1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. Consulta o Portal de Jogos da ZWAME. Notícias, Artwork, Vídeos, Análises e muito mais.

    Remover anúncio

Vivendi Games and Activision Merge to Create Activision Blizzard

Discussão em 'Jogos - Discussão Geral' iniciada por Rumenapp, 2 de Dezembro de 2007. (Respostas: 20; Visualizações: 1330)

  1. Pure Anarchy

    Pure Anarchy Moderador
    Staff Member

    A EA até deve ter sentido um aperto no estômago :P
     
  2. .:SP:.

    .:SP:. What is folding?


    Podes crer...

    8|

    CumpS
     
  3. theforbidden1

    theforbidden1 Banido


    Mas porque? Ser o maior não quer dizer nada, os lucros da EA não irão baixar por causa disso
     
  4. Pure Anarchy

    Pure Anarchy Moderador
    Staff Member

    É mais porque a EA está a tentar criar um monopólio, adquirindo várias empresas e aumentando o seu poder como produtora/editora. Agora tem uma rival à altura, com uma quantidade enorme de franchises de sucesso. E podemos até dizer que os lucros da EA são afectados, dado que ambas competem nos mesmos mercados.
     
  5. Mr.Clean

    Mr.Clean Power Member

    Pode ser que com esta junção, o mundo dos videojogos vá mudar porque assim há mais concorrência logo as empresas têm de se esforçar para conseguir um titulo superior aos outros.

    Mas também não existem só estas duas empresas há muito mais... Lembrem-se disso.
     
  6. PandMonium

    PandMonium Power Member

    Também não ficam maiores que a EA mesmo assim :p
     
  7. Pure Anarchy

    Pure Anarchy Moderador
    Staff Member

    É claro que existem muitas mais, a discussão entre EA e recém-fundada Activision Blizzard, que são as empresas que dominam a maior parte do mercado, a nível de receitas.
     
  8. Mr.Clean

    Mr.Clean Power Member

    Tens razão mas já vi aqui muita boa gente que fala como se só existisse EA.:lol::004:
     
  9. Anoni Mus

    Anoni Mus I'm cool cuz I Fold

    Sinceramente a EA tem mais jogos maus que bons.
    Espero que nós os consumidores fiquemos a ganhar com esta Activion Blizzard.
     
  10. Tarujo

    Tarujo Power Member

    World of Duty ou Call of Warcraft :002:
     
  11. raVemjr

    raVemjr I'm cool cuz I Fold

    OMG...estamos perdidos, as boas emrpesas vão todas paar merge...
     
  12. Masakari

    Masakari Power Member

    Ao menos esta merger não é má, detestei a EA ter comprado a Bioware.
     
  13. Porto

    Porto Power Member

    isto só é bom para nós..

    e para quem está preocupado que o monopolio fique so com essas duas empresas(esta nova e a EA), que descanse.. por um lado até é bom, ha editoras com bastante dinheiro para pagar grandes jogos a exelentes equipas de programação que não lançavam mais jogos por falta de investidores..

    em consequencia, a guerra das editoras tmabém fará(espero eu) aumentar a qualidade.

    Claro que terá contras.. que a meu ver será:

    *os jogos bons cada vez vão ficar melhores e os piores cada vez piores.. vai deixar de haver titulos que embora se goste, não são fenomenais..

    *se a formula de um videojogo vingar, vamos levar com mais do mesmo durante uns tempos

    *os exclusivos de cada sistema serão cada vez mais escaçõs

    mas se tudo correr bem, os prós serão melhores e pode ser que comecem a preocupar-se com a optimização para abrandar um bocado o ritmo da tecnologia.. já que andam tão preocupados com o ambiente, poluição, consumo de energia, etc.. então porque não explorar melhor e ao máximo o que temos agora?

    o pior é se sai tudo ao contrario.. lolol o que não me surpreendia.. infelizmente já nao se tem amor a camisola e só se ve cifrões a frente.. foi o que deu em pessoas egoistas deixarem cair o mercado em empresas que so querem fazer dinheiro..


