1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

Sugestões para serviço da vodafone

Discussão em 'Telemóveis' iniciada por Droull, 22 de Fevereiro de 2007. (Respostas: 27; Visualizações: 2445)

  1. Boas,
    Sou aluno de Economia da UNL e estou a realizar um projecto de marketing para um novo produto/serviço para a Vodafone...
    Ainda não tenho nenhuma ideia concreta para o serviço sobre o qual irei elaborar o projecto e pensei que seria uma boa ideia "ouvir" as opiniões de mais pessoas que trabalhem com telemóveis (sobretudo se essas pessoas trabalharem MUITO com telemóveis como me parece ser o caso da maioria dos utilizadores do site)...
    Portanto, se alguém tiver ideias para um serviço que gostasse que a Vodafone disponibilizasse ou do qual já tenha sentido necessidade peço que apresente a sua sugestão sff...

    Obrigado

    P.S.: aceitam-se também sugestões sobre alterações em serviços já existentes:)
     
  2. nunyx

    nunyx Moderator
    Staff Member

    Peço desculpa se não ajudar muito, mas parece-me que a Vodafone deveria pensar primeiro em melhorar os serviços já existentes antes de pensar em disponibilizar um novo. Temos como exemplo o facto de toques reais não funcionarem em determinados modelos onde era suposto funcionarem, isto por causa dos direitos de autor, etc, etc.

    Após melhorarem os serviços, aí sim, poderiam fornecer algo tipo permitir fazer backup da lista de números no site. Desta forma, não só era bom caso se perdesse os números por qualquer razão, como permitiria acedê-los e mandar SMS a partir da página mais facilmente.

    Mas de certeza que hão de haver melhores ideias que esta. ;)

    Cumps.
     
  3. LeeMan

    LeeMan Power Member

    Serviço 3g com download de 5GB em cartões de telefone normal. Isto para não ter que comprar 2 cartões 1 para dados outro para voz...




    :arrow: existe um caso prático sobre companhias de telefone e serviços no livro: "Strategic Marketing Problems: cases and Commentes" de Roger A Kerin (Prentice Hall)

    Curiosamente fala de serviços telefónicos que existiam há 15 anos nos EUA e ainda não chegaram a Pt...:wow:
     
  4. nunyx

    nunyx Moderator
    Staff Member

    Já existem cartões SIM com bastante espaço de memória (penso que de 1GB, pelo menos), mas sim, era muito bom as nossas operadoras começarem a disponibilizá-los. :D
     
  5. nunyx, quanto à tua opinião de que a Vodafone deveria primeiro melhorar os serviços existentes eu no meu post inicial referi que qualquer sugestão de melhoria num serviço já existente seria bem vinda...
    Quanto às sugestões apresentadas para a disponibilização de melhores cartões por parte da operadora aquando da venda dos telemóveis, embora concorde com isso, não é o que procuro. O projecto que pretendo apresentar à Vodafone é sobre um novo produto/serviço que a operadora possa comercializar e assim conseguir lucros com este...portanto penso que ideias que aumentem os custos dos produtos que esta já vendem não serão muito bem recebidas...:P

    Agradeço as sugestões apresentadas bem como a referência bibliográfica (que vou tentar consultar o mais rápido possível)...
    Qualquer outra sugestão ou ideia postem sff...

    Obrigado
     
  6. turbilha0

    turbilha0 Banido

    tirando a ideia de poderem melhorar o que a Vodafone já tem, tenho 2 ideias...
    — Serviço de pagamentos por sms (máquinas de venda de comida, jornais, etc...)
    — Revitalizar o serviço de fax via sms (por norma, enviando uma sms com *#FAX# eram enviados faxes para telefones - os concorrentes têm esse serviço - , mas a vodafone desactivou estes comandos, obrigando a usar o Vodafone Mail Plus...)
     
