• COVID-19 Mantenham-se seguros: Pratiquem distanciamento físico de 2 metros. Lavem as mãos. Usem máscara.
    Informação sobre COVID-19. Ajuda a combater o COVID-19 com o [email protected] e com o [email protected].
  • Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

  • Informação: A partir da 01:00 (hora de Lisboa) desta Terça-feira, 15 de Junho, o fórum e restantes sites da ZWAME (Comparador, Jogos, Portal, etc) estarão inacessíveis por alguns minutos.
    Se necessário faremos actualizações via Twitter e Facebook.
  • ZWAME Jogos: A dupla Ratchet e Clank está de regresso para uma nova aventura na PS5, em Ratchet & Clank: Rift Apart. Não se esqueçam de ler a nossa análise!

Revista BGAMER - Tópico Oficial

MikeAR

Power Member
Nova Bgamer nas bancas a partir de dia 12 de Maio:

Caros leitores! Apresentamos a próxima edição da BGamer, com o tema de capa Injustice 2. Terá como jogo de oferta Sins of a Solar Empire: Rebellion em versão código para o Steam (http://*****/2q6hm0Y)

Nesta edição contem com um especial Injustice 2, acompanhado por uma entrevista ao mítico Ed Boon, criador de Mortal Kombat;

Contem ainda com um especial que reúne alguns produtores de videojogos portugueses que vingaram na indústria, tanto em Portugal como no estrangeiro.

Fomos a Berlim, Alemanha, para conhecer o seu novo alinhamento da linha ROG aura, no evento Asus Outshine the Competition.

Esta edição marca ainda o lançamento da Nintendo Switch e os primeiros jogos.

Existem muitas surpresas para ler nesta edição.

Fiquem com um pequeno teasing que o nosso Rui Parreira preparou em vídeo: http://*****/2pwXh1F

E perguntam vocês quando é que a revista está nas bancas?

É já na próxima sexta-feira, dia 12! Com alguma sorte, alguns poderão encontrar já amanha nas prateleiras!

Alertem os vossos amigos do lançamento da nova BGamer partilhando este post!

Obrigado por todo o apoio!

18446880_1457236477672057_6904325409631516847_n.jpg
 

Raen

Power Member
E a BGamer morreu novamente...

Parece que a nova nº. 1 vendeu mal ao ponto de se deixar justificar uma nº. 2, uma nº. 3 e por aí em diante como tinham prometido.
 

David.S

Banido
Hoje em dia com a informação toda online já se sabia no que ia dar, tenho pena, foi a bgamer e muitas outras que desapareceram mesmo internacionais.

Estou admirado é haver ainda muitas revistas de automóveis a resistir com tanto conteúdo online que ai anda.
 
Boas

Alguem sabe onde posso ver a lista de todos os jogos oferecidos pela revista bgamer? Sei que à uns anos atrás essa lista estava aqui no forum mas não a consigo encontrar

Obrigado
 

Raen

Power Member
Eu tenho uma lista que eu próprio criei, do número 45 em diante, mas com vários buracos pelo meio (consegui suprimir bastantes ao ler este tópico de fio a pavio), em que estão incluídas algumas edições especiais/extra das quais tenho conhecimento. Também estaria interessado em completar a mesma, e tirar algumas dúvidas que tenho.

Estou a pensar em colocar a lista online na forma de alguma tabela editável, também numa tentativa de obter a colaboração de outras pessoas com o mesmo interesse, no preenchimento da mesma.

Se os números mensais da revista não oferecem muitas dúvidas, já as edições especiais comemorativas ou dedicadas a determinado género (Estratégia, Acção, Desporto, Online, Hardware, etc) há-as aos pontapés de 2004 em diante, e não tenho conhecimento que alguma vez tenha sido feito um levantamento de quantas foram lançadas.

Penso que o mais difícil será catalogar as revistas e jogos oferecidos nos 2 ou 3 primeiros anos de vida da revista. Relativamente às edições especiais/extra, deve haver referência às mesmas nas edições mensais da revista.

O confinamento foi justificação para desenterrar as dezenas de discos da BGamer que ainda tenho em casa (infelizmente, as revistas que tinha deitei-as fora faz anos), e deparei-me com alguns deles já com disc rot. Foi o suficiente para fazer backup 1:1 dos discos funcionais e catalogar o que tenho, e o que não tenho, para depois ir substituindo o que está estragado e o que já não possuo. Os antigos CDs e DVDs de demos eram de uma autêntica arte, feitos em Macromedia Flash. Pena que a determinada altura a BGamer tenha deixado de os fazer, embora perceba (acessibilidade à Internet em praticamente todos os lares).

O que me leva também a dizer o seguinte para aqueles todos que ao longo do tópico foram dizendo «Hoje em dia com a internet não faz sentido uma revista, quando tenho a informação toda com poucos cliques em tempo útil e não preciso de esperar 1 mês para a ter»: uma revista faz pouco sentido num presente, mas quando se quer olhar para um passado, é um óptimo portal do tempo. Eu não guardo bookmarks de análises feitas por websites, vocês guardam? Inclusivamente, um ou outro website que indicaram ao longo do tópico, onde liam análises, já não existem, e não me parece que a Wayback Machine ajude (no caso da BGamer pouco ajuda, o website na grande maioria dos snapshots está completamente 'broken').


