1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Surface Phone

Discussão em 'Windows Mobile e Wearables' iniciada por Nunes91, 21 de Setembro de 2015. (Respostas: 220; Visualizações: 14458)

  1. Nunes91

    Nunes91 Banido

    Última edição: 22 de Setembro de 2015
  2. ipfreire

    ipfreire Power Member

    Manda vir um para aqui sff! :)
     
  3. lmikotas

    lmikotas Power Member

    Isto é fake.
    Aliás, se lerem a notícia na Forbes, eles não estão a dizer nada de novo, estão apenas a juntar os "rumores" que por aí andam.
     
  4. lightMC

    lightMC Power Member

    Não me acredito no surface phone. Porquê criar ambiguidade numa marca de bom nome que muitos já conhecem? Isso era meio caminho andado para complicar as coisas e destruir a marca.
     
  5. Dissectory

    Dissectory Power Member

    Desde o Surface Pro 3 que o nome Surface começou a ter sucesso e a ser visto como um excelente produto. O nome Lumia é conhecido mas quem é de fora não associa logo a um produto bom (apesar de o ser naturalmente).

    Levar este nome á gama high end de smartphones pode até nem ser mal pensado. Por mim este Surface podia ser tipo o "Nexus" da Microsoft.
     
  6. nerds

    nerds Power Member

    Tendo em conta o processador, é possível este vir com full windows? Poderia destacar-se ai dos 950
     
  7. lmikotas

    lmikotas Power Member

    Sinceramente, acho que trazer a marca Surface para os telemóveis seria um erro.

    Aquilo que a Microsoft de se concentrar, e é o que tem vindo a fazer, é dar menos destaque às marcas (Surface, Lumia,...) e dar mais destaque à sua própria marca.
    Por isso é que nos Lumia não se vê escrito Lumia em lugar algum, mas sim Microsoft; Por isso é que o Surface 3 tem o logótipo da Microsoft na traseira em vez da marca Surface como o Pro 3. É importante que as pessoas fixem a marca "Microsoft", facilita imenso no marketing.

    Probabilidade muito muito pequena. Windows 10 para PCs só de 8 polegadas para cima.
     
    Última edição: 21 de Setembro de 2015
  8. nerds

    nerds Power Member

    Sim mas o que estou a dizer é que o telemóvel funcionaria com o windows Phone 10 mas quando ligado em modo continuum, com esse processador, seria possível instalar programas
     
  9. lmikotas

    lmikotas Power Member

    Não é impossível, mas não me parece que seja essa a direção que a Microsoft queira seguir.
    Para eles o importante são as Universal Apps, não os programas Win32.
     
  10. Etnic_bOy

    Etnic_bOy Power Member

    Não misturem alhos com bugalhos. Para quê um smartphone ter acesso a programas Win32? Mesmo que seja através do Continuum?
    O Continuum é uma forma boa de poder ter acesso a algo parecido ao PC, mas nunca na vida vai ser um PC.
     
  11. josemtr

    josemtr Power Member

    Onde é que isto se compra? :clap:
     
  12. Pulsarium

    Pulsarium Power Member

    Se saísse uma coisa com um design semelhante aos mockups era compra certinha :D Mas prefiro que esperem um pouco, de forma a poderem incluir um 820, porque o 810...
     
  13. iRock

    iRock Power Member

    Sempre é uma realidade o Surface Phone? é que se for, nem me vale a pena comprar o 950 por alguns meses.
    Vi rumores em artigos que poderà ser lançado na Primavera 2016.
     
  14. lmikotas

    lmikotas Power Member

    É uma realidade muito pouco provável (mesmo muito pouco) de vir a acontecer.
    É mais wishful thinking, do que rumores verdadeiros.
     
  15. _unknown_

    _unknown_ Power Member

    O quê? O ser real o surface phone ou ser lançado na Primavera 2016?
    Cá eu acho que ele vai existir, mais cedo ou mais tarde, possivelmente para competir com o iPhone 7 plus do próximo ano. Só falta saber se a Intel consegue mesmo lançar chips para smartphones capazes de competir com os ARM, em termos de performance/consumo.
     
  16. lmikotas

    lmikotas Power Member

    As duas coisas, não acho que estes "rumores" façam sentido, e ainda não os vi virem de uma fonte credivel.
    Além de que Surface = computadores, Lumia = telemóveis. Misturar as duas coisas é estupido.
     