  7. turbilha0...se pudesses explicar um bocado melhor a primeira ideia agradecia...como é que sugeres que um serviço desse género funcione?
     
  8. turbilha0

    turbilha0 Banido

    Por exemplo:
    uma pessoa (como eu ;) ) é viciada em cafés e tem, no mínimo de beber 3 capuccinos por dia, e a única forma de os consumir enquanto trabalha é através da máquina de Vending. Já agora, uns bolinhos da máquina ao lado tambem caem bem... vai-se ver aos bolsos e... NÃÃÃÃOOOO...... não há trocos. mas nada está perdido!
    A primeira hipótese é olhar para o autocolante que está na máquina e ver a referência desta (yyyyyyyyyy). Depois, basta enviar uma SMS para o número xxxx com "MAQ(espaço)yyyyyyyyyy" e esperar que no visor da máquina apareça "Crédito para bebida do nº 91zzzzzzz". Se os preços forem diferentes entre si, escrever "MAQ(espaço)yyyyyyyyyy(espaço)aaa.bb", onde 'a' é o valor em euros e 'b' Aí. é só escolher a bebida e esperar que esta seja preparada. Pode acontecer com qualquer máquina de Vending ou até com os malditos parquimetros e parques de estacionamento pagos (creio que está em desenvolvimento um método de pagamento de parquimetros via sms), servindo assim o saldo do telemóvel como plataforma de pagamentos (sem recurso a "Wallets" que usam a conta bancária).
    A segunda é igual, mas em vez de SMS poder-se-iam usar os comandos USSD (exemplo de comandos: *#100# para saldo, *#101# para data limite, etc...). podia ser *#1234*yyyyyyyy*aaa*bb#.

    Esta sugestão poderia ser boa em termos de marketing (o seu Vodafone faz TUDO! Make the most of now!), técnicos (implementação desafiante e Portugal desenvolveria uma norma que poderia ser usada por todo o mundo) e economicas (Novos modelos de negócio com terceiros - operadores de vending, usurários dos parques de estacionamento, etc...)

    Acham que é boa sugestão?
     
  9. flaviorodrigues

    flaviorodrigues Power Member

    ganda sugestao
    nao sei e se e facil se ser posta em pratica
     
  10. Gepeto

    Gepeto Power Member

    eu sei o q a Vodafone podia-se fazer:

    nos menus dos tlm`s a Vodafone podia fazer um menu de navegação para pessoas com algumas dificuldades visuais (genero aumentar o tamanho das letras das SMS entre outras).
    Digo isto pq recentemente na rua, um desconhecido pediu-me para ver quem é q telefonou. o tlm era um sharp gx29, o visor é grandito, mas os caracteres são minorcas.

    por isso acho q uma opção no Menu dos tlm`s para pessoas com dificuldades visuais era bem vinda...
     
  11. turbilhaO:
    a ideia é óptima (principalmente pela parte dos parquímetros penso eu)...agora só preciso de descobrir se os parquímetros e essas máquinas se encontram ligadas ou algum sistema central ou têm alguma forma de receber informação exterior (coisa que não me parece muito provável) para que possam receber informação exterior...se alguém souber isto diga-me sff (que usarei certamente esta ideia se for possível)

    Gepeto, boa sugestão também!

    Obrigado pelas ideias e continuem a sugerir para que se possa ter mais possibilidades de escolha (já agora se quiserem comentem as ideias dos outros)

    Muito muito obrigado!
     
  12. turbilha0

    turbilha0 Banido

    Técnicamente é possível implementar soluções wireless para ligar as máquinas a um sistema central.
    Poderia-se usar um módulo de dados portátil (ligação sem fios das máquinas de vending com um computador no edifício, e este ligaria à central remota) ou movel (o computador instalado na máquina faz todo o serviço).
    Quanto á ligação de dados (entre equipamento e central) própriamente dita, no caso dos dispositivos móveis poder-se-ia usar o GPRS (como os TPA MultiBanco moveis usados nos táxis). Nos portáteis, entre as máquinas e o computador de edifício podia-se usar WiFi, e entre o computador de edifício e a central uma ligação DOV (Data-Over-Voice) sobre linha telefónica normal.
    Há uma última hipótese, que é a de ligar a máquina de vending directamente a uma tomada de rede (RJ-45) ou a uma de telefone (RJ-11), mas não dá muito jeito...

