1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Qual SO aconselham?? Novo telemovel

Discussão em 'Telemóveis' iniciada por Apok, 17 de Abril de 2012. (Respostas: 17; Visualizações: 1208)

  1. Apok

    Apok Power Member

    Boas pessoal, vou brevemente comprar um telemovel novo na casa dos 200€-400€ , e gostava de saber que sistema operativo me aconselham a comprar?? Vou usar bastante aplicações, e até desenvolver algumas,e gostaria de saber qual SO está mais "em grande".


    Obrigado pela ajuda
    Apok
     
  2. The-One

    The-One Colaborador
    Staff Member

    Bastantes aplicações?

    iOS ou Android.
     
  3. Seketh

    Seketh Power Member

    Mas tens mais hipóteses de destacar as tuas aplicações no Windows Phone 7, uma vez que o mercado não está tão saturado...
     
  4. MiguelX69

    MiguelX69 I fold therefore I AM

    Por ordem dos que têm mais apps para menos: iOS < Android < Windows Phone 7.5

    Agora é assim... iOS só tens o iPhone, daí que o Android é onde existe mais público. Mas como já o user aqui acima disse, desenvolver para Windows Phone 7.5 é capaz de ser boa ideia, tendo em conta que é um sistema ainda muito novo, e com poucas Apps, por isso umas novas é sempre bem vindo!
     
  5. The-One

    The-One Colaborador
    Staff Member

    Também tem mais hipóteses de não as vender tanto e de ter que entrar com $99.

    Os melhores ecossistemas para aplicações são claramente Android e iOS.
     
  6. Catacang

    Catacang Power Member

    Em termos de desenvolvimento é complicado, não basta analisar simplesmente o número de utilizadores de uma plataforma mas também se a app que se quer desenvolver tem muita ou pouca concorrência em cada plataforma.
    Volta e meia aparecem notícias com estatísticas e por exemplo parece ser consensual que o cliente iPhone tem em média mais tendência a gastar dinheiro em aplicações que um utilizador Android que geralmente preferem aplicações grátis com publicidade.
    Depois é a tal questão da concorrência: para Windows Phone provavelmente uma aplicação pode ser única e no iOS ou no Android terem imensa concorrência gratuita e ser impossível criar um modelo de negócio à volta de uma aplicação.

    Um exemplo claro é que se eu criar uma aplicação paga de rádio para Windows Phone 7 provavelmente não vou vender muito visto que o próprio OS já traz a aplicação de rádio embutida no sistema, logo poucos estarão dispostos a pagar por ela.
    Mas por exemplo para o Nokia N9, que vendeu bastante menos que todos os Windows Phone do mercado, o fulano que criou a aplicação de rádio FM ao fim de poucas semanas anunciou no twitter que já tinha vendido mais de 4 mil cópias da aplicação dele a €2 cada uma!
     
  7. The-One

    The-One Colaborador
    Staff Member

    A concorrência gratuita em Android também se rentabiliza com ads, por vezes mais do que vender a app. E é preciso ver que por dia estão a ser activados perto de 900k de aparelhos, por muitas aplicações que existam também há muitos utilizadores para rentabilizar seja com ads seja com apps pagas.

    E também é preciso analisar os custos iniciais. Eu era para me meter a desenvolver para WP7 (até comprei um Allegro e tudo) mas com as mais recentes políticas da Microsoft mudei de ideias.
     
  8. Seketh

    Seketh Power Member

    No iOS também são $99 e no Android $25, sendo porém o mercado Android o menos lucrativo para os developers, em média.

    Se os 99$ forem impedimento, talvez até o melhor para o Apok será o http://www.app-me-up.com/, onde criar aplicações resulta em ganhar um Nokia Lumia. No fim até acaba por ser a opção mais barata, uma vez que o registo de developer, mais o telemóvel, fica apenas a 99$...

     
  9. The-One

    The-One Colaborador
    Staff Member

    Claro que sim, mas repara que no iOS existe outro mercado que claramente não existe em WP7 (nem em Android, é um mercado elitista). Compensa muito mais pagar $99 no caso do iOS do que no caso do WP7.
     
  10. Seketh

    Seketh Power Member

    Acho que se resume assim, e acho que concordas:

    iOS, muitos mais utilizadores, mercado muito saturado. - Mais possibilidades de vender e ganhar mais, mas com o risco de não ter destaque nenhum no mercado.

    WP7, muito menos utilizadores, mercado nada saturado - Mais possibilidades de ter destaque no mercado, mas com o risco de ganhar e vender menos.

    Mas cabe ao Apok ponderar as vantagens e desvantagens de cada um, ideal seria desenvolver para os dois, ou até para os três. :007:
     
  11. The-One

    The-One Colaborador
    Staff Member

    O mercado do iOS está saturado mas há sempre pessoas para comprarem apps que imitam jóias a 1000€ cada.. e como esta há n casos de apps totalmente inúteis que custam dinheiro mas vendem bem :P

    É o que tenho dito, é um mercado elitista onde se paga pelo ecossistema.
     
  12. Catacang

    Catacang Power Member

    Já agora, para os estudantes a criação da conta de developer e a publicação das aplicações no Marketplace da MS é gratuita (não se paga os €99).
     
  13. Seketh

    Seketh Power Member

    É verdade, mas também é essa mesmo a razão pelo qual é que é cada vez mais díficil para novos developers conseguirem ter relevo no iOS, já há n apps inúteis a enterrar as aplicações úteis.
     
