1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. COVID-19 Mantenham-se seguros: Pratiquem distanciamento físico de 2 metros. Lavem as mãos. Usem máscara.
    Informação sobre COVID-19. Ajuda a combater o COVID-19 com o [email protected] e com o [email protected].
    Remover anúncio

Trocar de sistemas MFT e DSLR por... Fuji?

Discussão em 'Recomendações de Equipamento' iniciada por Meje, 29 de Outubro de 2019. (Respostas: 121; Visualizações: 4942)

  1. Wildstar

    Wildstar Power Member

    Porque ainda se está na lógica de querer vender as lentes daqui a uns anos por praticamente o mesmo preço do que se comprou. Esta lógica, que se tem mantido nas últimas décadas, em meu ver, acabou. Daqui a 10 anos o mercado fotográfico será completamente diferente.
     
  2. Meje

    Meje Power Member

    Para já vou avançar para a única decisão que é certa, aqui vai este material todo para o mercado:
    [​IMG]

    Vai deixar saudades. Aprendi muito com este equipamento e a qualidade dos resultados é muito boa apesar da idade.
     
  3. TheMadyor

    TheMadyor Power Member

    Vai actualizando com as vendas e depois com as compras ;)
     
  4. Meje

    Meje Power Member

    Obrigado a todos pela ajuda.

    Vou meter no ebay e no Facebook nos grupos da minha zona. Aqui no fórum talvez meta à venda mais para o Natal quando for a Portugal, se entretanto não vender.

    Compras ando de olho em corpos novos e usados de GX9 e de Pen-F (esta só nos usados) e lentes usadas Olympus 12-40 2.8 Pro, Panasonic 12-35 2.8 e Panasonic 12-60 2.8-4.
    As GX9 andam a vender-se pouco acima dos 400 € no ebay, arranjam-se novas por 550 € em GM e por pouco mais na Amazon. As lentes só estou a ponderar mesmo usadas para já.

    Alguma sugestão de outras boas zoom standard?
     
  5. Mooch

    Mooch Power Member

    Basicamente são essas as opções... Eu tentaria fazer match de marcas... Se comprares a GX9 eu iria para a 12-35 2.8 II ou a Panasonic 12-60 2.8-4, porque com essas consegues usar quer o DFD quer o Dual IS, e a Olympus caso o corpo seja olympus.

    No caso da panasonic vais trocar o f constante pelo alcance extra. Eu tenho a versão pobre da 12-60 e gosto bastante da distância focal que tem.
     
  6. Zao

    Zao Power Member

    Olha que o corpo da xt-30 é marginalmente maior que o da pen-F ;)
    A questão das lentes é eterna, quanto melhor o vidro mais caro é. A nível de vídeo, utilizo gh5s tanto com lentes nativas como com metabones+sigma 18-35, e digo-te já. Não sei como é nessas câmaras mais pequenas porque nunca usei, mas o af da panasonic é um desastre. Fuji e sony por exemplo estão muito à frente. Pelo que percebi se calhar o teu uso será fotografia de rua, e é algo que deves ter preocupação :)

    Em relação às lentes, sinceramente não me agarrava a um sistema por 2 lentes dessa gama. ;)
     
  7. Mooch

    Mooch Power Member

    E por duas lentes que consegues transportar no bolso e não andar carregado?
    Pois pelo que me parece o tamanho e o peso são importantes, e ainda que os corpos possam ser semelhantes o tamanho e peso das lentes já não é.

    Só a titulo de curiosidade, diz-me uma lente da Fuji que tenha características similares da 45mm f1.8 (ou a panasonic 42.5mm f1.7), em termos de tamanho, peso e custo.

    Consegues compra-la nova, na amazon de espanha por €240...
     
    Última edição: 1 de Novembro de 2019
  8. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    Vou pôr as coisas na lógica oposta...

    e se arranjasses uma LX100 Mark II para andar contigo e mantivesses a Nikon (não necessariamente com todas as lentes) para quando quisesses a qualidade extra do sensor maior?
     