    De nada!



    PS1: se a ideia fôr para a frente, posso receber uma percentagem? LOLOLL

    PS2: mais uma vez digo que a cena dos parquimetros (acho que em Santarém) está a ser desenvolvida e testada. Poder-se-ia era alargar isto a qualquer máquina de venda, com hardware próprio e uma plataforma comum para vários serviços.
     
    Última edição: 25 de Fevereiro de 2007
  13. turbilha0:
    Pois...tive entretanto a investigar e por exemplo o tal método de pagamento de parquímetros via sms (que, by the way, já foi implementado em Loures) funciona enviando uma sms para um certo número e recebendo-se uma sms com um código que se deverá inserir na máquina para que esta reconheça o montante em questão como pago...

    No entanto, isto traz um problema à tua ideia (que a meu ver é mesmo o único porque o serviço é de facto inovador): o facto de as máquinas em questão terem de ser previamente preparadas para este serviço...e obviamente que a Vodafone não pode enveredar pela gigantesca tarefa que seria preparar todas as máquinas que funcionam a moedas por este país fora...Ou seja, caso seja preciso equipar as máquinas a iniciativa terá de partir (como foi o caso em Loures com os parquímetros) dos donos das máquinas, recorrendo depois a operadoras móveis (não sendo obrigatório pois podem apenas usar mensagens de valor acrescentado)

    No entanto, se tiveres em mente ou arranjares alguma maneira de este serviço ser prestado pela Vodafone sem que esta tenha de equipar todas as máquinas a ideia é óptima e terei todo o gosto em apresentá-la...

    Mais uma vez obrigado!
     
  14. ]-noBOdy-[

    ]-noBOdy-[ Power Member

    simples ... a vodafone não tem a obrigação de preparar a máquina ... mas a câmara pode responsabilizar-se por colocar "máquinas de trocos" por via da mesma maneira ...:p

    mandas msg com o código e o valor que pretendes...tipo caixa multibanco para pequenos trocos:p

    Nota: isso não vos faz lembrar o pmb? qual o sucesso? nenhum...
     
  15. hmmm...pois...mas qualquer coisa que dependa de outra entidade torna-se muito menos viável de apresentar à Vodafone...tem de ser qualquer serviço que possa ser oferecido mesmo so pela vodafone...
     
  16. ]-noBOdy-[

    ]-noBOdy-[ Power Member

    hmm...implementação de um novo tarifário baseado em pontos....eu explico...

    Em vez de carregares 100 € e gastares 100 € ..... carregas 100 €, tens acesso a X pontos, os quais podes usufruir nos mais variados serviços. Até aqui nada de novo. No entanto, obtias uma base comum de comparação de clientes (baseado em pontos gastos e não em serviços subscritos), o que eliminava a "diferença de tratamento" entre clientes...

    Mais, ao criares esta base comum, terias maior facilidade em oferecer novos serviços aos clientes, diferindo apenas os pontos que cada cliente gastava para usar um serviço ..... e quando digo "cada cliente", não me refiro a uma marketing segmentado. Falo MESMO ao nível de marketing individual, algo que se perdeu na década de 90 e que qualquer empresa que o recupere, será líder de mercado...

    Se, aliado a esta situação de valorização dos seviços na óptica do cliente (se estás a fazer um trabalho sobre a Vodafone, sabes quais as 7 perspectivas que a Vodafone valoriza), introduzires o cross-service em termos de tarifários, a vodafone obteria um resultado por cliente inferior...mas um CPM igualmente inferior....a relação entre estes dois rácios traduzir-se-ia em ganhos líquidos e reais para Vodafone ....

    estes brainstormings são giros ....
     