  14. mnlsrv

    mnlsrv Power Member

    Por experiência própria, os 3 mercados possuem pontos fracos distintivos:
    - iOS tem aplicações de enorme qualidade e orçamento, ou se aposta num nicho ou é preciso investir com força.
    - Android tem um mau suporte e tem muita competição de aplicações livres que subsistem à custa dos ads por isso é preciso ter consciência disto.
    - WP7 é um mau mercado para investir já que as aplicações vendem muito pouco e nem as "grandes" developers estão interessadas em agitar e apostar nele por mais tentações que a Microsoft ande a fazer para tentar levar gente para lá, o que até já chegou a um ponto ridículo (mercenários para desenvolverem apps pseudo-oficiais).

    No fundo é simples, se o objectivo for fazer dinheiro: iOS > Android > WP7. Essas histórias dos mercados saturados são palermices pregadas à Microsoft.

    Só com cartão ISIC.
     
  15. Seketh

    Seketh Power Member

    Pois, o pensamento do círculo vicioso:

    O Windows Phone tem menos consumidores, não vale a pena aos developers investir. <-> Os developers não investem, não vale a pena aos consumidores investir no Windows Phone.

    Se assim fosse o mercado Android nunca tinha crescido, uma vez que na altura as aplicações vendiam pouco, logo pela tua lógica, não valia a pena investir. Alías, se toda a gente pensar assim, vamos ter apenas dois mercados eternamente, Android e iOS. Eu como consumidor, espero bem que não.

    E depois há os factos, como por exemplo, nos ganhos com publicidade:

    http://techcrunch.com/2011/11/29/apple-tops-android-in-mobile-ad-performance-but-windows-phone-still-leads-the-pack/

    [​IMG]
     
  16. mnlsrv

    mnlsrv Power Member

    Infelizmente a história do círculo vicioso é verdade. Android saiu de tal pescadinha de rabo na boca à custa das vendas e da conquista do market low-end.

    Por mais que a Microsoft e os utilizadores de WP7 queiram, o mercado de aplicações não vai adquirir uma rota ao nível de Android ou iOS até o próprio WP7 crescer nos shares e adquirir o interesse das "grandes" developers. É certo que tem vindo a crescer, mas é aquele crescimento quantitativo logarítmico e não qualitativo. Por exemplo eu ainda considero a AppStore superior ao Android Market em termos de qualidade das aplicações, suporte e em possuir empresas dedicadas apenas para aquilo. Se ainda nem Android conquistou a atenção destas últimas, quanto mais WP7.

    Quanto ao gráfico que colocaste, é certamente normalizado pelo número de utilizadores. É óbvio que um SO com share de 2% e menos aplicações com ads por total de aplicações possui mais clicks que um SO com share de 65% e maioria das aplicações que se alimentam à custa de ads. Até nem foi a Rovio que disse que fazia mais com o Angry Birds no Android à custa dos ads do que a vender o jogo para iOS?
     
  17. Seketh

    Seketh Power Member

    Certo, mas não deixa de ser um indicador significativo.

    Mas há algo que me esqueci de referir, e que se aplica a muita gente que afirma que o Windows Phone é um "fracasso". Mesmo que o Windows Phone não venha a crescer em utilizadores nos próximos tempos, tanto em termos de apps como de utilizadores há algo muito significativo no horizonte próximo: Windows 8. O facto de existir compatibilidade entre as aplicações do Windows Phone 8 e o Windows 8 significa um boom tanto de aplicações como de utilizadores no mercado praticamente por default.

    Considerando o potencial de milhões de utilizadores do Windows 8, acho um erro afirmar que desenvolver para Windows Phone não é um bom investimento, porque acaba por ser também um investimento no Windows 8. Sou da opinião que é também nesta altura que os "grandes" developers iniciem um investimento sério no ecosistema do Windows Phone 8/Windows 8.

    E ainda temos de ter em consideração o impacto que o Lumia 900 vai ter nesta questão dos "grandes" developers a curto prazo. Estou céptico, mas pode ser a razão do início do investimento.

    Até ao Windows 8/WP8 e alguns meses depois, mantenho este discurso. Lembro-me sempre do "fracasso" da Xbox. Se o Windows Phone 8 não conseguir ganhar mercado nessa altura, aí sim, acho que se pode começar a afirmar que é um fracasso. Acho que por enquanto, está simplesmente a ser bastante díficil.
     
  18. mnlsrv

    mnlsrv Power Member

    Neste momento não creio ser um bom investimento, apesar da "unificação" do Windows 8 que se avizinha.
    Se bem que ainda ontem li isto: http://www.theverge.com/2012/4/16/2...ficially-named-windows-rt-joins-windows-8-and

    Seja como for, eu nalgumas coisas já sou uma "**** velha", e já leio do suposto boom de WP7 há 1 ano e meio (ou mais). São tipo as cantigas do Benfica ser campeão no início da temporada e dos "desta é que é". Era suposto ter sido com o lançamento, com o NoDo, com o Mango, com o Lumia 800, com o ZTE Tania (low-cost), com o Lumia 900, e assim há-de continuar. E digo isto com pesar porque gosto bastante de WP7 e até nas (maior parte) políticas que a Microsoft tem tido ultimamente.

    Resumindo, estou céptico que WP7 ou W8 se torne o foco de investimento de grandes developers mas espero estar errado. A plataforma era promissora há 1 ano atrás e continua promissora mas há qualquer coisa que continua a falhar. E também não ajuda a Apple apresentar um ecossistema muito sedutor para os grandes developers, mais que Android/W8.
     
    Última edição: 17 de Abril de 2012

Partilhar esta Página