1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

Retrospectiva - O coleccionismo, hoje

Discussão em 'Jogos - Discussão Geral' iniciada por vazinho, 31 de Dezembro de 2012. (Respostas: 107; Visualizações: 8894)

  1. vazinho

    vazinho Power Member

    Pessoal, se me permitem venho aqui publicar um texto que escrevi para o meu recém criado blog:

    Link para blog - blogtheartofgaming.blogspot.pt


    Retrospectiva - O coleccionismo, hoje.


    Pois é... Por vezes a vida de coleccionador não é nada fácil, digo-vos eu!

    Para além dos problemas comuns que todos temos, como por exemplo esta economia devastadora, ainda temos de lidar com outro problemas mais específicos do nosso hobby.

    Como grande parte das pessoas que estão atentas à "Scene" do coleccionismo saberão, o mercado está cada vez mais desperto para os preços "reais" de cada determinado item. Antigamente não eram raros os negócios em que se podia encontrar grandes pexinxas. Hoje em dia é preciso suar muuuuuuuuito para encontrar algo a preço fora do comum, visto que já quase toda a gente sabe o que tem nas mãos. É algo de complicado pois os vendedores já não vendem os jogos às carradas de 5 aerius. Hoje em dia se querem comprar algo já tem tudo com preçário individual, longe de serem considerados todos os jogos iguais...

    Caso esta situação não chegasse para nos fazer gastar uns tustos a mais, agora lidamos com um fenomeno "americano" ainda pior... Os Resellers!

    Normalmente, quer em feiras quer em lojas de usados, as probabilidades de encontrar algo de jeito a preço de louco já são poucas, no entanto ainda existe um nicho de compradores, um aglomerado de wiseguys, que faz uma verdadeira pilhagem às grandes oportunidades muito antes que o comum dos compradores, para depois poder abrir uma "barraca cigana" a vender tudo a preço de rei......Comprar a 1 vender a 100.....

    Outro problema ainda que os coleccionadores (desculpem o pretensiosismo mas vou-me inserir nesta classe) enfrentamos. Antigamente uma pessoa tinha uma consola antiga, ou mesmo jogos retro para sistemas que já nem utilizavam e despachavam tudo para livrar espaço. Hoje existe uma sobrevalorização ridícula do antigo!

    Se me dessem 1 euro por cada vez que vejo um anuncio absurdo a dizer "Vendo consola de coleccionador, alvo de limpeza profissional ,completa, como nova e é um objecto exclusivo de coleccionador, só os burros é que não compram!"

    Mega Drives em caixa por 180 euros? não obrigado. Um dos grandes objectivos dos coleccionadores é, por isso mesmo, arranjar os melhores items ao melhor preço. Isso é um dos nossos grandes objectivos, e por vezes é fácil conseguir, nas outras com esta especulação de mercado é mais complicado.

    Em todo caso, estes obstáculos todos embora venham dificultar os bons negócios, ao mesmo tempo trazem-nos uma maior sensação de realização quando conseguimos algo realmente bom.

    Os obstáculos que falei em cima são grandes, mas outra coisa também nos deixa em terreno hostil... Os Fake Friends.... Estão em todo lado, mas sempre prontos a dar facada. O mundo do coleccionismo gera sempre discussões, inimizades, amigos falsos que só se aproveitam para roubar negócios....

    Isto é um passatempo e, juntamente com este passatempo, conseguimos também criar laços de amizade com gente que partilha os nossos gostos, isso é o bonito do coleccionismo, tudo o resto é treta...


    A minha dica para quem quer que esteja a ler isto é:

    Sejam fixes com o próximo, pois nalgum dia pode ser o próximo que vos arranja determinado item, ou vos avisa de determinado negócio e vos dá um jeitinho ;)



     
  2. DanielDenis

    DanielDenis Power Member

    Concordo totalmente com tudo o que foi escrito vazinho,infelizmente não há muito que se possa fazer estando do nosso lado da barricada a não ser ajudar o próximo e isso tu e muitos outros já o fazem há muito tempo.

    Um abraço!
     
  3. vazinho

    vazinho Power Member

    Obrigado pelo feedback Daniel :D

    Temos que nos ir aguentando uns aos outro, é mesmo verdade :P

    Abraço
     
  4. deft0n3d

    deft0n3d Power Member

    Felizmente temos vindo a criar pequenas comunidades onde as pessoas se ajudam muito aos outros e tentamos combater tudo o resto que anda a "destruir" ou "arruinar" este hobby, mas as coisas tão negras, mas isto é como tudo, quando esta moda morrer, vai se tar tudo a borrifar mais uma vez para os jogos.
     