  17. turbilha0

    turbilha0 Banido

    Simples: os Correios não são donos da sociedade PayShop (que opera uma rede de pagamentos em pequenos lojistas e que faz a sua rede e o seu hardware)??
    Porque é que a Vodafone não cria uma sociedade paralela responsável pela implementação dos sistemas de telePagamento por SMS (hardware e comunicações) e depois as empresas de vending que queiram aderir instalam os módulos nas suas máquinas? E até seria uma boa fonte de rendimento para a Vodafone, visto que poderia até haver transações de saldos com os outros operadores (se estes não forem "chatinhos" e interligarem as suas bases bancárias). Agora nao sei se isto não seria banca paralela... o que será chato.


    pcascais: a tua ideia é excelente! Seria matar vários coelhos com um único tiro (fidelização de clientes, estudo interno sobre serviços e sua disponibilização/inplementação e melhor satisfação do cliente - sem chuliçes e talvez com preços mais baixos).
    Quanto à ideia das máquinas de trocos via SMS... o objectivo era mesmo não envolver trocos nenhuns (apesar de ser uma boa outra ideia...).
     
    Última edição: 26 de Fevereiro de 2007
  18. Melhores sugestões até à data (comentem sff!)

    Até à data as melhores sugestões apresentadas foram:

    Serviço de Descontos em chamadas "locais":

    O cliente com este serviço, mediante o pagamento de uma mensalidade fixa (ainda a definir), teria direito a descontos em chamadas para a própria rede ou para todas as redes (ainda a decidir) caso efectuasse a chamada numa determinada zona.

    Por exemplo o cliente escolheria a zona onde passa mais tempo (casa, local de trabalho, etc), ligando depois para uma linha IVR onde iria digitar o código postal da sua zona (por exemplo o código postal 1800).
    Seria retirado do seu saldo o valor da mensalidade do serviço e sempre que o cliente se encontrasse dentro desse código postal teria direito ao referido desconto. O cliente pela Difusão Celular (através do canal 50 da Difusão Celular que é standard nas redes) poderia sempre visualizar o código postal da zona onde se encontra e saber se teria direito ao serviço ou não. Por seu turno, a rede usando a tecnologia LBS saberia também sempre qual o código postal da zona onde se encontra o cliente.

    Notas: Esta é a ideia base ficando ainda por decidir qual o montante da mensalidade e qual a natureza do desconto (desconto em todas as chamadas ou um desconto maior mas apenas dentro da mesma rede)

    Serviço de Desconto de Chamadas Variável:

    O cliente com este serviço, mediante o pagamento de uma mensalidade fixa (ainda a definir) teria descontos em chamadas para a própria rede conforme o sítio a partir de onde for iniciada a chamada (de modo a aproveitar as capacidades das redes).

    Ou seja, de hora a hora a operadora analisa a capacidade corrente da rede numa determinada zona e caso esta esteja a ser subutilizada oferece descontos (cada vez maiores conforme o grau de subutilização). As taxas de descontos variariam entre 10% e 90% com aumentos de 10% e o cliente receberia no visor do seu telemóvel uma mensagem de rede a indicar o desconto a que teria direito nessa hora e nesse local.

    Por fim, caso o cliente inicie uma chamada numa zona e mude de zona durante a chamada o desconto será o da zona de onde iniciou a chamada até mudar a hora (os descontos são SEMPRE actualizados de hora a hora, quer o cliente se encontre na mesma zona de onde iniciou a chamada quer mude de zona).

