1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

Sony leads charge to cash in on Iraq

Discussão em 'PlayStation' iniciada por Korben_Dallas, 11 de Abril de 2003. (Respostas: 7; Visualizações: 1102)

  1. Korben_Dallas

    Korben_Dallas Zwame Advisor

    Japanese electronics giant Sony has taken an extraordinary step to cash in on the war in Iraq by patenting the term "Shock and Awe" for a computer game.

    It is among a swarm of companies scrambling to commercially exploit the war in Iraq, which has killed more than 5,000 soldiers and civilians in the space of three weeks.

    MediaGuardian.co.uk has learned that Sony is set to launch a computer game called "Shock and Awe", having registered the defining phrase of the coalition's military campaign as a trademark in the US.

    It registered the term as a trademark with the US Patent and Trademark Office on March 2 1 - just one day after war started. It wants to use it for computer and video games, as well as a broadband game played both locally and globally via the internet among PlayStation users.

    The phrase, coined by former US navy pilot Harlan Ullman, was adopted by Washington to describe the fierce bombardment of Baghdad on the second night of the war - the military tactic designed to bully the Iraqi resistance into submission.

    However, the crassness of the phrase was seized upon by critics of evidence of US arrogance in a war that the UN, and notably France and Russia, refused to support.

    A spokesman for Sony PlayStation in the UK admitted the company might not stock the game in Britain and Europe owing to political sensitivities.

    "Sometimes registering trademarks does not necessarily mean the product will be launched. But if it was deemed unsuitable then we might not ship it here," he said.

    "If indeed it is related to the Iraqi war rather than just using that phrase then, yes, it might well be something we would be very sensitive to," the spokesman added.

    However, the Sony game is only the tip of the iceberg as the US market is set to be flooded with goods ranging from T-shirts, toys, board games, train sets sunglasses, mugs and fireworks branded with slogans such as "Operation Iraqi Freedom" and "Battle of Baghdad".

    But a British company is also planning a computer game, books, cards and magazines based on the war, called "Conflict Desert Storm II: Back to Baghdad".

    SCi Games, part of computer games publisher SCi Entertainment, registered the title as a trademark in the US on February 25, having scored a hit with its original PlayStation and Xbox game, Conflict: Desert Storm.

    Other goods planned for sale in the US include an "Axis of Evil" board game, "Iraqi Freedom" crockery and clothes as well as "Shock and Awe" trainers and dolls.

    After September 11 2001 terrorist attacks, the US PTO was flooded with applications for trademarks for products bearing legends such as "the war on terrorism" and "remember the twin towers".

    At the time applications were also been filed for products inscribed with the phrases "Osama, can you see the bombs bursting in the air?"; "Osama, Yo' Mama"; "9-11-01, lest we forget"; and "Operation Enduring Freedom".

    The rush to make a quick buck from the attacks attracted widespread criticism from people concerned that companies were profiting from the tragedy.
    fonte: Media Guardian

    Este pessoal não perde tempo... eu já tinha pensado nos jogos que fariam acerca desta guerra mas pensei que era coisa para daqui a uns anos... e acho que é assim que devia ser! >(
     
  2. StormhawK

    StormhawK Power Member

    Esta guerra não teve perdas quase nenhumas do lado da coligação, nem a dificuldade ou a demora da primeira guerra do golfo. De certa forma, pouco passou de uma operação de treino, toda by the book: mísseis para destruir, infantaria para ocupar.

    Se a UN tivesse apoiado o ataque, pouco se teria falado disto.

    Tendo em conta a "leveza" disto a que erradamente se tem chamado "guerra", não há motivos para as grandes companhias não tirarem algum lucro sem remorsos.

    Temos que admitir. Esta "guerra" foi um instante.
     
  3. AwakE

    AwakE Banido

    Entao se não foi uma guerra foi o que? Uma "libertação"?

    Vamos lá ver é se o Bush nao se sente tentado a "libertar" mais alguns paises da região já que "libertar" o Iraque foi tão facil.

    Quando o unico edificio governamental protegido foi o ministerio do petroleo, acho que tá tudo dito sobre a intenções americanas.
     
