1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Drive Western Digital WD20EADS

Discussão em 'Novidades Hardware PC' iniciada por Nemesis11, 15 de Dezembro de 2008. (Respostas: 43; Visualizações: 8083)

  1. Nemesis11

    Nemesis11 Power Member

    http://www.fudzilla.com/index.php?option=com_content&task=view&id=10940&Itemid=1
    http://www.czechcomputer.cz/disc_doc-PFBCDFBA96DA2DAB1C125750D00767EB6.html?ansid=50

    4 pratos X 500 GB?

    Com o aumentar do tamanho dos discos, começa a não ter piada perder tanto espaço com o 1KB = 1000 bytes.
    Mesmo assim, não deixa de ser o primeiro disco de 1,85 TB.
     
  2. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    Sim, isso de 1 KB = 1000 bytes já enjoa...

    Mais do que ser 2 tb, é saber que pratos que isso usa! Se forem pratos de 500 gb, UIII que um single plate disso deve ser uma BOMBA!

    mas penso que seja possível espremer 5 pratos, o que daria pratos de 400 gb, um pouco mais que os 375 do seagate de 1,5 TB.

    Mas atenção que este disco é da gama GREEN POWER, pelo o que não esperem uma performance "brutal", mas sim, esperem um disco muito silencioso, fresco e económico, que é o que se quer em discos de armazenamento.

    Claro que um disco de 500 GB SP na gama "black" é bem vindo :D
     
    Última edição: 16 de Dezembro de 2008
  3. Scofun

    Scofun Banido

    Ui, isto meter medo, mas muito medo, é preferivel ter 4 de 500Gb ou 2 de 1TB, Deve ser bonito perder 2TB de informação de uma só vez... :005:
     
  4. notepad

    notepad Banido

    treta, se voltares a 1996 e falares ao pessoal em discos de 120Gb dizem-te o mesmo!

    O tamanho dos discos aumenta, a velocidade da comunicações aumenta, o qualidade dos filmes musicas, ficheiros, programas etc tb aumenta. É a evolução.
     
  5. __Miguel_

    __Miguel_ Power Member

    Atendendo a que a WD acabou de anunciar o WD10EADS, uma segunda versão do WD10EACS (acompanhando a Samsung nos 333GB dos F1 e a Hitachi nos 375~400GB no de 1.5TB), não me parece que a WD esteja em condições de avançar já para os 500GB/prato. É um salto demasiado grande, sobretudo tendo em conta que o WD10EAxS é de 3 pratos (ou seja, aproximadamente 333 a 350GB/prato).

    Acredito, sim, e até estranho como é que ainda não apareceu, uma versão de 4 ou 5 pratos dos WD10EAxS (e respectivos irmãos de 7200rpm), pelo menos para que a Hitachi não pudesse ficar a rir-se com o único disco de 1.5TB do mercado.

    Claro que este anúncio do WD20EADS cala logo muita gente, em especial por causa da densidade mínima que os discos têm de ter. Como não dá para "espremer" mais do que 5 pratos num disco de 3,5'', pelo menos 400GB por prato é o mínimo dos mínimos para um disco de 2TB, sendo certo que tem de ser um bocado mais por causa dos sectores extra que todos os discos têm para realocar sectores danificados. Fixe!

    Agora, a pergunta pertinente: quando, e quanto? :P 1.5TB custa os olhos da cara, hoje em dia, mas não é uma diferença tão absurda como foi com os discos de 500GB, por exemplo. Aliás, com 1TB a começar a descer abaixo dos €100 (finalmente!), é mais do que hora de aparecerem monstros colossais, a ver se é desta que faço um media server catita, com muito espaço e sem ficar completamente liso.

    Cumps.

    Miguel


    EDIT: Btw, já deram conta que este é provavelmente um dos últimos discos a não precisar de partições GPT em modo "single disk"? Weird...
     
    Última edição: 17 de Dezembro de 2008
  6. JPgod

    JPgod Moderador
    Staff Member

    A seagate também tem discos de 1,5 TB, com 375 GB por prato...
     
  7. DarkWolfXP

    DarkWolfXP Power Member

    Ao que parece já se sabe mais ou menos o preço ao qual este disco será vendido, á volta de 160-180€.
    Fonte (Em inglês): Tom's Hardware
    Fonte (Traduzida):InfoWTek
     
  8. m0rbidini

    m0rbidini Power Member

    Já está à venda em várias lojas do UK com preços ligeiramente acima das 200 libras. Na overclockers.co.uk apenas está em pre-order, por 207 libras:

    http://www.overclockers.co.uk/showproduct.php?prodid=HD-263-WD&groupid=701&catid=14&subcat=1279

    No entanto, penso que irá descer rapidamente para os valores que têm sido indicados, pois o valor normal para o disco de maior capacidade nas gamas "residenciais" costuma descer abaixo de 200 euros pouco tempo após serem lançados.

    inteh
     
  9. DarkWolfXP

    DarkWolfXP Power Member

    Hm, eu acho que irá descer o preço porque neste momento compensa mais comprar dois discos de 1TB do que comprar o disco de 2TB
     
  10. __Miguel_

    __Miguel_ Power Member

    Costuma ser sempre assim quando um disco completamente novo é lançado.

