1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Relação com os clientes

Discussão em 'Web Development' iniciada por naoliveira, 5 de Setembro de 2008. (Respostas: 6; Visualizações: 687)

  1. naoliveira

    naoliveira Power Member

    Boas ppl,

    não sei se este é o melhor título para para o post... mas adiante.

    Na sequência da thread sobre o preço de um site, lembrei-me de abrir esta para feedback dos clientes. Podem contar aqui o que vos acontece nas reuniões que têm com os clientes. Se são muito chatos, intrometidos, não sabem o que querem, dão a opinião deles e não aceitam a nossa, etc, etc, ou se pelo contrário sabem bem o que querem, deixam-nos trabalhar à vontade, etc.

    O objectivo do post não é criticar o cliente mas antes saber qual a percepção do cliente em relação a ter um site na net. Saber quais são as suas exigências e a lógica das mesmas.

    Embora ainda não tenha muitos sites feitos e normalmente são para pessoas conhecidas o que facilita, posso dizer que já tive o cliente que me dá a liberdade total e aceita o que eu faço, obviamente dando instruções para adaptar ao negócio dele.
    O cliente que dá a opinião dele mas depois eu explico que não se deve usar esse método e ele aceita.

    Queria agora saber quais as vossas experiências, pois isto de fazer sites não é só fazer o orçamento e se for aceite fazer o site.
     
    Última edição: 5 de Setembro de 2008
  2. Satigor

    Satigor Power Member

    Bem no meu caso acho que já tive de tudo, já tive clientes que quando fui reunir com eles já tinha quase todo o site em "papel" e com ideias muito bem definidas daquilo que queriam, mas também já tive outros que era basicamente assim: davam-me um cartão de visita com um logótipo de 1cm e queria que eu a partir dali fizesse um site inteiro para uma empresa :P, acho que depende muito das pessoas, algumas querem websites mas não sabem ao certo o que será melhor ter lá, acho que nestes casos somos nós que trabalhamos na área que devemos ser sinceros e tentar informar e ajudar o cliente da melhor maneira, pessoalmente procuro tentar criar aquilo que seja mais benéfico para o cliente, era fácil nestes casos sugerir um monte de ferramentas que possivelmente não seriam necessárias e que iriam aumentar o nosso lucro, mas pessoalmente e muito sinceramente achoq ue vale mais ser honestos e sinceros com os clientes. Até agora todos os meus clientes ficaram satisfeitos e com isso ganhei recomendações a outros e novos clientes, acho que é bem melhor assim.

    Depois claro, já tive 2 que posso chamar "client from hell"! Um era uma fanática religiosa que queria fazer um website em flash que fosse uma igreja virtual com os bando o altar e as velas e que as pessoas pudessem rezar em frente aquilo como se fosse uma igreja normal, o problema e que foi impossivel encontrar um layour que a srª. gostasse porque todas as minimas coisas entravbam em conflito com a religião da srª, o que aconteçeu foi que no fim de 2 meses mais ou menos e uns 4 ou 5 layouts feitos a srª desistiu e deixou-me pendurado, sem dinhiero e com o trabalho feito. Outro cliente que tive não foi assim tão mau de contentar mas simplesmente depois de apresentado um layout e ter dito que podia concluir o site desapareceu do mapa, novamente trabalho feito e dinhiero não vê-lo.

    De qualquer maneira, no geral estou muito satisfeito com os clientes, tenho tive excelentes pessoas com que trabalhar.
     
  3. oscarolim

    oscarolim Power Member

    Bem, normalmente tambem me dou bem com os clientes. O mais chato era mesmo um em que ia para as reunioes para falar do projecto em maos, e em todas as malditas reunioes ficava uns 40m a falar e mostrar um site que nao tinha nada a haver com o projecto em maos... ha de tudo.
     
  4. paulo.joomla

    paulo.joomla Power Member

    o pior sao aqueles que querem que a gente trabalhe de borla lol, como ja tive um a dizer-me que por 35€ arranjava quem o fizesse, e aquele que se poem a ver sites de grandes marcas internacionais e comecam a sonhar e querem um assim....depois quando se diz valores para um site identico ao site dessas grandes marcas internacionais voltam á realidade. e ficam pelo site á medida.
     
  5. exit

    exit Power Member

    Sobre a falta de pagamentos que já aqui referiram, funciono da seguinte forma. 3 fases para o pagamento, primeira fase a quando da aprovação do briefing e proposta de orçamento final, 1ª fase 30% do pagamento, 2ª fase apresentação de layouts e proposta finais até chegarmos a um consenso, depois da aprovação do layout, 30% do pagamento, entrega final do trabalho os restantes 40%... Nunca fico a arder completamente e esclareço o cliente durante a construção do briefing como se irá realizar o pagamento!

    A primeira e única vez k não fiz isto tive problemas... :/
     
  6. caquito

    caquito Power Member

    Nunca começar um trabalho sem pelo menos 30 % do valor pago.

    Esta é a regra de ouro. Sabes que assim não perdes tempo.. pelo menos as horas que trabalhaste foram pagas.
     

Partilhar esta Página