  9. Meje

    Meje Power Member

    O problema não são os corpos, são as lentes. Corpos até FF são pequenos hoje em dia. A Fuji 16-55 2.8 é maior que a Sigma 17-50 2.8 que usava quase sempre actualmente.

    Atenção que foco em video e em foto são, em muitas máquinas, coisas diferentes. Eu praticamente não filmo com a máquina fotográfica, ou uso telemóvel, ou gopro. Há vários modelos bons a focar em foto e depois são lentíssimos em video. Não te consigo especificar modelos agora, mas andei a ver vários comparativos no youtube e pelo menos a EM1 II quando saiu era bastante boa a focar em fotos e no video era muito lenta a adquirir foco (mais tarde um update de firmware resolveu isso). Tenho ideia que a GX9 também não é brilhante no video, mas bastante competente em foto (quase ao nível da XT30 (há um video no youtube a comparar estas duas máquinas.

    Eu estou mais inclinado para a GX9 porque:
    - É mais recente
    - Há várias à venda com muito pouco uso abaixo dos 500€, algumas até com garantia ainda (arranjo nova entre os 550 e os 580 tb)
    - Há de ter um processamento de imagem mais evoluído
    - Parece que o seu modo auto funciona muito bem, o que pode ser interessante para pessoas da família que não percebem nada de fotografia poderem usar
    - Tenho ideia pelo que vou lendo que a Panasonic tem tido sempre um pouco melhor desempenho no sistema de foco dentro de gamas equivalentes
    - A divisão de fotografia da Olympus parece-me meio estagnada, pelo que acredito que sejam menos propensas a updates de firmware
    - As Pen-F que estão à venda em geral já têm uns bons aninhos e mais rodagem

    Seguindo para a GX9 irei abandonar a ideia de 12-40 2.8 pro da Olympus, que se arranja muito pelos usados.

    Isso que falas esteve na equação quando comprei a Olympus, para fazer o mesmo que a Olympus faz hoje. Era o conceito que fazia sentido para mim na altura e que agora já não faz tanto. Ficaria mais ou menos na mesma se tomasse essa opção agora: muito equipamento a ficar obsoleto, quase sempre em casa por ser volumoso e ia andar sempre com a LX100, que é o que faço agora com a Olympus. O problema é mesmo não ter uma boa zoom standard e um corpo que me foque decentemente objectos em movimento. Eu dou por mim a passar mais tempo com a 45mm 1.8 na máquina do que com a 17mm 1.8 e isso é algo que perderia numa máquina como a LX100. A ideia de mais tarde poder ter lentes para outras coisas como tenho hoje na Nikon também me atrai, daí querer algo que permita trocar lentes

    Hoje despachei a 17-50 e confesso que me custa deixar a DSLR, mas é a decisão racional neste momento. Estando essa primeira lente despachada, já tenho teoricamente metade do orçamento para o corpo da GX9. Se tiverem alguma coisa a dizer contra a GX9, esta é a altura ideal para o dizerem :biglaugh:

    @MylleZ tu que deves ser o utilizador mais antigo aqui do fórum com a GX9, continuas satisfeito com ela? O sistema de foco falha-te muitas vezes?
     
  10. MylleZ

    MylleZ Power Member

    Sim, eu gosto muito da GX9.
    O foco não me falha muito e uso muito o eye focus.

    É uma máquina de uso casual, onde fotografo apenas JPEG.
    Dito isto, deve ser a maquina que melhores JPEGs entrega (das máquinas que já tive).
    Boas cores, bom detalhe, bom tratamento do ruído.
    O modo preto e branco é fenomenal também.

    Gosto muito da pequena GX9, especialmente com a Panasonic 20mm 1.7 II (pancake).
    Gosto de passar as fotos directamente da máquina para o telemóvel e fazer pequenas edições com o snapseed (pequenos retoques apenas).
    Fico com imagens bem superiores ao que faria com o telemóvel.

