1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

"Baterias dos novos computadores não viciam"

Discussão em 'Dúvidas e Suporte Técnico PC' iniciada por AbuTrE, 4 de Fevereiro de 2009. (Respostas: 11; Visualizações: 2108)

  1. AbuTrE

    AbuTrE Power Member

    No outro dia fui a uma loja de informática resolver um pequeno problema no Eee 901. A determinada altura ele ficou sem bateria e eu retirei-a e dei a ficha ao técnico. Ele perguntou:

    Técnico: "Para que é preciso tirar a bateria? Pode deixá-la"
    Eu "Mas... era para não viciar a bateria...sabe... carregar pouco, trabalhar, deixar descarregar, etc..."
    Técnico: "Nah, hoje em dia pode ligar e desligar da corrente quando lhe apetecer que as baterias dos novos computadores não viciam"

    Eu fiquei... o_O é verdade?!
     
  2. Mimezz

    Mimezz Power Member

    sim é de facto verdade...também já me tinham dito isso.
    sinceramente acredito...a tecnologia evolui tanto, qual é o problema de existir baterias que não viciam? Se me dissesses que existia uma que carregavas e nunca mais se gastava é que eu ficava espantado!
    :x2:
     
  3. Aí está uma questão que também adorava saber!! tb tenho um eee, 1000h e ainda nao sei o que é melhor, se fazer cargas e discargas completas ou usar a corrente tirando a bateria sempre q possivel! mas se either way a bateria nao viciar, é optimo!! :D
     
  4. WindWalker

    WindWalker Power Member

    Quando a bateria está descarregada, ao ligares a ficha o fluxo de energia vai para a bateria e para 'o portátil' (entenda-se CPU, mboard, RAM, etc). Quando o circuito detectar que a bateria já está totalmente carregada (não é bem isso, mas é parecido), a bateria pára de ser carregada.

    O único problema da bateria no portátil seria se o portátil sobreaquecesse e a bateria estivesse perto dos pontos quentes.

    Na secção de Análises tens um tópico sobre manutenção de baterias de portáteis.
     
  5. Sata

    Sata Power Member

    Ainda não ouvi falar de baterias de lítio que não viciam, viciam menos é certo, mas viciam na mesma.
    Demoram mais "meias-cargas" que as antigas até se notar uma diminuição da sua capacidade, mas nota-se :P
    Se um portátil, com a bateria a meia carga, quando ligado a corrente descarrega primeiro a bateria e depois a carrega, aí sim já não existe esse problema.

    Existem portáteis assim?
     
  6. ThatsMe

    ThatsMe [email protected] Member

    Não creio. O grande problema é mesmo a bateria aquecer, assim perde carga. E chega a um certo ponto que volta a carregar. Mas acredito que hoje em dia isso esteja praticamente ultrapassado.

    Nunca tiro a bateria do meu Asus.
     
  7. WindWalker

    WindWalker Power Member

    As baterias de lítio (Li-Ion) não têm efeito de memória.
    As baterias de níquel-hidreto metálico (Ni-MH) não têm efeito de memória.
    As baterias de níquel-cádmio têm efeito de memória, mas praticamente já não se usam/vendem.

    As baterias de lítio (Li-Ion) perdem capacidade (medida em mAh) com o uso/tempo, como todas as outras.

    O circuito de carga das bateriais de lítio fica descalibrado ao fim de vários ciclos de carga ('pensa' que carregou a bateria a 100% quando na verdade só carrega até 94%, por exemplo), pelo que por cada 30~40 ciclos de carga/descarga deve fazer-se uma descarga completa, repouso de algumas horas seguido de carga completa.

    As baterias de lítio não devem usadas até descarregarem totalmente (devem ter sempre pelo menos ~10% da carga total), pois as descargas totais não fazem bem à 'saúde' desde tipo de baterias.

    Tendo em conta o que escrevi, não faz sentido para baterias de lítio.
     
