1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Sistema Galileu: a independência europeia face ao GPS norte-americano

Discussão em 'Digital Life' iniciada por PatrickBateman, 1 de Maio de 2007. (Respostas: 6; Visualizações: 2889)

  1. PatrickBateman

    PatrickBateman Power Member

    "A UE quer criar um novo sistema de navegação por satélite, designado Galileu. O objectivo do projecto, de utilização civil, é a total independência do GPS norte-americano."


    (...)

    "a leitura dos dados de localização GPS pode, sempre que assim o entendam, ser codificada pelos Estados Unidos (o que aconteceu no decorrer da Guerra do Golfo), negando o acesso aos europeus. O mesmo é dizer que a Europa está dependente da "boa vontade" norte-americana nesta matéria.

    Com o Galileu operacional, a Europa torna-se independente do sistema americano, o que deverá acontecer em 2008."


    Fonte: http://www.inov.pt/pt/noticia/arquivo_01.html

    ...

    Será que é mesmo em 2008 que o Galileu entra (finalmente) em funcionamento??

    Sinceramente, nunca gostei de ver o mundo inteiro a depender dos satélites GPS dos EUA :paranoid:


    Cumprimentos.
     
  2. xokos

    xokos Banido

    Já li isso a algum tempo...pelo que me lembro:
    N estará em 2008,apenas para testes.Já foi lançado um(ou dois,n tenho a certeza) de prova,será lançado um terceiro para testes.Serao 28 em total(se bem me lembro)...em que 4 estarao de "reseva".Esse sistema para além de completamente independente dos EU é muito mais preciso,quando estiver completamente operacional poderá por exemplo ser utilizado para operaçoes como atracamento de barcos em docas,terá uma precisao milimetrica.Ja toda a gente sabe que o GPS nao e utilizado a 100% para fins civis,apenas militares,foi para isso que o desenharam,mas mesmo assim a precisao do Galileu é muito superior.
     
  3. SilveRRIng

    SilveRRIng Power Member

    Só falta aí um detalhe que pode complicar a aceitação do Galileu. A sua utilização não será grátis como o GPS. Não sei pormenores acerca disto, mas esta será a maior das diferenças porque hoje em dia já se assume o GPS como um "dado adquirido".

    O papel do Galileu será muito importante, principalmente no que se refere aos sistemas de transporte, em particular na aviação. Actualmente o GPS ainda é utilizado como um sistema secundário de navegação, como apoio, tipo "tira-teimas". Isto deve-se a alguma imprecisão desse sistemas mas acima de tudo da dependência do "humor" dos USA.
     
  4. xokos

    xokos Banido

    Sim,bem visto...
    Mas o GPS paga-se e bem pago,pagas é indirectamente.Mas sobre o como pagaremos o Galileu é algo que se tardará a saber.

    Mas a precisao do Galileu é algo como um anúncio que havia de uma companhia de seguros,nao sei se se lembram,em que iam os carros e passavam a milimetros uns dos outros...pois permite fazer isso,em tempo real...o GPS n é o que se pode dizer em tempo real.
     
  5. SideWalker

    SideWalker Colaborador
    Staff Member

    xokos, não penses nisso. Uma coisa dessas nunca se poderia basear em orientação por satelite, já que existem demasiadas variaveis nestes sistemas que afectam a precisão.

    O galileu não vai ser pago. Vai ter duas modalidades. Da mesma maneira que o GPS tem duas modalidades: uma aberta para quem a quiser usar e uma fechada, mais precisa para fins militares.
    A diferença é que o modo de alta precisão do Galileu não é (só) para fins militares, é para uso comercial por quem quer que esteja disposto a pagar. Mas também tem um modo aberto a toda a gente como o gps.
    No futuro, o mais provavel será o aparecimento de aparelhos mistos que captam os sinais de todas as redes: gps, glonass e galileu.
     
  6. timber

    timber Zwame Advisor

    Acho um bocado estúpido estar a aumentar o número de sistemas de posicionamento global.

    Mais valia ter-se negociado qualquer coisa com os americanos e reforçar a rede americana de satélites e tornar aquilo em algo global com um modo militar de alta precisão restrito ou outra treta qualquer.

    Apesar de ser um europeísta convicto irrita-me estas iniciativas eu também que a Europa às vezes se mete só porque os americanos já tem.
     
  7. xokos

    xokos Banido

    Bem verdade...mas "negócios" com os americanos tmabém já se sabe no que dá.De qualquer maneira deve haver algum,tipo o GPS para um fim especifico e o Galileu para outro,ambos usados tanto pela Europa como EU(digo eu...)

    Eu sei,mas foi para terem um ideia...
    Mas o que disses-te depois...Que sentido tem?O Galileu só tem uma vantagem,que é ser mais preciso,se é como dizes isso kuase vai por água abaixo,pagar por um serviço como esse vai custar entrar na cabeça das pessoas tendo elas o GPS.Também li que era só para uso civil(não sei até que ponto são fiáveis estas fontes,já foi a bastante que vi isso).
     

Partilhar esta Página