    Cumps
     
  11. m4ndr4ke

    m4ndr4ke Power Member

    O que eu estava a pensar era a Nikon como câmara secundária, só com uma ou duas lentes (tipo as primes), e depois a LX100 II como câmara principal, onde terias uma zoom standard rápida (f/1.7-2.8). Uma vez que a Nikon está em fase de desvalorização, acabarias por não ter muito dinheiro empatado ali. Foi nesse sentido.
    Mas sim, se o que mais tens usado é a 45mm f/1.8, esta ideia acaba por não te garantir a mesma qualidade.

    A ideia da zoom standard de elevada qualidade em MFT é boa, mas há que lembrar que nessa opção provavelmente perdes uma porção significativa dessa tão preciosa portabilidade.

    Talvez até não fosse má ideia começares por trocar apenas o corpo, para usares com as lentes que já tens. Ganharias o sistema de focagem mais recente, e a mecânica das primes não te seria estranha porque é o que estás habituado a fazer.
     
  12. Meje

    Meje Power Member

    Eu não adoro fotografar só com primes. Adoro claro a qualidade que elas oferecem, mas há muitas situações em que quero ter mais versatilidade e não consigo estar sistematicamente a trocar de lentes, acabando por perder o timing para muitas fotos. Não me quero desfazer delas porque de facto nas situações adequadas são lentes que permitem resultados muito bons. Eu faço cada vez mais foto casual e não tanto foto planeada.

    A Nikon hoje já funcionava como câmara secundária. Eu usava-a para as 5 ou 6 vezes ao ano em que queria tentar fotografar a via láctea ou a lua, ou em festas familiares por causa do flash externo e da zoom boa. A 35mm 1.8 praticamente já não era usada, mas pelos 120 € que ela vale no mercado, preferi mante-la. Achei muita piada usar os tubos de macro, a 70-300 e a raynox para fazer algum extreme macro, mas este era um conjunto que só podia usar em "laboratório" e nunca mais me dediquei a isso.

    Arranjando um flash e uma substituta para a 17-50 2.8, fico com grande parte das utilizações resolvida. Apesar do que o pessoal diz por aqui, pelo que ando a ver em reviews, o sistema de foco da GX9 só falha em Burst, algo que praticamente não uso ou em algumas situações com mesmo muito pouca luz. A minha EM10 II tem muitas dificuldades muitas vezes, mesmo com luz razoável.

    Abdico para já da astrofotografia. Acho que é uma cedência que posso fazer sem problemas. De resto, fotos nocturnas serão essencialmente longas exposições. Indoor usarei flash. Acho que a decisão da GX9+12-35 2.8 ou 12-60 2.8-4+flash me irá satisfazer para mais de 95% das fotos que faço hoje.

    Sobre ficar na mesma em termos de tamanho, esta é a volumetria da 17mm 1.8 (que é muito pequena), a Pana 12-35 2.8 e a Sigma 17-50 2.8 (usei dimensões de listas de especificações):
    [​IMG]

    Não é super pequena, mas a diferença é significativa.
     
  13. legion

    legion Power Member

    A GX9 + 12-35 é uma excelente opçao! A Pen-F também é genial, eu gosto muito e em algum momento comprei 2 (o objetivo era para oferecer, mas fiquei com ela, e agora quero vender esa máquina). A 12-35mm f2.8 II também quero vender porque tenho usado principalmente a Oly 25mm f1.2 e a Oly 8mm f1.8 na Pen-F.

    Acho que qualquer das opções que mencionas acima são boas.
     
    Última edição: 2 de Novembro de 2019
  14. Meje

    Meje Power Member

    Depois de ler sobre ela e ver vários videos de previews, fiquei muitíssimo inclinado para tentar arranjar uma E-M5 III a preço de saldo durante os próximos 6 meses. Tem exactamente tudo o que eu procuro, pelo que acho que valerá o extra. Acima de tudo tem um sistema de foco a sério (phase detection autofocus).