  5. thendless

    thendless Power Member

    Basicamente o que o texto diz é: "dantes é que era bom porque as pessoas não sabiam o que tinham e vendiam ao desbarato". :|
     
  6. vazinho

    vazinho Power Member

    Thendless. Das mas diversas maneiras que tinha para te responder, vou só fazer uso de um exemplo muito simples...


    Eras gajo de comprar uma mega drive completa a 180€? Se esse é o verdadeiro valor desse item força nisso ;)

    Uma coisa é vender ao preço adequado. Outra, obviamente, é ser reseller (ir a um determinado local, comprar tudo o que é bom para depois vender).
     
    Última edição: 31 de Dezembro de 2012
  7. STORMDRIV3R

    STORMDRIV3R Power Member

    Ou uma Family Game por 150 euros como eu vi no Leilões...penso que ainda lá está :D
     
  8. Markusmetal

    Markusmetal Power Member

    O problema é que antes quem vendia não sabia o que tinha em mãos e também não havia tanta procura. Hoje em dia, é muita gente a comprar, vendedores mais informados e a querer lucrar o maximo possivel...
    Lei da oferta e da procura. Enquanto o retrogaming for moda, preços elevados vão continuar a aparecer. Se um dia o pessoal começar a largar a cena, quem vende terá que baixar o preço se é que quer vender seja lá o que for.
     
  9. jubei

    jubei Power Member

    Boas. Não costumo postar aqui no forum, mas também gosto de coleccionar jogos, especialmente para PC. A minha colecção já é bastante enorme (várias centenas) mas também já colecciono / jogo à vários anos (provavelmente 22 anos seguidos).

    Quanto ao tópico, penso que será passageiro, ou melhor, são fases. Oportunistas sempre haverão, mas isso acontece em qualquer sector da economia. Eu, como velho estudante de economia, aprendi a lei basica: oferta e procura. Ou seja, se vendem a esse preço, é porque terão mercado para tal. Caso contrário, mais cedo ou mais tarde, o mercado adaptar-se-á e terão de baixar os preços.

    Quanto aos "resellers", sim, é verdade que os vários sites de leilões estão actualmente "minados" de individuos que vendem jogos que compraram as preços de saldos no retalho, muitas vezes alertados pelos tópicos deste e outros fórums, (i.e. topico dos bargain) e que impedem outros de adquirir. Ontem comprei o Red Alert 3 Premium, graças a um membro do fórum que o tinha comprado e o colocou nas aquisições recentes (membro: GameRanger). Ainda ficaram la 2 copias do jogo. Poderia comprar os restantes e tentar fazer negocio. Ou não. Tal como tudo na vida, depende de cada um. E podemos condenar quem o faz?
     
  10. Sardaukar

    Sardaukar Power Member

    Sabendo separar entre oportunistas e chulos (os que querem ganhar dinheiro), o facto é que ser coleccionador não significa apenas "ter uma grande quantidade de items".

    O teu ponto de vista é válido, mas tens de ter em atenção que as com o passar do tempo, os objectos passam de banais a reliquias.
    Um coleccionador, muito acima de juntar "tralha", sabe dar valor às coisas.

    Por isso, é que se diz que o coleccionismo é um hobby caro. Porque quando não sabes reconhecer valor a algo, só estás a juntar por juntar.
    O verdadeiro coleccionador, se achar que o item é realmente indispensavel à sua colecção, até pagava 1000€ por essa Mega-Drive. Por ter gosto em ter aquilo e saber o valor que aquilo lhe vai trazer à sua colecção.

    Eu compreendo o teu ponto de vista. No entanto, poe a mão na consciência e pensa nos mais variados items de colecção que existem e a realidade é que quanto mais raros os items, mais valiosos ... e mais cobiçados para os coleccionadores.
     
    Última edição: 31 de Dezembro de 2012
  11. Marcelo5

    Marcelo5 Power Member

    Felizmente alguma pessoas não sabem o que vender e metem uma Nintendo 64 com 2 comandos a 20€
    :P
     
  12. vazinho

    vazinho Power Member

    respondendo a várias mensagens supracitados, está-se aqui a dar uma grande volta ao assunto que eu abordei. Mas também vos digo uma coisa, só paga a mais quem quer....Eu pessoalmente eu quando vejo uma mega drive completa a 180 e outra completa também a 40, vou para a que está a 40. Não vos repreendo de ir para as de 180..
     
