1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Simulações Físicas em JAVA

Discussão em 'Programação' iniciada por abc, 29 de Outubro de 2004. (Respostas: 6; Visualizações: 1770)

  1. abc

    abc [email protected] Member

    Hey, amigos, vejam o que se faz em LEFT no IST a nível de programação. Não é para puxar os galões mas digam lá que os meus programas não estão bons ? :D (O meu projecto final: Gás de partículas numa caixa 3D)

    http://comp-phys.ist.utl.pt/~fcomp/bestof.html

    Digam o que acham e o que fazem em JAVA nas vossas áreas de estudo.
     
    Última edição: 29 de Outubro de 2004
  2. fap

    fap Power Member

    não percebi essa dos informáticos...queres fazer algum tipo de comparação? é que se for isso podes bem esquecer, que por mais bonito que esteja não bate por nada alguns projectos que fazemos em termos de complexidade (exº: fénix...)

    não gosto muito de aplicações gráficas em java, mas só tenho esta opinião depois de ter trabalhado mais com C# e .NET...

    quanto o que se faz em Java na [email protected]: as duas últimas coisas foram a um nível avançado a comparar com o que se fez a cadeiras como programação com objectos...numa desenvolvemos novas features (baseadas em casos de uso) para o fénix, utilizando aquela arquitectura toda de 3 camadas (MVC), Servlet's, jsp's, Struts, OJB, yadayada... (isto em Eng. da Programação)
    na outra desenvolvemos uma aplicação que fazia a implementação de um sistema de reservas de viagens distribuído fazendo uso de diversas ferramentas e tecnologias como: Servlets, JSP’s, RPC, UDDI, mecanismos criptográficos, entre outros.

    espero que dê uma ideia do que se faz a nível de Java pela leic...mas ainda tens muitas outras cadeiras com projectos de Java
     
  3. Madril

    Madril 1st Folding then Sex

    Ele tava a dizer informaticos por causa do pessoal da techzone e do pessoal que trabalha com pc's em geral ... penso eu de que ...

    O meu projecto de PO sai dia 1 ... pelo que depois dou-vos mais info sobre o que é :P

    O projecto de Sistemas Operativos é que parece mais ****** :S
     
  4. SoundSurfer

    SoundSurfer Power Member

    Ah.. adorei SO... da segunda vez que fiz :p ... Avé Alves Marques.
     
  5. NoMercy

    NoMercy Power Member

    Evangelion-01.
    Os programas que fizeste parecem interessantes, embora eu não possa julgar correctamente o seu conteúdo cientifico devido a não dominar os assuntos ( só sei um pouquinho de teoria na mecânica dos fluidos devido a conversas de café com amigos meus que tiveram cadeiras sobre essa matéria).
    Podias mostrar algum código fonte e explicar como fizeste e porquê.
    Aquele pacote http://www.opensourcephysics.org/ parece bastante interessante e útil. Podias mostrar alguns exemplos da sua utilização em código. Acho que seria informação útil a partilhar aqui no fórum. Quem sabe, não anda mais alguem ás cabeçadas com os temas que expuseste.
     
  6. abc

    abc [email protected] Member

    Visto que aparentemente feri algumas susceptibilidades por utilizar o termo "informáticos", vou retirá-lo de imediato da thread original. Quando o usei não foi mais do que uma forma de me dirigir a quem (esteja em informática ou não) lida com este tipo de coisas...

    Quanto a tirarem elações do meu primeiro post, sugerindo algum tipo de comparação, não o quero fazer, simplesmente quero como e em que utilizam o JAVA noutras áreas de estudo.

    Quanto a fazerem projectos e trabalhos bem mais complexos, acredito perfeitamente que o façam e espero que assim continuem, pois é a vossa área de especialização, certo ? Mas relembro que essa cadeira é de 1º ano.

    Estes trabalhos que aí estão publicados foram feitos cada um deles em 15 dias fora o projecto final que demorou um mês e o nível de complexidade deles não está na programação propriamente dita mas sim na resolução da matemática macabra de cada 1 dos projectos e na sua implementação em JAVA. O nosso JAVA é muito à la C, infelizmente pouco se faz por objectos, agora mais para o fim, já se fazia mais.

    Quanto ao exemplo que deste como apoteose da complexidade (o FENIX), penso que deverias ter dado como exemplo, algo que já funcione em condições.
    Mas talvez seja bom eu dar 1 exemplo de algo complexo aqui de LEFT - ora aí está - "Cinética de Fotões: Modelo teórico e numérico para a propagação de impulsos electromagnéticos intensos em meios fortemente não lineares"
    de Luís Miguel de Oliveira e Silva (O meu professor de Física Computacional) (Prémio IBM 2003) - http://www-5.ibm.com/pt/events/pc/sinopse.html
    Em termos físicos, o trabalho consiste em acelerar electrões por meio de lasers de alta energia que na sua passagem criam uma espécie de perturbações electromagnéticas intensas (imaginem uma lancha a atravessar um lago calmo a alta velocidade, e imaginem as perturbações, isto é, os "ripples" que vão sendo provocados pela sua passagem), bom o objectivo é colocar os electrões a "surfar" nesses "ripples" acelerando-os. Sei que isto parece muito manhoso, mas foi assim que foi explicado na apresentação.

    Ora para que serve isto, estão a ver os actuais aceleradores de partículas (LEP - CERN), se isto for bem sucedido, pode-se reduzir 8km de acelerador até 1 metro de acelerador. O LEP tem 27Km.

    [​IMG]

    Ora isto pode permitir a "criação" de partículas elementares com muito mais facilidade e custos energéticos reduzidos, o que pode vir a ser muito útil na aplicação deste tipo de tecnologia em situações do dia. Desde aplicações na medicina a computação quântica. Tem imensas aplicações.
    Relembro que eu percebo tanto destas coisas como vocês e isto resume mais ou menos o que me foi explicado.

    Mudando de assunto que o OFFTOPIC vai longo, no futuro hei-de publicar excertos de código se assim o quiserem. De momento estou proibido de publicar seja o que for desses trabalhos (mesmo dos meus). Já que falaste na mecânica de fluídos, apesar de não ser o meu trabalho, sei que foi usada uma técnica chamada marker and cell para a criação do fluído. Dado que não estou muito por dentro disso, penso apenas que o marker and cell consiste em dividir o espaço num grelha e colocando markers dentro de cada uma delas, e ir iterando a posição das mesmas. É um método extremamente ineficiente, especialmente com as limitações de performance do JAVA, penso que existem soluções mais eficazes e simples, visto que a matemática do marker and cell é algo de horrível...
     
  7. LeeMan

    LeeMan Power Member

    Realmente trata-se de uma área bastante interessante.

    E convém relembrar sempre aos informáticoas que as aplicações informáticas são sempre aplicadas a alguma coisas seja um programa de gestão de condomínio seja um simulador físico. Ou mesmo um programa para gerir um contador de chouriços acopolado a uma extrusora de encher chouriços.
     

Partilhar esta Página