  4. StormhawK

    StormhawK Power Member

    Não estou a defender a operação. Apenas quero dizer que, comparada com a guerra do golfo, isto não passou de um relâmpago. Os americanos quase não tiveram perdas, e a percentagem deles que apoia a guerra é considerável.
    Portanto, as editoras não têm motivos para não investir. Se o mercado alvo (americanos) estivesse ressentido com a guerra, de certeza que demoraria mais tempo a aparecer o "merchandising", mas não.

    E esta thread não fala sobre se a guerra esta(va) correcta ou não, fala sobre investimentos relacionados com ela. Se é para criticar / apoiar a posição da coligação, há outras threads para o efeito. Esta é sobre a posição das empresas que tentam capitalizar a guerra.

    Aliás, a Sony é japonesa.


    ## EDIT:

    Falando em capitalização, aproveito para referir algo que provavelmente já disse noutra thread qualquer, mas que repito agora:

    Na minha opinião, o petróleo iraquiano é um interesse secundário, e fazer recair sobre ele a atenção internacional é um mal menor de risco calculado. É melhor o mundo inteiro pensar que os EUA querem o petróleo iraquiano, do que a Zona Euro reparar que está a ser atacada.

    Como, porquê? Eu explico.

    É sabido que o dólar é a moeda de troca favorita, a nível mundial, para uma infinidade de transacções. Transacções petrolíferas são, de facto, das mais volumosas e fazem-se em dólares praticamente no mundo todo. No entanto, graças à recente ascenção do Euro, vários países produtores de petróleo têm considerado abandonar o dólar como moeda de troca, em favor do euro.
    Imaginem o que aconteceria às barras de ouro de Fort Knox se de repente toda a gente passasse a moeda europeia. Pois é. O Tio Sam passaria a vestir uma saca de serapilheira.
    E, pelo que li no JN aqui há umas semanas, o Iraque tinha de facto passado a usar o euro.

    Na minha expeculação, imagino que o ataque ao Iraque funciona como aviso a muitos países do médio oriente para não deixarem de usar o dólar. Ao fim e ao cabo, ligar qualquer um deles a organizações terroristas é muito simples, porque quanto mais não seja faz parte do senso comum que "Médio Oriente" = "Terrorismo", mesmo que tal não seja verdade.

    Resumindo, não é por acaso que os membros da coligação são países que não têm nada a ganhar com o crescimento do euro.
     
    Última edição: 14 de Abril de 2003
  5. timber

    timber Zwame Advisor

    Independentemente de ser contra ou a favor a guerra acho de extremo mau gosto ir tocar no assunto com a ferida ainda aberta.
    Se querem fazer um jogo de guerra o que nao falta ai (infelizmente...) sao guerras passadas.
     
  6. 20COMER

    20COMER Power Member

    LOL... qto a isso... epá, não me faz kker tipo de diferença fazerem ou naum um jogo sobre esta Guerra. Mas tb concordo que existem mtas guerras passadas sobre as quais se podem fazer jogos...

    Mesmo assim... se o jogo for sebem..
    Eu adoro jogos de guerra por isso fico á espera.

    :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die: :die:


    Um Abraço...

    20COMER:004:
     
  7. Fivewin

    Fivewin Power Member

    Sony withdraws trademark registration of 'shock and awe' - Sony Corp said Tuesday it will withdraw its application with the U.S. patent office to register "shock and awe" - a catch phrase used by the U.S. forces in their initial air campaign in Iraq - as title for a PlayStation video game. In a statement released jointly with its U.S. subsidiary Sony Computer Entertainment Inc, Sony said the application was based on "inappropriate judgment.

    Mais info aqui
     
  8. AwakE

    AwakE Banido

    Tb já querem fazer o filme da Jessica Lynch! Isto é lindo.

    Quanto à historia do Euro, eu nao digo que até tenha toda a lógica, e ouvi isso dito por alguns comentadores (poucos). Mas a verdade é que a luta Iraque-EUA já vem do tempo do Bush Senior. E se fosse só pelo Bush agora a seguir ia a Siria... acho que o exemplo já foi dado. Ou nao?

    Diga-se que a politica internacional (tal como toda a politica) é tao suja que é dificil as vezes saber o que realmente se passa. Lá temos que ficar pelo adivinhar, peoes neste grande tabuleiro.
     

Partilhar esta Página