mas tem um cabo com molex e adaptador Sata).
     

Partilhar esta Página