1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.
  2. A secção Microsoft/Windows encontra-se actualmente em processo de reestruturação.
    Remover anúncio

Intel distribui kit para facilitar instalação do Linux a fabricantes asiáticos

Discussão em 'Windows Desktop e Surface' iniciada por RavenMaster, 25 de Novembro de 2004. (Respostas: 0; Visualizações: 561)

  1. RavenMaster

    RavenMaster Power Member

    "A Intel vai avançar com um conjunto de medidas que pretendem facilitar a vida aos fabricantes e vendedores de PCs desktop equipados com Linux no mercado asiático.

    Esta iniciativa, que repete uma receita já usada com sucesso para o Windows, significa que a fabricante de chips norte americana passará a disponibilizar aos fabricantes de marca branca, juntamente com os seus componentes, uma espécie de kit que inclui software e instruções para uma fácil instalação do sistema operativo open source.

    Este material permite simplificar a instalação de determinadas componentes de hardware, scripts para uma mais fácil instalação de software certificado para funcionar com as versões Linux autorizadas e o programa Application Version Compliance Tool, que verifica a compatibilidade dos programas instalados com a versão Linux usada e com os componentes Intel.

    Este esforço adicional de promoção do Linux decorre de um apelo dos vendedores locais que junto do mercado de servidores têm maior margem de manobra, uma vez que o Unix e Linux competem de igual para igual com a Microsoft, enquanto no mercado desktop a Microsoft mantém alguns pontos de avanço, sobretudo depois de avançar com pacotes de produtos mais baratos para alguns dos principais mercados emergentes.

    No âmbito desta estratégia de expansão do Linux, a Intel anunciou ainda que vai abrir quatro centros de desenvolvimento Linux que pretendem ajudar as empresas de software a desenhar novas aplicações para computadores de base Linux. Três dos centros em questão irão localizar-se em países asiáticos como a China e a Ásia, já o quarto ficará sedeado no Brasil.

    Este novo kit é compatível com três versões Linux: Red Hat, Novell e Red Flag, detalha a empresa em declarações citadas pela C|Net."

    link
     

Partilhar esta Página