    era bom voltar ao tempo que as empresas mais faladas faziam as coisas por amor a camisola(juntavam o util ao agradavel..).. a qualidade era outra.. podia não ter a tecnologia de agora mas era tudo mais viciante. Sega, nintendo, neogeo, namco, konami, taito, snk, capcom, id, etc

    ermmm, mas pera lá.. essas ainda existem e estão independentes :p
     
  14. theforbidden1

    theforbidden1 Banido

    Ve-se logo que de monopólios nada percebes. A única parte no negocio dos jogos em que a dimensão tem alguma influencia é na distribuição (e nos favorecimentos das analises dos jogos) de resto não por uma empresa ser grande ou não que os jogos são melhores.
    Eu compro 1 jogo por sem bom não por ser EA, ou Activision.


    É só ver que a maior editora do mundo e mais lucrativa é a Nintendo e mesmo assim vende os jogos a 45, 50 euros...
     
    Última edição: 3 de Dezembro de 2007
  15. Byte_Me

    Byte_Me Power Member

    Se houver um "merge" das elites de cada empresa... apenas vai ajudar na qualidade dos jogos.
    Agora em termos de distribuição...não faço ideia nem me interessa. Empresas de videojogos só fazem monopólios se os gamers forem suficientemente estupidos para o permitirem.
     
  16. theforbidden1

    theforbidden1 Banido


    Sim realmente fazer "merge" de elites deve ser uma das coisas mais fáceis do mundo, isto considerando que as pessoas aceitam de livre vontade ir trabalhar para 50km de onde vivem ou mesmo trocar de continente.
    É isso e depois esperar que eles coabita-sem pacificamente uns com os outros...
     
  17. Pure Anarchy

    Pure Anarchy Moderador
    Staff Member

    E tu és o entendido na matéria, não haja dúvida. Nem sequer mencionei a qualidade dos jogos, e tu vens dizer que não percebo de monopólios porque a única influência dos mesmos é na distribuição?

    Quanto a comprares um jogo por ser bom, que é que isso me interessa? A maioria das pessoas compram os jogos pela sua qualidade ou pelo interesse que têm nos mesmos, mas isso não quer dizer que comprem tudo o que querem. Porque é que há competição entre títulos como o PES e FIFA? NBA 2K e NBA Live? WOW e GW? Entre outros, para além da enorme competição no mercado dos FPS.

    Mas enfim, nem era essa a questão que estava a abordar, mas sim o facto de muitas das grandes empresas optarem pela compra de estúdios de menores dimensões ou nas fusões, como foi o caso desta ou da Square com a Enix há uns tempos atrás. Agora admitir que uma empresa não tem qualquer influência nos lucros da outra quando estão a competir pelo mesmo mercado, é no mínimo ingénuo.

    Quanto à Nintendo, não é a maior editora do mundo nem a que tem mais lucros. Se leres este artigo http://www.msnbc.msn.com/id/21380484/, ficas a saber porque ficou em primeiro lugar em 2007.
     
  18. Rebel_Xz

    Rebel_Xz Power Member

    Assim há mais concorrência ou há menos concorrência? Afinal o que eram duas empresas agora será uma empresa.. Parece-me que só há mais concorrência no âmbito de concorrência a nível da EA.

    "A gigante dos media Vivendi vai contribuir para o negócio com 1,7 mil milhões de dólares em dinheiro mais a sua divisão de videojogos - avaliada em 8,1 mil milhões de dólares -, a Vivendi Games. A Vivendi passará a deter uma participação de 52% na nova empresa, que se irá chamar Activision Blizzard.
    A Activision Blizzard, que valerá cerca de 18,9 mil milhões de dólares, posiciona-se assim à frente da gigante Electronics Arts (EA), cuja capitalização de mercado é de 17,7 mil milhões de dólares."
     
  19. Korben_Dallas

    Korben_Dallas Zwame Advisor

    A indústria dos jogos vai acabar por ficar como a do cinema... o orçamento necessário para fazer um jogo assim o obriga.

    Vamos ter 4 ou 5 gigantes e uns estúdios que conseguem ficar independentes. Não sei.

    De momento temos a EA, Vivendi, Ubisoft e depois os gigantes japoneses e os 1st party.
     

Partilhar esta Página