    Já aconteceu o mesmo antes várias vezes, a mais recente talvez quando a Seagate lançou a nova zona de tamanho, 1.5TB, que eram mais caros do que dois de 750GB (e pouco mais baratos do que dois de 1TB...).

    Como já vi noutro sítio, é dar-lhes uns três meses, que eles ficam aos preços "normais" por GB. A novidade também se paga...

    Cumps.

    Miguel
     
  11. ketamine

    ketamine Power Member

    Muito boa noticia! melhor que o usb 3 e tudo :-D

    Vou ser dos primeiros a comprar! ai isso é certinho! Quero é ter a certeza que não têm problemas como os de 1.5TB

    E em relação ao medo de crashar... compra-se sempre dois do mesmo, e é só fazer uma imagem 100% :)

    Sai mais caro mas dorme-se descançado!
     
  12. anjo2

    anjo2 Power Member

    Eles usam a unidade SI, logo está correcto...
     
  13. M4N!4K

    M4N!4K Power Member

    epa, cada vez mais se justificam estes discos... Só em jogos hoje em dia, facilmente se atingem cerca de 100 gb só em meia dúzia de jogos instalados (estou obviamente a exagerar, mas entende-se o que quero dizer). Depois em programas instalados e afins, lá se mamam mais uns gigas... E eu pelo menos, em trabalhos, com modelação 3d, tratamentos de imagem e o camandro, não seria a primeira vez que um pequeno trabalho estaria numa pasta e a ocupar 2gbs... um pequeno trabalho.. Facilmente em uns quantos trabalhos se iam à vida mais umas dezenas largas de gigas. Sobra depois espaço para backup... Eu só com instalação de jogos, progama, e trabalhos.. mais o backup de trabalhos antigos, facilmente ocuparia quase 500gb.. Isto sem falar de outros backups não é verdade...

    Eu no desktop tenho um disco de 200gb que não me chega, de todo, vale-me os 320gb do portátil mais os 640gb do disco externo (fora a quantidade de cd's e dvds que tenho para ali à espera de serem descarregados no disco externo)...

    Mas eu também não sei até que ponto iria preferir 1 disco de 1tb ou 2 de 500gb... MAS!! isto por hoje, daqui a uns aninhos de certeza que o caso muda de figura. =)
     
  14. NINJA1200

    NINJA1200 [email protected] Member

    Em 1996 estávamos muito longe de ter discos de 120GB...
    Só lá para 2001 é que começaram a aparecer.

    O que estás a fazer, mas com muito mais trabalho, é um simples RAID1 (mirror). Dar-te-ia menos trabalho e chatices se usas este sistema logo de início, em vez de estares a fazer imagens do disco.
     
    Última edição pelo moderador: 26 de Janeiro de 2009
  15. m0rbidini

    m0rbidini Power Member

    RAID é diferente de backups. Os últimos protegem de problemas relacionados com software, controladoras e erro humano.

    inteh
     
  16. __Miguel_

    __Miguel_ Power Member

    Não obstante me parecer que o user que citaste se estivesse a referir a RAID1, embora de outra forma, convém que se diga que RAID1 e backup da imagem não são a mesma coisa, nem têm a mesma finalidade.

    RAID1 é para redundância de dados, não é para salvaguarda de informação importante, embora de facto também se atinja esse objectivo parcialmente.

    Se um disco em RAID1 vai à vida por "morte natural", então o mirror está a servir de backup, embora secundariamente, já que a função principal é manter o sistema em funcionamento mesmo com o disco desactivado. Mas se um ficheiro (ou todas as partições do disco, vai dar ao mesmo) desaparecem num deles, automaticamente desaparecem nos dois, e os dados "puff". Nestas situações continua a ser necessário uma qualquer forma de backup.

    Entretanto, e para aqueles que não quiserem ter muito trabalho e aguentarem ter o software do controlador RAID sempre a chatear o juízo por faltar um disco ao volume, RAID1 pode ser usado como forma de backup "ligue e esqueça": configura-se o volume, ligam-se os dois discos, instala-se o que se quer e copia-se o que se quer fazer backup, deixa-se tudo direitinho, e depois desliga-se o disco secundário do volume. O volume vai ficar a trabalhar em modo degradado (o que é basicamente igual a normal num volume RAID1, excepto nos controladores que conseguem fazer load-balancing das leituras), e queixa-se, mas está tudo ok. Depois, quando se quiser actualizar o backup, volta-se a meter o disco secundário, e regenera-se o volume. Simples, mas é daquelas coisas, é um bocado ranhoso usar a tecnologia RAID dessa forma...

    Cumps.

    Miguel
     
  17. V3ctor

    V3ctor Moderador
    Staff Member

    Online Store Begins to Sell 2TB Hard Disk Drive from Western Digital.

    Link: XBitLabs
     
  18. V'ger

    V'ger Power Member

    já há novidades de quando é colocado á venda em pt?
     
  19. Pretender

    Pretender Power Member

    Parece que nunca mais aparecem cá...
    Mau mau.... :D
     
  20. V'ger

    V'ger Power Member

    ao menos que quando chegue, que chegue a preços praticáveis...
     

Partilhar esta Página