    Notas:
    Este serviço tem pequenas complicações que permitem à operadora aproveitar a “preguiça dos clientes” para fazer mais dinheiro:
    - Os descontos actualizam de hora a hora e portanto um cliente que inicie uma chamada às 13:58 com um desconto de 40%, a partir das 14:00 pode estar a usufruir dum desconto de 20% (mas como bom português que é não se dar ao trabalho de verificar novamente o desconto).


    Implementação de um tarifário baseado em pontos:


    O cliente ao carregar determinado montante, teria acesso a um número de pontos correspondente ao montante que poderia utilizar par usufruir dos mais variados serviços. Deste modo, a Vodafone obteria uma base comum de comparação de clientes (baseada em pontos gastos e não em serviços subscritos) eliminando as diferenças de tratamento entre clientes e tendo maior facilidade em oferecer novos serviços aos clientes, diferindo apenas os pontos que cada cliente gastava para usar um serviço (ou seja, recuperando-se o marketing individual).
    Em simultâneo, a Vodafone poderia introduzir o cross-service em termos de tarifário obtendo assim um resultado por cliente inferior mas um CPM igualmente inferior (cuja diminuição idealmente seria maior do que a do resultado por cliente, obtendo-se assim ganhos líquidos para a empresa).

    Notas: Esta sugestão pode ser consultada uns posts acima (foi apresentada pelo pcascais) e apenas alterei um bocado a sua estrutura de forma a torná-la mais concisa.

    Serviço de informação de lazer:

    À semelhança do serviço “escapadinhas” que a Vodafone já oferece (em que todas as Terças-feiras envia uma sms a todos os clientes que aderiram com uma sugestão de um local para passar o fim-de-semana), poderia existir um serviço de informação de certos tipos de actividade de lazer (sítios para sair à noite, festas, concertos, exposições, etc). O cliente ao aderir ao serviço teria de indicar qual a cidade e os tipos de actividades das quais deseja obter informações e a Vodafone no inicio de cada semana enviaria uma sms com a lista das principais actividades dessa semana na cidade escolhida (descontando do saldo do cliente um montante ainda a definir).



    Ate agora estas foram as melhores sugestões recebidas…Gostaria que me dessem opiniões sobre elas e se possível que me digam qual acham melhor… Caso haja mais sugestões pff postem para que possamos incluir também na “votação”…
    Mais uma vez muito obrigado!

    P.S.: Agradece-se especialmente aos utilizadores Pcascais e Quimera que sugeriram algumas das ideias apresentadas!
     
    Última edição pelo moderador: 28 de Fevereiro de 2007
  19. ]-noBOdy-[

    ]-noBOdy-[ Power Member

    Droull:

    Serviço de Desconto de Chamadas Variável - este serviço tem imensos bugs. A sua implementação é de tal modo complicada que apenas trará problemas. As reclamações seriam mais do que muitas, pois as pessoas não conseguem perceber/não se lembram que os descontos são variáveis, etc etc...rapidamente começavam os comentários "os gajos são uns ladrões, aderi àquela m*** e agora até gasto mais dinheiro, bla bla bla" ... a imagem da Vodafone ficava queimada.

    Agradou-me o serviço de descontos em chamadas locais, é uma proposta interessante...mas uma questão: estás a tentar fazer um misto de telemóvel+optimus home? tipo......SE estiveres fora da tua área de residência, pagas o tarifário do telemóvel...se estiveres na tua área de residência, pagas menos X %? é isso? é que tenho a impressão que já ouvi essa situação em qualquer lado....
     
  20. Gepeto

    Gepeto Power Member

    não se esqueçam da minha sugestão.

    a vodafone q faça e disponibilize nos seus telefones um menu mais indicado para pessoas com ligeiras dificuldades visuais.

    [​IMG]
    P.S.: desculpem lá o meu desenho tosco, mas serve para ilustrar a minha ideia. é lógico q depois aumentava as letras das mensagens de texto entre outras coisas.
    esta ideia é bem capaz de fazer jeito a muita, muita gente.

    Cumps
     

Partilhar esta Página