  17. _unknown_

    _unknown_ Power Member

    Pois isso é que faz sentido para a Microsoft, com tanto hype à volta do Continuum, acho que este conceito do Surface Phone encaixa-se na convergência que eles falam. O Lumia 950 acaba por ser uma primeira amostra disto mas este Surface Phone supostamente irá ter uma performance bastante superior.

    Outra razão para apostarem na marca Surface nos telemóveis é o facto da marca Lumia ser pouco popular junto do público (até hoje), então se falamos de high-end, é praticamente desconhecida (infelizmente).
    Por outro lado a marca Surface é muito popular, cada vez mais e tem um hype bastante grande em torno dela.
     
  18. lmikotas

    lmikotas Power Member

    Mas o que é o conceito do Surface Phone?

    Mas isso não tem a ver com a marca, tem a ver com os produtos em si, ou achas que se o Lumia 950 se chamasse Surface iria ter mais hype? Eu acho que seria igual.

    E a Microsoft não deu o nome de "Surface Band" à Microsoft Band, nem de "Surface HoloLens" ao Microsoft HoloLens, porque raio daria de Surface Phone, ao um telemóvel?
    Aliás, o foco é cada vez mais na marca "Microsoft".
     
  19. brruno

    brruno Power Member

    Microsoft’s Surface team is apparenlty working on a prototype of a new phone


    http://wmpoweruser.com/microsofts-surface-team-is-apparenlty-working-on-a-prototype-of-a-new-phone/
     
  20. farm66

    farm66 Banido

    Há algum tempo que fala-se a respeito do Surface Phone, visto como primeiro projeto desenvolvido inteiramente pela Microsoft para o Windows 10 Mobile. O dispositivo ainda não saiu do papel, porém diversos depoimentos dados até mesmo por funcionários do alto escalão da empresa reforçam a ideia de que um smartphone completamente diferente do que foi visto até então na linha Lumia está de fato em desenvolvimento.

    Em nova entrevista com Panos Panay, chefe da divisão Surface que roubou a cena durante a apresentação dos novos Lumia no início deste mês, o portal Wired chamou a atenção em relação a alguns elementos vistos na área escolhida para a realização da sessão de perguntas e respostas. Segundo destacado por eles, Panay parecia um pouco disperso durante a entrevista, fixando seu olhar durante vários momentos em algumas máquinas que trabalhavam na construção do Surface Book.

    Mais interessante do que isto, contudo, eram outros maquinários mais ao fundo que estavam trabalhando no protótipo de um novo smartphone, sendo este provavelmente o tão falado Surface Phone. Além disso, eles afirmaram que o local onde estavam era repleto de salas cheias de dispositivos ainda não anunciados, algo que fez Panay encurtar ao máximo a entrevista para voltar ao trabalho o quanto antes.

    Infelizmente não foi revelado qualquer detalhe sobre o visual do dispositivo ou quais suas características, porém há algum tempo vimos que o Surface Phone pode estar sendo tratado internamente como Projeto Juggernaut Alpha, contando com especificações realmente parrudas como:

    • Tela AMOLED de 5.5 polegadas com resolução de 1440 × 2560 pixels, tecnologia ClearBlack e Corning Gorilla Glass 4
    • Chipset Intel Atom X3 (SoFIA)
    • 3GB/4GB de RAM
    • 64GB/128GB de armazenamento interno, expansível via micro-SD de até 256GB
    • Câmera principal de 21MP com tecnologia PureView e um conjunto de 6 lentes Zeiss
    • Câmera frontal de 8MP com lentes Zeiss grande-angulares
    • Surface Pen com funções focadas para produtividade
    • USB Type-C
    • Suporte a carregamento wireless
    Considerando que o aparelho deve chegar ao mercado apenas em 2016 sob a marca Lumia, algumas mudanças no hardware podem ser vistas para que ele seja vendido com tudo o que há de mais moderno no mercado, garantindo assim não apenas diferenciais em termos de software, mas também de especificações técnicas.

    [​IMG]
    Conceito de Surface Phone


    Como a Microsoft ainda não liberou um pronunciamento oficial a respeito do tão aguardado Surface Phone, resta apenas esperarmos que algo seja dito pela companhia de Redmond sobre o assunto, para só então sabermos se o dispositivo será realmente voltado para o mercado corporativo, consequentemente contando com um valor proibitivo para os usuários em geral.
     

Partilhar esta Página