  13. Cmind18

    Cmind18 Power Member

    Foi isto que fez com que me decidisse em vender tudo o que tinha antigo e ficar apenas com uma consola, se bem que de vez em quando arrependo-me de ter vendido coisas que era bastante importantes para mim mas a vida é assim, até porque daqui a 10 ou 15 anos de pouco serviriam.
    Enquanto existir seja o quer (jogos, filmes, etc, ...), vão existir sempre oportunistas interessados em ganhar o máximo com a falta de "conhecimento/informação" alheio/a.
     
    Última edição: 31 de Dezembro de 2012
  14. thendless

    thendless Power Member

    Os oportunistas são os malvados que vendem equipamentos acima do valor do mercado; quando são os outros que compram abaixo do preço do mercado mantendo o vendedor na ignorância já deve ter outro nome.
     
  15. pedromartel

    pedromartel Power Member

    Muita das vezes o vendedor vende o item porque não necessita dele, ou porque necessita espaço em casa.
    A culpa não é do comprador por encontrar um tal jogo a tal preço, o vendedor vende por iniciativa própria e atribui o valor que considera ser o mais correto ao item, e acaba por o entregar a pessoa que vai dar mais valor do que o próprio vendedor.




    As pessoas que não têm noção dos preços dos jogos, muita das vezes vendem segundo o seu valor sentimental; por exemplo eu tenho um GAME BOY (com caixa e manuais) que recebi à 20 anos e não era capaz de vender-lo por 50€, vendia-o por 80, 90€ (também quem tem uma grande ligação com um item não o vai vender:D)
     
  16. Rubenzito

    Rubenzito Power Member

    E fazes tu muito bem, então ainda por cima com esta economia. Podes ñ ter feito intencionalmente no teu texto, mas é como diz o thendless, antes vendiam ao desbarato, mas agora à medida que as pessoas se vão informando sobre aquilo que teem então vão inflacionar o preço sobre o produto. Basicamente o que dizes no texto é : belos tempos em que a malta ñ tinha noção do que tinha e vendia-o por 10 tostões. Atenção que isto ñ é uma critica a ti nem ao teu hobby de coleccionismo, é algo que a mim ñ me fascina ( compro uma ou outra CE), mas respeito quem o faz. Aproveito o post para desejar um bom ano para ti e para todos os zwamers.
     
  17. vazinho

    vazinho Power Member

    Mas nem é o pagar mais, às vezes é pagar valores irreais!

    Bom ano ;)
     
  18. Rubenzito

    Rubenzito Power Member

    Mas isso depende de pessoa para pessoa, ou para ser mais rigoroso de coleccionador para coleccionador. Para ti 180 € por uma mega drive é irreal, mas para outro coleccionador poder ser uma pechincha.
     
  19. Jonyn

    Jonyn Power Member

    Uma coisa é o valor real, outra coisa é ser-se chico esperto e por um valor absurdo e esperar que venda. Existe procura mas se repararem as coisas demasiado overpriced ou não vendem ou de ano a ano um nabo caí nisso e compra. Até as cash que vendiam barato pedem mais do que no ebay lol.
     
  20. R3d_D3v1l_

    R3d_D3v1l_ Power Member

    Ou seja, se alguém quiser vender um item pelo seu valor real, dado que está informado, é um oportunista. Se for um comprador que compra por um valor muito inferior ao real, porque o vendedor não está totalmente informado, teve sorte?

    Sejam sérios. Até porque não é só quem colecciona quem é prejudicado. As próprias produtoras de videojogos sabem bem que os consumidores estão mais informados que há 20 anos atrás, principalmente porque o acesso às análises e críticas era reduzido. O feedback era local e nada mais. Comprar um jogo era um risco, prevalecendo a força do marketing na escolha do consumidor. Hoje em dia não. Podes ter o marketing de todo o mundo mas se o produto não for bom ou for overpriced, é certo que não venderás o que esperarias e não terás o lucro de volta.

    É a evolução do entretenimento e da cultura dos tempos actuais. E o mesmo se aplica noutras indústrias como o cinema.
     

Partilhar esta Página