A ver se entro em contacto com o Rui Parreira, embora ele já tenha entrado na BGamer algo no final de vida da revista.


@MasterDarkSide Tu que andavas pelo fórum da BGamer, tens ideia da existência de alguma lista?

@ripzenga Chegaste a contactar a BGamer acerca da lista de jogos oferecidos, como disseste que irias fazer em... 2010? :winknu:
 
Última edição:

JAC_TUGA

Power Member
Sempre gostei de ler revistas de videojogos desde pequeno. Infelizmente descontinuaram, mas lembro-me que nos tempos da Game boy, Dreamcast, PS2 e PS3 comprava e lia muito. A revista PlayStation comprava sempre, não gostei quando acabaram. A BGamer era mais para PC gamers por isso evitava comprar. Velhos e saudosos tempos.
 

thendless

Power Member
(...) uma revista faz pouco sentido num presente, mas quando se quer olhar para um passado, é um óptimo portal do tempo.
É mais do que isso. Nunca deixei de ler a EDGE, por exemplo, mesmo quando ando ou andava mais desligado dos videojogos. Um artigo de uma revista oferece um conteúdo que não pode ser equiparado à flagrância de um website, principalmente quando é bem escrito e investigado com rigor jornalístico e editorial.
 

Raen

Power Member
É mais do que isso. Nunca deixei de ler a EDGE, por exemplo, mesmo quando ando ou andava mais desligado dos videojogos. Um artigo de uma revista oferece um conteúdo que não pode ser equiparado à flagrância de um website, principalmente quando é bem escrito e investigado com rigor jornalístico e editorial.

Eu comprei a BGamer assiduamente durante 4 anos praticamente completos no início dos anos 2000. Altura em que ainda se comprava a revista pela revista (e se geravam discussões de qual a melhor, se a BGamer ou a Mega Score), e não pelo jogo de oferta (90% das vezes era um jogo budget, mesmo para a altura de lançamento), ao contrário do que acontecia mais tarde, como se pode ler ao longo do tópico.

Depois, por diversas razões, acabei por deixar de comprar, mas dito por quem ainda comprava (e assumido pelo próprio Rui Parreira), a qualidade de redacção da revista decresceu a olhos vistos. Muita gente saiu, outra tanta com menos experiência deve ter entrado (muitos estagiários, imagino). Isto para dizer que, assim que a revista foi perdendo rentabilidade, a qualidade da mesma também decresceu, o que é compreensível por um lado, mas só demonstra o quão difícil é "competir" com os meios digitais. Há que apostar na diferenciação e em algo único que os meios digitais não ofereçam, e ainda vai sendo isso que vai mantendo algumas publicações físicas vivas. Acredito que seja o caso da Edge (e da Retro Gamer, outro exemplo), que de vez em quando folheio na papelaria mas cujo preço me afasta da compra. No caso da BGamer, não funcionou. Quando dizem que compram a revista pelo jogo, é porque algo vai mal com a mesma.
 

Raen

Power Member
Penso já ter essas catalogadas. #158 em diante tenho tudo 100% catalogado. #157- faltam-me descobrir vários jogos oferecidos, mas ainda mais quais os temas de capa. Com alguma pesquisa online consegui descobrir os temas de capa de vários números, mas há números para os quais não há qualquer retorno.

Esse suplemento da Wii U também é da BGamer?
 

David.S

Banido
Desconheço, mas para se ter uma ideia é ir a data de lançamento da consola é será mesa altura.

É um folheto que mostra já o produto e as suas capacidades e biblioteca, aparenta ter sido lançado no lançamento ou pouco ligeiramente posterior da consola.
 

jabun

Power Member
ZsKgkIe.jpg

iq7aVr3.jpg

8xVJ7Fg.jpg

Tudo isto são revistas que guardo religiosamente. Depois ainda tenho dois caixotes cheios de BGamers, Mega Scores, Mega Forces, Hobby Consolas, Revistas Nintendo...
Para a malta que gostava de jogos nos anos 90 sabe bem a biblia que eram estas publicações. Numa era em que a Internet estava longe de ser massificada, era este ( e o mítico Templo dos Jogos) o meio de estarmos informados sobre o mundo que tanto gostávamos.

Para além de que, como referiu o @thendless , havia publicações com textos e artigos muito bons que, em formato papel, podes guardar e ler e reler quanto te apetecer.

É verdade que este meio de informação está condenado em 2021, mas bolas... Que saudades!
 

Raen

Power Member
@jabun Ainda bem que "apareces" :-D Estava para te fazer menção. Vi no FNintendo que publicaste vários scans da secção retro de várias BGamers de inícios de 2000. Ainda as tens?
 
Topo