  8. Mach4_PT

    Mach4_PT Power Member

    Pelo que tive a ler por ai na net, hoje em dia o que "vicia" as baterias dos portáteis não é o estarem ligadas à corrente mais sim a temperatura que elas suportam quando estão ligados ao computador.
     
  9. | Blasted |

    | Blasted | [email protected] Member

    O problema pelo que percebo e como já disseram é mesmo a temperatura a que a bateria está sujeita e não o facto de estar ligada à corrente.
    Isto porque existe um sistema que quando detecta que a bateria está completamente carregada, deixa de passar energia para a bateria, passando directamente para o portátil.
     
  10. freakdahouse

    freakdahouse Power Member

    Tenho aqui 2 LG's e ambos as baterias deram o pifo com o tempo, um já só durava 1 hora e o outro já não detectava a bateria. Ambos utilizados por pessoas diferentes e nem 2 anos tinham, sempre com a bateria colocada, chamem-lhe viciadas, desgaste, o que quiserem.
     
  11. FastBoy

    FastBoy Power Member

    O controlador da bateria não vicia, mas as varias células vão perdendo capacidade.

    Cada ciclo de carga estraga um pouco a bateria. Mas foram tomadas medidas que tomam isso em conta.

    Em primeiro lugar, é preciso ter consciência que a bateria descarrega muito lentamente mesmo sem estar ligada a nada ou sem estar a ser usada.
    Logo, como cada ciclo de carga reduz o tempo de vida da bateria, não faria sentido ela começar a carregar quando o nivel de carga está nos 99,9%. Foi por esse facto que o técnico te disse o que disse. Uma bateria num Pc portátil só começa a carregar ai pelos 97% ou menos (telemóveis tb).
    Agora vejam este caso.
    Uma pessoa sai de casa, desligar o pc da corrente, meter tudo na pasta, vai em 1h para o escritório e ao chegar liga o pc a corrente. Se a bateria começasse a carregar com um nível de carga alto (perto dos 100%), lá se ia um ciclo de carga a vida.

    Existem outros métodos para poupar a bateria durante a carga, a mais importante é a variação da potencia de carga, durante o inicio da carga a diferença entre a potencia da bateria e a potencia de carga é maior que no fim, como resultado o desgaste no inicio da carga é muito superior ao final. Existem alguns PCs que permitem uma carga dinâmica (infelizmente... poucos), baixando a potencia inicial de carga para poupar a bateria.
    Quanto menos tempo uma bateria demora a carregar, mais ela sofre.

    Moral da história: Ele até falou verdade, deixar a bateria no portátil durante uns 5 dias não faz mal nenhum... mas o tempo de vida das células vai diminuindo com as cargas e...


    ...Os ciclos de descarga por sua vez também estragam a bateria. Aqui o evidente é que se deve utilizar a bateria o mínimo possível (acho que esta medida é extremamente intuitiva :P).
    No entanto há outros cuidados a ter. Do mesmo modo que a carga mais violenta afecta mais a bateria que a carga mais suave, também a descarga mais rápida afecta mais que a descarga menos rápida. Logo, idealmente não se deve deixar componentes desnecessariamente ligados (nem periféricos), usar um programa tipo nhc para poupar bateria e usar o ecran na luminosidade mínima que se mostre confortável.

    O armazenamento da bateria deve ainda ser feito quando esta apresenta o mínimo de descarga, o que ocorre a cerca de 30% ou 40% da carga.

    Por ultimo, podem ver o wear level da vossa bateria por exemplo com o nhc.

    A bateria do meu COMPAL GL30 está em 16% e dura umas 2h/1h45min
    No meu LG LM50 só se começou a notar perda de autonomia a partir 30%


    Pessoalmente prefiro não tirar a bateria do portátil, se ela carregar 5min por semana não é grave, dezenas de cargas destas representam um gasto menor que uma carga completa.


    cump.
     
    Última edição: 6 de Fevereiro de 2009

Partilhar esta Página