    Sobre flashes para MFT, o que dizem do Godox TT350o?
     
    Última edição pelo moderador: 10 de Fevereiro de 2020
  15. Zao

    Zao Power Member

    Tens a XF 50mm f/2 por exemplo. as lentes dependem sempre da exigência. Eu testei essa lente e não gostei. ;)

    Eu não filmo só, também fotografo ;)
    A panasonic em foto com focus single point ainda desenrasca com lentes nativas. Mas sinceramente deixa muito a desejar.
    De qualquer forma tens de encontrar uma solução que enquadre os teus requisitos de qualidade e preço. Em ultima análise as câmaras são apenas ferramentas, o que conta mais é quem as usa :)
    Só um reparo a todo o sistema m43, da minha experiência, e algo que por certo já deves ter lido, perde bastante em alto iso para aps-c e FF, não sei se é um factor que influencie mas está lá :)
     
  16. Zao

    Zao Power Member

    Não sei muito sobre esse modelo, mas a Godox tem uma imitação dos profoto que é um sonho. Deve custar perto do dobro desse que aresentas mas é um flash soberbo.
     
  17. Meje

    Meje Power Member

    Mas olha que pelo que tenho lido e visto em video reviews, em fotografia o desempenho do DPD está bastante bom, mas em video não.

    Se eu quiser uma máquina que de vez em quando seja de bolso, não tenho hipótese com APS-C. Estou satisfeito com o desempenho da D5200, por isso não tenho motivo para trocar, se não ganhar quase nada em tamanho. Não só não ganho quase nada em tamanho, como perco muito em custo (tudo extremamente mais caro). Não quero perder a possibilidade de ter lentes para diferentes propósitos, pelo que soluções como a LX100, não me agradam, apesar de ser uma excelente máquina para o tipo de utilização a que se destina. O que hoje mais me incomoda em MFT é o quanto o AF falha, algo que em principio estará praticamente resolvido na E-M5 III (venham as reviews a sério). A única coisa que de facto não me agrada é perder desempenho com pouca luz, mas de todo o tipo de fotografia que faço esse acaba por ser o factor que menos pesa e teria de ceder em alguma coisa. Em termos de custo, o MFT é o mercado mais barato das mirroless e já há muito material usado para venda (ainda que muitas vezes a preços muito próximos de Gray Market).

    Até ao fim do ano devo comprar um flash (possivelmente o Godox TT350o - já tenho 2 usados em vista) e uma Olympus 12-40 2.8 Pro, possivelmente nova em Gray Market, já que as usadas andas apenas a menos uns 50 € no máximo e normalmente com algumas marcas de uso. Resolvo todos os meus problemas, excepto o sistema de foco e posso despachar o material Nikon sem ficar pendurado em 95% da minha utilização actual. Depois vou acompanhando as análises e os preços da E-M5 III e deitando um olhinho aos negócios que vão aparecendo com a E-M1 II. Tenho dúvidas que o DPD da Panasonic supere o FDAF da Olympus e como já tenho duas lentes Olympus, vou direccionar a minha aposta para a Olympus.

    Se por acaso a Panasonic entretanto fizer alguma jogada, não perderei muito dinheiro a vender a 12-40 Pro.
     
  18. MCSMK

    MCSMK Power Member

    Estás a falar do Godox V1?
     
  19. Shadow_

    Shadow_ Power Member

    Eu tenho esse godox para Sony e cumpre muito bem para o preço. Excelente autonomia.
    Grande crítica mas que pelo preço seria impossível melhorar é o refresh.
    Tenho o meu há 2 anos e zero problemas.
     
  20. Natto

    Natto Power Member

    Se queres APS-C de bolso tens a Ricoh III e a Fuji X100F.